operei

Em razão de um conflito entre a perda anatômica, a imagem corporal cerebral, a memória sensitiva e aspectos psíquicos. Amputados costumam sofrer de uma síndrome conhecida como membro fantasma.
é como se eles ainda sentissem o membro que fora extraído,o membro sai do corpo, mas não sai do cérebro.
Não , eu não sofri de amputação mas  quando naquela noite eu me operei naquele quarto sozinha sem anestesia e te arranquei de mim é como se do meu ser tivesse retirado um membro.
Seu reaparecimento fora como se você estivesse ativado a parte do meu cérebro que ainda o conservara.
Naquela noite arranquei as flechas,enfiei meus dez dedos na garganta e te retirei de dentro de mim e ainda que seu fantasma tenha me assombrado nos ultimo dias, tenho certeza que você não está mais aqui,não aqui dentro.
—  Janaína Santana
Ela olhou pra mim em meio as lágrimas e gritou: Pai eu sou fraca!“ E mesmo ela não me vendo eu me fiz tão real que a sua fisionomia mudou me mostrando o quanto ela sentia minha presença. Ali estava ela, chorando, e pela primeira vez dizendo para mim as suas fraquezas, eu sempre as vi, mas é diferente você ver algo que alguém lhe quer ocultar de você ouvir da boca da pessoa como uma forma de "eu confio contar tudo a você” e foi isso que ela fez, me contou as suas dores, seus pecados, suas vontades carnais, me contou que não tinha força, ela foi sincera, e mesmo que certas coisas ela tenha me dito com o coração envergonhado foi aquilo que me fez ver que eu era importante pra ela. Qual pai não quer ser o confidente de seus filhos? Ela sempre vinha me contar não oque tinha vontade de fazer e sim oque já tinha feito, como uma forma de se desculpar, isso não é errado, claro que não, eu sempre vou perdoar os meus filhos, mas se eles confessarem suas fraquezas eu os darei forças para não voltarem pra confessar seus pecados cometidos em cima dessas fraquezas. Então ela chorou, chorou, até dormir e foi naquela noite, naquelas pequenas horas de sono que eu operei, limpei as dores e magoas e a dei a minha força, pois vi o quanto a dela realmente estava pequena e ela estava desesperada, desesperada pra não pecar pois sabe que isso me afastaria dela, e foi tão lindo ver o quanto ela tinha sede da minha presença o amor dela por mim me fez sentir o pai mais realizado de todos. No outro dia ela acordou, olhos inchados, cabelo bagunçado, mas com um sorriso tão grande no rosto que dava para ver a sua alma e lá estava eu.
—  cuidando de mais um dos meus filhos. Emily Baxendale