palhas

É claro que a gente se engana, se surpreende, se decepciona. Já pensei que amei. Já pensei que me apaixonei. E vi que era fogo de palha. Já pensei que era amizade. Já achei que fosse de verdade. E vi que era faísca. Mas tudo que eu gosto, eu gosto. Lembre disso. Para mim, algumas coisas são para sempre. Amigos, por exemplo. A gente sabe que tem os de verdade, os que vão atravessar anos, estados, países, turbulências e mau tempo. E a gente também sabe que tem aqueles de momento. Uma pessoa pode ser muito sua amiga hoje na aula de inglês, no trabalho, na primavera. Depois passa. E aí, era amizade? Era. Mas era aquela amizade de momento. E era verdadeira? Também era. Naquele momento. Acho que existe o perecível e o que não tem data de validade. E digo: tenho amigos que não têm data de validade, apesar de eu não estar sempre junto deles. Também tenho amigos que são amigos hoje, que sei que posso contar, mas não sei se estarei junto daqui a dez anos. Isso para mim é muito claro. E a família? Família, você querendo ou não, é para sempre. É um laço. Não se desfaz. Pode ter briga, atrito, confusão, mas é família. E é para sempre.
—  Clarissa Corrêa.
Eu cansei, sabe? Cansei de correr atrás de quem não move uma palha por mim. Cansei de tentar ser perfeito para alguém que só enxerga os meus defeitos. Cansei de sentir tudo sozinho e de mergulhar em pessoas rasas demais. Cansei de tentar fazer tudo dar certo, e sempre ser o errado e ruim da história. Cansei de tudo, apenas cansei.
—  Diego Tavares.
Aviso aos amantes

Nosso amor, por exemplo,
não nasceu para ser vivido.
Nasceu para ser paixão,
mera ilusão, caco de vidro,
passado que não se apaga,
fogo que arde em palha,
mesmo depois de esquecido.

Nasceu para ser estória,
quem sabe Bonsai, Dom Casmurro
Otelo, clássica Ilíada,
nasceu para ser única
nossa tragédia preferida.

Sentimento trazido não sei de onde
pelos ventos do destino,
um dia, este amor sofrido,
será então revivido,
pelos filhos, por outros tantos,
pelos que hão de viver ainda,
vai ter que virar poesia
e dizer outra vez o que já foi dito,
vai ter que ser a dor de um poeta
que talvez nem será lido.
Não e assim que é o amor?

— Ítalo Jardim

Quero você, quero mostra para todos que o que eu sinto por você não é fogo de palha ou uma simples “paixonite” que daqui a pouco passa. Quero você porque você me completa, me faz ser a pessoa mais feliz do mundo com apenas uma pequena frase. Quero você pra vida inteira, ser a mulher da minha vida, a mãe dos meus filhos. Quero você porque eu te amo e não consigo ficar sem você.
—  Cartas Para Alguém.