eu sei kkkkk

Reações dos paqueras se a Docete quisesse terminar o namoro

Armin: Você tá querendo terminar comigo porque eu dou mais atenção para o videogame que para você? Que absurdo! Hahaha. Você está brincando, não é? Isso é uma pegadinha… Só pode ser… *não aceita tão cedo a decisão da Docete*

Castiel: Agora que estamos sozinhos e sem a interrupção de ninguém, a senhorita pode parar com a palhaçada e me dizer a razão de querer terminar comigo… Que ideia maluca é essa? Do nada você decide isso?! Sem desculpas. Aja como uma mulher e seja sincera comigo. *não deixa a Docete em paz enquanto ela não for totalmente sincera com ele e dizer os motivos reais de ter tomado tal decisão*

Kentin: Não, não. Claro que isso não é verdade! Eu faço tudo por você! Deixei de comprar a pelúcia do Pokémon porque você estava louca por aquele colar, eu fui lá e comprei. E agora você tá querendo terminar comigo? Não, não pode ser. *não consegue entender a razão do término se ele sempre fez de tudo para fazer a Docete feliz*

Lysandre: Eu não consigo entender por que você quer terminar o nosso namoro. Estávamos indo bem, não era? Eu não estava te fazendo feliz? Fiz algo de errado? Você não gosta mais de mim? *totalmente perceptível o quanto está sofrendo*

Nathaniel: Ok, ok, ok… Vamos ter uma dr aqui antes que eu enlouqueça. Vamos, diga as suas razões para tal decisão… Então você tá me dizendo que tá cansada de eu te cobrar tanto com os estudos? Eu tô tentando te ajudar, Docete! *faz questão de uma discussão de relacionamento antes de qualquer coisa*


Viktorie~

Reações dos paqueras se a Docete derramasse suco na roupa deles

Armin: Ah minha camisa nova, Docete… E ainda é suco de goiaba, eu nem gosto de goiaba… *nojin master*

Castiel: Tonta, é isso que você é! Não enxerga por onde anda, não? Sujou a minha camisa toda!

Kentin: Ahhhh! É hoje que eu morro. Se essa mancha não sair da minha roupa, mamãe me mata. E agora, Docete, me ajuda!

Lysandre: *Minha camisa feita de material importado que comprei exclusivamente para fazer ela… E paguei caro… Mas tá tudo bem, Lysandre, tá tudo bem… Acidentes acontecem e a Docete não fez isso de propósito…*

Nathaniel: Não precisa se preocupar, Docete, é apenas suco, deve sair quando eu lavar, não é? Eu espero que sim… *tenta não se estressar para não deixar a Docete pior do que ela já aparenta estar pelo que fez*


Viktorie~

Ela liga para ele...
  • Ela: Alô?
  • Ele: Estou te ouvindo, pode falar.
  • Ela: É que eu estou fazendo um trabalho, e preciso fazer uma pergunta. É um tipo de enquete...
  • Ele: Pode falar.
  • Ela: Se você tivesse que escolher um lugar para estar agora, que lugar você escolheria?
  • Ele: Espera, onde você está?
  • Ela: Estou aqui no Shopping Eldorado, por que?
  • Ele: Por nada. Então, qual era a pergunta mesmo?
  • Ela: Se você tivesse que escolher um lugar para estar agora, que lugar você escolheria?
  • Ele: Não sei, talvez no Shopping Eldorado...
Estou arrumando minha vida, acabando com essa bagunça que nela existe. Estou guardando as lembranças boas nas gavetas. As nem tão boas eu jogo pra debaixo do tapete, as ruins eu jogo no lixo. E as ótimas eu deixo espalhadas por aí, pra qualquer hora eu esbarrar e me lembrar de como foi ótimo. To dando o valor para as pessoas que elas merecem, nada de exagero com algumas, e escassez para outras. Só o devido valor. Estou separando tudo, nada de tudo misturado. Algumas coisas não ficam tão boas quando se misturam. Ex: Confusão & Amizade, e etc. É bom acabar com essa bagunça toda. Jogar fora todos os problemas, as confusões, os erros, tudo que não me agrada. O bom de arrumar sua vida, é que você só deixa o que quer. Ou o que te faz bem. Tudo que te faz mal, você joga fora. Isso faz bem, e todos deveriam fazer. Com isso haveria menos sofrimento, porque ninguém gosta de sofrer…
—  (men0samor)