o-miami

3

Photos via O, Miami

If you’re in Miami right now, keep an eye out for stealth (and not-so-stealth) poetry. The 4th annual O, Miami festival kicked off this week and organizers are promising a wealth of poetry in unexpected places – I think my favorite might be the “Murinals:”

Murinals are poems installed in perhaps the least likely place: on urinals across Miami-Dade county. Using classic gold leaf, artist Ian Thomas paints poems onto the porcelain “wall” of Miami urinals. The installations are only completed however by the participation of the “male” audience members who “defile” the hallowed words while simultaneously “exposing” themselves to the poets’ words, thereby creating a tension between dominance and vulnerability. 

Other highlights include “zipodes,” poetry based on south Florida zip codes, and the return of “Wallace Freezins,” who’ll appear at Miami area events selling poetically wrapped ice cream (because the only emperor is the emperor of ice cream, dontcha know).

Sign me up for some ice cream!

– Petra

sunshine-jim  asked:

If you're still doing the clothes meme thing, could I ask for Miami Morty in D3 😱 (I know, it's nothing like his style but... I'd love to see him in it haha) (and if you're not doing that meme anymore... Then sorry, please disregard this haha)

Okay he’s probably melting under the warm outfit but y o ,, cute outfit

Runaways, ot4

Just a little thing, born of talking to @lhugbereth, as many things are. In which the boys run away and become beach bums, more or less (There’s more to it. Sex, alcohol, drugs, and pretty pretty Noctis and Prompto who make Ignis and Gladio chase them, but this is just fluff.) 

Galdin Quay has become a Miami/O'ahu (Yes, the whole island) hybrid. Working from what I know. 



It’s late, well past noon, when Ignis finally rolls out of bed, crawling over a sprawled out Noctis to do so. His prince, who will be his prince no matter their circumstances, is a tangled mess of bleached hair, smudged makeup, and sticky, glitter brushed, sun browned skin. He’s snoring softly, doesn’t stir even though Ignis is less than his usual graceful self leaving the bed.

Some things never change.

His head is spinning and he can almost hear the pulse of music from the club in his ears as he plods out of the loft, careful to keep his head down so as not to smack it off the ceiling, and down into their home’s main area.

Keep reading

64: Primeira viagem do casal.

HARRY:

France/Paris:

Harry sempre foi um homem romântico e você ainda mais, como sempre foi seu sonho conhecer a França/Paris Harry achou uma boa ideia de dá de presente uma viagem a Paris com direito a tudo até mesmo a sua primeira vez como um casal.

LIAM:

Austrália 

No começo vocês estavam muito confusos sobre qual cidade e pais iriam, mas depois de muito planejamento e discussão resolveram ir para um lugar distante como a Austrália longe de tudo e de todos, na melhor que as praias da Austrália para passar um tempo.

LOUIS:

U.S/Miami

Assim como Louis você achou que uma viagem simples apenas para aproveitar o momento de vocês como casal seria melhor, então preferiram passar um tempo em Miami aproveitando o mar e as bebidas maravilhosas.

NIALL:

Brazil/Beaches

Vocês acharam melhor visitar o seu pais de origem como a sua primeira viagem como casal, além de Niall conhecer a sua família ele entendeu o porque você é tão apaixonada por o seu pais.

BeachesZAYN:

United Arab Emirates/Dubai

Zayn sempre teve vontade de conhecer os Emirados Ábares, assim como você então achou que seria uma boa ideia fazer a primeira viagem como um casal para lá, durante a viagem vocês dois conheceram as mais diversas cidades e comeram comidas diferentes tudo ocorreu perfeito, e a sua primeira vez foi com o homem que você ama e na cidade que você sempre sonhou em conhecer.

Você pode, por favor, fazer um do Lou baseado na música that’s what i like do bruno mars?

                                           THAT’S WHAT I LIKE 

           A balada estava cheia, lotada de garotas de todos os tipos, mas os meus olhos apontava apenas para uma, aquela morena com seus cabelos encaracolados e seus lindos olhos verdes, seu vestido preto colado no corpo e seus saltos estavam deixando-me louca e eu sabia que ela também tinha esse mesmo pensamento sobre mim. Tomei o ultimo gole da minha bebida e caminhei até ela, que tinha os olhos fixo em mim. Sorri.

           Ela continuava dançando sem se importa com nada, aproximei-me dela e a garota parou de dançar e sorriu para mim. – Louis Tomlinson o próprio. – Ela tomou mais um gole da bebida. – Quem diria em uma balada de Manhattan.

- Hoje eu sou apenas o Louis, esqueça a fama e tudo. – Não sabia se essa aproximação era por interesse, mas eu estava ali para tentar. – Vamos sair daqui, eu tenho um apartamento em Manhattan.

- Okay, hoje eu só quero me divertir um pouco. – A garota olhou para mim novamente. – A propósito meu nome é s/n.

           Enquanto a garota andava meus olhos foram em direção do seu corpo, seu vestido deixava suas curvas amostra, na verdade você e sua bunda estão convidadas. Eu sabia que hoje iria me dar bem

           Joguei as chaves do apartamento em qualquer lugar s/n não parecia nada impressionada com o lugar. Ela se virou para mim. – Você tem um belo apartamento. – Finalmente disse. Ela continuou caminhando e parou na frente de uma caixa de som que ficava próxima a televisão. – Que tal um pouco de musica?

- Tudo bem. - Apenas concordei e sentei-me no sofá, esperando.

           Assim que ela conectou o seu celular ao som uma musica sexy tocava ao fundo. Ela caminhou de um jeito sensual e se sentou ao meu colo. Essa garota é imprevisível e eu estou gostando isso. Ela rebolava encima do meu corpo, por um segundo tentei segurar sua cintura, mas ela não deixou, apenas continuou com os seus movimentos sexy. Ela virou de costas e foi até o chão rebolando e eu já estava duro, não podia mais aguentar, levantei-me do sofá e puxei ela pela a cintura e comecei a beija-la.

- Você vai rebolar assim agora encima de outra coisa. – Puxei seu vestido para cima. Ela não disse nada apenas continuou beijando-me.

           Assim que abri meus olhos olhei para a minha garota que estava dormindo ainda. Caralho! Nunca tive uma noite dessas na minha vinda, eu precisava demais e estava disposto a fazer de tudo para ter ela só para mim. Levantei-me e fui até o banheiro, assim que retornei ela estava sentada na beira da cama usando apenas uma camisa minha a mesma que eu usei ontem à noite. Aproximei-me dela e a beijei e ela fez o mesmo.

- Vamos para Miami. – Finalmente disse, não sabia se estava sendo precipitado demais, mas precisava ouvir uma resposta dela.

- O que? – Ela tirou o cabelo do rosto. – Não eu não posso. Você é uma ótima pessoa, mas isso é demais.

- Você terá o que quiser, se você quiser pegue a minha carteira, eu vou dá tudo o que você quiser você merece tudo. – Ela sorriu envergonhada. – Só para você sorrir dessa forma.

           S/n puxou-me para um beijo quente. – Eu simplesmente não posso fazer isso Lou.

           Sentamos na sacada do meu apartamento para tomarmos café e o meu coração doía só de lembrar que ela poderia ir embora. Eu podia dá tudo a ela, joias de ouro, champanhe de morango no gelo, sexo na frente da lareira á noite, lençóis de seda e diamantes branquinhos. S/n mordeu o morango com chocolate e olhou para o sol que brilhava forte às nove horas da manhã.

- O que você acha de viagens para Porto Rico?

- Porto Rico? – Ela olhou para mim e depois olhou para o horizonte. – Miami, Porto Rico o que você vai inventar mais?

- É só falar e nós vamos. – Sorri. – Eu nunca farei uma promessa que eu não possa cumprir.

           Ela passou as mãos na barra da minha camiseta. – Desculpa, mas eu não quero nada além de curtição.

           O sorri sumiu do meu rosto, como eu poderia trata-la como uma verdadeira rainha. Sair para fazer compras em Paris, tudo de 24 quilates. Ela é a garota mais bela que eu já conheci.

- Ok, se você quer assim, assim que vai ser. Ei ainda estou aqui, querida.

           Fiquei a olhando saindo por a mesma porta que ela entrou, eu não sabia se um dia eu iria a vê novamente, mas tudo o que eu vivi nesse dia foi perfeito, extremamente perfeito. Sua silhueta sumindo a cada passo sorri comigo mesmo. Sorte a dela que eu gosto disso.