nunca mesmo =

“o que está acontecendo em mim que está fazendo com que essa pessoa me aborreça?”
o seu incomodo está dentro de você.
algumas coisas não têm necessidade de você ficar irritado, sabe?
você pode, sei lá, se policiar e repetir na sua cabeça que tá tudo bem quando um acontecimento bobo, mas que te incomoda, der as caras.
tente não se desgastar tanto com coisas tão sem importância.
aliás, tente nunca se desgastar.
mesmo que tentar já seja um certo desgaste.
respira e deixa pra se importar com coisas que merecem a sua atenção,
e muiiiitas só sugam suas forças porque você se deixou incomodar em algum momento da sua vida e isso foi se transformando num ciclo dolorido.
chegou a hora de quebrar isso.
sério.

O que você não aprendeu ainda é que não sou mais uma das suas menininhas, ou melhor nunca fui. Você nunca soube lidar comigo, uma mulher. Sua imaturidade era visível, mas como gostava de você, sempre te dei mais uma chance. Só que essas chances, nunca tinham resultados positivos. Sempre voltava fazendo as mesmas coisas. Isso com o tempo acabou cansando, sabe? Essas suas desculpas de criança para não conversar comigo, já não estava mais aguentando. Mas no final de tudo, quem acabou terminando o relacionamento foi você. Com uma desculpa mais esfarrapada ainda, que não me amava. Claro que não acreditei no primeiro momento, só que você insistiu nisso até cair minha ficha. Aí meu amigo, outro erro seu foi pensar que iria sair correndo atrás de você. Pena que nunca fui com esses relacionamentos que vai e volta, para mim sempre foi acabou, então acabou, só seguir em frente. E foi dito e feito, foi isso que fiz. Eu chorei por um tempo, isso foi normal, mas me acabar por isso, nunca mesmo. No dia seguinte já deletei seu contato e suas redes sociais, coloquei tudo no lixo. Com isso o tempo passou, depois de dez meses você me procurou para dizer que estava com saudades, só que quando você falou isso, senti algo estranho, que não era verdade. Só disse para você parar com essas coisas e no dia seguinte começou a namorar com outra guria. Aos poucos fui vendo quem era você de verdade, pude ver que nunca te conheci realmente. Depois de mais alguns meses, depois de um ano que tudo tinha terminado, eu te vi passando pela rua, você me olhou com uma cara de assustado mas não falou comigo. No dia seguinte já me chamou para conversar, dizendo novamente que estava com saudades e pedindo para sair comigo. Inacreditável! De novo, senti que isso não era verdadeiro, que você só queria matar a saudade e depois ir embora. Te dar mais uma chance? Esquecer tudo o que fez comigo? Seria capaz disso? Eu perdoei, mas dar outra chance isso não posso fazer. Seria inaceitável da minha parte. Seria uma burrice tremenda! Disse que não era assim e para me esquecer de vez, só que ainda você insiste? Porque disso? Será que caiu sua ficha também? Uma coisa que me lembro muito bem, você dizendo “sei que não vou encontrar alguém como você”, será que finalmente viu isso? Só sei que já era, já foi há muito tempo. Já segui minha vida e pelo jeito você continuou parado no mesmo lugar que me deixou. A vida tem dessas, né? Só digo boa sorte, você ainda não está preparado para se relacionar com uma mulher.
—  Ilusões de Esther.
Eu entendo o quão avassalador a distância é mas também o quão reconfortante ela pode ser se você souber olhá-la com olhos de quem tem esperança. Sentir-se esperançoso não é algo ruim ou infantil mas sim, algo que faz você levantar da cama todos os dias, pois “é só mais um dia a menos”. E interiormente você sabe que, existiram mais dias como este até que de fato vocês estejam juntos e compartilhando uma vida diariamente. Olha nos dois, acho que nossa teimosia é a prova de que não existem barreiras para amar e apreciar um ao outro. A distância é o abraço que toca o coração, e você como nenhum outro homem tocou o meu. E não é apenas sua beleza e todos os atributos que fazem você ser o cara ideal mas sim, teu sorriso, teu jeito de menino que pode se transformar em um homem maduro quando se sente ameaçado, teu corpo que mesmo nunca tenha sido encostado no meu encaixa-se perfeitamente junto dele, tua alma que é tão linda, maravilhosa, delicada e perfeita que é única e somente tua e eu quero que toque a minha profundamente a cada dia, e como tudo ganhou forma, cor e toque com a sua chegada e como você transformou meu desespero em amor e como me ajudou a confortar meu coração e me conectar espiritualmente com as coisas maravilhosas que a vida pode nos proporcionar. Sim, eu sou amarga sem você ao meu lado e continuarei sendo até que as barreiras sejam quebradas e que sejam suas mãos junto as minhas me confortando e amando. A distância é sufocante, é a falta de um membro todos os dias. É como ter meu coração fazendo conexão onde quer que você esteja e preocupando-se se você está bem e também se pensa em mim quando olha as luzes da sala de aula sentindo minha falta, pois eu olho todos os dias para o teto morrendo de tédio e esperança, é um dia a menos mas que você não estará em casa me esperando quando eu chegar, você não estará fisicamente mas sei que mesmo com a vida ocupada seu coração está ligado ao meu, assim como o meu ao teu. É aquele vazio até que você chegue e meu bem, eu almejo desesperadamente a sua chegada. Cada sintoma, até mesmo quando estou extremamente irritada e você fala “vai passar, estou aqui com você”, é a prova de que amar é complicado mas amar você mesmo sendo essa montanha-russa, é a melhor de todas em que estive na minha vida.
—  Nem a distância vai nos separar.
Quando uma mulher diz “tchau”, ela espera ouvir um “fica mais um pouco”. Quando uma mulher diz “Eu te amo”, ela quer ouvir “Eu te amo mais”. Quando uma mulher diz “Meu cabelo está feio hoje”, ela espera ouvir “Seu cabelo é lindo todos os dias”. Quando uma mulher diz “Você é um bobo, um chato e eu te odeio”, ela quer dizer “Você é meu bobo, meu chato, e não vivo sem você”. Quando uma mulher está mal, ela só quer que você a abrace bem forte e que fique com ela. E o mais importante, nunca, nunca mesmo deixe de fazer com que sua mulher não se sinta única e a magoe.
—  Desconhecido.  
Ela nunca te esqueceu, moreno. Ela tenta demostrar de todas as formas que está seguindo sem você, mas a verdade é que a vida dela parou no dia que você foi embora batendo a porta. Talvez ela ainda te ame. O coração dela ainda bate acelerado toda vez que escuta o seu nome em qualquer lugar. Ela ainda espera você voltar, porque ela sabe que na verdade você nunca vai, você mesmo falava que era assim. Já pensou quantos caras dariam tudo pra ser o motivo daquele sorriso dela? Mas ele ainda é todo seu, moreno. Ela atraí tantos olhares, mas é só o seu que ela procura. Enquanto isso você continua se jogando em amores rasos, e apostando tudo em mulheres erradas, enquanto a certa está quase partindo.
—  Ainda é sobre você, moreno.
Nunca mais se viram, nunca mais se tocaram e nunca mais serão os mesmos. É fácil porque os dias passam rápidos demais, é difícil porque o sentimento fica.
—  Tati Bernardi
Não damos certo e nunca daríamos. Incrível o que seis palavras, trinta e duas letras e alguns sentimentos podem fazer. Eu queria chorar e jogar tudo isso para fora, mas não consigo, sabe porquê? Porque ainda tenho essa fantasia de contos da Disney que tudo dará certo. Que vamos envelhecer juntos, ver nossos netos e nossa linda casa com uma vista incrível, eu ainda sonho com isso. Talvez meu mal não seja enxergar que a única coisa que eu lhe trouxe foi mal e incomodo. Como você, eu não teria escolhido nunca ter te conhecido. Ter conhecido você me trouxe cor e alegria, você fez meus dias felizes e ainda faz meus sonhos completos. Eu aceito a realidade, você não está e não estará mais ao meu lado. Não vamos nos encontrar, ter netos, envelhecer juntos e apreciar uma bela paisagem. Eu sei que não sou eu quem te fará feliz, como uma pessoa que mal consegue andar sem tropeçar faria alguém feliz? Principalmente, faria você feliz? Você nunca foi perfeito, mas eu amei cada defeito seu e acolhi cada um deles com todo o amor que está dentro do meu peito. Eu sei que amor não é tudo. Você nunca foi meu mesmo que nos meus sonhos você fosse, mesmo que nos meus sonhos eu te encontrasse todas as noites, sentia seu cheiro, apreciava seus olhos e seu gosto, desde o começo fui eu e apenas eu que criou essa cena ilusória de que seria feliz pelo menos uma vez na vida.
—  Enquanto esperava você.
Eu espero que você se cuide. Que tudo se resolva e coisas boas te aconteçam. Que alguém te ame de verdade e não te deixe na primeira dificuldade. Que você consiga distinguir quem te faz bem e quem só quer o teu mal. E caso não consiga, que supere o mais rápido possível quem te decepcionou. Que você saiba perdoar quando preciso. Que não fique recordando as coisas ruins que já te aconteceram. Que perceba antes que seja tarde, que está perdendo alguém que ama muito. Que você mude, pra melhor, e que nunca mais cometa os mesmos erros. E que saiba que, aonde quer que eu esteja, vou estar muito feliz por você.
—  Milena Borges.
A gente pode morar numa casa mais ou menos, numa rua mais ou menos, numa cidade mais ou menos, e até ter um governo mais ou menos. A gente pode dormir numa cama mais ou menos, comer um feijão mais ou menos, ter um transporte mais ou menos, e até ser obrigado a acreditar mais ou menos no futuro. A gente pode olhar em volta e sentir que tudo está mais ou menos. Tudo bem. O que a gente não pode mesmo, nunca, de jeito nenhum é amar mais ou menos, sonhar mais ou menos, ser amigo mais ou menos, namorar mais ou menos, ter fé mais ou menos, e acreditar mais ou menos. Senão a gente corre o risco de se tornar uma pessoa mais ou menos.
—  Chico Xavier.
Seja um amigo

 não use, não  abandone, seja apenas aquela pessoa que segura a mão, que abraça sem pedir, que está presente mesmo ausente, nunca  esqueça que apesar do outro ser forte ainda tem sentimentos, chora,  cai, e ainda tem um coração que se preocupa com você todos os dias.

eu tenho tanto medo, medo de perceber que isso que vivo não é vida, e tenho medo de voltar a ter pensamentos suicidas, e medo de entrar novamente em depressão profunda, medo de me perder dentro de mim mesmo e nunca mais ser encontrada. 

eu estou tão amedrontada com isso, que evito pensar sobre a vida, e sobre o rumo que as coisas tomaram, evito ficar mais que cinco minutos no banheiro, que era o local que eu me cortava. evito tocar em facas e coisas afiadas. me evito. 

eu não tenho uma estrategia para enfrentar o mundo. eu não tenho capacidade de enfrentar as minhas dores. eu não sei viver. 

Dois passos no escuro e estou envolta em meu próprio ser novamente, nada tem vida ou sentido, nada aqui me entende ou me representa. Eu juro que tentei encontrar meu sentido no mundo como havia prometido a você. Tentei conhecer novos oceanos, horizontes, terras e planetas, mas em nada obtive sucesso. Juro que tentei saber quem eu era, o que eu poderia fazer ou descobrir algo novo. Tentei ser mais tua do que minha porque minha, eu nunca fui mesmo. Colei cada pedacinho meu para você, mesmo sabendo que tudo o que eu fazia tinha que ser primeiramente pensando em mim. Tenho cem jeitos diferentes de estragar tudo na minha vida e contigo não seria diferente, eu sempre soube que iria sugar toda a vida de você e que seria maçante conviver com o meu lado obscuro e sozinho. Eu não sei lidar com sentimentos e pessoas, mas também não sei lidar com o dia de amanhã sem você. Nasci para ser sozinha, mas também para ser tua.
—  Anna Paula Varella.

eu tive a súbita vontade de sussurrar ao pé do teu ouvido que eu estava arruinada

eu poderia te pedir que entendesse
poderia tentar te fazer amar ruínas assim como as ruínas da Roma são amadas
poderia tentar fazer com que você me apreciasse e me visse como uma obra de arte
mas talvez eu seja só isso
uma ruína a ser admirada
e não habitada
porque você não habitaria um lugar que não te protege da chuva
minhas paredes são bonitas, mas não te protegem do vento

e eu me sinto assim
algo a ser admirado
tocado
registrado
marcado
e nunca habitado

você me amaria mesmo se eu sussurrasse ao pé do teu ouvido como um grito de socorro que eu sou só o resto de um grande monumento que um dia já existiu?
você me amaria mesmo que eu fosse uma ruína?

O meu coração é bobo, sempre foi. Qualquer sinal, por menor que seja, de reciprocidade, ele se entrega e mergulha com tudo no buraco negro que são as pessoas, sem pensar nas consequências. E no final, esse buraco negro suga todos os sentimentos bons do meu coração e o parte sem nem olhar pra trás. E meu coração sempre sai despedaçado, sangrando e mesmo assim nunca aprende .
—  M.Ferreira
A gente pode morar numa casa mais ou menos, numa rua mais ou menos, numa cidade mais ou menos, e até ter um governo mais ou menos.  A gente pode dormir numa cama mais ou menos, comer um feijão mais ou menos, ter um transporte mais ou menos, e até ser obrigado a acreditar mais ou menos no futuro.  A gente pode olhar em volta e sentir que tudo está mais ou menos. Tudo bem. O que a gente não pode mesmo, nunca, de jeito nenhum é amar mais ou menos, sonhar mais ou menos, ser amigo mais ou menos, namorar mais ou menos, ter fé mais ou menos, e acreditar mais ou menos.  Senão a gente corre o risco de se tornar uma pessoa mais ou menos.
—  Chico Xavier.