harry styles' image

One shot Hot Niall e Harry

Pedido: Faz um do Harry e do Niall q eles conhecem a (s/n) em uma festa e eles fazem sexo a três
•Mega atrasada né, eu sei. Perdoem a demora e não desiste de mim!!
•Espero que goste 😘
•Me diga o que acharam na ask


- Vamos (s/a) vai ser legal – Karina me chamava pela décima vez.
- Não estou muito afim de sair hoje Ka, além do mais eu estou atolada de conteúdo para estudar – Falei esperando que a mesma me deixasse em casa.
- Nós vamos estudar no sábado e no domingo, e você vai sair hoje, já revisou toda essa matéria, eu passo aqui 22:00 horas – Disse saindo do quarto sem me deixar responder.

Fiquei torcendo para Karina ligar cancelando, ou algum imprevisto acontecesse, eu realmente não queria sair hoje, a semana tinha acabado comigo, e eu só queria dormir.
Nada que estava em meus planos aconteceu, e às 22:00 horas Karina estava buzinando desesperadamente em frente a minha casa, me olhei uma última vez no espelho e suspirei saindo.

- Achei que ia ter que entrar lá – Falou quando entrei no carro.
- Sabe que eu poderia ter ido no meu carro né?
- Sei, mas achei melhor vir te buscar, vai que você não aparece. – Sorriu – Está maravilhosa (s/a), vai pegar alguém?
- Você está um arraso também, e eu só estou indo porque fui obrigada – Disse e pode escutar a mesma gargalhar, me fazendo revirar os olhos em seguida.
- Tenho certeza que não irá se arrepender – Piscou.
- O que está aprontando em?
- Como você pensa mal de mim (s/a) – Fingiu ofensa – Eu não estou aprontando nada.
- Se eu não te conhecesse tão bem poderia até ter acreditado.

Xinguei Karina mentalmente, é claro que ela estava aprontando, assim que chegamos ela foi falar com Liam, seu ficante, mas ele não estava sozinho, um tal de Harry e Niall estava com ele. Estávamos conversando até ela desaparecer com Liam deixando apenas eu e os meninos na mesa.

- Ela me paga – Sussurrei virando o copo que estava em minha mão.
- Oi? – Harry perguntou.
- Nada não – Sorri.
- Você devia ir mais devagar – Foi a vez de Niall falar, enquanto eu virava outro líquido goela a baixo.
- Eu estou bem – Sorri – Vamos dançar? – Chamei os meninos, e sem deixar eles responderem, puxei os dois para a pista de dança.
Depois de vários copos de bebidas que eu ainda não tinha decifrado o que era, eu já estava muito animadinha. E só então percebi como os dois garotos eram lindos, resolvi aproveitar a situação, provavelmente não os veria tão cedo novamente.
Fui para mais perto deles e comecei a rebolar, aproveitei que Harry estava atrás de mim, colei mais seu corpo ao meu rebolando em seu membro, que logo começou a dar um sinal de vida, já Niall que estava em minha frente, passei a mão pelo seu corpo, descendo até seu abdômen e dando pequenos arranhões.

- O que você está fazendo? – Harry perguntou, e percebi em sua voz que ele não estava melhor que eu, na verdade, nenhum dos dois estavam.
- Apenas me divertindo – Disse como se fosse óbvio.
- Vamos nos divertir lá dentro – Niall disse em meu ouvido, me fazendo arrepiar.

Sorri em resposta, e fui puxada pelos meninos até um quarto, e quando dei por mim, já estava apenas de calcinha em cima da cama, com Niall chupando meus seios e Harry tirando a única peça que eu vestia.

- Acho que estou em desvantagem – Disse vendo os meninos ainda de calça. – Vou resolver isso – Sorri sacana, tirando a calça de Harry e Niall, junto com sua boxer, vendo os membros dos mesmos saltarem para fora.

Me virei, ficando de quatro, por cima de Niall, abocanhei seu membro, enquanto masturbava Harry, quando percebi que eles estavam quase lá parei, recebido um olhar de indignação dos mesmos.

- Eu sou toda de vocês hoje, podem fazer o que quiserem. – Disse sorrindo maliciosamente.
- Não devia ter falado isso – Harry disse invertendo as posições e ficando por cima.
- Vai se arrepender do que disse – Niall falou.

Niall foi até minha intimidade, e me penetrou dois dedos, gemi alto, Harry chupava meus seios, enquanto eu puxava o cabelo do mesmo.
Harry e Niall trocaram de lugares, enquanto Niall massageava meus seios, Harry me chupava, quando estava prestes a ter um orgasmo, eles pararam e gemi reprovação
Niall e Harry se levantaram pegando uma camisinha cada um, antes que eles pudessem colocar os impedi, colocando neles com a boca. Puxei Harry para deitar, e me sentei em seu membro, cavalgando, ao mesmo passo que ficava de quatro para Niall me penetrar por trás. Os gemidos ecoavam por todo o quarto, e íamos mais rápido, gozamos juntos, caí exausta sobre a cama, enquanto os meninos iam se livrar da camisinha.

- Foi a melhor transa de todas – Disse.
- Você foi a mais gostosa que já comi – Harry falou sorrindo.
- Garota, foi a única que me deixou realmente satisfeito – Niall disse se deitando ao meu lado.
- Eu realmente estou satisfeita, mas acho que poderíamos tentar em outras posições. – Sorri maliciosamente para eles.

Sem nem responder, eles tomaram o controle da situação, com certeza essa seria uma noite muito longas, se iria me arrepender no outro dia? Talvez, mas nesse momento, não estou arrependida nenhum pouco.

-Isa

Monday 8:27am
I woke up with you on my mind.
You called me babe last night —
my heart is still pounding.

Tuesday 10:53pm
Today I realized we won’t work.
What we are is hurting her.
And I think she matters more to me than you do.

Wednesday 11:52pm
I broke things off with you today.
She barely said a word.
I’ve never regretted anything more than this.

Thursday 4:03pm
I shouldn’t have sent that message.
You shouldn’t have been so okay with receiving it.

Friday 9:57pm
I almost messaged you today.
I didn’t.

Saturday 8:49pm
I’m walking around town in search of alcohol.
They say that liquor numbs the pain of having a broken heart.
I want to put that to the test.

Sunday 2:32am
I heard you texted a girl you’ve never spoken to before.
I wonder if it’s because you’re trying to replace me.
I can’t help but wish you weren’t.
I thought I was irreplaceable.

—  a week with you on my mind, c.j.n.
Move on, leave, run away, escape this place… but don’t forget about me, about us, about this town. Always remember where you come from so you can appreciate how far you’ve come.
—  c.j.n.