padastro

Larissa, menina nova do norte
aos 17 era viciada
por ameaça do namorado ela cheirava
essa brincou com a morte.
Do sul vinha a senhora
Larissa, mulher de família
apanhava do marido todo dia
até pensou em ir embora.
A Larissa do leste
quando o padrasto terminava
dizia “cala a boca, se veste”
ela chorava.
Em cada canto do país
morava uma mulher submissa
e há quem ainda diz
que a culpa é de Larissa.
Mais um caso habitual
veneno, corda, faca
método diferente, resultado igual
uma em cada maca.
Fale
não seja omissa
não seja.
Larissa.

kgs