meu:dt

Quando se trata dele, eu nunca tenho respostas. Nunca sei o que devo ou não fazer, ou até mesmo sentir. Eu não sei dizer para mim o que sinto por ele. É uma confusão absurda, que me desgasta. Por algum motivo eu bloqueio tudo que tem relação a ele. Talvez seja a forma que eu encontrei de não sentir tanto, ou enlouquecer. Eu foquei tanto em ignorar meus sentimentos por medo de me magoar, que agora estou na estaca zero. Está tudo de ponta cabeça, infelizmente não sei como desembolar essa confusão em que me encontro. É assustador.
—  Ana Carolina.
Nota 01

Queria ter alguém para contar nos momentos difíceis. Sempre que me encontro a procura de alguém para me reerguer, me vejo sozinha. E mais uma vez la vou eu, catando os meus cacos, dizendo que é só uma fase ruim e que as coisas vão se resolver, sempre se resolvem. Me convencendo de que eu sou suficiente para mim, que vou conseguir segurar mais um de meus fardos sem ter que gritar por ajuda.

Nota 02

Sou uma daquelas pessoas que se fecha para o mundo, que vive rodeada de pessoas, mas que não se encaixa no grupo, que sempre acha que estar ali ou não, não irá fazer diferença alguma, que vive com sorriso no rosto para não demostrar que está tudo desmoronando.