guarda ressentimento

Ei! Ouça:

Amar não tem fronteiras, não. Não tem limitação. Não tem distâncias, impedimentos. Não tem “é que eu não consigo” e muito menos essa de “fulano não facilita”. Eu tô falando de amor ao próximo. A gente não tem que amar só quem julgamos ser dignos ou só quem queremos amar, não. Se fosse assim, Jesus não nos amaria tanto. Porque se tem alguém que não merece, somos eu e você. Então não tem essa de colocar limites no amor, viu? É pra amar todo mundo. Uhum, o mundo todinho. E é um passo de cada vez. Comece amando seu vizinho, seu parente, seu irmão lá da igreja que você mal dá a paz. É difícil? Ah mas te amar eu acredito que não seja tarefa fácil não, e Jesus não tem falhado nisso, né? Ele nos pediu pra sermos iguais a eles. Comece a amar aí. Não é pra amar só quem é fácil de ser amado, mas quem é difícil também. Com todos os nossos pecados, acredito que não seja fácil nos amar. Mas até um sacrifício foi feito por nós. Por amor. Se sacrifique aí um pouquinho, em nome do Amor. Por Deus em primeiro lugar e por seu próximo também. Quem não ama não conhece a Deus. Só pra lembrar. Quero lhe vexar não, viu? Quero te ajudar a ficar pertinho de Jesus. Porque Ele é muito lindo. E eu quero que você veja e sinta essa beleza toda. Peça a Ele pra te ajudar nessa missão de amar, Ele é expert nisso. Vai, pro seu bem, comece a amar esta pessoa a quem você guarda algum ressentimento, rancor. Essa pessoa que te magoou. Ou essa pessoa que você simplesmente “não vai com a cara”. Comece a amá-la aí. Decida amar. Tenho certeza que vai te fazer bem. É o que Deus espera de você e você sabe. Ame.


De verso e alma, para Ele.

Sinto saudades

Não sou esse tipo de pessoa que se vinga, que guarda ressentimentos, que deseja o mal. Tenho um coração mole, falo sério. Choro com filmes de animais e peço desculpas até quando não tenho culpa. Queria que você lembrasse dessas coisas e lembrasse também que quando parti não foi com a intenção de te magoar. Eu era uma bomba relógio prestes explodir mas você não sabia disso. Nunca quis te magoar, nunca quis te fazer sofrer, nunca quis o nosso fim. Eu esqueceria meu orgulho quantas vezes fossem necessárias pra te pedir desculpas por aquela noite. Mas a verdade é que eu sou um caos, não sei lidar com as coisas que tenho nas mãos sempre vejo elas escorrerem pelos meus dedos e você foi uma delas. Eu sinto muito.