oh verde

Pedido:  Faz um do Harry em q ela faz greve por q ficou brava por algum motivo vc escolhe aí ela fica provocando ele usando umas micro roupas e quando do eles saem e ela provoca ele tipo fica pegando nele ai quando eles chegam em casa ele acaba com a greve E aí ele pede desculpa pra ela pode ser hot no final mais romântico- Anonimo

*Aqui nesse link http://hot-1d-imagine.tumblr.com/pedidos vocês podem ver quais e a ordem que em os imagines vão ser postados, se o seu não estiver na lista é porque infelizmente não chegou, vou estar sempre atualizando a lista*

***

Imagine hot Harry

Eu estava furiosa, Harry teve um ataque de ciúmes quando foi me buscar na minha faculdade, só porque o meu amigo me abraçou .

- Harry, pelo amor de deus, ele é só meu amigo, não tem porque ficar com ciúmes, já falei isso um milhão de vezes – Digo colocando a bolsa em cima da mesa e virando de frente pro Harry que estava logo atrás de mim, essa já era a segunda vez que Harry ficava com ciúmes de mim com Frank .

- Não (S/n) eu vi a maneira como ele olhava pra você de cima pra baixo, ele te queria  – Harry falou com raiva me encarando .

- Meu deus, isso nunca, ele nunca ia me olhar assim – Falo passando a mão no meu cabelo.

- Pois eu vi, e vi como ele olhou para sua bunda quando você veio na minha direção – Harry falou olhando diretamente nos meus olhos .

-Mas que droga Harry, o Frank é gay, GAY – Falei já explodindo de raiva .

Harry para na hora de discutir comigo e me encara com uma cara de bocó .

- Gay ? – Ele pergunta surpreso.

- Sim, gay – Afirmo.

- Então porque não me contou antes? – Harry pergunta mais calmo.

- Porque ele pediu segredo, mas você estava insuportável e tive que falar agora – Digo retirando meu casaco .

Harry fica mais manso e caminha na minha direção .

- Desculpa, Babe, você sabe como eu fico quando vejo algum homem com segundas intenções para cima de você, eu fico louco, você é minha – Ele diz me abraçando pela cintura e cheirando meu pescoço .

- Tudo bem, você está desculpado, mas estamos em greve de sexo – Digo me afastando dele e subindo a escada deixando ele lá na sala sem acreditar no que eu disse .

- (S/N) – Ele grita meu nome e eu rio e vou para nosso quarto, vou levar ele á loucura com essa greve de sexo .

Entro no banheiro e tomo um banho e assim que termino saio nua e abro a porta do banheiro e vejo Harry sentado na cama me encarando .

Hora de por o plano em pratica .

Saio andando pelo quarto nua e Harry trava o maxilar e eu sorrio maliciosa, pego uma camisola de seda vermelha e a visto sem colocar calcinha ou sutiã .

- Acho que nós deveríamos ir jantar fora, aqui não tem nada pronto – Digo sentando perto dele .

- Também acho – Ele diz com a voz rouca e eu me levanto e visto uma roupa para sair, e ele já caminha colocando uma nova blusa .

***

Assim que chegamos ao restaurante, eu sento do lado de Harry e fazemos o nosso pedido, enquanto a comida não chega nos conversamos sobre o nosso dia até que ele toca no assunto sexo .

- Então estamos mesmo de greve de sexo ? – Ele pergunta

- Sim – repondo passando as unhas na sua coxa, ele segura minha mão com força .

- Você quer me matar- Harry diz gemendo do meu lado .

- Não, eu quero te punir – Eu respondo sorrindo meiga e desço minha mão para ficar em cima de seu membro onde eu o aperto e ele morde o lábio para na gemer .

- Você está brincando com fogo – Harry me avisa com a voz sensual .

- Ah, eu sei, mas dessa vez eu sou o fogo – Respondo sussurrando no ouvido dele e mordo o lóbulo do ouvido dele e Harry geme e crava suas unhas curtas na minha perna, aperto mais o seu membro e ele aperta a minha coxa, vou depositando beijinhos no pescoço dele e Harry geme baixo e eu rio . Faço movimentos de vai e vem no seu pênis e ele mexe seu quadril devagarinho acompanhando os movimentos da minha mão .

- Nada de orgasmo para você, Sr Styles - Digo e Harry fica frustrado 

- Quando essa greve acabar eu vou te foder tanto que nem conseguirá sentar  no dia seguinte - ele diz com a voz rouca no meu ouvido me fazendo arrepiar.

Nossas comidas chegam e quando finalmente terminamos, Harry me leva rapidamente para casa .

Quando chegamos eu subo e ponho uma camisola branca transparente e fico sem sutiã e sem calcinha, eu me curvo para pegar minhas pantufas que estão no chão e no segundo seguinte sinto algo na minha intimidade, gemo alto ao perceber que é a boca do Harry .

- Oh Deus, Harry – Digo alto quando sua língua lambe meu clitóris e me penetra com a mesma logo depois, eu me seguro na cômoda e abro minhas pernas me deixando exposta para Harry fazer o que quiser comigo .

- E a nossa greve de sexo ? – Ele pergunta parando de me chupar e enquanto me espera responder ele penetra um dedo em mim, me fazendo geme e jogar a cabeça para trás .

- Dane-se a greve, eu quero você dentro de mim – Digo encarando seus olhos verdes .

- Oh (S/n) você me deixa tão excitado – Ele diz caindo de boca na minha intimidade e me suga de uma maneira tão boa que eu acabo gozando na sua boca, ele lambe tudo .

- Venha – ele manda e m puxa pelo braço e me joga na cama, caio de pernas abertas, Harry retira toda a sua roupa e fica por cima e mim . – Agora vou mostrar o porque não devemos fazer greve de sexo – Harry diz com a voz em um tom baixo e eu me arrepio toda .

Sinto seu pênis na minha entrada e cravo minhas unhas nas costas dele .

Harry me penetra com força fazendo eu soltar um grito de prazer e ele gemer roucamente no meu ouvido . Ele começa a entrar e sair de dentro de mim enquanto suga meu seio e entrelaça seus dedos nos meus a cima de minha cabeça .

- Tão apertada e molhada para mim – Harry fala e aumenta a velocidade das estocadas . Minutos depois ele me vira e faz com que eu fique por cima dele . Começo a subir e descer por cima de seu pau e ele aperta minha cintura me ajudando a cavalgar nele .

Sinto meu orgasmo chegar e explodo de prazer ao redor do membro dele e caio por cima de seu corpo, ele continua a me penetrar e logo depois sinto seus jatos de prazer me preencher .

- Vamos prometer nunca mais fazer greve de sexo, porque eu não consigo ficar sem provar o seu corpo – Harry diz tomando meus lábios nos seus . – E me desculpe por ser um babaca hoje mais cedo, eu simplesmente perco a cabeça com a possibilidade de você achar alguém melhor para você – Ele diz fazendo carinho na minha bochecha .

- Harry, eu já achei esse alguém e essa pessoa é você, eu te amo demais – Digo e dou um selinho nele .

- Eu te amo, Babe  - Ele diz e eu sorriso e me levanto de cima dele, ainda sinto ele dentro de mim .

- Segundo round ? – Pergunto e Harry sorri mostrando suas covinhas e me vira com tudo e fica por cima de mim .

Espero que tenham gostado, se sim, mandem uma ask me contando ;)

9

Saint Seiya Ω | Great Sword Titan (Ep 90)

Él no tiene nada que envidiar de los caballeros pues no es muy diferente a ellos,él no es fuerte por que simplemente ya de por sí posea un gran poder su personalidad,devoción y deseo por cumplir la voluntad de su respectiva diosa lo hacen de esta manera además posee honor,honor que le llevo a retractarse y disculparse con Harbi por infravalorarlo además de felicitarlo.¿Recuerdan cuando agradeció el hecho de no matar a Pallas cuando Seiya tuvo la oportunidad?Cualquier otro lo hubiera tachado de idiota.Siente pena por sus compañeros caídos en combate y les guarda sus respectivos respetos.A pesar de ser un villano yo no veo mal alguno en sus ojos,solo veo nobleza.

elynight

replied to your photoset

“[ HAND IN HAND ] aka the au where magic and science/aliens exist side…”

Ok, but my question for this is: Will there be a language barrier or will Tsuna be able to understand them?

tsuna’s language consists of screaming in varying pitches and volume. it seems to be universal.

but tbh ieyasu was once the human giotto who somehow joined tsuna’s people and taught them some medieval form of earth language and that is how they communicate. they also hijack earth’s radio waves to learn modern language. it doesn’t work out all that well.

Verde: ..Now that we’ve figured out how to add audio to this communication circle with our little Tivani friends, how are we going to talk to them? They don’t exactly speak English. Or Italian. What’s our Universal Language again?
Reborn: Pretty sure it’s Welsh.
Verde: What- no it’s not–
Reborn: Anyway I’m rather fluent in Tivani, I’ve been Studying.
Verde: You’ve been reading transcripts from the 1800s
Reborn: So I’ll come across as a gentleman, so what?

Reborn: *in Tivani* Hello! I am Reborn. This is my assistant, Verde.
Verde: What did you just say?
Tsuna: *in English* Oh, do not worry! I speak your common tongue. We have learned it from our previous dealings with your people. I am designated Tsuna. I believe that is Japanese in your terms.
Reborn: *in Italian, muttered* Who the fuck says common tongue anymore
Tsuna: *in Italian* I speak that one too
Verde: I’m not sure why I expected anything else, he’s been writing to us in fluent Italian this whole time
Tsuna: Oh no that was Hayato and Lambo, I can’t write at all
Verde: Isn’t Lambo like, 10?
Tsuna: Technically he’s about 56 but by your developmental stages he would be 10 yes. He’s been 10 for about 23 Sirius Years now. He’ll move on at some point. Anyway-

[ later, after Tsuna is stuck on Earth ]
Tsuna: *ranting* ..I’m sorry for saying this but your Headmaster is unbearable!
Verde: Oh, we know.
Tsuna: I am trapped here, not of my own doing, and he wants me to lend my powers to him ‘while we’re at it’! How inconsiderate!
Reborn: Isn’t he? He is. So very inconsiderate.
Tsuna: I mean, I wouldn’t mind, that was the whole point of this exchange, but he makes it sound like [ unintelligible ] and as though I would so easily [ very unintelligible ]. There is such a thing as proper conduct! The [ so very, very, very unintelligible ] nerve of him!
Verde, Reborn: He’s the worst Headmaster, we agree. But he pays. He pays very well.
Xanxus: I have no idea what he just said about my old man but I agree.

timoteo isn’t actually the worst headmaster he’s probably pretty decent, except in these guys’ opinions haha