fernanda dias

E você chora noite após noite, sofre, senti falta. Os meses passam nessa rotina que parece não ter mais fim, até que um  dia você se dá conta que já não machuca como antes, um belo dia se pega sorrindo por algum motivo e se dá conta que passou, que não sente mais falta, a dor foi embora e você enfim esta pronto para um novo capítulo na sua vida.
—  Nanda Marques
youtube

Setting up Tadashi to be Sunfire…

After “Big Hero 6 “ I had to move on. But now,

look what Stan Leen made me do XD!

Amigo é muito mais do que alguém pra conversar, alguém pra abraçar. Amigo é uma bênção que vem do coração de Deus pra gente cuidar. É assim que você é pra mim como uma pérola que eu mergulhei pra encontrar. É assim que você é pra mim, um tesouro, que pra sempre eu vou guardar. Amigo, eu nunca vou desistir de você e pela tua vida eu vou interceder, mesmo que eu esteja longe, meu amor vai te encontrar. Porque você: É impossível de Esquecer. Eu acredito em você, eu acredito nos sonhos de Deus pra tua vida, amiga. Eu oro por você porque a tua vitória também é minha.
—  Impossível de Esquecer - Fernanda Brum e Eyshila

copicmarkersniffers  asked:

Could you possibly compile a list of these different artists? Because I'd love to their work!!!

Tbh I lost some on Deviantart, rest in piece.

@illustraice
​ 

@yuumei-art 

@i-fernanda-dias 

@sugarmint-dreams 

Glorious Ryan  

Nanomortis 

Tokyogensou

@ming85

just a few of the really old, and new artist I admire, I bet you know part of them, I put yuumei because I admire her so fuking much honestly I forgot some artist as I said…It’s been years, and my awful memory doesn’t help for names, but I still have mental images of beautiful art, I will try to find them.

Amor de outras vidas-capitulo 22

Fomos para o quarto e tínhamos muita pressa, já havia tirado a minha roupa, ficando apenas de peças intimas, mas não era desse jeito que eu planejava para a nossa vez, eu queria ir com calma, sem misturar as coisas, os nossos toques eram de saudade, mas não éramos as mesmas pessoas.

Van:
Espera um pouco Clara…(ofegante) 

Clara: O que houve?(estranhando)

Van: Não me leve a mal…(se levantando) mas não é assim que eu planejei.

Clara: Não sabia que essas coisas se planejavam.(suspirando)

Van: Olha, eu sei que é meio broxante,  parar dessa forma, e você e o bando de sapatas que estão esperando por isso podem ficar muito bravas comigo por isso.(a encarando) mas eu gosto de você de verdade, e não quero apressar as coisas, nós estamos nos conhecendo.

Baita banho de água fria, mas a entendi perfeitamente a sua posição, e achei fofo o jeito dela de dizer que gostava de mim, era tudo o que eu precisava ouvir, e se aquele momento tinha que ser adiado, eu não iria forçar a barra, iríamos com calma.

Van:
Me desculpa…(sem jeito)

Clara: Não precisa se desculpar.(sorrindo) concordo com você, vamos ir com calma, tempo pra fazer isso nós teremos.

Van: Mesmo?(surpresa)

Clara: Sim, estamos ficando, estamos nos conhecendo, nos curtindo, porque atropelar as coisas?

Van: Agora tudo faz sentido…(sorrindo)

Clara: Como?(confusa)

Van: Nada não…(sorrindo)

Ficamos o restante da manhã apenas de namorico no quarto, quando as coisas começavam a esquentar, parávamos, conversamos sobre diversos assuntos, que me fizeram conhece-la um pouco mais.

Van:
Tenho que ir…(suspirando)

Clara: Não vai não…(desanimada)

Van: Não é o que eu quero, juro…(suspirando) mas preciso ir para a empresa, ficarei fora por dois dias, preciso agilizar umas coisas.

Clara:Verdade….(desanimada) mas eu vou com você.

Van: Negativo! O medico te deu um dia de repouso.

Clara: Mas Van eu estou bem!

Van: Clara, recomendações medicas…

Lu: Chegueeeei..(batendo a porta) tão transando? 

Clara: Ai Deus…(corando)

Van: Estamos empata.(rindo)

Clara: Vanessa!(arregalando os olhos) 

Lu: De roupa?(abrindo a porta do quarto)foram rápidas hein.

Clara: Não estamos fazendo nada Lu.(envergonhada)

Lu: Porque são trouxas.(tirando a blusa)vou me trocar aqui, você continuem o que estavam fazendo, e não precisa ficar com ciúmes não ta Clarinha, Vanessa ja me viu até pelada.

Van: Vocês dividem o mesmo quarto?(enciumada)

Clara: Lu tem medo de dormir no dela.

Lu: Que Mané medo o que, durmo aqui porque a noite gosto de te bulinar.(rindo)

Clara: Luana!(cobrindo o rosto)

Lu: É zoeira Van.(rindo) adoro fazer isso! É porque no meu quarto tem baratas, mas a Van também dormia com a May, está tudo em família.

Longe dali…

May:
Edu, o que você acha?(lhe mostrando)

Edu: Sei não hein…(pensativo) faz sentido, porém, é delicado pensar nisso.

May: Só tem um jeito de descobrir.(pensativa)

Edu: May, acho melhor não se envolver nisso.

May: Me da até amanhã.(suspirando) se eu não conseguir nada mesmo, nós viajamos quinta, pode ser?

Edu: Fechado, e vou te ajudar.(animado)

(Na empresa)

Thais:
Até que enfim chegou.(impaciente) 

Van: Boa tarde Thata…(lhe dando um beijo) chata!

Thais: Como foi lá?(curiosa)

Van: Como assim?(confusa)

Thais: Você…a Clara…sozinhas…(maliciosa)

Van: Não rolou!(indo para seu lugar)

Thais:
Como não?(indignada)vocês não estavam sozinhas?

Van: Estávamos, mas não fui até lá com essa intenção Thais.

Thais: Mas gente, o que ficaram fazendo?

Van: Um monte de coisa.(sorrindo) 

Thais: Achei que você tinha machucado o dedo em algo produtivo.(sentando-se) francamente Vanessa.

Van: E VOCÊ o que ficou fazendo?(mudando de assunto)

Thais: Nada, o Junior foi lá em casa hoje.(revirando os olhos)

Van: Se acertaram?

Thais: Não…(cruzando os braços) decidi que não o quero mais, e homem nenhum.

Van: Radical..(rindo)

Thais: E tem mais, quero que você me ajude.

Van: Ajude em que…?

Thais: Quero virar lésbica.(destemida)

Van: Em que??(rindo) 

Thais: Não ri Vanessa.(séria) eu não estou brincando.

Van: Virar lésbica Thais? Ta me zoando?(rindo)acha que é bagunçado assim…

Thais: Sei que não é, mas li em uma revista que muitas mulheres heteros, se descobrem depois.(explicando) e eu quero me descobrir.

Van: E pra se descobrir, você precisa da minha ajuda.(arqueando as sobrancelhas)

Thais: Sei lá Vanessa!(irritando-se) lesbicas são mais resolvidas, mais liberais, mais felizes…

Van: Nem tanto assim viu, tem cada caso que parece novela mexicana de tanto drama.

Thais: Ta, mas eu posso tentar, ou vai fazer a egoísta? Prometo que não vou ser concorrência pra Clara.

Van: Ai Thais…(rindo) desculpa mas não tem como não rir de algo assim.

Thais: Ta bom Vanessa!(se levantando) fica ai rindo, eu vou fazer isso sozinha.

Van: Thata…(rindo) volta!

Thais: Tchau Vanessa!(batendo a porta)

O restante da tarde foi de total tédio, aproveitei para tentar estudar um pouco, mas estava muito difícil concentrar, a todo momento eu pensava em Vanessa, resolvi ligar, mas não queria atrapalhar, deixei para lá e aproveitei para ligar para Edu.

Edu:
Oi Clarinha…

Clara: Edu…(sorrindo)cadê a alegria em falar comigo, você ja foi melhor!

Edu: Claro que estou feliz meu amor, é só que eu não esperava.

Clara: Ihhh, o que foi?

Edu: Foi nada…(pigarreando) como você esta?

Clara: Estou bem, apesar de algumas terem acontecido.(suspirando)

Edu: O que houve? Como está o Max?

May: Que foi?(preocupada)

Edu: Você passou mal?(estranhando) como isso?

Clara: Não sei explicar Edu, só passei.

Contei tudo o que havia acontecido a Edu, ele parecia estar diferente, mas como ele disse que estava bem, preferi não insistir, ele não era do tipo que escondia as coisas, mas era estranho a forma como o mesmo estava agindo.

Edu:
Viado, to todo arrepiado.(estranhando)Isso é coisa espiritual não acha não?

Clara: Sei lá Edu…(pensativa) mas agora estou bem!

Edu: Isso é ótimo…

May: Chegamos…(sussurrando)

Edu: Amor, eu vou desligar aqui, porque tenho que trabalhar, depois conversamos esta bem?

Clara: Ta trabalhando na terça agora?(estranhando)

Edu: Ér…(pensativo) eu troquei a folga.

Clara: Mas a boate não abre na terça.(estranhando)

Edu: Agora abre, olha Clarinha, vou desligar, depois te ligo.(desligando)

Clara: Ta bom be…(olhando o visor) desligou!

May: O que houve com a Clara?

Edu: Vamos indo que te conto no caminho.

Clara e eu ficamos conversando pelo telefone a noite toda, logo a quarta feira chegou, sem muitas surpresas, tivemos uma breve reunião, e preparamos tudo para aquilo que seria a grande apresentação do nosso projeto. Além de Clara, Paula e Fernanda iriam,  essa ultima deixou Clara um pouco apreensiva, tive uma conversa muito séria com Fernanda que prometeu manter o profissionalismo.

Max:
Vo viaja oh…(mostrando pra Lu)

Lu: To vendo amor, e a chata da Clara não deixa eu ir.(fazendo bico)

Max: Deixa Caia.(bravo)

Clara: Lu, sua irmã vai ficar muito brava se descobrir que você faltou 2 dias seguidos na faculdade, além do mais o seu pai está aqui né!

Lu: Pra ele eu estou com conjuntivite.(arqueando as sobrancelhas) além do mais a May esta no fim do mundo, não precisa saber, eu não conto, você não conta e o Max…

Max: Não conto não…

Lu: Meu garoto!(rindo) vai Clarinha, olha eu posso ficar cuidando dele, afinal você vai precisar de alguém.

Clara: Luana…você mesma disse que ta estourada em faltas.

Lu: Sim, logo não tem mais o que fazer.(a agarrando) Clarinha, deixa.

Max: Clainha…(pulando em seu pescoço) deixa.

Clara: Ai vocês dois hein…(revirando os olhos)Ta eu deixo.

Lu: Aee Max…(animada) toca ai.

Clara: Mas já aviso aos navegantes, estou indo trabalhar e quero a colaboração dos dois.

Lu: Prometemos né Max…

No dia seguinte combinamos todas de estar no aero as 11:00, Vanessa disse que chegaria uns 15 minutos de atraso, e foi isso que aconteceu, assim que Lu e eu chegamos, Paula e Fernanda já nos esperava.

Lu:
Aquela embuste vai também.(rindo)

Max: Kkkkkk

Clara: Luana e Max….(os repreendendo) não comecem.

Paula: Clarinha…(a cumprimentando) Bom dia!

Clara: Bom dia Paulinha…(sorrindo) bom dia Fernanda.

Fernanda: Bom dia!(sem tirar atenção do celular)

Clara: Chegaram faz tempo?

Paula: Não, chegamos agora também.

Fernanda: Vem logo Vanzinha, estamos esperando.(áudio) 

Paula: Van ta vindo?(sem entender a maldade)

Fernanda: Sim, falei com ela a madrugada toda..(sorrindo)

Lu: Vai falar nada não.(cutucando Clara)

Clara: Porque falaria?(dando de ombros)sei que ela está mentindo.

Lu: Clara também falou com a Van, inclusive as duas conversaram por ligação, o que é melhor.(provocando)

Clara: Segura a onda Luana.(a repreendendo)

Fernanda: Tem pessoas que apelam pra tudo né, o que uma promoção não faz.

Clara: Engraçado, quem foi que apelou e tentou trapacear por essa mesma vaga?(retrucando)

Fernanda: Tudo no seu tempo.(sorrindo irônica)eu ainda vou mostrar quem é quem aqui…

Paula: Gente, eu to perdendo alguma coisa?(confusa) vocês estão falando do que?

Lu: Esses dias em São Paulo será maravilhosos.(rindo)

Thais: Bom dia gente!(falando alto)

Lu: Eita chegou a doida.(assustando-se)

Todas: Bom dia…(tensas)

Thais: Nossa, só eu animada.(sentando)que climão é esse?

Van: Bom dia gente!(sorrindo)que foi?

Fernanda: Nada não Vanzinha.(indo até ela) bom dia!

Van: Bom dia Fernanda.(desviando e indo até Clara) bom dia linda.(lhe dando um selinho)