o nos

Falamos muito sobre o amor, especialmente em como ele nos faz sofrer, mas nos esquecemos das coisas boas que ele nos traz. Já deram um abraço na pessoa amada? Notou como aquilo traz paz pra alma? Os braços envolvidos, o cheiro bom impregnando na roupa, o compasso dos dois corações batendo ali… Ah, que sensação! Traz um sentimento bom de segurança que não dá mais vontade de sair. Amamos errado algumas vezes sim! Às vezes o amor nos faz sofrer horrores, mas todas as outras pequenas coisas boas que ele nos traz são ainda maiores e melhores. Nós passamos por maus bocados, mas quando encontramos a pessoa certa, o pouco vira muito, e as flores desabrocham.
—  Isabela Queiroz.
Isaías profetizou a destruição das cidades de Jerusalém e Tiro. Esta era uma antiga cidade da Fenícia, extremamente rica por causa do comércio marítimo. Mas ambas seriam destruídas porque não davam a mínima para Deus e se recusavam a confiar nele. As duas estavam cheias de orgulho porque se achavam muita coisa.
Quando enfrentamos um problema, geralmente pensamos que podemos cuidar do assunto sozinhos ou encontrar um jeito para fazer isso. O orgulho pode nos impedir de ir a Deus e pedir sua ajuda e orientação.
Você é do tipo autossuficiente? Deus tem um recado para você: não dependa de você mesma, mas confie em mim de todo o seu coração.
—  Devocional de Isaías 22 e 23 (Bíblia Sagrada, Entre Mulheres e Deus)

Me chamo flor
Quando me tocas a alma
Com a palma de teu carinho
E levemente me salvas
Do mundo e seus espinhos

Me chamo alegria
Quando me toca os sentidos
Com tua energia me faz vivo
E docemente me ensina
Como o amor nos ilumina

Me chamo leveza
Quando me tocas os sonhos
Acalma os pesadelos medonhos
Florescendo a luz de um horizonte
Que não me existia até ontem

Me chamo apenas de teu
Quando você se faz minha
E em meu destino se aninha
E no calendário dos meus dias
És a utopia que me ilumina


Edison Botelho

Eu não vou dizer que te amo, nem fazer declarações quilométricas em fotos no facebook. Não vou te lotar de mensagens apaixonadas e nem ficar dizendo que não sei mais viver sem você. Também esquece as marcações em tudo quanto é texto de amor e os passeios mega românticos que todo casal faz. Eu não faço o tipo que espera receber um buquê de flores, então esquece as rosas e foca aqui. Vou te dizer o que eu sinto nos detalhes, e espero que cê faça o mesmo, a vida me ensinou que palavra perde rápido o valor. A gente ama no jeito de olhar, na preocupação, no carinho. A gente ama nas coisas mais simples. O resto é conto de fadas e isso, bem, isso não existe.
—  Gabriela Freitas.

Nós, humanos, sofremos por antecipação. É daí que vem o nosso medo. Não teríamos medo de cobras se não soubéssemos que elas podem nos machucar ou até matar. Não teríamos medo de aviões se não soubéssemos que podem cair. Não teríamos medo de amar se não soubéssemos o quanto isso pode nos destruir. É por isso que fugimos das cobras, das quedas e do amor. É por isso que fugimos.

Bruna Gomes

A vida inteira somos bombardeados com a frase “seja você mesmo”. É o primeiro conselho que nos dão na maioria das situações, e o mais irônico é que sempre nos dizem isso quando estamos tentando nos encontrar. “Seja você mesmo”, que diabos isso quer dizer? Como posso ser alguém que nem eu mesma conheço?
—  Jardim de Açucenas.
Deus faz a gente amadurecer antes de receber o que Ele nos prometeu. Ele trabalha em nós para que estejamos prontos para viver tudo que Ele planejou. É necessário ter esperança e paciência porque tudo acontecerá no momento certo.
—  Joelma Thomaz
O que eu realmente quero que você saiba é que não importa o tempo que passe, o que aconteça ou o que a vida nos ensine. Não interessa quem somos ou quem vamos nos tornar. O que vale é o que carregamos dentro de nós. E você, guarde isso na memória para todo o sempre, eu te carrego junto comigo todos os dias
—  Clarissa Corrêa.

não há nada de errado em dizer que foi foda. foi do caralho. puta-que-pariu foi a porra toda. mas acabou. assim como qualquer outra coisa. com ou sem razão. contendo ou não um adeus. neste caso com razão e sem adeus. foi o melhor pra nós. na verdade, eu. não. sei. não teve chororô. não teve você perguntando os motivos nem eu implorando pra tu ficar ou vice e versa. nem teve aperto no peito nem sequer nó na garganta. o amor, o tesão já teriam ido pra bem longe. só o que nos restava era fazer o mesmo.
L.

posso te contar uma coisa?

eu ainda acredito em nós.
[não agora, mas em algum futuro]

a gente colidiu rápido demais, acabamos sendo resumidos a intensidade.
tínhamos coragem para tudo, mas não tivemos coragem suficiente
para expôr nossas verdades.

eu sei que a gente não conseguiu mais consertar os estragos,
mas nossos olhos nunca deixaram de nos entregar.

o que é nosso está guardado num cantinho esperando para hora certa.

talvez seja quando estivermos mais maduros e decididos
ou talvez quando a gente perceber que tudo que passou
não foi em vão.

estava escrito em algum lugar que iriamos nos desconhecer
para um dia poder nos conhecer de verdade.
sem armaduras ou medos cobrindo o que somos.
sem desculpas.

[dessa vez: mais de alma do que corpo]

Nossa casa é lugar mais confortável do mundo, além do mais, é morada de muitos monstros reais. Na família estão aqueles que mais deveriam nos conhecer, pelo tempo de convivência e, pelas experiências vividas, entretanto, nos compreendem tão minimamente. Talvez nunca tenham tentado afinal. São maneiras distintas de pensar, agir, falar, até mesmo nas músicas que costumamos ouvir. As gerações se manifestam como um imenso contraste. Não há problemas enquanto a isso. O pesadelo começa a se formar quando a diferença não é respeitada e, quanto mais diferente você parece ser, maior a opressão que cai sobre seus ombros. Todos os dias as mesmas cobranças, como se isso já não nos perturbasse o suficiente. Milhares de coisas passam pela cabeça, principalmente na madrugada, enquanto eles pensam que dormimos tarde, simplesmente por sermos irresponsáveis, os milhares de pensamentos fantasmas nos puxam pelo pé, para cada vez mais longe da cama, como um velho medo da infância, onde nem a luz acesa, nem a coberta parecem ser o suficientes para afasta-los dessa vez. Já tive vontade de largar tudo e ir embora, mas fugir pra onde? Já tentei mudar essa situação, mas quanto tempo dura sua motivação nesse caos cotidiano? Outro dia quis somente desaparecer, porém não há magia alguma em um lugar que constantemente cortam suas asas.
Me sinto completamente perdida neste mundo sem você. Cada canto que olho, cada pessoa na rua, um dia chuvoso ou um dia ensolarado com aquele calor de 40ºC me lembra você. Sabe porquê? Porque tem você em todos os lugares, nas ruas, nas esquinas, nos ônibus, na música que toca na rádio as quatro da tarde, naquela pipoca cheia de leite condensado, no jeito de dobrar a roupa, na maneira de sorrir, na água fria que cai do chuveiro, no cheiro que o vento traz, nos dias de céu nublado, na toalha em cima da cama, no vidro de shampoo sem nada, na jarra de suco de laranja com uma gota de suco, tem você em mim, em cada pedaço meu. Tem você em mim, mas não tem você aqui. Seria eu uma tola em acreditar que minha vida sem você seria a mesma depois de ter vivenciado as maravilhas em te ter em cada pensamento do dia, nos sonhos e nos momentos que passamos um ao lado do outro e nos outros infinitos que sonhei que passaria contigo? Cada promessa feita eu realizaria e ainda quero realizar. Cada vez que jurei amor eterno foi uma verdade, porque meu coração, alma e corpo é seu. Tudo em mim é você, mesmo que não tenha você aqui.
—  Cuidarias & Vireipassaro