inimigo meu

rupturado  asked:

Me conte 5 coisas que ninguém sabe sobre você. /autorias

1- Tenho crises existenciais fortes mas nunca conto.

2- Meu cabelo é um pouco calvo em alguma parte dele.

3- Eu nunca sei agir, geralmente por impulso dá certo, ou não.

4- Já criei coisas que não existem ou ao menos uma criei.

5- Levo comigo a frase “meu pior inimigo sou eu.”

Por muitas vezes lutei contra tudo e contra todos achando que os outros eram os meus inimigos, mas agora eu percebo que o meu maior inimigo estava o tempo todo em mim, os meus pensamentos, o caos que atormentava e quando eu realmente compreendi que o início da minha melhora só dependeria de mim mesmo, eu percebi o quanto a gente gosta de complicar as coisas, que podemos ver tudo com muito mais amor, basta aprender a perceber a simplicidade da vida. Passei a compreender e acreditar que mesmo chegando ao fim de mais um dia, observando o entardecer onde chega o momento em que o sol se esconde, eu sei que esse mesmo sol vai voltar amanhã e junto vem a esperança que posso tentar e fazer tudo melhor e muito mais bonito e apesar de todas as tempestades, eu sempre tenho me mantido em pé.
—  Vórtex & Giulia S.
Tudo o que me impeça de chegar à Bíblia é meu inimigo, por mais inofensivo que pareça. Tudo o que prenda minha atenção, quando deveria estar meditando sobre Deus e às coisas eternas, prejudica minh’alma. Se os cuidados da vida apagarem de minha mente as Escrituras, estarei sofrendo uma perda irreparável. Se eu aceitar qualquer outra coisa além das Escrituras, estarei sendo enganado e roubado, resultando em eterna confusão.
—  A W. Tozer
Senhor, meu Deus, em ti me refugio; salva-me e livra-me de todos os que me perseguem, para que, como leões, não me dilacerem nem me despedacem, sem que ninguém me livre. Senhor, meu Deus, se assim procedi, se nas minhas mãos há injustiça, se fiz algum mal a um amigo ou se poupei sem motivo o meu adversário, persiga-me o meu inimigo até me alcançar, no chão me pisoteie e aniquile a minha vida, lançando a minha honra no pó. Levanta-te, Senhor, na tua ira; ergue-te contra o furor dos meus adversários. Desperta-te, meu Deus! Ordena a justiça! Reúnam-se os povos ao teu redor. Das alturas reina sobre eles. O Senhor é quem julga os povos. Julga-me, Senhor, conforme a minha justiça, conforme a minha integridade. Deus justo, que sondas a mente e o coração dos homens, dá fim à maldade dos ímpios e ao justo dá segurança. O meu escudo está nas mãos de Deus, que salva o reto de coração. Deus é um juiz justo, um Deus que manifesta cada dia o seu furor. Se o homem não se arrepende, Deus afia a sua espada, arma o seu arco e o aponta, prepara as suas armas mortais e faz de suas setas flechas flamejantes. Quem gera a maldade concebe sofrimento e dá à luz a desilusão. Quem cava um buraco e o aprofunda cairá nessa armadilha que fez. Sua maldade se voltará contra ele; sua violência cairá sobre a sua própria cabeça. Darei graças ao Senhor por sua justiça; ao nome do Senhor Altíssimo cantarei louvores.
—  Salmo 7
É que eu amo me autossabotar e sempre faço isso com os meus relacionamentos. Sempre que algo começa a dar certo o medo vem e me assombra, eu fico apavorada e estrago tudo quando na verdade estou tentando conservar. Sou assim. Ansiosa e contraditória. Vivo temendo a solidão, mas afasto todos que me amam. O meu eu é o meu maior inimigo, e eu morro de medo de deixar esse meu lado sombrio acabar com a única coisa boa que eu tenho ultimamente, você.
—  Desiludiste
Eu não quero ficar sem Ti, ó Pai!
Quero que permaneça em minha vida.
Quero sentir o Teu toque suave que acalma,
Tuas palavras que me confortam em todos os momentos,
Teu amor que me transborda de alegria e alimenta minha alma.
E esse amor é suficiente.
Não preciso de mais nada.
Pois ele me sustenta e me dá forças para lutar.
Sei que nunca estou sozinha,
pois contigo eu sou forte
e meus inimigos não vencerão.
—  Fran P.

13deMaio2017 - Primeiro Dia Das Mães Sem Ela
OBS.: hoje chove cinza.

Oi vó, está me ouvindo?
Espero que sim.
Eu só queria dizer:
obrigada. Tudo que não sou é por sua culpa.
Hoje eu consigo ver e entender
Tudo o que você me falava.
Cada bronca que dava
Cada vez que dizia não
Tinha vez que não precisava
Mas quase sempre era com razão.
Antes era ruim
Mas agora eu gosto de lembrar.

E quando eu ficava doente
E todo aquele carinho
Aquele cuidado e mimo
Até o gosto ruim dos remédios
eu gosto agora de lembrar.

Lembro de quando acordava cedo
E aquele cheirinho de pão e café tomava a casa,
Mas pra mim tinha bolacha recheada, que você
Corria pro mercado todo domingo comprar
Pra ter a bolacha antes de eu acordar.

Antes
tudo o que eu queria era ser grande.
Hoje
tudo o que eu queria era que o tempo de criança fosse maior
E se eu pudesse escolher
Crescer já não estaria mais nos meus planos.
E o passar dos anos eu congelaria
Só pra ter pra sempre o dia a dia com você.

E eu lembro de cada abraço,
cada sorriso,
Cada tempestade,
Cada dia de sol
Quando me mandava levar a blusa,
Levar guarda chuva,
Tomar cuidado’
Olhar pros dois lados
E ser melhor a cada manhã.

Queria que algum desses dias retornasse
E junto com ele você.

Já faz um tempo
Que o tempo é meu inimigo sempre que trabalha junto com a saudade.

E olha, que antes eu não gostava
Quando você perguntava
Todo dia
Toda hora
Mesmo já sabendo a resposta
O que agora me pergunto
Que horas você volta?

(Ana Laura Casares)
O Senhor é a minha rocha, a minha fortaleza e o meu libertador; o meu Deus é a minha rocha, em que me refugio; o meu escudo e o meu poderoso salvador. Ele é a minha torre alta, o meu abrigo seguro. És o meu salvador, que me salva dos violentos. Clamo ao Senhor, que é digno de louvor, e sou salvo dos meus inimigos.
—  2 Samuel 22:2-4
Oi Deus tudo bem? Estou passando apenas para agradecer por tudo, minha família, meus amigos, meus inimigos, minha vida que você me deu perfeita, e que eu mesma a tornei imperfeita, queria agradecer os sorrisos, as lágrimas, a chuva e o sol , e pedir para que não fique bravo comigo por eu desistir, nåo desisti da vida, mas desisti dos sonhos, do amor, dos amigos, ë que estou cansada, me perdoa e obrigada.
—  florejus
enfia no cu a sua poesia de bosta

os poetas são meus inimigos: eu vim porque a poesia anda chata & constipada
porque os saraus são repetecos
e a humanidade só anda falando coisas que já falou antes descontextualizadamente e ininterruptamente
porra é atualmente pra lá e pra cá a tua mente foda-se sabe
Parece que a gente anda e toca new radicals de tanto êxtase
de tanto que a gente anda anestesiado
ontem um mano me disse que queria lutar em rojava,
Esses dias um poeta me disse que ler não faz diferença
que ninguém precisa de teoria e porra que lindinhoooooo
ahhh,
mas tem sorrisos e abraços e a nova cena que se sustenta
You got the music in you
Don’t give Up
e a gente juntinho sem competir sem brigar veja bem eu vou elogiar essa merda de poema porque você é meu amigo
ou não?
se for pra bater palma eu vou na frente da sua casa
se for pra concordar eu abro uma igreja
se for pra abaixar bola eu prefiro voltar pra marcar
se poesia é forma e eu tenho que ser grato pelo crediário
Pelo incentivo a consumo porque eu entrei numa faculdade
porque pintaram a porra do chão de vermelho
onde em terra de ciclovia eu gosto mesmo é de furar pneu de carro
eu prefiro deitar na BR como manda o meme e gritar sozinho como já faço
não sou obrigado a achar bonito ouvir em loop o novo hit
Só porque evoca algum aspecto lírico
Que ficou bonito cantadinho no sarauzinho
Eu ando de trem e as pessoas lá parcelam geladeiras
as pessoas não precisam ser gratas pelas suas geladeiras
geladeiras não são presentes divinos não
a gente prega a emancipação coletiva mas quer dançar a dança
acha bonito criança lendo o capital em cuba mas aqui acha besteira
e no fundo o poeta mantém a porra da estrutura funcionando porque mano sendo sincero
Ninguém entendeu o seu poema não porque ele é difícil
mas porque você não fala nada
quero mais é que foucault seja lido na favela e saia de lá a mais nova crítica
Don’t give up
You got a reason to live
sério que vai rimar asfalto com papo, sério que vai falar das nuvens sério que seu poema faz referência ao surrealismo sério mesmo que você acha que o grafite é o limite sério mesmo cara….
a minha utopia é o tensionamento final, não me dói ver um pobre com livro..
Não dói pra mim discutir assunto sério no sinal..
eu não tenho o monopólio da produção poética eu não sei o que é cult ou não eu só sei que essa porra é sua e eu vou matar cada poetinha que vier com papinho de bosta..
É isso que é fazer poesia hoje?
P a r a b ´e n s he im fera
Eu não quero essa bosta de título pra mim
Enfia no bolso e sai cantando, quer o prêmio do ano? Quer publicar no selo mais badaladão? Quer ser convidado e honrado?
Eu quero é ver o oco
não ponho um verso em baixo do outro pra receber tapinha nas costa pra ver sorriso de criança
eu não escrevo poesia pra entrar na turma foda-se a turma
Esses tempo me acusaram de tentar me aproveitar e surfar na onda
eu sou a porra do tsunami nessa merda, e se eu não destruir nada pelo menos vou incomodar
pelo menos vou encher a porra do saco até te levar ao limite
porque eu não escrevo pra alguém sentar e falar “que foda” passa pro próximo, não sou arquitetinho de palavras
eu escrevo pra vc comentar com o amiguinho
“aquele cara é um cuzão”
Sou mesmo
Mas pelo menos não sou poeta