paracalli

Ele tem aquele jeito frio, seco; muitas vezes é rotulado como “grosso”. É difícil saber quando ele está afim de alguém, pois ele sempre parace estar desinteressado. Mas a verdade é que ele só tem medo de se entregar e se machucar. Ele quer se sentir seguro, para assim, assumir o que sente. Talvez seja culpa do signo dele, talvez seja culpa de pessoas que o magoaram, não sei… Mas independente do que for, esse é o jeito dele. Porém, no fundo, ele é uma ótima pessoa, só que ele gosta de coisas concretas, coisas que vão dar futuro, e por isso é chamado de “chato”. Mas quem se importa? Ele só quer alguém que o ame de verdade e que queira conhecer cada canto de sua alma; alguém que queira derrubar cada parede dentro dele, até chegar no seu interior e dizer “gostei daqui, quero fazer meu lar”.
—  Fernanda Faria

Somos ya demasiado obstinados para observar, cuando lo único que nos importa es llegar para saber el final y nos molesta el resto del camino.

Cuando el cansancio nos hace perder el mensaje ya no encontramos cómo darle vida a nuestras voces, teniendo que censurarnos el presente por no tener descalza el alma y sentir al mundo de nuevo.

Y parace que todo lo que queremos nos queda lejos o grande, ya no nos dejamos abrazar por miedo a ofrecer una pena disfrazada de sonrisa que nos ahuyenta de cualquier lado.

Nos perdemos entre razones y olvidamos los motivos, y es que mantenernos al margen es más fácil irse sin tanta sangre en las manos cuando perdemos alguna lucha.

Creernos para sentirle el pulso a nuestros demonios y nos saquen a pasear, porque lo único que nos importa es penetrar más allá de la ropa, encajando en cada tópico sin saber de estrellas fugaces.

Demostrar por tener noción de un simple laberinto sin conocer todo su tamaño, que algún día llegaremos a la salida apresurando el paso y bajando la mirada para no traer tantos recuerdos en la maleta.

Porque siempre existe una orilla que desquebraja sentimientos, llenos de ansias, música y colisiones de aire, con la magia suficiente para tropezarse.

anonymous asked:

Pedido de conselho: eu tenho mas problemas com minha mãe, não gosto do jeito dela, como ela me trata e como ela trata meu pai, a relação é insustentável. Mas agora tenho a oportunidade de sair de casa pra fazer facul ou fazer facul perto de casa. Eu quero muito sair mas a situação financeira da minha família tá bem ruim, o que eu faço ? Peço pra ir embora sabendo que vou ser um custo a mais e vivo o peso na consciência ou continuo morando aqui e tendo minha saúde mental piorada a cada dia ?

Isso é  tão dificil de te aconselhar, mas pode paracer clichê  e chato o que vou te dizer mas você precisa antes de tomar uma decisão tão seria como essa (sair de casa) conversar bem sério com sua mãe. Tenta mostrar seu lado sabe? O que voce esta sentindo, o dialogo entre nós e nossos pais, depende muito també m de nós! Tenta conversar com ela primeiro, tá? Vai da tudo certo, torcendo por vc <3

Eu queria ter coragem. Coragem para lhe dizer tudo o que sinto. É complicado, sabe? Essa coisa de falar sobre os sentimentos. Por mim, ficariam guardados, quietos, sem que ninguém soubessem de sua existência, principalmente, você. Mas, é complicado. Eu queria não precisar dizer tudo isso, mas, às vezes, sinto vontade de explodir. Por exemplo, quando você chega por perto e minhas pernas ficam bambas, parece que não há mais chão e não há para onde correr e ao mesmo tempo, a vontade não é correr de você, e sim, para você. Ou, quando você chega mais perto. Nossa! É aí que tudo piora, parece que um colecionador de borboletas as liberou em meu estômago. Ah, e o coração? Nem sei como estou aqui para falar sobre isso, parece que explodiu de tão forte que bateu desde a primeira vez que o vi. E quando você vem com aquele sorriso irresistível e aquela voz mansa, querendo puxar algum assunto? Sinceramente, é impossível pensar em qualquer outra coisa, quando tenho a coisa mais linda do mundo bem a minha frente. Eu queria tanto lhe dizer essas coisas. Mas, como eu disse, é complicado.
—  Eu só queria ter essa coragem.
"SAMUEL" | DRABBLE WIGETTA

Me encontraba impaciente.

Llevaba más de 3 horas en el aereopuerto esperando a Willy, se supone que debería haber llegado hace media hora pero parace que a lo que habia oido se habia atrasado el vuelvo y no tardaba en llegar.

Estaba revisando Twitter y contestando unos cuantos tweets cuando alguien me sacó de mi burbuja.

-“Samuel…” -escuche su voz y sentí un escalofrio pasar por toda mi columna vertebral.

Voltee y ahí estaba, su sonrisa, sus ojos, es realmente bello, no se cuanto tiempo llevaba empanado cuando lo escuche volver a llamarme.

-¿Samuel? -pregunto extrañado mientras se acercaba hasta mi.

Me adelante y lo abrace, tan fuerte como si hubieran pasado 7 años de no vernos, aunque sólo fue 1 semana, pero aún así lo extrañe demasiado.

-Samuel… Me estás aplastando -se quejó un poco-

-te extrañe tanto Guille -dije en su cuello aflojando un poco el agarre.

-Yo también tonto -dijo abrazandome por el cuello-

Baje mis brazos a su cintura y me despegue un poco para poder verlo, ¿como puede ser tan hermoso?

-eres hermoso -le susurre-

-Basta Samuel, me sacas los colores -dijo agachando un poco su cabeza.

Le tomé del mentón y lo bese, por esos 7 días que no estuvo a mi lado, lo bese como si fuesea primera y última vez que lo haría.

-Te amo Chiqui -Susurre después de separarnos del beso-

-Te amo Samuel…

“Samuel”… mi nombre sonaba hermoso saliendo de su boca la cual me dedique a besar después de haber dicho mi nombre.

-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*

Pequeño por que se me ocurrió hace e 10 minutos xD pero aquí está espero les guste🙈

Não preciso de muita coisa pra me sentir melhor. Um “gosto muito de você” me parace tão sincero, e faz um bem danado. Mas às vezes, é bem difícil de se conseguir ouvir isso.
—  Rebeca Oliveira
Hoje resolvi falar sobre você,
Aliais, sobre mim, sobre nós, eu espero.
De forma tão diferente você apareceu.
De maneira que eu jamais esperaria.
Me encantei, pelo teu jeito.
Me apaixonei, por teu sorriso.
Me confortei, com teu carinho.
E com você eu me sinto protegido.
Pode paracer meio surreal.
Às vezes eu também acho.
Mas então eu vejo.
Que tudo é tão real, tão natural, tão simples.
Você. Eu. Nós.
O que posso dizer?
Você é única.
Você é linda.
Você é forte.
Você é o início.
Você é o meio.
Você sempre será o meu recomeço.
Você, só você, apenas você.
É assim que meus pensamentos agem.
Sempre ao encontro teu.
E o que posso dizer?
Os teus olhos iluminam.
Tua voz é uma canção.
Teu sorriso formosura.
Tua beleza perfeição.
O encanto da minha vida, qual Deus me concendeu.
Alegria é ter você, qqui ao lado meu.
Se esperar for preciso pra ter você comigo.
Não importa a distância se vou estar sempre contigo.
—  You’re Amazing.