moro no rio

Essa foto talvez possa os causar o questionamento de “por que seria um amor impossível pra esse casal da foto?” Vou explicar, esse casal de mãos dadas de aliança de compromisso sou eu e meu namorado, João Vittor. Tudo começou a 5 anos atrás quando nos conhecemos virtualmente por causa de uma página no Facebook, começamos a nos falar, e logo na semana seguinte já estávamos apaixonados um pelo outro, o único problema era que além de muito novos, eu moro no Rio de Janeiro e ele em São Paulo, cerca de 6h de viagem de carro/ônibus. Devem estar pensando “legal vocês foram e se encontraram, só isso?” NÃO! Nós passamos por muitas coisas difíceis nesses 5 anos convivendo distantes, minha família não sabia por conta de eu achar que não aceitariam uma relação assim, e a família dele aceitava mas não existia a possibilidade de haver um “encontro” ou até mesmo um “futuro” com isso. Mas nós não conseguíamos desistir do nosso amor, é algo inexplicável e que só nós sabíamos o quanto era difícil mas que não era pra sempre que estaríamos longe. Então começamos a nos planejar parar tomarmos atitudes, contei pra minha família qual era a situação e os pais dele decidiram ele vir pro RJ um dia só pra conhecer um ao outro finalmente, pra ele conhecer minha família e passar mais confiança, posso dizer que foi um dia que eu jamais vou esquecer, cada segundo foi como se eu tivesse certeza de que tinhamos feito a escolha certa ao um esperar pelo outro todos esses anos. E logo na semana seguinte nós não aguentávamos mais ficar longe um do outro e eu fui pra SP, passei um final de semana na casa dele, foi completamente os melhores momentos da minha vida, minha sogra me tata como filha, até o meu sogro que é um pouco fechado gostou de mim, foi algo que nós apenas imaginávamos e mal passava pela nossa cabeça que realmente estava acontecendo. Cada beijo, cada toque, cada cuidado, eu hoje posso dizer que vale a pena esperar anos sim pelo amor da sua vida, se você ama, corre atrás, vá em frente, ninguém pode escrever a sua história além de você mesmo. E essa foi e é a minha história de amor impossível que eu sei que apenas começou! Eu te amo João Vittor