não vou chorar

「unraveling the mystery.」

w/ @ssu-jun.

Treino finalizado, banho tomado, Jiyong fez uma leve referência ao seu treinador antes de sair da sala colocando sua mochila nas costas e um chapéu na cabeça. Geralmente o judoca apenas pegava suas coisas e ia embora almoçar porque ou comia sozinho no refeitório ou ia para casa, mas naquele dia era diferente, já que havia combinado de encontrar com Jun para comerem juntos.

Para chegar mais rápido na arena de esportes da faculdade, onde o outro estaria, o rapaz decidiu utilizar seu carro. O veículo raramente era usado, pois preferia andar a pé tanto para cortar despesas quanto para se exercitar um pouco mais, mas às vezes o cansaço era maior e não conseguia deixar de se render ao presente dado pelos seus pais. Colocando a mochila no banco de trás, sentou no do motorista e colocou seu cinto antes de dar partida e manobrar para sair do estacionamento para ir em direção ao seu destino.

A arena não era tão longe assim, então em menos de vinte minutos Jiyong estava estacionando em frente ao local. Para sair pegou apenas o seu celular, o qual utilizou para escrever uma rápida mensagem a Junhoe avisando sobre sua chegada no local. Em passos largos o coreano se dirigiu até a quadra de basquete, que não estava mais tão movimentada quanto normalmente estaria, já que o horário de treino havia se passado. Parou bem na entrada do ginásio e se encostou contra a parede, colocando uma mão no bolso enquanto a outra mexia no celular, esperando por uma resposta do jogador.