mygifs:ze:a

Eu não posso pedir pra ele voltar, Zé. Não posso simplesmente ir lá e dizer que o quero de novo. Porque sou uma confusão; uma hora eu sinto um desejo descomunal de tê-lo e em outra eu só o quero distante. Eu vivo um dilema constante, Zé, e eu prefiro sofrer sozinha, calada, esperando com o tempo tudo isso passar, do que vê-lo sofrer novamente por minha causa.
—  Tu me entende, Zé?
As vezes me bate uma saudade dele Zé. Saudade de quando tudo era puro, não havia malicia, segundas intenções. Só existia nós, as risadas, as madrugadas, as brincadeiras, os carinhos e de repente, puf. Tudo ficou pesado, tudo se tornou complicado, tudo ficou entalado e o orgulho se tornou a base. E eu corria pra você Zé. Deixei de te relatar o lado bonito do amor e comecei a te mostrar o lado feio do orgulho. Orgulho, esse é o único e principal motivo para que minhas ultimas palavras seja um adeus.
—  Entendeu Zé?