lithyerices

Eu o amo. Talvez nunca diga para ele, mas isso não faz com que seja menos verdade. E quando ele me diz uma palavrinha só de carinho, parece que estou a sonhar. Amo o jeito engraçado com que ele responde às minhas perguntas e como se faz de forte o tempo inteiro. Amo até quando ele me chama de boba, mas não sabe que fico muito mais boba quando fala do futuro como se eu fosse estar presente lá. Ele ainda não sabe, mas eu amo quando, mesmo depois de já ter me dado boa noite, manda uma mensagem dizendo “já dormiu?”. Me faz acreditar que estava pensando em mim… Talvez eu nunca diga para ele, mas eu o amo. Por esses e outros motivos.
—  Refiz
Hoje, mais do que qualquer dia, eu senti vontade de te abraçar até sentir a minha alma encostar na tua. Eu senti tanta, mas tanta vontade de te ter aqui comigo que não coube em mim, rolou saudades no meu rosto, caiu saudades no meu colo.
—  Refiz