laura rocha

Não sei bem como começar a escrever pra você, sinto que as coisas poderiam ter sido diferentes se você não fosse tão idiota assim. Você vem e me conquista e depois vai embora e me deixa aqui com cara de boba, caidinha por você. Um cara que não quer nada sério, aliás, nada sério comigo. Mas como uma pessoa pode ser idiota e fofa ao mesmo tempo? Você chega com aquela carinha doce e com um jeitinho meigo que me faz pensar “aaah meu Deus! Quem me dera se fosse meu”. Abraça-me com carinho e me faz querer não te soltar mais, me faz pensar em como seria diferente se você fosse um cara sério, se você não quisesse só pegar e sair fora. Ah meu bem, eu teria feito muita coisa por você se você tivesse falado que queria ficar comigo quando eu disse que gostava de você. Se você não me quer, por que vem e me deixa louca? Por que sempre volta e me faz te querer cada vez mais? Não que eu não goste que você volte, mas é que quando você vai, meu coração chora e meu corpo chama por você. Já tentei tantas vezes te esquecer. Algumas vezes já até disse para as pessoas que eu já não gostava mais de você. Já disse pra mim mesma que você não passava de um cafajeste, mas não adiantou. Eu contínuo gostando de você, e o pior, é que do que adianta eu gostar de uma pessoa que não sente o mesmo por mim? Do que me serve poder ter sua companhia sem poder estar nos seus braços? Será que vai ser sempre assim? Você aí e eu aqui?

- Laura Rocha

5

The cast of Orange Is The New Black in the February issue of Elle magazine

  • Laura Prepon (Alex; dress: Dolce & Gabbana) and Taylor Schilling (Piper; dress: Rochas)
  • Laverne Cox (Sophia; dress: Escada), Uzo Aduba (Crazy Eyes; dress: Ports 1961), Taryn Manning (Pennsatucky; dress: Louis Vuitton)
  • Natasha Lyonne (Nicky; jacket: Louis Vuitton, pants: Alexander Wang), Danielle Brooks (Taystee; dress: Escada)
  • Taylor Schilling in a Christopher Kane dress
  • Samira Wiley (Poussey; dress: Jill Sander), Kate Mulgrew (Red; dress: her own outfit), Dascha Polanco (Dayanara; top: Tanya Taylor, pants: Ports 1961), Yael Stone (Lorna; dress: Valentino)

To cansada disso tudo, quero ficar sozinha, quero ficar longe de pessoas que me fazem mal, quero que todas as coisas ruins desapareçam, não consigo mais olhar pras pessoas e ver o quão frias elas são. Um dia elas nos amam no outro nos odeiam, um dia somos amigos no outro somos apenas meros conhecidos. Dizem que amam mesmo sem amar mas também nos odeiam sem motivos. Querem que a gente nunca erre. Não quero ser melhor do que outra pessoa, quero ser o melhor que eu possa ser, sem passar por cima de ninguém, mas muita gente não pensa assim. Querem ver a nossa tristeza e não a nossa felicidade. Querem ser juízes e nos julgar mas não se lembram que para julgar alguém antes devem se olhar no espelho e lembrar que ninguém nesse mundo é perfeito. Será que as pessoas ainda sabem amar nesse mundo onde o orgulho fala mais alto do que o amor? Onde a falsidade já faz parte de muita gente? Onde a beleza exterior vale mais do que a interior? Estou cansada de me dizerem o que devo fazer, de se meterem na minha vida, de dizerem com quem eu devo ou não ficar. Será que é melhor cuidar da vida dos outros do que da nossa própria vida? Não nos deixam mostrar o que sentimos, nossas opiniões não podem ser expostas. Vivemos em um mundo cheio de regras e os que as quebram são chamados de loucos. Será que eles são mesmos loucos ou os loucos são os que não quebram as regras?

Laura Rocha (minha-vida-e-voce)

Você tem medo de se apaixonar novamente porque fizeram você sofrer um dia. Fizeram você pensar que nunca daria certo com alguém. Dizem que os últimos serão os primeiros, mas nesse caso, eu me dei mal. Você diz que gosta de mim, mas tem medo que eu faça como as outras fizeram com você. Talvez isso seja um autodefesa, mas sei que seu coração implora por outra chance de mostrar que você pode sim amar alguém novamente. Não se feche porque algumas pessoas te magoaram, as pessoas são assim, magoam as outras e vão embora sem ao menos tentar se desculpar. Não deixe que isso te proíba de amar, não me deixe amar sozinha. 

- Laura Rocha

Se liga Frederico

Não há mais nada a se fazer. Você a teve em suas mãos, não fez nada enquanto ela ficava com você, não disse o quanto gostava dela, abriu caminho pra que ela se fosse, e assim o fez. Ela se foi. Não há mais nada a se fazer Frederico, a não ser se arrepender de não ter feito nada enquanto podia, de não ter dado o seu devido valor. 

- Laura Rocha

Se eu pedir pra você ficar você fica? Diz que fica, aproveita e diz que me ama. Se você ficar, juro que te faço carinho, juro que te mostro o quanto o amor é maravilhoso, o quanto a vida vale a pena. Se você ficar, te acordo com um beijo de bom dia e te mostro o quão bom é estar com alguém que se ama, te mostro o que você quiser, é só você dizer que fica.
—   Laura Rocha (minha-vida-e-voce)