foi 2012

unicorniolerdo  asked:

Melhor período do tumblr foi 2011-2012 mano, de longe. Foi em 2013 que começou a ficar chato, eu fiquei 3 anos sem entrar mas bateu saudades e voltei ano passado.

verdadeeee, a era 2011-2013 não tem igual, saudades eternas ❤

Oi.
Sou seu ex.
Na verdade você é meu ex.
Ex é aquele que antecede.
Sou o seu ex, do ex, do ex, do ex. Se é que isso realmente existe.
Depois de mim você namorou três ou quatro vezes, acompanhei tudo secretamente pelas redes sociais.
Começamos a namorar em 2012 e terminamos no mesmo ano.
2012 foi um ano maluco, não é mesmo? O mundo iria acabar. E não acabou. Nosso namoro, esse sim, acabou. Eu cheguei a pensar que a minha vida também fosse acabar, mas veja só: 2015 chegou e eu ainda estou aqui. Profecias erradas.
Namoramos poucos meses.
Você me fez tão feliz.
Nunca havia me apaixonado tanto.
Eu dormia sorrindo e acordava com um sorriso ainda maior.
Você era o meu primeiro e meu último pensamento do dia.
O nosso primeiro beijo arrepiou a minha alma e você perdeu o fôlego, lembra?
Você tão incrivelmente lindo.
Você tão incrivelmente seguro.
Você.
Só você.
Mas aí você me traiu.
Me traiu com um colega de trabalho.
Me traiu com um colega de trabalho qualquer.
E me destruiu.
E foi embora.
Partiu sem se importar.
Frio.
Calculista.
“Homem foge sem prestar socorro.”
Manchete no jornal da vida.
Da minha vida.
Que já não tinha mais sentido.
Eu eu fiquei em estado de choque.
E comecei a fumar.
E bebia pra não lembrar.
E fumava pra tentar me acalmar.
E bebia porque eu lembrava.
E fumava porque não esquecia.
E bebia porque não me acalmava.
E fumava cada vez mais.
E bebia pra tentar esquecer.
E não esquecia.
E não me acalmava.
Então comecei a sair.
Meus amigos me arrastaram pra balada.
E eu te reencontrei por lá.
E você estava tão feliz.
E você estava tão lindo.
E eu só queria te abraçar e dizer:
- Tudo bem eu te perdoo, errar é humano, vem aqui, vamos tentar outra vez.
Mas você abraçou outro cara.
E beijou esse cara.
NA-MINHA-FRENTE.
E me destruiu novamente.
E eu bebi e fumei ainda mais.
Porque me traiu com o seu colega de trabalho se não tinha intenção de ficar com ele?
Me traiu só por trair?
Quem é esse cara que você está beijando?
Eu tinha tantas perguntas pra te fazer.
Eu tinha tanta dor dentro de mim.
Eu estava tão frágil.
E passei a ter raiva.
E um dia você me ligou.
Eu ouvi a sua voz.
E a raiva passou.
Mas você só perguntou pelo seu óculos.
Que não estava comigo.
E desligou.
E começou a namorar com outro cara.
Que não era o colega de trabalho, nem o cara da balada.
E você estava tão vivo.
E encheu o instagram de fotos.
E legendou as fotos com palavras de amor.
E terminou o namoro.
E encheu o instagram com fotos na balada.
E começou a namorar com uma outra pessoa.
E o ciclo era sempre o mesmo.
E eu fui murchando aos poucos.
Fui morrendo lentamente.
Tive que focar no trabalho.
Pra não morrer por inteiro.
E trabalhei muito.
E fui promovido.
Uma. Duas. Três vezes.
E só trabalhava.
E te acompanhava de longe.
Acho que gosto de sentir dor.
SADOMASOQUISMO.
E dispensei tanta gente que queria ficar comigo.
Tanta gente legal.
Vesti um escudo.
Achei que todas as pessoas eram igualmente maldosas.
Maldoso como você foi.
Comigo.
E com o cara depois de mim.
E com o outro cara, depois do cara depois de mim.
E vi algumas pessoas querendo cuidar de mim.
Teve um que chorou e disse que queria me fazer feliz, pediu permissão.
E eu disse não.
E de tanto dizer não.
Acabei dizendo sim.
E eu já não fumava mais.
E eu bebi, mas dessa vez foi pra brindar.
E eu me senti amado.
De verdade.
Pela primeira vez.
E me senti feliz.
E me peguei sorrindo sozinho.
Sorriso bobo.
E voltei a amar.
E não era você.
Verdade. Reciprocidade.
E você foi acabando dentro de mim.
Até acabar por inteiro.
E eu passei a dar risada sobre tudo o que aconteceu.
As pessoas me diziam que um dia eu iria rir disso tudo.
E eu ri.
E eu te reencontrei na balada.
E não senti nada.
Olhei pro meu namorado e vi um abismo entre você e ele.
Eu só desejei que a tua maldade e que a maldade do mundo nunca atinja quem agora eu amo.
E que ele nunca se corrompa por tão pouco.
Como você se corrompeu.
Que o mundo é sujo eu sei.
Você me mostrou.
Mas é possível sair ileso, basta ser bom. Basta ser do bem, meu bem.
E você me viu feliz com outro alguém.
E me mandou mensagem.
Disse que eu estou bonito.
Que o tempo me fez bem.
E fez mesmo.
E você pediu pra voltar.
Disse que se arrependeu de tudo e que sente muito a minha falta.
Disse que eu fui o único que realmente te amou de verdade.
Há 1 ano atrás eu correria pros teus braços.
E te dava todo o meu amor outra vez.
Hoje eu te deixo esse e-mail.
Que é a única coisa que eu tenho pra te oferecer.
Fica bem e seja feliz.
A gente só vive uma vez.
Aproveita ao máximo.
Aproveita com verdade.
Uma vida de verdade.
Um amor de verdade.
Pra não ter uma vida vazia.
Tchau.
—  Rafael Koerich.
Nações olímpicas : 1º parte. Grécia, Alemanha, Argentina e outros 11 países.

Há uma semana do início das disputas de medalhas, conheça o histórico dos 206 países que disputarão a Rio 2016: Medalhas, ídolos olímpicos e principais atletas da atualidade. Numeração de acordo com a ordem do país no desfile de abertura.

1- Grécia- participou de todas as 27 Olimpíadas : 30 ouros,42 pratas e 39 bronzes. Foi 2º em 1896, na 1ª edição. Ficou em 15ª em 2004 quando sediou. Desde 2004 não conquista um ouro. Principais esportes: o atletismo e o levantamento de peso deram 6 ouros aos gregos. Nome histórico: Pyrros Dimas, do levantamento de peso- 3 ouros e 1 bronze entre 1992 e 2004. Como foi em 2012: só 2 bronzes.

Principais esperanças de medalha na Rio 2016:

Eleftherios Petrounias- Ginástica Artística ( foto): atual campeão mundial nas argolas.  Ilias Iliadis- judo 90kg : Tricampeão mundial em 2010, 2011 e 2014, campeão olímpico em 2008 e bronze em 2012. Spyridon Gianniotis- maratona aquática -campeão mundial em 2011 e 2013.

2- Afeganistão-
13 participações:  2 bronzes obtidos por Roullah Nikpai do taekwondo em 2008 e 2012. Principal atleta: Mohammad Bakhshi do judô, nos 100kg.

3- África do Sul-
18 participações: 23 ouros, 26 pratas e 27 bronzes. Os esportes que mais deram ouros foram o natação,o atletismo e o boxe com 6 cada. Nome histórico: a nadadora Penelope Heyns que venceu em 1996 e 2000 no nado costas. Como foi em 2012: 23º lugar com 3 ouros, 2 pratas e 1 bronze. Principais esperanças de medalha na Rio 2016:
Chad Le Clos-
nadador das provas de 100 e 200 borboleta:  bicampeão mundial dos 100 borboleta. Um ouro e uma prata na Olimpíada 2012.

Wayde Van Niekerk- atual campeão mundial dos 400 metros  do atletismo. Equipe masculina de rugby sevens: vice campeã das 4 últimas temporadas da World Series.

4- Albânia-
7 participações e nenhuma medalha. Principal atleta na Rio 2016: Briken Calja, 8ª lugar no mundial de levantamento de peso, 69kg.

5- Alemanha -
Seguindo os critérios do site do COI, 15 participações ( de 1900 a 1952 e de 1992 até hoje). Não leva em consideração o período em que houve a divisão  como Alemanha Oriental e Ocidental. São  174 ouros, 182 pratas e 217 bronzes. Campeã em 1936. Principal esporte é a canoagem com 28 ouros. O hipismo  tem 23 ouros e o remo 21. Nome histórico: Ludger Beerbaum, 4 ouros no hipismo. Como foi em 2012: 6 º lugar, com 11 ouros, 19 pratas e 14 bronzes. Destaques para a Rio 2016:
Equipe de hipismo CCE:
venceu as duas últimas Olimpíadas  
Marco Kosh- natação:
campeão mundial dos 200 peito e prata em 2013
Sebastian Brendel ( foto)- canoagem:
atual campeão olímpico no C1 1000



6- Andorra- 10 participações e nenhuma medalha. Principal atleta na Rio 2016: Esther Barrugués, do tiro esportivo, prova de carabina 10 metros. 

7- Angola -  8 participações e nenhuma medalha. Destaque na Rio 2016: Equipe de handebol feminino.

8- Macedônia- 5 Olimpíadas e 1 bronze em 2000 com Magomed Ibragimov, na luta. Principal atleta na Rio 2016: Nina Balaban do tiro esportivo, pistola de ar 10 metros. O COI considera o nome Antiga República Iugoslava da Macedônia, por isso ser o 8º a desfilar

9- Antígua e Barbuda- 9 participações e nenhuma medalha. Destaque na Rio 2016 : revezamento 4x100 masculino do atletismo, 6º no último mundial

10- Arábia Saudita- 10 participações, 1 prata e 2 bronzes.  Duas medalhas de bronze  foram no hipismo saltos, em 2000 e 2012.  A prata veio com Hadi Al Somaily, nos 400 com barreiras do atletismo em 2000. Destaque na Rio 2016:  Atallah Alanani,  pistola de ar de 10 e 50 metros.

11- Argélia - 12 participações:  5 ouros, 2 pratas e 8 bronzes. Só ganhou medalhas no atletismo,  boxe e judô. Principal nome da história:  o pugilista Hocine Soltani ganhador de um ouro em 1996 e um bronze em 1992. Em Londres 2012 um ouro com  Taoufik Makhloufi nos 1500 metros do atletismo. Ele competirá novamente no Rio. Destaque para 2016: o pugilista Mohamed Flissi, duas medalhas nos mundiais de 2013 e 2015, nos 49kg.

12- Argentina- 23 participações: 18 ouros, 24 pratas e 28 bronzes. O Futebol foi bicampeão olímpico em 2004 e 2008. Como foi em 2012: 1 ouro com Sebastian Crismanich do taekwondo, 1 prata e 2 bronzes. Destaques na Rio 2016:
Paula Pareto- judô 48kg-campeã mundial em 2015 e vice em 2014.
seleção masculina de futebol, que já tem 2 ouros olímpicos
seleção feminina de hóquei sobre grama: campeã da Liga Mundial 2014/2015 e prata em Londres 2012

13- Armênia- 5 participações- 1 ouro, 2 pratas e 9 bronzes. Todas as medalhas na luta, levantamento de peso e boxe. Nome histórico: Armen Nazaryan, ouro em 1996 na luta greco-romana. Em 2012:  1 prata e 2 bronzes. Destaque na Rio 2016:  Artur Aleksanyan, nos 98kg da Luta Greco-Romana,  bicampeão mundial da categoria. 

14- Aruba- 7 participações e nenhuma medalha. Destaque na Rio 2016:  a dupla da classe Nacra de vela,  Nicole van der Velden/ Thijs Visser , 7º lugar no mundial 2015.

6

Usuário do Tumblr em Destaque: Pedro Gabriel

Blog: eu me chamo antônio

Primeira Postagem: Outubro de 2012

Pedro já foi chamado de “poeta visual” por conta dos escritos em guardanapos que ele vem criando desde 2012. Os tais guardanapos já renderam dois livros, um deles com 150 mil exemplares vendidos. Tanta desenvoltura com a língua portuguesa não faz ninguém desconfiar que ele só aprendeu o idioma de Camões aos doze anos, quando se mudou de um pequeno país africano para o Brasil. Publicitário de formação, Pedro hoje vive exclusivamente do trabalho que criou lá em 2012. Um privilégio para poucos.

Conta para gente como as ilustrações nos guardanapos começaram?

Foi em 2012. Eu estava voltando para casa depois de um dia cansativo de trabalho. Resolvi parar para tomar um chope num bar pertinho do ponto de ônibus. Eu sempre tive o hábito de anotar todas as minhas ideias em um caderninho de bolso, mas, naquele dia, havia esquecido o caderno. A única plataforma que eu tinha para escrever era a pilha de guardanapos no balcão. Comecei a rabiscar algumas coisas de forma espontânea, sem pretensão alguma. Gostei do resultado e decidi fotografar para ter um registro das minhas criações. Assim nasceram as minhas primeiras poesias nos guardanapos.

Keep reading

DIMANCHE C’EST LA SAINT NICOLAS (pour une partie des français tout du moins….)

Vous savez ce que ça signifie…

DU PAIN D’EPICES

DES CLEMENTINES

DES MANNELE (si toi aussi tes ancêtres sont alsaciens tape dans tes mains)

DES BREDELE FAITS MAISON 

ENCORE PLUS DE PAIN D’EPICES (les fortwenger je vais galérer à en trouver en Bretagne tiens)