porcentagem

Oi. Faz tempo que a gente não se fala, não se ouve, não se vê. Cada minuto dos meus dias se tornou ainda mais vazio do que já era mesmo enquanto tínhamos um ao outro. Eu não preciso dizer que sinto sua falta, até porque cada palavra aqui é a mais clara demonstração de que eu não consegui me acostumar com o silêncio assustador que a ausência da sua voz causa. Mas eu não quero que pense que estou sofrendo. Sei o quanto se sentiria culpado só de pensar que está me afetando negativamente. Você ainda é a melhor parte da vida. Digo, conhecer você continua sendo o melhor dos acontecimentos pra mim. Queria que soubesse disso. Porque não importa quanto tempo passe, as nossas certezas continuarão intactas, nada pode mudar o que fomos. Talvez eu não tenha entendido ainda a razão de estarmos tão afastados, não consigo compreender o que nos impede de voltarmos a ser um pelo outro. E sei que a porcentagem disso nunca mais acontecer é gigante. Mas, você lembra? “Se você um dia se sentir sozinho e a luz intensa tornar difícil me encontrar, saiba apenas que eu estou sempre paralalemente do outro lado”. Nós somos eternos e não preciso te ouvir concordar pra saber que você pensa como eu. Sempre estarei com você, ok? Não esquece.
—  You jump, I jump, remember?
Não se iluda, nenhum homem vai te amar como Jesus. Nenhum homem morreria de amores por você, se fosse o caso, Deus não precisaria mandar Jesus. Mas só Jesus estava lá, ele não estava. Onde estava ele quando o assunto foi morrer de amores por você em uma cruz? Onde estava ele, quando o assunto foi ir no inferno pegar a chave da tua liberdade? Onde ele estava naquela madrugada fria, onde você chorava e só o amor de Deus te cobriu, te ninou até dormir? Onde estava o teu amor quando ninguém te viu? Somente Deus te enxergou mesmo você muito machucada e suja, te chamou de preciosa, querida e filha. Deus te conhece e mesmo assim te ama. E quando eu digo conhece,vai dos teus momentos podres aos momentos de santidade, e o amor é constante, é o mesmo. Quem mais vai te amar assim? NINGUÉM! Não troque um amor tão intenso por um amor tão mesquinho de um homem. Não dê resto de amor para Deus, Ele merece a melhor parte, a maior porcentagem.
—  Não troque amor de Deus, por amor de homem/mulher nenhum.
Segura minha mão, olha nos meus olhos e me diz que você também quer fazer dar certo. Diz que você também sente medo desse amor que toma proporções grandes demais para caber no nosso coração destruído por relacionamentos anteriores. Por favor, me diz que não sou a única com medo de ter achado a pessoa que vai me acompanhar pela vida e não saber mantê-la por perto. Diz pra mim que você quer se jogar nesse vácuo de incertezas que é o amor, onde nenhuma verdade é absoluta, nem se tem uma porcentagem garantida que tudo vai dar certo e que no final nem um de nós vai se estrepar no chão. Mas contrariando todas as estáticas pessimistas eu te peço tenha uma pitada de fé em nós, encha nossos peitos de coragem para que no meio do caminho possamos ser corajosos quando o outro pensa em desistir. Olhe nos meus olhos, e diga que também vai tentar,  que apesar de tudo não vamos desistir, dessa vez estou apostando todas as minhas fichas nesse amor que não sei se é seguro, mas estou tentando, só isso que te peço, se for soltar a minha mão enquanto estivermos voando, me avise antes, pelo menos estarei me preparando para a queda. Se não achas que consegue lidar com tudo isso, pelo menos me conta, quem sabe até não vai ser tão difícil. Mas não pense isso, não imagine isso, nem muito menos mentalize desistir. Estamos aqui juntos, não estamos? Não custa nada seguirmos de mãos dadas, um ao lado do outro, fazendo as coisas acontecerem, sem pressa, um dia após o outro, cultivando esse bom sentimento. Eu estou aqui contigo, e estarei o tempo que for preciso, sei lá se isso é amor, mas é tão bom,  é apavorante, mas gosto de sentir tudo isso ao seu lado. Eu só peço que não se vá, que não me largue, que divida esse medo comigo, que divida seus sorrisos, suas palavras, seu lençol, suas blusas, sua cama, só quero que divida tudo comigo.
—  Escrito por Kelly, Amanda T., Grazi e Andreza em Julietário.

Parte ll


[ Leia as notas finais ]


(Três meses antes…)

  Caminho pelos largos corredores de um shopping enquanto um óculos escuros e um capuz fino cobrem-me, quem me visse poderia imaginar que estou me escondendo dos famosos paparazzi’s, mas nem se eu quisesse poderia já que meu “disfarce” não é o dos melhores e convenhamos, andar com sua mãe ao seu lado não é nada bom para quem está se escondendo!

  - Zayn, vamos entrar nessa. - Ela diz apontando para mais uma loja. Respiro fundo e me recordo do real motivo de estar entrando nessas inúmeras lojas e saindo sem nada depois de longas horas dentro delas. É um bom motivo.

  Somos recepcionados por uma moça com o cabelo tingindo em mechas loiras e olhos levemente puxados como os de um asiático. Ela nos guia até um dos balcões logo após de dizermos o que estávamos procurando.

  Eu já estava cansado de olhar as milhares de jóias sempre parecidas umas com as outra e nunca encontrar algo que realmente me agradasse, não poderia ser como todos os outros, deveria ser algo único e delicado, assim como S/n.

  - Zayn, olhe esse. - Minha mãe diz sorrindo de maneira alegre ao que aponta para o catálogo e o que eu vejo realmente me chama a atenção.

  - Vai ser esse! - Digo empolgado.

  - Não temos ele aqui na loja, na verdade em nenhuma de nossas lojas pois essa é uma peça importada e demora um tempo para chegar à Inglaterra e só é vendida por meio de pedidos.- A vendedora me explica mas eu realmente não me importo visto que é uma peça rara, minha namorada sem dúvida merece.

  - Pode ser esse mesmo. - Minha mãe toma a frente me fazendo rir de sua empolgação. - Ela vai amar! - Sorri me abraçando e a agradeço pela enorme ajuda prestada.

  Sim, ela vai amar.

(Atualmente…)

  - E aí Zayn, quer mais uma? - Jason me pergunta colocando a mão sobre meu ombro esquerdo enquanto mostra uma garrafa de vodka.

  - Ah não, a minha tá aqui. -Digo mostrando meu copo que ainda se encontra na metade.

  O rapaz de pele escura e cabelos cacheados ri da minha cara e se senta no sofá ao meu lado e acompanho seus movimentos.

  Sua casa estava bem movimentada e foi quase que um milagre eu achar um lugar onde pudesse me sentar e relaxar um pouco a cabeça sem ser incomodado por alguém.

  - Fala aí, o que você comprou pra S/n? - Uma feição confusa com toda certeza toma meu rosto ao que ele diz tais palavras e a forma com que o olho faz com que seu sorriso comece a se fechar. - Você tá brincando cara. - Ele diz apreensivo.

  - O que?- Pergunto tentando me recordar de algo, não me lembro de ter marca…aaah cacete!

  Jogo minha cabeça para trás e levo minha mão até meu rosto como se aquilo fosse me ajudar em algo.

  - Você se esqueceu cara? - Ele diz tão sério que imagino como S/n reagirá.

  - Sim…quer dizer, não. - Me confundo. - Eu não tinha esquecido, não antes de vir para cá! - Digo com irritação.

  Nós tínhamos marcado 21h00min em ponto e geralmente eu não me atraso para nossas datas comemorativas.

  - Que horas são? - Pergunto na esperança de que ainda fossem nove e dez da noite e que eu chegue lá a tempo de ter uma boa desculpa para minha namorada que vêm falando dessa data a dias.

  - Onze e quarenta e cinco. - Antes mesmo que ele acabe de falar meu coração parece parar e sinto que vou morrer ali mesmo e não pelo fato do coração estar “parado”, mas sim por S/n que deve estar me estrangulando apenas por pensamento.

  - Eu sou um homem morto. - Digo me levantando em um forte impulso e entregando meu copo para Jason.

  - Boa sorte. - Ele diz de forma irônica o que me deixa levemente irritado, mas não posso culpa-lo por tal ato.

  Em movimentos ligeiros tento passar entre as pessoas que cheiravam a álcool e se esfregam uma nas outras. Quando chego na parte de fora da casa sinto um alívio em meu peito, mas o mesmo some assim que me lembro do motivo de estar lá. Enfio minha mão em meu bolso e saco o celular que até então estava no modo silencioso.

  - Ela vai me matar! - Canto baixinho e sigo caminho ao carro enquanto desbloqueio meu celular. - Oh sim, ela vai me matar. - Canto mais alto assim que vejo várias notificações de mensagens em seu nome.

  Entro no carro e abro as mensagens e ao ler-las me sinto o maior idiota de todos, assim como o print que ela havia me enviado da foto que Jason postou no instagram. Cada palavra dela faz parecer que estou sendo torturado por milhares de agulhas se enfiando em minha pele, mas talvez essa dor não se compare ao que ela está sentindo.

  “ Me perdoa…”

  É a única coisa que penso em enviar, mas desisto assim que analiso que não é o suficiente. Na verdade acho que nada que eu faça daqui em diante será o suficiente para um perdão.

  Dou partida no carro e saio acelerando pelas ruas já frias. Minha cabeça está uma bagunça entre pensar no que dizer a ela e em como fugir caso ela tente por um fim em minha vida.

  Ao longo do caminho treino várias e várias maneiras de como dizer a ela que aquilo não foi minha intenção e que eu faria qualquer coisa para ela não me matar de forma lenta e dolorida. Desço do carro mas antes pego no porta luvas a caixinha preta que venho guardando à meses e a guardo em meu bolso.

  Não é como se eu fosse usar isso para que ela me perdoe, mas estava realmente nos meu planos para esta noite.

  Ando pelo caminho de pedras que há em seu quintal até que eu chegue em sua porta. Me questiono se deveria tocar a campainha, mas existe uma grande porcentagem de chances que ela não venha me atender, opto por pegar a chave que ela havia me dado meses atrás e que deixei no chaveiro junto da chave do carro.

  Assim que abro a porta vejo que tudo está escuro e a casa exala um cheiro agradável e diferente. Meus pés seguem caminho até a sala onde está tudo devidamente organizado, tento passar reto pela cozinha mas com o olhar periférico noto que tem alguma coisa de diferente na mesma.

  - Eu sou um filho da puta. -Digo assim que acendo a luz e vejo que a mesa de jantar estava totalmente arrumada e decorada com algumas velas que agora estavam apagadas, mas que provavelmente soltaram o aroma diferenciado pela casa.
  Procuro não tentar me xingar mais assim que vejo os saltos de S/n jogados próximos à mesa.

  Ela deve estar terrívelmente triste.

  Sem mais demora caminho de forma rápida ao quarto dela e o mesmo se encontra com a porta fechada. Levanto meu punho para ao menos desta vez usar os bons modos, bato três vezes e espero alguns segundos que na verdade parecem horas com a ajuda do meu tempo psicólogico.

  - Se você for um bandido saiba que pode ficar à vontade para levar o que quiser. - Sua voz em um tom ácido diz de dentro do quarto me fazendo sorrir por míseros segundos. - Agora, se você for o Zayn sugiro que saia antes que eu cometa algum crime.-  Meu sorriso se fecha e engulo em seco.

——–

GENTE ME PERDOEM PELA DEMORA.

  Bom, a linda aqui demoro pra postar porque meu 3g ( pois é ainda estou dependendo dele, blé ) acabou e minha mãe não quis recarregar -.- então dessa vez a culpa não é minha :) - to usando o Wifi da cabeleireira

  Obviamente terá uma terceira parte hehehehe e espero que vocês gostem #Treta

É isso meus amores, favoritem se gostaram (^3^)

outro dia uma amiga tava reclamando da realidade - não do jeito banal e vitimista que essa frase faz parecer, mas de uma forma genuína
eu não queria ficar catando palavras agora
ela dizia que não é tão fácil encarar a onda da massa, dos padrões, das certezas, do que é vendável, do que é bonito, do que é aceito, do que é normal
porque não é
ainda que uma meia dúzia de porcentagem esteja dizendo que tudo bem ser assim ou assado ou de qualquer jeito
vigora um muro do padrão do normal e do ok e estar fora é estar fora (ainda que você ache razões diárias para amar estar fora, você ainda estará fora e há sempre o risco de num dia ou outro as razões se esquecerem, acontece)
e eu entendi porque eu também sei
dos muros nos quais eu não entrei
todo mundo está fora de algum, sabe, em algum momento
o normal de verdade é um castelo utópico em cima do morro, vazio
as pessoas andam com plaquinhas de normalidade e tinturas cobrindo o que não cabe ali pra ninguém ver
mas o que eu queria ter dito não é que isso não importa - porque na prática importa sim, é difícil sim estar sempre fora dos muros e eu não poderia desmentir sem ser cega
o que eu queria ter dito é que eu não sou cega e daqui de fora do muro eu vejo essa galera foda da porra, linda demais, por dentro e do avesso, inteiramente incrível e sensacional de tantos e tantos jeitos que os muros descartam
e dá pena saber que de lá de dentro, a maioria das pessoas nunca vai ser capaz de ver toda essa beleza
então era isso, yas, vai ser difícil por todas as pessoas que não conseguirem ver (era isso que eu queria ter dito) mas isso não quer dizer que você não seja linda

Apesar de tudo, eu nunca desisti, eu insisti, lutei e persisti. Mesmo sabendo que a nossa porcentagem de dar certo era igual a zero, eu estava lá, eu tinha que estar lá. Não tem explicações e nem ”por quês”. Simplesmente algumas coisas valem a pena. Apesar de tudo.
—  Fernanda Gomes.
E se isso responde a sua pergunta, não! Eu não tenho medo de me apaixonar.. Muito pelo contrário, faço parte daquela porcentagem clichê que espera encontrar o amor da sua vida.. O problema é quando tudo deixa de ser imaginação e se torna real, é assustador, acaba se tornando uma bola de neve, carregada de expectativas , vontades e desejos..
—  Laura H
Faremos parte ta porcentagem de poetas e poesias de nossa geração? Coragem. Esses versos podem se cravar na linha do tempo ou apenas em algum coração.
—  Somos uma projeção. 
Antes de amar qualquer pessoa, ame a vc mesmo (Vale a pena ler)

Eu tenho certeza que não existe uma linguagem, que possa fazer vc esquecer uma pessoa, eu acho que a única coisa que pode fazer isso é o tempo, caramba as vezes nem o próprio tempo é capaz disso, o tempo passou e eu não posso dizer ”eu esqueci tal pessoa” por enquanto eu só posso dizer…bom…eu lembro sem dor…mas eu acho que isso já é o suficiente. o que eu posso te dizer é que não perca tempo, não perca nem um dia se quer se for pra passar o dia chorando, sei lá, pelo menos arrume alguém que possa chorar do seu lado, não adianta ser orgulhoso fingir que nada está acontecendo, você precisa de amigos pq não tem nada melhor que vc escutar ”to aqui” pro que vc precisar. procura sua religião ou o que te faça se sentir melhor, mas não fique parado esperando essa dor passar, não fique parado esperando ele ou ela voltar. eu quero que a partir de hoje vc siga em frente,ta me entendendo? Uma hora vc vai encontar alguém que te ama de verdade e que te faça feliz! olha o amor que vc sente por essa pessoa vc seria capaz de fazer qualquer coisa por ela, olha bem esse amor…e agora…por favor sinta ele por vc! Seja capaz de fazer qualquer coisa por vc mesma, inclusive ser feliz! O segredo ta em confundir o seu cerébro, tente gostar de uma outra pessoa somente pra que seu cerébro mesmo que por alguns segundos não saiba quem ele quer, quando vc esta gostando de duas pessoas ao mesmo tempo, isso quer dizer que vc não esta amando nenhuma delas, por isso acredite…isso é um grande começo. substitur um sentimento é muito mais facíl e rápido do que simplismente destrui-lo, portanto não se iluda com palavras bonitas mesmo ela sendo feitas olhando em seu olho tem uma grande porcentagem de chance de ter sido da boca pra fora, não que fosse mentira o que ela te disse mais sim algo que ela queria sentir mais não sente, algo que ela pensou que fosse mais não é. Eu já ouvi coisas como ” Eu nunca vou te esquecer” ou ”Eu vou te esperar a minha vida toda”, essas palavras entravam na minha cabeça e não conseguiam sair, mais se vcs me perguntarem onde estão as donas dessas palavras…bom…eu nem saberia responder. Existe uma frase que diz que ninguém sofre por amor, a gente sofre pela falta dele e se essa falta não esta em vc…então…pow…dê graças a Deus e siga em frente, vc fez tudo que podia mais chega uma hora que vc precisa se valorizar pensar um pouco em vc é clichê mais antes de amar qualquer pessoa, ame a vc mesmo, pessoas saem e entram na nossa vida toda hora enquanto vc e a sua conciencia vão viver juntos ate o fim, as vezes vc esquece uma pessoa quando abre os seus olhos, quando vc enxerga que ela também fez coisas ruins com vc, que ela te ofendeu, gritou com vc, disse coisas pra te magoar de proposito, chega não da pra mudar quem não quer ser mudado, isso ele ou ela vai aprender sozinho e te perder é uma das coisas que vai fazer isso acontecer, queria saber amar e como a palavra amor merecia ser usada, pq que o verdadeiro amor não devemos torna-lo possecivo, gostaria de ser menos desconfiado e não morrer e ciumes, gostaria de nem por um segundo sentir raiva, ai então eu estaria amando. O amor devia existir pra duas pessoas se tornarem melhores juntas, amor deveria se resumir em uma grande adimiração, eu gostaria que o sorriso dela fosse capaz de me deixar completamente feliz, mesmo que esse sorriso todos os dias fossem pra outra pessoa, gostaria de aprender a ser feliz somente pelo que aconteceu sem ficar triste pelo que acabou, mas quer saber no que eu me transformei? Em um cara muito mais forte do que vc pensa, diferente dos outros homens que se dizem homens mas não são capazes de aceitar um sentimento tão bonito quanto o amor. não sou mais de dar um tempo, ou de vai e volta, muito menos de aceitar ser um brinquedo, aprendi a valorizar as pessoas enquanto é tempo, mais também não acreditar tão facilmente nelas, não procuro mas perfeição, apenas com certeza um pouco de maturidade, se me deixar sofrendo na intenção de que eu sinta a sua falta, talvez vc acaba sentindo a minha falta, e esse…esse sou eu, esse sou quem estou me tornando…quem por favor Deus…eu preciso ser.

Bom gente, esse texto na verdade era um áudio de um vídeo que eu vi no facebook, não sei quem é o garoto autor, mas eu amei muito o que eu ouvi e resolvi passar pro caderno e postar aqui no tumblr.   - Mia 

“É amargurante a forma como deixo tudo pra depois e vou levando sem vontade, sem desejo, sem verdade. De uns tempos pra cá, admito: tenho regredido. É que meu mundo não se encaixa aos pequenos detalhes do mundo em que vivo. Você imagina como é viver fora do seu círculo de proteção? É como se, de fato, eu estivesse o tempo todo tentando me encaixar a um mundo que jamais será o meu. Sim. É normal que me digam que sair da zona de conforto as vezes é preciso, é, deve ser. Mas, eu? Eu preciso me levar, me arrastar e quando não quero mais, me deixo ficar. Me deixo ser essa eterna inconstância por entre os meus próprios desejos e as vezes, quase na maioria das vezes, me esqueço que algum dia tive desejos. Me incluo na porcentagem daqueles que precisam analisar a tristeza, sentar e conversar com a mesma e bater um papo sobre a solidão. Na verdade, gosto de me sentir só. Não sei se, o tempo, consequentemente, me fez sentir prazer ao ser só, ou se, por um instante, esqueci de olhar as pessoas ao meu redor. Mas, se a segunda opção aconteceu, eu devo confessar: que não pare de acontecer. Pois hoje, nem por um instante penso em deixar de olhar para o meu próprio mundo e analisar o mundo podre que dilacera os sonhos daqueles que sonham ao meu redor. Eu prefiro, me arrastar, me levar, e se algum dia, me deparar vivendo o mundo daqueles que, erroneamente, algum dia, tentei me encaixar, eu digo: que me impeçam de sonhar.”

A solidão e falta de esperança do preto gay.

Desde cedo, eu nunca tive muitas figuras de preto gay para me representar ou para me contemplar na minha vida, eu tive sempre que me contentar com alguns amigos “héteros” que em um futuro próximo se aceitaram como bissexuais. E assim por sorte do destino, dei início a meios relacionamentos que eram bem escassos.

Tenho certeza que muitos pretos já sentiram na pele como é ser deixado como segunda, terceira ou até mesmo não ser a opção de outros garotos, porque segundo eles “você não faz o tipo dele”. Eu lembro que toda vez que eu ia pra algumas festas, eu sempre acabava “segurando vela”, enquanto isso, todos meus amigos brancos estavam se pegando com várias pessoas. E é claro que eu ficava chateado por não me sentir desejado, passava hora em frente ao espelho desejando que meu nariz fosse menor, que minha boca fosse mais fina, que meu cabelo fosse mais liso, que minha pele fosse mais clara, pois sabia que só assim aquelas pessoas do meu meio iriam me desejar.

E eu te pergunto o que é esse tal do “gosto pessoal”. Por que seu “gosto pessoal” é sempre o cara musculoso, branco e com traços finos? Você já se perguntou o por que disso? Eu te respondo. Gosto é construção social. A sociedade molda o seu “gosto” todos os dias na televisão, nos filmes, nas revistas e você acredita que sempre gostou daquilo que te “atrai”. Não me surpreende ver meus amigos se apaixonarem por garotos iguais aos da Colírio da Capricho e dando fora nos demais que não atendem por aquele padrão estabelecido.

Outra coisa, nós pretos não podemos ter o privilégio de ter um amor afrocentrado, porque sempre outro preto com um jeito mais masculino que o nosso está lá bancando o palmiteiro e namorando uma pessoa branca. E exibe ele como se fosse seu maior prêmio, sinal de status ou qualquer outra bobeira que foi criada por essa sociedade porca. Ele se submete a ser tratado como um pênis ambulante para poder ter alguém. E no fundo, isso é triste.

E é nesse vai e volta de “gosto pessoal” que os pretos estão lá sozinhos, procurando defeitos neles mesmos, com sua auto-estima totalmente destruída, porque nunca se sentem bons suficientes para alguém e quando se sentem bem consigo mesmo, nós ouvimos vários “você não é isso tudo”, “baixa essa bola aí que você não é bonito”. Só somos procurados por curiosidade e para sermos hipersexualizados pelo gay padrão que quer transar com a gente, porque negros tem pênis grande e é “quente na cama”. Não somos objetos para os prazeres imundos de vocês. E se vocês acham que nosso pau é grande, é porque vocês não viram o tamanho do nosso ódio.

Eu sou inteligente, sou engraçado, companheiro e até bonito. Então, por que os outros não me vêem com os mesmo olhos que eu me vejo? Não importa a porcentagem que nós bichas negras sejamos interessantes, nós sempre vamos ficar como segunda opção por causa daquela gay branco que nem é tão interessante assim, mas é padrão. Vocês entendem que nós negros estamos sempre tendo que provar que somos bons suficientes para algo ou para alguém? E já perceberam que temos que ser 400 vezes melhor que um branco que é 100 vezes ruim em algo para sermos notados?

A verdade é que ninguém quer a bicha negra. Só se for pra uma transa casual, bem escondida, discreta, no escuro pra ninguém ver. E a desculpa é sempre a mesma: “Eu não quero um relacionamento sério no momento”, mas no outro dia, nós vemos que ele entrou em um relacionamento com fulaninho padrãozinho da silva. Além disso, sempre somos feitos de pombo correio entre o boyzinho e nosso amigo padrão.

Nós bichas pretas lutamos contra racismo, homofobia, hipersexualização e uma porrada de outros preconceitos pessoais que cada um sofre, nós nos sentimos um lixo, um monstro e ainda assim temos que arrumar tempo para nos amar e levantar nossa auto-estima. Porque não existe nada pior que uma bicha preta solitária que não se ama, né? Ah, dá um tempo branco! É muito fácil vocês falarem isso, vocês sempre foram amados e tratados como deuses.

Se sentir assim é muito frustrante, triste e doloroso, mas há algo que me incomoda muito mais e é ouvir pessoas brancas falando de solidão. Esse tipo de pessoa está há dois dias sem beijar ou levou um fora de outro gay padrão de 700 curtidas no instagram e fala de se sentir solitário e etc. Vocês não sabem o que é isso, e provalvemente é bem possível que nunca saibam. Parem de desfazer do sofrimento alheio. Azaração, pegação e mil namoros é coisa de gente branca.

O empoderamento negro é uma luta árdua e diária. É muito mais que apenas narcisismo, é resistência, é afronte, é cultivar um amor que nunca foi lhe oferecido. Não reclame daquele negro que posta foto todo dia, daquela garota que anda de nariz em pé e “se acha o ultimo biscoito do pacote”. E como diz meus amigos brancos, nós não somos isso tudo. E é verdade. NÓS SOMOS MUITO MAIS. SOMOS FABULOSOS E MARAVILHOSOS!

Esse texto vai para todos amigos negros que se sentem assim da mesma forma. Não estou mendigando afeto de ninguém, mas sim, abrindo seus olhos sobre o quanto a questão do gosto pessoal machuca, o quanto nos sentimos inferiores e menosprezados. Esse texto é para nos empoderar, é para todos meus irmãos que se sentem da mesma forma. Coloquem seus turbantes, armem seus crespos, sorriam e seguimos em frente. Força para todos nós!

 E como diz meu amigo Ezio: Beije seu preto em praça pública!


*Afrocentrado: Relacionamento entre duas pessoas negras.

*Palmiteiro: Homem negro que se relaciona com pessoas brancas por status, como se fosse um prêmio e acaba menosprezando pessoas negras. 

Eu tenho certeza que não existe uma linguagem que possa fazer você esquecer uma pessoa, eu acho que a única coisa que pode fazer isso é o tempo,CARAMBA, ás vezes nem o próprio tempo é capaz disso, o tempo passou e eu não posso dizer EU ESQUECI TAL PESSOA, por enquanto eu só posso dizer BOM, EU LEMBRO SEM DOR, mas eu acho que isso já é o suficiente. O que que eu posso te dizer é que não perca tempo, não perca nenhum dia se quer, se for pra passar o dia chorando sei lá ao menos arrume alguém pra chorar do seu lado, não adianta ser orgulhoso e fingir que nada tá acontecendo você precisa de amigos, não tem nada melhor do que você escutar EU TÔ AQUI COM UMA GARRAFA DE BALALAIKA PRO QUE VOCÊ PRECISAR, isso é maravilhoso. Procure a sua religião ou algo que faça você se sentir melhor, mas não fique parado esperando essa DOR passar , não fique parado esperando ELE ou ELAvoltar, eu quero que a partir de hoje você siga em frente, ta me entendendo? Uma hora você vai encontrar alguém que te ame de verdade e que te faça feliz, olha o amor que você sente por essa pessoa você seria capaz de fazer qualquer coisa por ela, olhe bem esse amor e agora por favor sinta ele por VOCÊ, seja capaz de fazer qualquer coisa por VOCÊ MESMO, inclusive ser FELIZ. O segredo tá em confundir o seu cérebro tente gostar de outra pessoa, somente pra que o seu cérebro mesmo que por alguns segundos não saiba o que ele quer, quando você tá gostando de duas pessoas ao mesmo tempo nesse momento se quer dizer que você não ta amando nenhuma das duas, isso acredite já é um grande começo, substituir um sentimento é muito mas rápido e fácil do que simplesmente DESTRUIR ele. Por tanto não se iluda com palavras bonitas, mesmo elas sendo feitas olhadas em seu olho, tem uma grande porcentagem de elas terem sido da boca pra fora, não que fossem mentira o que ela te disse, mas algo que ela queria sentir mas não sente, algo que ela pensou que fosse mas não é, eu já ouvi coisas como EU NUNCA VOU TE ESQUECER , ou EU VOU TE ESPERAR A MINHA VIDA TODA, essas palavras entravam na minha cabeça e não conseguiam sair, mas se você me perguntar aonde esta a dona dessas palavras, bom eu nem saberia lhe responder.  Existe uma frase que diz que NINGUÉM SOFRE POR AMOR , a gente sofre pela FALTA DELE, se essa falta não esta em você, então pow, dê graças a Deus e siga em frente, você fez tudo o que podia mas chega uma hora que você precisa se valorizar, pensar um pouco em você, é clichê, mas antes de amar qualquer pessoa ame a VOCÊ MESMO, pessoas entram e saem da nossa vida a toda hora, enquanto você e sua consciência vão viver juntos até o FIM. As vezes você esquece uma pessoa quando abre os olhos, quando você enxerga que ela também fez coisas ruins pra você, que ela te ofendeu, gritou, disse e fez coisas pra te magoar de propósito,CHEGA, não dá pra mudar quem não quer ser mudado, isso ELE ou ELA vai aprender sozinho, e te perder é uma das coisas que vai fazer isso acontecer. Queria saber AMAR, assim como a palavra AMOR merecia ser usada, por que o verdadeiro amor não deveria nos tornar possessivo, gostaria de ser menos desconfiado e não morrer de ciúmes, gostaria de nem por um segundo sentir raiva, e então eu a estaria AMANDO. O amor deveria existir para duas pessoas se tornarem melhores juntas, o amor deveria se resumir em uma grande admiração. Eu gostaria que o sorriso dela fosse capaz de me deixar completamente feliz, mesmo que esse sorriso todos os dias fosse pra outra pessoa. Gostaria de aprender a ser feliz somente pelo o que aconteceu, sem ficar triste pelo o que acabou. Mas quer saber o que eu me transformei? Em um cara MUITO MAIS FORTE do que você pensa, diferente dos outros homens que se dizem homens, mas não são capazes de aceitar um sentimento tão bonito como o AMOR, não sou mas de dar um tempo não sou mas de vai e volta, não sou mas de brincar com meus sentimentos, e muito menos me aceitar sendo um brinquedo, aprendi a valorizar as pessoas em quanto é tempo mas também a não acreditar facilmente nelas, não procuro mas perfeição apenas com certeza um pouco de maturidade. Se me deixar sofrendo com a intenção de que eu sinta sua falta, talvez você acabe sentindo a MINHA FALTA, e esse sou eu,ESSE SOU QUEM EU TÔ ME TORNANDO, E QUEM, POR FAVOR DEUS, EU PRECISO SER. 
Ele olha para mim, e desvia o olhar porque não consegue me encarar. Eu sei. Tudo o que ele enxerga é um amontoado de hormônio, neuras e paranoias desorganizadas em ordem alfabética. Eu mereço mais do que alguém que não me vê. Ele sabe, mas não muda. Não consegue. A gente se gosta, se curte, se espia, se toca, mas não se sente. A coisa sempre termina com um dos dois dizendo que não dá mais, que vai embora, que acabou e não tem mais jeito. Para falar a verdade isso nunca teve porcentagem de dar certo, ele continua aqui porque sabe que não encontrará alguém melhor do que eu. Eu permaneço porque tenho medo dele ir procurar, e acabar encontrando. É um quase-amor triste, mas funciona. E todo mundo sabe que pouca coisa realmente funciona hoje em dia.
—  Ciceero M in Os homens estão de tpm.

Eu tenho certeza que não existe uma linguagem que possa fazer vc esquecer uma pessoa, eu acho que a única coisa que pode fazer isso é o tempo e caramba as vezes nem o próprio tempo faz isso, o tempo passou e eu não posso te dizer que ei esqueci tal pessoa, por enquanto eu só posso dizer ” bom, eu lembro sem dor ” mais eu acho que isso já é o suficiente. O que eu posso dizer é que não perca tempo! Não perca nenhum dia se quer, se for passar o dia chorando, sla, pelo menos arrume alguem que possa chorar ao seu lado. Não adianta ser orgulhosa e finjir que nada está acontecendo, eu preciso de amigos! Não tem nada melhor do que escutar ” eu to aqui com uma garrafa de balalaika pro que vc precisar “, isso é maravilhoso. Preciso procura alguma coisa que me faça sentir melhor e não ficar parada esperando essa dor passar, não fica parada esperando ele voltar, que quero a partir de hoje seguir em frente, uma hora eu vou encontrar alguem que me ame de verdade e que me faça feliz e olhar o amor que eu sinto por essa pessoa e ser capaz de fazer qualquer coisa por ela, olhar bem esse amor e sentir ele por mim, ser capaz de fazer qualquer coisa por mim mesma, inclusive ser feliz. Quando vc ta gostando de duas pessoas ao mesmo tempo, na verdade vc não esta amando nenhum dos dois! Substituir um sentimento é muito mais fácil e rápido do que simplesmente destruílo. Nesse mundo ta cheio de palavras bonitas sendo feitas e olhado em seu olho tem uma grande porcentagem de chance de ter sido falado da boca pra fora, como se fosse mentira oq eu disse fosse mentira, mais eu queria sentir aquilo, mais não sinto, algo que eu pensei que fosse mais não é. Eu já ouvi coisa como “EU NUNCA VOU TE ESQUECER” e “EU VOU TE ESPERAR”, essas palavras entravam na minha cabeça e não conseguiam sair, mais se vc me perguntar quais são os donos dessas palavras, bom, eu nem saberia responder, existe uma frase que diz que ninguem sofre por amor, a gente sofre pela falta dele e se essa falta não ta em vc dê graças a Deus e siga em frente, vc fez tudo o que podia, mais chega uma hora que vc precisa se valorizar, pensar um poco em vc, é clichê, mais antes de amar qualquer pessoa ame a vc mesmo, pessoas saem e entram na nossa vida toda hora e olha enquanto vc e sua consciência vão viver juntos ate o fim. As vezes vc esquece de uma pessoa quando abre seus olhos, quando vc encherga que ela também fez coisas ruins pra vc, que ela te ofendeu, gritou com vc e fez coisas pra te magoar de propósito. Chega não da pra mudar o que não quer ser mudado, isso ele ou ela vai aprender sozinho e perder alguem é uma das coisas que vai fazer isso acontecer. Saber amar, saber o significa a palavra amor é raro, porque o verdadeiro amor não é se tornar uma pessoa possessiva, eu gostaria de ser um pouco moderada em relação ao ciumes, gostaria que o sorriso dele fosse capaz de me fazer feliz, e dormir com esse sorriso todos os dias não fosse pra outra pessoa. Mais quer saber no que eu me tornei, numa menina mais forte doq essas que se dizem fortes, não sou maos de dar um tempo, de vai e volta, não sou de brincar com meus sentimentos e muito menos me aceitar ser um brinquedo, aprendi a valorizar as pessoas enquanto é tempo mais também não acreditar facilmente em todas, não procuro mais perfeição e apenas com certeza um pouco de maturidade, ficar me fazendo sofrer pra eu sentir falta de alguém só vai fazer esse alguem sentir mais falta de mim… e essa sou eu, essa sou o que eu to me tornando e quem por favor Deus eu preciso ser .

CARTA AO VESTIBULANDO DE MEDICINA

Nesse ano de 2015 completo 23 anos como professor de física. Sempre tive o privilégio de trabalhar nos melhores prevestibulares. Já vi de tudo: triunfos e tragédias. Mais um ano letivo se inicia, e junto com ele florescem esperanças, expectativas e, por que nao, o desânimo de começar tudo de novo.

Mas acredito que muitos possuem uma perspectiva errada, ou talvez, nem sequer sabem do desafio que é ser um vestibulando de medicina. Me perdoe a franqueza, a acidez e o azedume desta carta, mas o que tenho a dizer é apenas a realidade. Um conselho: aceite a dor da verdade e pare de tomar o xarope da ilusão e do autoengano.
Se você quer ser um médico, entao comece a encarar isso como um projeto. As chances de passar de primeira são mínimas. Observa-se que, em média, o estudante leva 3 anos pra conquistar uma vaga. Vou repetir, três longos anos. Temos uma margem de erro de 1 ano nesses dados. Existem aqueles que se mantém perseverantes, mesmo depois de 5 anos de batalha e existem aqueles afortunados que conseguem em 1 ano. Ahhh, diria você, mas meu amigo passou de primeira!!! Respondo: ele é gênio, você não. Ele encarou os três anos do ensino médio como um verdadeiro estudante, você não. Ele é a exceção, você é a regra.
A maturidade se adquire com o sofrimento, infelizmente. Ela vem junto com experiências ruins. Se você fez um ensino médio porco e só agora que acordou ou só agora decidiu pela medicina, entao meu caro, vai levar uns 3 anos pra você recuperar o tempo perdido. Para aqueles que estudaram em escola pública, infelizmente você acabou sendo vítima de um sistema educacional perverso, de uma sociedade perversa, de uma vida que está longe de ser justa. Para aqueles que estudaram em escolas particulares, só lhe resta corar o rosto de vergonha e você, (está me entendendo?), VOCÊ sabe disso.
Tenha postura de estudante!! Nos cursinhos temos muito alunos e poucos estudantes. Não se estuda deitado numa cama. Nao se estuda sem fazer resumo. Não se aprende sem fazer dezenas e dezenas de exercícios. Não se estuda sem LIVROS!!! Nao se aprende só assistindo aulas. Enquanto sua bunda não for paquidérmica, não há muitas chances para você.
Se desligue de redes sociais, ou entao, utilize-a a seu favor. Cansei de ver alunos em sala de aula que monitoram de 10 em 10 minutos seu smartphone para saber as ultimas atualizações do facebook ou do whatsapp. Nao seja tão idiota!!! Isso revela falta de discernimento, de autoconhecimento ou quem sabe, falta de QI !!! Use a internet para tirar dúvidas. É indesculpável não aprender um exercício de qualquer disciplina. Há toneladas de material na internet com exercícios resolvidos. Fóruns de discussão com sugestão de solução. Videoaulas aos montes.
Seja disciplinado. Não dá pra discorrer sobre esse assunto aqui. Cada um terá que encontrar seu método. Desligue tudo quando estiver estudando. Se for o caso, quebre seu celular!! Elimine tudo aquilo que é fonte de distração. Estudar exige um atitude solitária. A águia voa alto, mas esse voo tem um preço: ela voa sozinha.
Seja equilibrado. Não só de estudo vive o homem. Pratique esporte, faça academia ou, entao, um coito responsável.
Durma. Se entupir de cafeína e guaraná é típico de quem acha que vai passar no primeiro ou segundo ano. Você realmente acha que consegue estudar todo o conteúdo em um semestre de cursinho? Meu jovem, nem em um ano isso é possivel. Entao, estude para aprender e não para cumprir o conteúdo. Você está entendendo porque eu disse que isso aqui é um projeto de médio prazo?
Não se dê o luxo de nao estudar certos assuntos. Costumo ouvir com frequência: “tal assunto eu já desisti….eu nao vou estudar hidrostática….eu nao vou estudar logaritmo, nunca entendi mesmo….eu nao vou estudar botânica, esse negócio cai muito pouco” . Pare de evacuar pela boca cara!! Quer ser médico ou não?? Vestibular, infelizmente é sorte também. Vai que cai só aquilo que você mais estudou!! Mas aí eu te pergunto: vai ficar contando com a sorte?? A vida é uma grande incógnita, ela sorri mais pra uns do que pra outros, mas eu ainda acredito na meritocracia. Ela tá longe de ser perfeita, mas é o melhor que temos à nossa disposição, entao, faça por merecer. Pague o preço e estude de tudo. É extremamente frustrante nao passar por décimos ou por uma questão. Acontece que esse décimo ou essa questão possui um valor que pode ser de dois ou mais capítulos do seu livro. Pense sobre isso.
Sonhe, sonhe alto. Não se esqueça, porém, que existe um teto sobre sua cabeça. Seja um pouco, mas um pouquinho só realista nos seus sonhos. Você tá achando que vai se tornar um Dr. House?? Realmente acha que vai ficar rico sendo um médico?? Já adverti antes, e vou repetir, não se atenha apenas às exceções. Ser comum é a norma. Estar dentro do “normal” é a regra.
A profissão que você almeja é tão nobre quanto a minha ou quanto ao de um gari. Mas existe uma diferença: um erro custa caro. Um erro pode custar uma vida, pode invalidar pessoas. Lamento informar, mas você irá errar. Mas que seu erro seja por inexperiência e não por incompetência.
Estude matemática. Quem aprende a raciocinar aprende qualquer coisa. Não me refiro a números complexos ou a trigonometria. Saiba o básico e busque os fundamentos. Aritmética mesmo…porcentagem…regra de três composta…matematica comercial…problemas do primeiro grau. Isso é básico, mas eu nao disse que é banal. No brain, no gain !!
Está desanimando? O obstáculo é muito grande? Então, faço das palavras do Capitão Nascimento (Tropa de Elite 1) as minhas palavras: “desiste!! Pede pra sair….pede pra sair… (aos tapas) ”. Existe mais nobreza em sair ou desistir do que se autoenganar e enganar aqueles ques estão à sua volta. Tempo e dinheiro estão sendo investidos em você. Honre cada centavo e cada segundo!!
Ninguém disse que seria fácil. Você ainda não passou, está triste, está frustrado. Então chore, grite, lamente. Xingar é bom também. Agora, levante a cabeça. Você tem um alvo, tem um objetivo. Vai chorar por quanto tempo? Lembra daquela aula de darwinismo? Sobrevive quem se adapta mais rápido. Reaja e modifique suas posturas e corrija os erros. Busque conselhos.
Desculpe-me se fui prolixo. Ser conciso exige tempo e habilidade.
E se eu um dia eu cair nas suas mãos, espero poder te dizer: valeu a pena, não é mesmo?“
J. Jacques Legatti (19/01/2015)

(TEXTO COPIADO DA PÁGINA FUTURO MÉDICO)

Porque o amanhã não importa

me fala de um lugar na sua cidade onde você nunca foi porque eu quero dividir essa primeira vez com você. quero te falar sobre escritores aleatórios que você nunca curtiu muito. [já ficou emocionado com stephen king falando sobre o universo? ou riu da ironia de terry pratchett? deixa eu te dar isso]
deixa eu te levar pra comer uma comida danada de boa [e barata], vamo fazer um piquenique na praça, vamo andar de mãos dadas. fica horas olhando o céu do meu lado que eu quero te contar que algumas luzes são truques da gravidade, que eu quero te perguntar qual sua porcentagem de fé em vida alienígena e rir, meu deus, me deixa rir com você. canta suas músicas favoritas até que elas se perpetuem no meu dna, ensina minhas células a chamarem seu nome e a multiplicarem todas as nossas trocas, fica agora comigo porque o amanhã não importa
o amanhã não importa
me ouve murmurar com tristeza que nenhuma estrada é menos longa que as minhas pernas, cala minha boca com as nossas piadas internas, sorri quando solto pequenas profecias de que todo mundo vai embora
porque o amanhã não importa
e quando eu estico os braços e clamo aos deuses [que sequer acredito que existam] por algo mais desconsertante que o tempo, só me espera sair dessa zona de desconforto
me deixa ser sua por esse e outros agostos, mas não promete nada
por favor, não me promete nada
não gosto dessa ideia de que estou a um passo de qualquer queda

não me deixa flutuar na dúvida, meu amor.
eu quero despencar na entrega