m!da

anonymous asked:

"Bendy?"Looks like Boris was taking a nap in the break room, now he's awake and curious why Bendy is locking the door (sheeplovingcanine)

image

“Oh. …Well…”

“Good thing I locked the door~!”

Without much of a warning, Bendy rushes Boris and starts covering the wolf in kisses.

3/10

I do like that everything turns out well for everyone

But why, just, why is it that,

ALL the het couples get together or are implied to be getting together,

And the singular gay man is still left alone,

TCU fecha o cerco a parcerias da JBS com o setor público

O Tribunal de Contas da União impôs prioridade a processos relacionados às liberações de recursos de bancos públicos à JBS. A decisão foi anunciada nesta quarta-feira (24) pelo ministro Raimundo Carreiro. De acordo com o presidente do TCU, as delações premiadas do Grupo, que revelaram diversas fraudes em contratos e financiamentos de instituições estatais, vão ajudar também a esclarecer casos atualmente na pauta do colegiado.

As informações são do site do Tribunal de Contas da União.

Os relatos de executivos da JBS ao Ministério Público Federal são pivô da crise política que contaminou profundamente o governo Michel Temer, alvo de inquérito no Supremo Tribunal Federal. O peemedebista foi gravado, em conversa às escondidas, em março deste ano, no Palácio do Jaburu, com um dos donos do Grupo, Joesley Batista, na qual ouviu do empresário que o Grupo vinha pagando uma mesada de R$ 50 mil ao procurador da força-tarefa da Operação Greenfield - que investiga fraudes nos fundos de pensão - Ângelo Goulart Vilela. Em ação controlada, seu homem de confiança, o deputado afastado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) foi flagrado pela Polícia Federal recebendo uma mala de R$ 500 mil do executivo Ricardo Saud, que seria parte da propina supostamente em benefício do presidente.

Dentre os crimes confessados por empresários da JBS, além das propinas a agentes políticos, também estão irregularidades junto a instituições financeiras públicas. Parte das irregularidades é alvo de processos no TCU, que tem, em seu horizonte, o julgamento de benefícios do BNDES, da Caixa Econômica Federal, do Fundo de Investimentos do FGTS e dos Fundos de Pensão, ao Grupo JBS. Os contratos também com bancos públicos ainda são alvo das Operações Greenfield, Bullish, Sepsis e Cui Bono, cujas investigações também podem embasar questionamentos e decisões do Tribunal de Contas da União.

Durante da sessão desta quarta-feira (24) o presidente da Corte, Raimundo Carreiro, chamou atenção para as vantagens indevidas a agentes públicos e políticos, confessadas pelos dirigentes da JBS.

“Se os fatos são verídicos, precisamos identificar as fragilidades de controle que permitiram tão inúmeras operações sem qualquer alerta”, afirmou.

A Corte agora deve fazer um pente fino nas delações premiadas com o fim de identificar informações úteis aos processos em pauta, envolvendo a JBS e instituições financeiras públicas.

Segundo o TCU, o presidente Raimundo Carreiro também ‘determinou que, dentro das delações premiadas já realizadas, sejam identificadas informações que possam colaborar com as ações de controle do tribunal.

Com a palavra, a JBS

A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa da JBS, mas não obteve resposta. O espaço está aberto para manifestação.



TCU fecha o cerco a parcerias da JBS com o setor público
Most houses worth their windows have basements, and the world does too. Dark spaces under the busy rooms, lit with lightbulbs hanging by the ceiling from lonely cords at the bottom of creaky suitcases.The world keeps a great number of things down there.
—  The Girl Who Fell Beneath Fairyland and Led the Revels There by Catherynne M. Valente
Page of Rage/Escudeiro da Raiva

VOCÊ QUER BRIGAR?! PODE VIR! AMANHA TRÊS HORAS NA ESCOLA! E ele não apareceu na escola.

O Escudeiro da Raiva é alguém diz ter seu aspecto. Que tenta se mostrar de forma que pareça ameaçador, estressado, ficar zangado sem sentido apenas para se sentir assim.

Por exemplo: alguém diz que algo pode ser bom para ele e ele grita: “VAI SE FU***, EU NÃO VOU FAZER ISSO SÓ PORQUE VOCÊ PEDIU!”. E, provavelmente, ele vai tentar resolver esse problema de todas as formas menos da que você falou.

Psicologia reversa seria a forma mais fácil de convencê-lo a fazer algo: você diz que ele não pode ou não consegue arrumar o quarto e ele responde: “VOCÊ NÃO MANDA EM MIM!”. E lá vai ele arrumar o quarto feliz se achando rebelde.

Ele será um que fala muito, reclama muito, mas age pouco. Poderia ser alguém que diz que quebraria todo mundo na porrada, mas jamais teria brigado na vida.
Sua personalidade seria realmente muito rebelde e crítica. Suas tentativas de agir dessa forma envolveriam basicamente fazer exatamente o contrário do que lhe foi pedido. 

Esse estilo o torna alguém extremamente manipulável e facilmente será tirado deste estado. Isso se dá, pois ele prefere encarar a situação de outra forma, para parecer cabeça dura, ao invés de simplesmente não se envolver.

Mas no momento no qual o Page começar a se desenvolver e entender sobre psicologia reversa e que ele está sendo enganado, vamos ter alguém bastante zangado e muito motivado.

Com o tempo o personagem irá passar a perceber quando será enganado e começará a sentir raiva com justificativa, com um propósito. Ele vai aprender a debater ao invés de apenas gritar durante uma discussão e será muito bom em defender sua causa, pois seu aspecto é um dos aspectos motivadores.

E essa motivação será necessária, pois sua personalidade difícil pode fazer com que aqueles a sua volta parem de encarar sua raiva como algo sério, mas como sendo apenas mais um estresse sem necessidade desse garoto. E, no futuro, ele terá de mudar essa visão de seus companheiros sobre ele. Por conta disso ele provavelmente irá saber a ser realmente chato e insuportável para manter seu ponto contra os outros.

Sua função na sessão, como dito em nosso post, será trabalhar com o excesso de raiva na sessão. Saber utilizá-lo para fortalecer e motivar tanto a si quanto a equipe.

Ele tem que aprender quando a raiva é útil, como ganhar força e se motivar com ela, a lidar com seus medos e utilizar os medos de seus inimigos a favor da equipe.

Seus poderes se destacariam mais no godtier, mas a medida que o jogador se fortalece ele começará a usar raiva de forma cada vez mais correta. Algumas de suas habilidades podem ser:

Rage Filed (Campo de Raiva): uma habilidade aparentemente comum aos Escudeiros é um campo em volta deles coberto com o aspecto. Com este campo de raiva ele será capaz de fazer qualquer oponente sentir um medo irracional dele, impedindo que ele passe. OU talvez uma raiva irracional contra o jogador que, mesmo lhe deixando mais forte, o torna menos racional e fácil de derrotar.

Provocar: as enganações sofridas pelo Escudeiro lhe ensinaram a ser um bom enganador e com este poder ele é capaz de trazer à tona a raiva de seus inimigos, fazendo-os atacar cegamente, ou realizar algo que na verdade não querem apenas para contradizer o jogador. Enquanto para seus aliados o Page irá provoca-los a avançar, desafiá-los a continuar, motivá-los com sua raiva.

Beserker: acho que será uma habilidade muito comum entre Rage players, afinal o Beserker permite que você entra em fúria no combate, liberando toda sua raiva e atacando tudo a sua frente.

Esse pode ser um dos poucos Pages que talvez se voltar contra seu time no futuro. Mas sua mentalidade infantil e apego pelos amigos é uma das características que evita isso de acontecer.

Sua arma pode variar de algo que goste a algo que tente usar. Então pode ser um item de combate que ele use para parece ameaçador ou algo ligado a seus gostos.

O planeta no Escudeiro lhe ajudará a lidar com o excesso aspecto (sua função na sessão).

Terras de Discórdia e Natureza:
Neste planeta a lei natural do mais forte prevalece mais que qualquer coisa. As diversas tribos de Denizens e a própria fauna local passaram a brigar mais e mais entre si (e até mesmo dentro das tribos) desde que os recursos ficaram mais escassos. O Page precisa comandar todos eles, mostrando ser o mais forte para que juntos recuperem os recursos roubados pelos Denizen.

Adm C. (Seer of Mind)