Ya después de un tiempo
de insistencias y tropiezos
de darme en la madre
de encontrar en el alcohol
una inherente fuente
de sutiles ruegos
ya después de morder
en mi fantasía tu carne
en el mediodía tu ausencia
ya después de todo
las decepciones
no me dan privilegio
de odiarte
porque dentro de lo posible
he admitido el suceso
en su debido momento
uno lucha
con la idea de alejarse
y en otro
con la de no mirar atrás
el consuelo es haber vivido
todas las posibilidades
y aún las no tan posibles
para no irse a los insomnios
con el corazón sollozando
por no darse una oportunidad
—  De salsa y tango, Quetzal Noah
La distancia duele, pero duele más que no quieras luchar por estar junto a Mí.
nem tudo que termina acaba

por ocaso eu sorrio
um sorriso assim vago, amargo, lânguido
mas um sorriso
que me escapa dos lábios timidamente
para o mundo.

são paulo anoitece
e consigo anoitecem também as pernas
anoitece o povo
que se recolhe à sua morada
e nela pernoitam a sós

até que a vida comece de novo.

Devo molto
a quelli che non amo.

Il sollievo con cui accetto
che siano più vicini a un altro.

La gioia di non essere io
il lupo dei loro agnelli.

Mi sento in pace con loro
e in libertà con loro,
e questo l'amore non può darlo,
né riesce a toglierlo.

Non li aspetto
dalla porta alla finestra.
Paziente
quasi come una meridiana,
capisco
ciò che l'amore non capisce,
perdono
ciò che l'amore mai perdonerebbe.

Da un incontro a una lettera
passa non un'eternità,
ma solo qualche giorno o settimana.

I viaggi con loro vanno sempre bene,
i concerti sono ascoltati fino in fondo,
le cattedrali visitate,
i paesaggi nitidi.

E quando ci separano
sette monti e fiumi,
sono monti e fiumi
che trovi sui ogni atlante.

È merito loro
se vivo in tre dimensioni,
in uno spazio non lirico e non retorico,
con un orizzonte vero, perché mobile.

Loro stessi non sanno
quanto portano nelle mani vuote.

“Non devo loro nulla” –
direbbe l'amore
sulla questione aperta.

—  Wislawa Szymborska
Só por hoje não quero seu olhar
Só por hoje não quero sua voz
Só por hoje não quero seu toque
Só por hoje não quero seu abraço
Só por hoje não quero seus lábios
Só por hoje não quero sua cama
Só por hoje não quero seu quarto
Só por hoje não quero sua casa
Só por hoje não quero seu sorriso
Só por hoje não quero sua língua
Só por hoje não quero seu sexo
Só por hoje não quero seu cheiro
Só por hoje não quero seu suor
Só por hoje não quero suas mãos
Só por hoje não quero seu gemido
Só por hoje não quero seu jeito
Só por hoje não quero seus gritos
Só por hoje não quero sua calma
Só por hoje não quero seu stress
Só por hoje não quero seu gosto
Só por hoje não quero suas ironias
Só por hoje não quero sua companhia
Só por hoje não quero você
Só por hoje!
Mas amanhã é outra história
—  Igor Galan
Hasta el más enamorado de todos, algún día se aburre de algo tan dulce, y es ahí cuando lo salado de otros, lo atrae a algo más que no esperaba sentir.

Naciste con alas.

¿Por qué prefieres gatear por la vida?

 

Tu tarea no es buscar el amor, sino buscar y encontrar las barreras dentro de ti mismo que has construido contra él.

 

Responde a toda llamada que excite tu espíritu.

 

Trabaja en el mundo invisible al menos tan duro como haces en el visible.

 

Conviértete en el cielo.

Usa un hacha contra la pared de la prisión.

Escapa.

 

Lo que buscas te está buscando a ti.

 

RUMI

 

* * *

Querido y estúpido mundo,
cuando me veas caminar con la mirada perdida en el horizonte,
con el alma oculta del dolor,
con la esperanza firme en mi ser,
y con los audífonos en mis oídos a todo volumen,
¿por favor?
No intentes hablarme, sencillamente te estoy ignorando porque ese es mi espacio de felicidad y por ninguna razón dejare que me lo arrebates.
Gracias.