esfrega

youtube

PORRA DJ! PORRA DJ Cah Silveira RELOADED! PORRA TEASE 2012, Funk Glamour? Ai, mas é muito glamour… assim você me mata, DE VERGONHA PORRA!

PORRA DJs! Depois do último post, muita gente ficou curiosa para conferir a “performance” da DJ, então confere aê PORRA!

E eu tô que tô e tô que tô… Mas não precisa de HOMI prá PORRA nenhuma não viu? PORRA! Só pro strip esfrééguis no palco, PORRA! PORRA DJ!

PORRA! Sinceramente, meio lamentável, quer dizer, totalmente lamentável, mesmo. Mas… cada um ganha a vida como pode né? PORRA!

Via vídeo publicado no YouTube de djcahsilveira

Postado por @porradj.

Hora da Piada: Esfrega, Esfrega, Esfrega

Um vendedor de sabão em pó vai fazer uma demonstração em domicílio:
- Boa tarde, minha senhora. Estamos lançando uma nova marca de sabão em pó, e eu gostaria de fazer uma demonstração. A senhora me permite?

- Sim, claro. Por favor, entre e venha ate o tanque.

- Com licença. Veja esta camisa: a senhora põe um pouquinho do nosso sabão, esfrega, esfrega, esfrega! Que cheirinho gostoso! Sinta só (e coloca a camisa próxima do nariz dela).

- Realmente, ficou muito cheirosa….

- Agora essa calça de seu marido: põe-se um pouquinho de sabão, esfrega, esfrega, esfrega e hum! Que cheirinho gostoso!

Não contente,o vendedor continua:
- E essa calcinha da senhora: Um pouco de sabão, esfrega, esfrega… Hum! Esfrega, esfrega, esfrega… Ahn! Esfrega, esfrega, esfrega…

O adeus é um mito.
Só há até já’s
De um “já” nunca ocorrido.

Fui-me embora com a promessa de retornar,
Promessa que esteve tanto tempo exposta ao ar,
Que vejo-a enferrujada agora.

As letras desbotoam-se;
O eco atenua;
As palavras mudam de lugar.

Já até penso que até já nada mudou.
Daqui a nada verei que não serei mais nada aqui.

Aceno como quem esfrega o giz do quadro;
Fomos mero pó branco em pedra riscada.

Num ano,
As árvores mudam de carcaça;
Os bêbados mudam de cachaça.
Trocam-se as lâmpadas
Mas a luz é a mesma.
Temo procurar um corpo
Aonde te possa amar.

Folheia o meu corpo
Lê-me as cicatrizes
Sinto-me tão absorto
Mas solto…
Como uma pena desenraizada já não voa,
Só flutua.
O chão me espera
Mas eu não espero o chão.

Nunca disse adeus.
Só houveram até já’s
De um “já” enferrujado.

Não acabei nada.
Nunca acabei, não consigo.
Deixei sempre tudo a meio
E desta vez,
Deixei metade de mim contigo.

Sinto-me só, como se o mundo me batesse à porta, mas com medo de encarar os fatos, finjo não ouvir, quero o silêncio, me encontrar onde sequer me perdi. Lembranças dentre escombros de uma guerra sem vencedores, essa sensação de morte, será que nunca vai passar? Olho essas paredes, elas me cercam onde quer que eu vá, sou um ser desprezível, uma fajuta máscara de serenidade plena. Há um infinito de coisas ruins aqui dentro e ninguém pode me ajudar, vai ver isso é apenas como deveria ser, a realidade nos pega pelo braço e esfrega nossa cara na vida. Nada mais justo.
—  Joh
(FANFIC DO HENRIQUE) CAPITULO 53
  • — Ela ta bem? Gusttavo para ao meu lado.
  • — Sim. Sorrio. — Feliz. O que você disse? Questiono curioso.
  • — Nada. Responde distraído.
  • — Beleza. Afirmo. Não iria implorar para contar iguais duas amiguinhas.
  • — Ótimo. Finalizo. — A mesa já esta posta?
  • — Já. Jacira fez tudo no capricho. Esfrega as mãos. — Vou ali buscar os presentes que trouxe pra ela.
  • Saí caminhando e fecho a cara. Meus presentes ainda estavam dentro do carro.
  • Penso no futuro que me esperava depois que contasse para a Lorena. Ela se afastaria? Me afastaria? Aceitaria que eu fosse pai? Voltaria pra mim? Porque sim, deixaria a Mayara mesmo com um filho meu. Mas e se talvez ela não aceitasse minha traição novamente? Com certeza Gusttavo iria conquista-la de volta. Não duvidava disso, pois ela ainda o amava. Não como eu, pois creio que pelo Gusttavo seja mais amizade. Mas ele fazia tudo que ela gostava, até nos sonhos.
  • Doía ter aquela sensação que a perderia novamente.
  • — Henrique. Escuto sua voz doce, e então afasto aquela pesada porta.
  • — Caralho! Pra que porta tão pesada? Reclamo para mim mesmo, e ao vê-la me espanto com tamanha beleza. Cabelos soltos, úmidos. Uma camiseta solta, com algumas rendas. Short jeans. Chinelo e perfumada, sem maquiagem, simples, mas estupenda.
  • — Como esta linda, Lorena.
  • — Hum rum. Afirma desconfiada.
  • — Ta bom então... Vai caminhando para a cozinha. Fico parada olhando-a caminhar. Pensado o que tinha acontecido para essa mudança tão repentina. Não que não estivesse feliz com Lorena assim, mas ela acabará de saber que seu pai morrerá, e a mudança foi completa...
  • — Tem alguma coisa errada. Tem sim. Sussurro para mim mesmo. E descobriria.
  • Na Mesa do café da manhã.
  • — Gente, to satisfeita. Joga o guardanapo na mesa. — Adorei o café da manhã Jacira. Faz uma reverência com a cabeça. — Grata.
  • — Agora vocês. Olha no fundo dos meus olhos, depois para os do Gusttavo. — Vão retomar a vida de vocês, eu estou ótima. Sorri amarelo.
  • — Ta nos expulsando, Lorena? Gusttavo questiona.
  • — Estou. Responde seca, logo após sorri de lado. — To brincando, mas é serio... Levanta-se da mesa e o Gusttavo faz sinal para ela ficar onde estava. Com certeza daria os presentes. Me retiro também para pegar os meus.
  • Na volta, vejo o Gusttavo colocar uma pulseira, aparentemente de ouro em seu punho, com alguns pingentes, no qual de longe não consegui identificar.
  • — Não acabou não nega. Diz convencido ao ver o sorriso da Lorena, avaliando a pulseira. Coloco meu presente atrás das minhas costas. Chega deu vergonha. Ele acabará de dar um IPhone 6 plus para ela.
  • — Gusttavo, de verdade, que exagero é esse? Questionava, porém dava para ver no fundo dos seus olhos que adorou.
  • — Tu merece nega, isso e muito mais. Beija a testa dela, enquanto ela segura em sua cintura. Aquilo me irritara de tal forma, que sem perceber minha feição se tornou carrancuda e os punhos fechados.
  • — Filho da puta. Xingo, sabendo que ambos não iam escutar.
  • — Agora eu preciso ir mesmo nega. Gusttavo falava com tanto carinho na voz, que dei um passo a frente, e os dois me encararam sem entender. Questionando meu ato.
  • — Nada não. Sorrio gesticulando.
  • — Podem continuar. Eles continuam a me encarar sem entende, e então pego o meu celular sem nenhum motivo, apenas para provar que não estava nem aí para o que estavam fazendo.
  • Após muita melação, que me deixou muito bravo, se despediu de mim e finalmente foi embora.
  • — Lorena. Aproximo-me sem graça. — Comparado ao que o Gusttavo te deu, isso não é nada, mas sei lá, imaginei que iria gostar. Entrego as duas embalagens e ela me encara com pouco causa.
  • — Para de ser idiota. Abre a embalagem com ansiedade, rasgando o papel.
  • — Puta. Que. Pariu. Fala pausadamente erguendo os dois livros com dificuldade em suas minúsculas
  • mãos, para olha-los
  • — Caralho. Exclama novamente.
  • — Tu sabe o quanto eu amo eles. Fala com voz manhosa me olhando. — O livro do supernatural e do pequeno príncipe ilustrado.... Fala mais para sí do que pra mim. Como quem desacredita.
  • — Vem com o mapa e o livro do John ( John era o pai do Dean e Sam, personagens da série que ela
  • mais amava. Lá continha histórias dos monstros que caçavam, como mata-los e etc. Igualzinho o que eles usavam na série).
  • — Nossa velho ! Caralho! Que foda! Era o que ela expressava enquanto folheava o livro, e me senti tão bem, ela sorria tão bem ou até mais de quando recebeu os presentes do Gusttavo.
  • — Abre a outra embalagem Lorena. Falo ansioso.
  • — Tudo bem. Coloca os livros com cuidado em cima do sofá, pegando a outra embagem.

O que é que tem tornado a humanidade cada vez mais intolerante? O que está mudando? O que é que tem feito a gente regredir espiritualmente na mesma proporção da evolução tecnológica? A cada notícia dessas que esfrega na minha cara que a humanidade está perdida, um sentimento profundo de tristeza toma conta de mim. Isso aqui não é um texto com começo, meio e fim. É um desabafo de uma pessoa que acredita que a vida é feita pra evoluir e vê uma regressão sem tamanho pelas ruas. Triste por tanta intolerância, tanta falta de respeito com a vida, triste pela maldade, pelo pavio curto. Agimos como selvagens que resolvem as coisas com violência, é tanta rede social pra bater papo e trocar ideia por aí e mesmo assim, estamos cada vez mais indispostos e despreparados para o diálogo franco.  - Harinamk

umameninasonhadora-me asked:

Vc acha que Deus tem uma pessoa certa para cada um de nós e se orarmos ela aparece? :(

Meu amor, não confunda Deus com o gênio da lampada que você esfrega e tem direito a três pedidos.

Ele é Deus, o Criador de todas as coisas. Não é Ele que tem que fazer as nossas vontades, mas sim nós que temos que ser segundo a vontade dEle.

A palavra de Deus nos diz que se buscarmos Deus em primeiro lugar todas as coisas nos serão acrescentadas. 

Quando a Bíblia fala em todas as coisas, são todas as coisas mesmo. Como namorado e dinheiro hehe.

Enfim, primeiro se concentre em adorar a Deus e ser alguém segundo o coração dele. E se for da vontade de Deus, você encontrará alguém, mas lembre-se Deus tem planos para todos nós, quanto mais rápido a gente descobrir, melhor será o nosso desempenho na realização dos sonhos de Deus para a nossa vida.

Fica na paz e fique bem

Não te perturbes, nem te apresses. Deus sabe de todas as coisas.


Nanah.

severus-odium asked:

Lindaaao 😍😍😍😍

Me chama de bucha vegetal e me esfrega em você, porque sou lindão. 

Desconhecido. 

Mande na ask qualquer palavra e eu irei retribuí-lo com poesia.

Tipo…. mta menina fica com o cara pelo status que ele tem.. nao importa se ele é um galinha… mas se tiver grana , for bombado e gostoso… aparece aos montes tem mto disso
depois ‘namora’… apanha na cara , se fode na vida e ainda fica se rastejando nos pês dele , implorando amo e atenção do boy… mas vou ser sincera… MINHA FILHA VAI TOMAR NO SEU CU E ACORDA PRA VIDA! se ele não te quer FODA-SE ele e PARE de ser trouxa! pois é isso que o homem quer…  ver você se humilhando por causa dele , implorando amor e carinho ATÉ QUANDO VOCÊ QUER SER UM PANO DE CHÃO? ESFREGA , USA E JOGA FORA ,  E AINDA SER PISADA?!…GATA , ENQUANTO VOCÊ FICA SE MATANDO DE AMORES PELO SEU 'PRÍNCIPE (DES) ENCANTADO ,  TEM MUITO PLEBEU QUERENDO SER SEU ESCUDO.
—  Mah Carminotti

Essa vida é uma droga. Por várias vezes nos acontecem situações que nos fazem pensar “Caralho, finalmente algo bom vai começar a acontecer”, e do mesmo jeito que a vida te ilude com tais situações, ela esfrega na sua cara que estava apenas te iludindo, e que nada, absolutamente nada será como você espera, como você imagina.

E então, você descobre que é aquela pessoa “premiada”, em que nasceu simplesmente para ajudar as pessoas, vê-las partir, e ficar sozinha, e nada, abosolutamente nada dará certo verdadeiramente, e sua felicidade é apenas momentanea. 

A vida é como uma caixinha de surpresas, pra alguns, boa, pra outros, ruim. Nem todos nasceram para serem felizes. Algumas pessoas nasceram simplesmente para serem sozinhas, é a lei da vida. Não há companhia para todos. Alguns realmente não nasceram para ter um par, não importa de qual jeito, simplesmente não existe um par. 

As pessoas criam essa ilusão de “ninguem nasceu para viver sozinho”, para alimentar uma falsa esperança. Uma esperança de que algum dia, como num passe de magica fosse surgir o principe no cavalo branco, a princesa do sapatinho de cristal, como nos contos de fadas inventados para alimentar essa esperança. Algumas pessoas realmente tem o “par perfeito”, a “alma gemea”, mas não são todos. Mas algumas pessoas não querem ou não conseguem enxergar a realidade, e alimentam essa falsa esperança.

Mas, um dia, todos temos que acordar para a realidade da vida, e alguns acordam tarde demais, depois de uma vida inteira de sofrimento, por pessoas que não valiam a pena. No dia em que as pessoas “acordarem” para essa realidade, mesmo que triste, o sofrimento sera menor, a dor amenizada. 

Não levem a mal, mas, a verdade é essa, por mais triste e amarga que seja. O amor não pertence a todos, como gostam de dizer… E quando digo amor, é todo o tipo de amor, seja do mais inocente, até o carnal entre homem e mulher. 

Doi, claro que doi, mas, aceitar a verdade doi menos do que passar a vida toda sendo “iludido”, “enganado” por histórias de contos de fadas que nos diz que todos teremos alguém um dia. 

É isso, é a verdade, é a vida… Feia, fria, escura, preta e branca.

O Terceiro $exy_

Passam crianças

-viriditas

ditas viris-

Passos largos 

Pássaros alegres

Indiferentes aos poderes do seu sexo

Não desejo ensinar insinuar sol.tar amarelecidos e amanhecidos raios -que o partam! no ar_


Contudo compartilho conselhos:


Pega essa porra desse neca

Xuxa nessa chula dessa checa

https://www.google.com.br/url?sa=t&rct=j&q=&esrc=s&source=web&cd=3&cad=rja&uact=8&ved=0CCgQFjAC&url=http%3A%2F%2Fpornotarantula.com%2Fcheca-fodendo-sua-buceta-apertada.html&ei=bYheVcn9D-jisATo_4HQAg&usg=AFQjCNG7XzOQja3xSXh_XCy-EjGkbetK1Q&sig2=90pkXRxfeq9XQBB0KUEtGQ&bvm=bv.93990622,d.cWc

esfrega estraçalha escangalha

eu vou pra maracangalha fazer anal com Anália e gozar meu velho chapau de palha

Toma fôlego|resfolega & Peca! em nome do pai, da mãe, do filho, da filha da família natural de Vitória - Espírito Santo- Oh!! Glória!!!

2

Harry solta uma risada aguado. “Isso não muda que ele terminou comigo e não dou a mínima, enquanto eu ainda estou preso aqui segurando em algo que nunca foi mesmo verdadeira . ”

E, em seguida, o sistema hidráulico começar, a raiva ea tristeza reprimida inundando fora dele na forma de gordura, lágrimas salgadas.

Louis deixa ele chorar em seu ombro. Ele envolve um braço em volta da cintura de Harry e esfrega ao longo de seu lado em um ritmo lento reconfortante, e ele ainda permite que Harry envolver ambos os braços ao redor de seus ombros até que ele é metade sentada em seu colo.

E isso só confirma que ele não é o frio, insolúvel, líder maquiavélico Harry está sempre pensei que ele fosse. Ele é macio, e cuidar, e permite que meninos estranhos chorar em seu ombro sobre seus ex-namorados sem coração.

Ele chora mais difícil quando ele percebe que é a primeira vez que ele realmente chegou a pensar Nick como um ex.

Louis shushes ele e beijos atrás de sua orelha quando ele vira histérica nisso. Harry recebe ranho no ombro Louis ’, mas ele nem sequer piscar duas vezes, puxando suavemente o rosto de Harry para longe para que ele possa olhar para ele e acariciar seu cabelo para trás, fora de seus olhos.

“Eu parei pela loja e tem algo para você”, Louis menciona apenas como Harry se acalmando. Ele cutuca Harry fora de seu colo com um sorriso suave e se agacha para pegar sua bolsa.

Quando ele reaparece, ele despeja uma mochila inteira cheia de king size Twix sobre a cama, e Harry sente vontade de chorar por uma razão diferente. Ele é sem palavras.

Em um mês, Louis tem prestado mais atenção a ele do que Nick já fiz. É estranho, alguém cuidando o suficiente para lembrar as coisas pequenas.

“Você pode ficar comigo?” Harry pede esperançoso.

Louis acena com a cabeça.

~

Louis permanece a noite. Ele chama Niall e diz-lhe para escolher Zayn e Liam-se na parte da manhã, e não confiar em qualquer meninas bonitas que poderia estar esperando em sua porta.

Eles comem tudo da Twix enquanto eles assistem Lista de Schindler.

“Eu não vejo por que nós temos que assistir a algo tão deprimente,” Harry reclama uma vez que vêem o corpo da menina no casaco vermelho.

Mas ele realmente não tem queixas. Eles estão aninhou sob o cobertor juntos, Louis ‘braço envolto apertado em volta dos ombros de Harry e dos pés frios de Harry pressionado para Louis’ shin.

Harry nunca vai ser triste sobre uma pausa de novo se ele pode cuidar-se para Louis com seu doce favorito, depois.

“Este filme não é suposto ser deprimente. Ele vai tentar salvar a todos. ”

Harry move seu rosto mais perto do pescoço Louis ’. “Isso não muda o fato de que seis milhões de judeus sozinho morrer.”

Louis dá de ombros a cabeça de seu ombro enquanto ele se inclina para frente para pegar outra Twix. Harry finge que não é tão triste com isso como ele realmente é.

“Eu sei. Mas ele ainda economiza mais de mil. Ele não apenas suporte ao redor e assistir . ”

Harry acena como Louis fica para trás. Ele rasteja para a frente e hesitante se inclina a cabeça no ombro de Louis novamente.

Louis permite que ele. “Um dia, eu vou fazer algo importante, como ele.”

~

Harry grita no meio do filme. É inevitável. Ele é um desastre de trem de emoções, e provavelmente há nada mais devastador do que o Holocausto na história de tudo.

Sua mãe bate na porta por volta da meia-noite. Louis pausa o filme, Harry e limpa os olhos apressadamente antes de dizer que ela pode entrar.

Seus olhos se alargam um pouco quando ela vê braço Louis 'segurando-o perto, mas ela balança o choque rapidamente. “Eu não estou tentando ser um cavalo ou qualquer coisa, mas ainda é uma noite de escola …”

“Há apenas vinte minutos do fim,” Harry protesta. Ela parece estar tendo uma batalha interna, então Harry pressiona. “Eu prometo que vou dormir depois.”

“Você vai mostrar-lhe o quarto de hóspedes, onde ele definitivamente vai ser dormir esta noite?”, Ela pergunta. Ele soa como uma pergunta e uma ordem.

Harry acena com a cabeça, única beicinho um pouco, e ela vem para pressionar um beijo rápido para ambos os frontes antes de sair.

“Sua mãe é muito legal”, diz Louis-lo uma vez fechada da porta.

“Tive que tê-lo começado em algum lugar.”

Harry não reiniciar o filme. Ele não quer que Louis a deixar o seu lado, e ele diz-lhe que.

Eles decidem ir dormir em vez disso, porque então tecnicamente não está mentindo muito.

Ele dá Louis moletom e uma t-shirt a vestir para dormir, mas quando ele voltar de mudar no banheiro, Louis 'sem camisa, seu torso tonificado e perfeito.

Louis parece notar os olhares, porque ele dá de ombros e diz: “Eu gosto mais desta maneira”, batendo no ombro de Harry quando ele passa a trancar-se no banheiro, fazendo uso de escova de dentes de reposição de Harry.

Harry entra em pânico e hiperventilamos sobre a peça de peito curado por um total de 30 segundo antes que ele lança sua própria camisa e sobe debaixo das cobertas. Quando em Roma …

Louis se junta a ele apenas alguns minutos mais tarde. Com as luzes apagadas ea casa tranquila, o espaço entre eles se sente diferente cobrado.Mais privada, de uma forma.

“Qual é a coisa mais importante que você está pensando em fazer um dia?” Harry pede para a escuridão suavemente, seus dedos procurando, vem para descansar no braço Louis ’. Ele scoots mais perto.

“Não tenho certeza ainda. Mas eu estou fazendo algo importante em março. ”

Harry cantarola, movendo-se ainda mais perto, até que seus joelhos e bater seus peitos nus estão quase se tocando.

“O que é isso, então?”

Ele pode sentir a respiração Louis 'contra sua bochecha. “Eu estou ficando-nos um campo de futebol.”

“NÂO-pensei St. George deveria estar recebendo o campo de futebol?”

“Talvez”, responde Louis. Os olhos de Harry ter ajustado, e ele pode ver o contorno escuro da estrutura óssea perfeita Louis ’. Ele parece impecável, como um ser sobrenatural Harry não tem o direito de dormir ao lado. Ele se aproxima, de qualquer maneira.

“Como você está fazendo isso?”

Louis abre os olhos, cruzando-os como ele leva em quão perto Harry é. Ele vira-o, por isso Harry em seu lado voltado para longe dele. Harry faz uma careta em rejeição antes de ele se sente Louis imprensa por trás dele, perto o suficiente para que ele possa se sentir elevação do tórax Louis 'e queda como ele respira, mas ele espera que Louis não pode sentir o quão rápido sua taxa de coração, de repente, disparou.

“Fiz uma aposta com Nick. É por isso que precisamos vencer ”, Louis sussurra em seu cabelo enquanto ele envolve um braço experimental em torno de sua cintura.

~ Desafio 5 ~

(4-2)

Ninguém ganha Desafio 4 na próxima segunda-feira. Niall alguma forma consegue resistir a uma bela garota chamada Barbara que bate à sua porta à meia-noite, e Louis compra-lhe metade do menu McDonalds na parabéns porque ele é tão orgulhoso.

Louis e Harry elaborar um plano inteligente para bater os dois desafios de uma vez, porque, como Louis diz: “meia pontos é melhor do que nenhum ponto.”

Louis monta casa com Harry depois da escola, deixando as chaves do carro para que ele Zayn, Liam e Niall pode demarcar a casa de Nick. Louis lembra-lhes para chamá-lo exatamente quando Nick chega em casa, para que eles tenham uma ampla quantidade de tempo para fazer a escritura.

Harry continua olhando para o lado enquanto ele dirige, desacostumado a Louis no banco do passageiro, em vez do controlador. Parece errado, como quando ele teve sua licença de condução e ele ia de carro sua mãe para a loja. Algo sobre a mudança de poder.

“Tem certeza que você está bem com isso?” Louis pede a sério uma vez que está estacionado na garagem. Harry acena com a cabeça, rezando para que ele realmente é.

Ele não tem certeza. Ele provavelmente faria qualquer coisa por Louis se ele pediu bem o suficiente. Talvez ele devesse ter pensado sobre isso sozinho antes que ele concordou com ele.

~

Assim que eles são pela porta, sua mãe cumprimenta-os com abacaxi fresco.

“Anne, você está estragando-me!” Aparentemente Louis e sua mãe estão em uma base do primeiro nome, agora. Harry se sente como uma criança primogênito destronado quando o número de criança de dois entra em cena.

Louis aparece pedaços de abacaxi em sua boca enquanto ele se inclina contra a ilha, perguntando como o seu dia no trabalho era e se o cliente a partir da semana antes veio para devolver os sapatos.

É casual, como se fosse uma ocorrência diária, e Harry pode sentir o cheiro dela aprovação do arco que liga a cozinha ea porta de entrada. Ele é levado de volta para quando sua mãe o deteve em seu caminho para a escola naquela manhã.

“Eu realmente gosto de Louis”, disse ela para ele. “ Ele é o tipo de garoto que vale a pena um coração partido. ”

E Harry sabe disso. Sua paixão é cinco vezes tão ruim desde que acordou envolta nos braços de Louis com os lábios em seu ombro. Quando ele está com ele, ele se sente bobo, mesmo para cuidar de um garoto estúpido como Nick Grimshaw, em primeiro lugar.

Eles fazem o seu caminho para o quarto de Harry depois de comer, e Louis tenta escolher uma roupa nova para Harry ao desgaste.

“Você precisa olhar fuckable, Harry. Como você deve seduzi-lo se você olhar como um cruzamento entre um fazendeiro e um professor de ginástica? ”

Harry tenta não se sentir muito ferido, mas ele ainda está experimentando com seu estilo. Ele teve que usar um uniforme praticamente toda a sua vida, de modo que a liberdade é confuso, ele não tem certeza o que fazer com tanto poder.

Louis revira os olhos. “Eu estou brincando, Harry. Você é um 10 perfeito, mas temos um objetivo específico, aqui. ”

Ele puxa cada camisa do armário e cômoda de Harry, mas nada está acima do par.

“Vou levá-la às compras um dia. Basta usar isso. ”

E, em seguida, Louis puxa sua própria camisa sobre a cabeça, e Harry aperta-se porque talvez ele esteja realmente sonhando. Louis joga para ele, e ele está surpreso que ele pega.

Louis agarra um t-shirt branco liso dos muitos no chão como Harry alterações. Ele perambula seus olhos sobre o corpo de Harry uma vez que a camisa é sobre, a boca ligeiramente aberta e os olhos arregalados.

“Porra. Você parece mais do que fuckable. Você parece me levar para casa a sua mãe-capazes . ”

Harry toma isso como um elogio. Parece que os ombros estão esticando o material, mas se ele fica Louis para olhar para ele assim, ele está bem com o aperto.

A t-shirt branca é um pouco grande demais em Louis. Ele trava para o lado, mostrando uma clavícula, e no topo de sua tatuagem é visível. Harry junta os dedos atrás das costas, inquieto, porque ele está encontrando dificuldades para manter suas mãos para si mesmo.

“Tudo bem”, diz Louis, dando um passo mais perto de Harry. Seus olhos parecem um tom mais escuro do que ele se lembra de apenas alguns minutos atrás. “Você quer praticar sua técnica? Para a ciência? ”

O coração de Harry pára. “O que você-o que você quer dizer?”

“Nós só temos esta chance de obtê-lo direito. E se você está fora de prática e são tão ruins Nick joga você para fora antes que eu possa sequer começar dentro? Você precisa praticar sua técnica de sedução, e eu estou disposto a sacrificar e ser o seu bode expiatório ”.

E Louis é tão persuasivo e certeza em seu argumento de que Harry ainda não sabe como ele não vê-lo pela primeira vez. E mais-que é Louis. Ele está pedindo para a prática de Harry beijando técnica com ele. Nada no mundo inteiro poderia fazê-lo dizer não.

“Eu só-?” Harry pergunta, chegando até a cintura Louis 'e inclinando-se.

Ele se afasta de Harry com um sorriso. “Não. Estamos fazendo isso corretamente. Eu sou Nick. Esta é a minha casa. Você precisa bater na porta em primeiro lugar. "Ele empurra Harry fora de seu próprio quarto, a porta batendo atrás dele, e Harry tem que recolher-se por um momento no corredor antes que ele levanta um punho tremendo e libras na madeira pintada.

Louis espera alguns momentos antes da abertura, encostado na porta de entrada com um braço levantado acima de sua cabeça, e ele está tentando matar Harry, provavelmente.

Talvez que era seu plano o tempo todo. Apenas quando Harry tinha certeza de que ele estava em seu lado bom. Ele não deveria ter deixado sua guarda para baixo.

Ele está indo para ele, de qualquer maneira. Um beijo de Louis pode valer a pena.

"O que você está fazendo aqui, Harold?” Louis pede sob seus cílios, como uma sirigaita sedutor do caralho.

Harry joga junto. “Eu acabei de-eu sinto sua falta.” E talvez este foi realmente uma boa idéia. Ele não tinha pensado no que dizer antes da ação da língua.

“Bem, quem não gostaria?” Louis pede em voz convincente, altiva.

Harry passos dentro lentamente, fechando a porta atrás de si. “Eu quero você de volta.” Sua voz é muito mais que um grunhido, neste ponto, e ele pode sentir sua pulsação todo o caminho até a ponta dos pés. Há tensão no ar, e Harry não pode acreditar que ele vai ser autorizados a beijar Louis breve.

Louis cruza os braços, olhando Harry da cabeça aos pés. “E se eu disse que eu não quero você de volta?”

E Harry não é certeza que é como a conversa vai realmente ir, mas ele aponta para crível. “Então, eu provavelmente diria que eu acho que eu posso convencê-lo de outra forma.”

Louis quase parece impressionado. Ele lambe o lábio inferior, entrando no espaço de Harry até que ele recua e sua espinha atinge a maçaneta. Ele ofega em dor e passos para o lado, e Louis quebra brevemente personagem.

“Oops. Sinto muito ”, ele ri, na sequência de Harry para a direita antes que ele enxuga o rosto limpo de emoção novamente, dando um passo para a frente até que ele está mais perto do que nunca. Arrastando o dedo pelo braço de Harry, ele diz, “Eu não sou facilmente convencido, Harry. Você vai ter que tentar realmente difícil - "ele pontua suas palavras empurrando para a frente, alinhando seus corpos levantar de seus joelhos para suas costelas.

E, porra. Agora Harry é difícil.

” Louis “, ele sussurra, agarrando a cintura Louis ’, mas ele passos de distância. "Que porra é essa, Harry? Você tem tido sonhos molhados sobre aquele palhaço escola pública? Meu nome é Nick. ”

Oh. Então, eles ainda estão jogando, então.

Harry não quer jogar, mais.

Ele agarra a mão de Louis, puxando-o de volta até seus lábios são de nível com o queixo de Harry.

E just-he’ll tem que se inclinar para baixo para beijá-lo. Isso é novo. Isso é-que é alguma coisa.

“Eu não sei como isso aconteceu”, Harry sussurra, colocando as duas mãos na cintura Louis ’. Ele aperta, mordendo o lábio ao calor abaixo as pontas dos dedos. “Eu quase não se lembrar do nome de qualquer outra pessoa quando estou com você.”

Louis move as mãos para bíceps de Harry, sua respiração engatar como ele esfrega seus polegares em um círculo lento. “Bem bom. Então, sobre isso de forma convincente … "Louis trilhas off, olhando para cima inocentemente. E eles são tão perto que Harry pode ver as pequenas partículas de, azul pálido do bebê em seus olhos.

Então ele só vai para ele. Ele se inclina para baixo, lábios parcialmente aberta, mas Louis pára-lo com dois dedos insistentes.

"Harry, eu estou escandalizado! Queria pedir minha permissão? "Perguntas Louis.

Sim, consentimento. Isso é importante. Não há pontos sem consentimento. Desonrar em toda a sua família e sua vaca sem consentimento.

"Lo, quero dizer, Nick. Posso beijar você? ”

Louis estuda-o cuidadosamente antes de ele acena com a cabeça um pouquinho e se move lentamente seus dedos de volta para os braços de Harry.

Ele se inclina para frente hesitante desta vez, tremendo quando ele percebe que Louis não está parando ele. Ele está prestes a beijá-Louis.

Oh, Deus. Ele não está preparado.

Como ele mesmo deveria se preparar? Isto é tão inesperado como um meteoro colidir com seu crânio. Beijar Louis não apenas acontecer.

Mas Louis acena para ele em encorajamento quando seus lábios finalmente escovar, então ele cresce algumas bolas e aumenta a pressão real. Sua nervo cada está no fogo, porque ele está realmente beijando Louis, e ele não está gritando com ele ou se afastando de desgosto ou beliscar-lo.

Ele está beijando de volta. E é suave e simples, como os beijos Harry se lembra de ter quando ele era um tímido 13 anos de idade. Ele sente borboletas no estômago e corre uma de suas mãos para cima Voltar Louis ’, até sua própria camisa. Louis move uma mão pelo braço de Harry até que ele agarra seu cotovelo, e move o outro para o cabelo de Harry. É gentil. É o oposto completo de ações normais de Louis, larger-than-life, exagerada.

Este é o Louis particulares. É Louis sem as paredes, a Louis que se aconchegou mais profundamente nos cobertores quando Harry tentou levá-lo a acordar para a escola depois de ficar a noite, a Louis que escuta quando falam e que não tem medo de sussurrar para Harry no escuro sobre como ele ainda está indeciso sobre onde ele quer ir para a escola após a graduação.

Harry se afasta, então, um tapa tranquila soar antes que haja um silêncio ainda. Louis olha para baixo, tendo o seu lábio inferior entre os dentes e evitando o olhar de Harry enquanto sua boca puxa para cima nos cantos. A mão no cotovelo de Harry desliza para cima de seu ombro, e Louis se inclina mais perto instintivamente enquanto risca no cabelo na nuca de Harry. Ele parece rasgada, quase exposta por meio segundo antes de ele tomar um fôlego e chicoteia a cabeça para cima, de volta no controle da situação.

“Você chama isso de forma convincente?”, Pergunta ele, um blush leve o único indicador de que o beijo foi real.

Harry se inclina para frente novamente, mais do que ansioso, abrindo a boca e lambendo ao longo lábio Louis 'para levá-lo a se abrir para ele. Ele pega mais apertado na cintura Louis 'quando ele não recebe a dica, beliscando o lábio para perfurar-lo em mais duro, mas depois ele percebe Louis não está beijando de volta para todos.

Ele quebra o beijo, seu batimento cardíaco irregular.

“Eu realmente não desça para ser lambido como se eu fosse um envelope, Harry.”

Ah, agora o seu ego está em jogo. Ele move uma mão para baixo e desliza-o no bolso das calças de brim de Louis, puxando-o para mais perto. Ele Ruts contra a coxa Louis “, como ele suga o lábio superior em sua boca, afundando um pouco por isso eles são mais iguais na altura.

Louis 'aquele que quebra o beijo desta vez, jogando a cabeça para trás. "Eu realmente não sair em ser corcunda como um cão, ou , Harry. Quem você acha que eu sou? ”

Harry geme em frustração. Ele tinha realmente como Louis para beijá-lo de volta, agora, por favor.

Não é mais um jogo. Ele não tem certeza se ele nunca realmente era.

“Louis-” ele começa, mas Louis corta-lo rapidamente.

“Você quer dizer, Nick ”, ele corrige-o, e Harry decide acabar com ela. Ele se lembra das palavras de Louis algumas semanas antes- muito pelo contrário, na verdade -e, bem. Louis sempre consegue o que quer no final.

Harry pega a parte de trás de Louis 'cabelo, apertando os dedos como ele se move a outra mão para Louis’ cintura e transforma -los, lançando as suas posições de modo Louis 'preso, de costas para a porta.

É uma volta agradável de eventos. Louis parece que ele foi pego de surpresa, seus lábios se separaram um pouco como ele olha para Harry com os olhos arregalados. Harry não deixar de ir Louis 'cabelo e empurra uma coxa entre Louis’ pernas.

Harry é difícil. Ele é muito, muito difícil, e não há nenhuma maneira Louis não pode senti-lo contra sua coxa. Ele agarra no hip Louis ’, puxando-o ainda mais, ganhando o atrito mais doce que ele se sentiu, possivelmente nunca. Ele mói contra ele duas vezes, lentamente, olhando para os olhos escurecidos Louis 'em segurança. Ele parece bem com ele; ele parece mais do que bem com ele, então ele deixa de ir hip Louis ’, movendo-a para o queixo.

Ele toca o dedo lá, sua voz tão áspera como seu dedo. “Abra-se, Louis. ”

Ele não espera Louis ir flexível em que, para enrolar seus braços ao redor do pescoço de Harry até que ele se arqueou contra ele e seus peitos estão tocando e ele está praticamente pendurado fora dele. Louis abre a meio caminho da boca, sua língua pressionada contra os dentes enquanto ele ainda se mantém com seus olhos semi cerrados, e Harry gostaria de ter uma câmera para documentar o momento.

Ele está certo de apenas algumas pessoas já viram Louis como este, sem o seu excesso de confiança e olhar astuto que os separa.

Ele olha impressionante como este, e Harry seria um tolo para ignorar a boca aberta. Ele se inclina para baixo, seus lábios se separaram quando ele fecha as bocas juntas e atende Louis 'língua até a metade. Ele deixa-lo ir suave, mantendo-a suave como Louis respira um suspiro pelo nariz.

Ele faz cócegas lábio superior de Harry, e ele se move a mão do queixo Louis 'para a maçã do rosto. Ele muda o ângulo do beijo, seu nariz roçando Louis 'como seu pescoço solta, e então é difícil de funcionar porque Louis faz um som alto que Harry engole quando ele fecha os lábios em torno Louis’ língua.

Louis rompe, respirando pesadamente pela boca, com os olhos fechados. Harry olha para ele sem descanso, mas, em seguida, Louis enterra o rosto no pescoço de Harry, e então ele pode sentir um joelho contra sua cintura, o que não faz sentido até-

Oh. Oh, sim ele faz. Harry libera os dedos de Louis 'cabelo, esticar as articulações doloridas antes que ele se espalha seus dedos de largura e aperta Louis’ burro, puxando para cima.

Louis geme em seu pescoço como ele envolve suas pernas ao redor da cintura de Harry. Ele aperta com suas coxas, pressionando ainda mais perto e Harry pode sentir exatamente como é afetado Louis.

Louis aperta os braços em volta de seu pescoço até que Harry tem uma boca cheia de ombro Louis ’. O que é bom com ele, já que Louis deixa sair o mais alto, mais bonito gemido Harry provavelmente nunca ouviu quando ele se vira para caminhar com eles a sua cama.

Ele não pode acreditar que ele começa a realmente tocar Louis, para ouvi-lo gemer e ter a respiração agradar seu ouvido enquanto ele cava seus calcanhares cruzados nas costas de Harry e usa-lo como alavanca para moer-se contra seu estômago enquanto ele anda, como ele pode ’t esperar mais.

Harry coloca-lo no centro da cama, subindo em cima dele e inclinando-se todo o peso do corpo em cima dele. Ele snogs Louis confiança, mordendo o lábio com força, transformando-a muito, profundamente rosa antes de beijá-la suavemente para acalmar-lo.

Ele se move para Louis 'pescoço seguinte, deixando beijos molhados que brilham em sua pele bronzeada como ele mói o pau contra Louis’ através de seus jeans. Ele sopra sobre a pele molhada depois, e ele pode sentir Louis 'tique perna de onde ele está envolvido em torno de seu quadril.

Louis desliza a mão debaixo da camisa de Harry, dobrando o tecido para cima até que descanse em costelas de Harry e ele faz uma pausa o assalto do pescoço Louis 'para sentar-se e jogá-lo fora.

Ele traz sua mão para Louis 'estômago uma vez a camisa está fora, arrastando-se mais e mais como ele olha para Louis’ olhos vidrados, o check-in. Louis balança a cabeça e arqueia as costas, suspirando como Harry pressiona a palma da mão para seu pau .

Louis 'apenas começou a cantar fora, fora, fora , quando o impensável acontece.

O brilho de uma tela do telefone brilha através de Louis calça jeans preta, e Harry pode sentir a vibração de onde sua mão ainda é pressionada para Louis 'ereção.

E a tensão é cortado.

Louis parece ceder na cama, puxando o celular do bolso com um gemido. Ele compõe-se antes de furtos de responder, tomando uma respiração profunda e instável e sentando-se. Harry não pretende mover sua mão, mas ele acha Louis provavelmente vai gritar com ele se ele não o faz.

Louis olha infeliz antes de ele muda abruptamente em modo de negócio. “ O que ? ”

Harry palmas si mesmo através de seu jeans como Louis escuta.

“Nós estaremos lá em dez”, diz Louis, e, em seguida, ele desliga.

Louis suga o lábio em sua boca, como se ele não é certo o que dizer. Que é novo. Harry nunca viu Louis sem um comentário a fazer.

“Eu acho que você vai fazer muito bem”, diz Louis finalmente, pegando sua bolsa do chão.

A mandíbula de Harry cai. “Você está brincando comigo?” Ele aponta para sua virilha para fazer seu ponto mais claro.

Louis não se entregue, puxando as chaves do bolso da frente. “Não sabemos quanto tempo temos até que ele sai de novo, Harry. Além disso, se você é tudo quente e incomodado, ele vai tornar as coisas mais crível. ”

E foi assim que Harry se vê fazendo beicinho no banco do passageiro Louis 'com um tesão furioso, em seu caminho para seduzir seu ex-namorado.

Louis parece menos afetado, sorrindo animadamente enquanto ele conversa com Harry offhandedly sobre como ele vai se sentir doce para vencer dois desafios de uma só vez, mesmo se inclinando para o lado para pegar no pênis de Harry, brincando, durante uma luz vermelha.

“Isso não foi muito bom”, ele fica amuado. Louis 'ainda claramente, pelo menos, meio duro, mas parece que ele pode fingir ser acima funções corporais quando há pontos na linha.

Harry ficaria chateado, mas então ele se lembra de que ele sabe o que Louis soa como quando ele geme.

Eles não mencioná-lo no caminho até lá, e ele não se sente como nada mudou. Talvez ele não tem. Harry não tem certeza. Ele sabe que ele seriadefinitivamente ser para mais beijos científica no futuro, no entanto.

Harry Louis dirige ao bairro de Nick. Sua casa é ainda maior do que Harry, e ele não perca o modo como os olhos de Louis amplia enquanto ele tenta levar tudo dentro.

Louis parques da rua, assim que seu carro não é visível através de todas as janelas.

“Bem, aqui estamos nós,” Louis aponta obviamente. Ele não se move para sair do carro, e nem Harry.

O que ele está prestes a fazer sente quase imoral agora. “Eu acho que eu vou descer para abrir a porta quando eu chegar em Nick em seu quarto, então?”

Louis balança a cabeça, propósito em seus olhos.

Então, eles estão realmente fazendo isso. Ok.

Harry faz a curta caminhada para a casa e toca a campainha, puxando as extremidades da camisa emprestada Louis 'nervosamente enquanto espera.

E foda-se. Nick vai saber que não é sua. Ele pode tirar sarro dele ou rir em seu rosto quando ele fecha a porta. Este foi um mudo, planejamento descuidado

Mas, então, Nick abre a porta, pronta para morder uma maçã polido. Ele abaixa-lo como ele assume a aparência de Harry, seu vermelho, beijou os lábios e camisa apertada, e, sem dúvida, a protuberância visível debaixo de seus jeans.

“Bem, bem, bem. É bom ver você de novo, Harold, "Nick drawls fora.

E Harry deseja sua voz não tem a capacidade de enviar um choque repentino de nostalgia e saudade por meio dele, mas ele faz .

"Hi-oi, Nick.” Harry endireita-se, mordendo o lábio em que ele imagina pode ser apresentado no início de um filme pornô mal filmado.

“O que você poderia estar pensando, aparecendo na minha porta como esta, quando você sabe que eu vou ter a casa só para mim?” Ele sorri como ele já sabe exatamente o que Harry está aqui para. Ele faz Harry se sentir nojento e desesperada, embora ele sabe que tem segundas intenções.

“Sinto sua falta. Sinto sua falta muito ”, meias mentiras Harry. Nick passos para o lado, deixando Harry através da porta de entrada antes de bloqueá-lo propositadamente, como ele está em alerta vermelho-que Harry supõe que ele é.

Mas agora parece que Harry acabou de passar pelos portões de subir no carro de uma montanha-russa.

Ele não pode voltar atrás, muito profundo. Ele tem que fazer isso. Ele quer que Louis para se orgulhar dele.

Nick nem sequer deixá-lo dizer mais alguma coisa antes que ele está puxando-o até as escadas pela mão, puxando-o em seu quarto.

Nick se inclina para beijá-lo antes que eles estão mesmo passado a porta. Harry patos longe dele com um coração batendo, tentando lembrar o que ele pretendia dizer a ele.

“Eu-eu esqueci meu telefone no meu carro,” Harry deixa escapar, cotovelos fechados como ele empurra Nick longe dele. Ele corre para a sala o mais rápido que puder, mãos meticulosamente colocados na frente de seu bolso para bloquear a exibição de seu telefone, correndo escada abaixo como Nick grita com ele para se apressar.

Ele abre a porta da frente rapidamente, e Louis está esperando no tapete de boas vindas.

“Isso foi rápido”, ele sussurra como ele pisa para dentro, tendo um olhar em torno de aferição, olhos arrastando ao longo dos tectos altos e mobiliário brilhante.

“O que você está pensando em tomar?” Harry pede, cruzando os braços sobre o estômago.

Louis puxa seu telefone fora, ligá-lo em modo de câmera. “Eu vou descobrir isso quando eu entrar no quarto.”

“O-sala?” Harry pergunta, os olhos arregalados. Ele não é tudo muito certo que ele está bem com a tentar seduzir Nick anymore, muito menos com uma audiência . Especialmente se o público é alguém cujo sabor é ainda persistente em seus lábios.

“Eu preciso de uma imagem, lembra? O Pics ou não aconteceu ”, explica Louis, mas quando ele se vira para Harry seus olhos amolecer. “A menos que você tem … mudou sua mente?”

Harry barracas, pegando em seu lábio inferior. “Eu não sei.”

“Isso é bom, amor,” Louis tranquiliza-o com um sorriso quase aliviado, passando seu telefone de volta no bolso. Ele bate o pé no chão enquanto ele considera um novo plano.

“Eu tenho uma idéia,” Harry oferece, crescendo nervoso como Louis volta sua atenção para ele. “E se eu ir em primeiro lugar, e fazê-lo parecer longe da porta, e você pode esgueirar-se por trás de mim para tomar alguma coisa. A uma vez que você obtê-lo, eu vou fazer uma desculpa e sair correndo. ”

Louis balança a cabeça com facilidade, seu tom de voz única um pouco sarcástico. “Isso parece ótimo. Absolutamente nenhum espaço para complicações. "Ele reabre a porta da frente, batendo-a inequivocamente, então sussurrando em Harry para ir adiante.

Harry pisa até as escadas, tomar uma respiração profunda antes de ele abre a porta entreaberta.

"Por que você demorou tanto tempo, Harold?” Nick pede, reclinando-se sobre os cotovelos enquanto ele dá uma mordida na maçã que ele fez um bom progresso em.

“It-caiu”, Harry encontra-se, tomando um assento perto dos pés de Nick. Ele se sente estranho de repente, como se ele não pertence na sala de Nick, mais, quando ele costumava me sentir como uma segunda casa.

Nick se muda para sentar-se e chegar mais perto, mas Harry empurra o peito para baixo em pânico. Ele não vai beijá-lo. Ele não é. He’s-

“Posso chupar seu pau,” Harry blurts, rosto ficando vermelho como ele ouve um suspiro quase inaudível de fora da porta.

Ele culpa sua explosão em memória muscular. Nick sorri para ele como se ele lhe deu o presente exato que ele queria para o Natal.

“Eu não estou surpreso, Harold. Você sempre foi tão ansioso. ”

“Mas eu-eu quero que você olhe para mim. Durante todo o tempo, "Harry diz a ele, movendo as mãos aos joelhos de Nick. Nick acena com a cabeça em concordância, o que não é característico dele. Normalmente ele diria Harry contato visual é superestimada, ou que ele preferia simplesmente fechar os olhos e se divertir. Harry não questioná-la, por causa de seu periférico ele pode ver Louis ponta virando através da porta.

"Fale-talk para mim,” Harry suspira para fora, movendo as mãos mais acima coxas de Nick.

Ele revira os olhos, mas concorda. “Eu tenho visto esse cara ultimamente, mas ele não chega nem perto tão bom para mim, soprando como você é. ”

Harry se sente quase lisonjeado, de uma forma estranhamente objetivada. Esta é a versão de Nick de louvá-lo.

Nick toma uma mordida da maçã antes que ele faz uma careta, ainda olhando nos olhos de Harry. “Ele é uma espécie de dweeb para ser honesto.Não sei por que mantê-lo ao redor. Habilidades orais medíocre e apenas uma fração de sua personalidade. ”

Harry acena com a cabeça, seus polegares perigosamente perto de onde ele pode ver Nick lentamente começando a encher em seus jeans. Ele disfarça o olhar para onde ele pode ver Louis marcha lenta por cômoda de Nick por coçar o queixo em seu ombro.

“Não sei por que eu terminei com você, Harold. Você era bom para mim. ”

Harry agarra sua atenção de volta para Nick, seus dedos apertando. “Você gostaria que não foram divididos?”, Ele pergunta, incrédula e espero que mais do que ele gostaria de admitir. Seu coração está batendo tão rapidamente, de repente ele pode entrar em combustão espontânea antes que ele possa ouvir a resposta.

“Não acho que eu vou sempre encontrar alguém com uma boca como a sua, "Nick diz-lhe como ele agarra a mão imóvel de Harry, deslizando-a um pouco para a esquerda como o coração de Harry afunda-se ao núcleo interno da Terra, uma vez que sempre faz quando ele deixa suas esperanças ficar muito alto quando se trata de Nick e amor.

"Ok! Isso é o suficiente, Harry, vamos lá, "Louis chama da porta antes que ele se transforma em um sprint e desaparece.

Nick grita e quase cai da cama com a forma como ele salta violentamente. Harry se levanta rapidamente, tropeçando como ele tropeça em seus pés para chegar a Louis. Ele troveja descer as escadas, ignorando chamada de Nick você suja, bastardos brilhantes com uma risadinha ofegante .

Louis mantém a porta aberta, inaugurando Harry através antes que ele bate a porta atrás deles. Eles correm para o carro Louis ’, sem fôlego com a alta de successfully-

"Você conseguiu alguma coisa?” Harry pergunta como os rugidos de motores a vida. Louis balança a cabeça, batendo a mão no bolso enquanto ele se afasta do meio-fio.

Ele passa uma pulseira de Harry enquanto ele propositadamente mantém os olhos para a frente, na estrada.

É a pulseira. Harry traça os dedos sobre o engravement, lembrando-se exatamente como se sentia ao dar a Nick, a excitação e antecipação e, em seguida, o túmulo realidade de sua reação. Mas, surpreendentemente, só dói um pouco.

Harry não dizer muito como eles dirigem ao McDonalds. Ele leva o seu telefone para fora e tenta tomar as medidas necessárias foto Instagram, mas Louis agarra seu pulso, abaixando o braço.

“Eu quero -nos a estar na foto, também. ”

Louis ordena-lhes ambos os McFlurries celebração no drive thru antes de ele estaciona torto.

“Eu poderia ter a pulseira?” Louis pede-lhe calmamente. Há algo de agitação atrás dos olhos de Louis, então Harry define sua McFlurry no porta-copos enquanto espera.

Louis passa os dedos sobre o engravement assim como Harry fez apenas alguns minutos atrás, o rosto pensativo. “Esta é uma cor muito bonita”, ele comenta, virando-se para sorrir para Harry. “O que você quer que a gente faz com ele?”

Harry dá de ombros, fingindo que não está nervoso como Louis quase imperceptível se inclina seus ombros em direção a ele. “Eu não me importo.Isso não quer dizer nada, mais ”.

Louis balança a cabeça, apertando o bracelete em seu pulso. “Tudo bem. Eu só vou agarrar-lo, então. Até que você decidir. ”

Harry faz um som de acordo como ele se inclina para mais perto. Louis traz sua mão com a pulseira anexado ao rosto de Harry, esfregando ao longo de sua bochecha com o polegar.

“Eu quero que você tenha o seu telefone fora, Harry.” Louis diz que com autoridade convincente, e Harry quase quebra o contato visual enquanto ele puxa-lo, ligá-lo à câmera.

“Mmm. Você está afiado. Já é um passo à frente de mim. ”

Harry sorri, olhando para verificar se ele está totalmente carregado.

“Qual é o próximo?” Harry pergunta inocentemente, sua respiração vacilar como nariz Louis 'cócegas seu.

Que Louis não responder, preferindo beijar Harry com os lábios macios e suaves dedos. Ele gostos como Oreo, a boca frio e achocolatado e doce como o creme de gelo tão doce que Harry quase deixa cair seu telefone e se esquece de tirar uma foto. Ele traz sua mão livre para cintura Louis ’, mergulhando os dedos sob a bainha e esfregando sua pele nua como o flash dispara.

Louis se afasta, em seguida, lambendo seu lábio inferior como ele pede o telefone. Harry mãos sobre ela sem reclamar, abaixando-se para beijar o pescoço Louis “, como ele rapidamente tipos fora uma legenda.

"Esta tudo bem?”, Pergunta ele, encolhendo os ombros Harry afastado por seu ombro uma vez que ele está satisfeito.

Mina agora;) todos vêm para desafiar 6 próxima quarta-feira 3 rd período itll valer a pena pular classe

“O que há de tão especial sobre uma corrida de revezamento?” Harry perguntou.

Louis sorri. “É o início da revolução.”

~ Desafio 6 ~

(9-2)

A semana que segue o roubo pulseira é mais ocupada do que Harry está acostumado. Louis requer (frases) que o grupo 5:00 corre, liderada por Liam, que realmente tem a força de vontade para acordar às 5 todas as manhãs, normalmente. Talvez ele é metade robô.

Por alguma razão desconhecida, sua mãe confia Louis com uma chave para a sua casa, para que ele se lança sobre Harry para acordá-lo às 4:30 todas as manhãs levando até o relé. Louis é demasiado energético para alguém que não pode ter tido mais de três horas de sono, se as bolsas sob os olhos são qualquer coisa ir perto. Mas quando Harry pergunta sobre eles, Louis dá de ombros-lo e diz que ele está tendo problemas para dormir.

Harry se sente tão cansado como ele normalmente faz durante a semana de provas finais, e vagamente irritado. Louis é tão preocupado com o seu top-secret “revolução” que ele quase não tem tempo para dar a Harry mais do que um beijo rápido na parte da manhã depois que ele rudemente o acorda, o que não está fazendo nada para o seu caso residual de bolas azuis. Harry foi forçado (se ofereceu para) dar Niall, Liam, Zayn e passeios da escola para casa, porque Louis afirma que ele está muito ocupado para ônibus seus traseiros preguiçosos para a semana.

É chato, porque Harry pensei que talvez algo teria mudado depois de terem exposto sua súbita, relacionamento beijando-inclusive no Instagram (ganhando 148 gostos e 32 sugam-up comentários, obrigado muito, muito mesmo), mas Louis recusa a falar sobre qualquer coisa que não seja como ele está animado para quarta-feira.

~

Na terça-feira antes do revezamento, Louis nem sequer aparecem para sua corrida matinal. Ele textos lhes tudo o que ele tem algo que ele precisa para terminar. Harry contempla dormir e ignorando o texto, fingindo presença Louis 'é o único fator que pode torná-lo acordado na parte da manhã, mas ele pode imaginar a tristeza nos olhos do filhote de cachorro do cão de Liam e ele relutantemente dá em.

Ele mostra até o parque a poucos minutos passado 5, mas Liam é o único que encontra-se no banco, olhando como acordado e picador como alguém que dormiu suas oito horas.

“Surpreso você veio, Harry,” Liam brinca, saltando para baixo a partir da mesa de piquenique. “Ele provavelmente vai ser apenas nós.”

Harry fecha os olhos em derrota. “Zayn e Niall não estão vindo?”

Liam ri dele como ele é estúpido. “Louis não está aqui, então eles teriam que obter os seus próprios passeios. Estou surpreso Zayn mesmo fez a dois, para ser honesto. Com Niall é tão provável que ele será como ele não vai. Eu acho que nós vamos ver. ”

Eles esticar rapidamente e, em seguida, começar a sua rota, correr lado a lado. Harry não perdeu a capacidade de falar ainda de forma coerente, então ele pergunta por que Louis dirige-los todos em todos os lugares.

Liam parece considerar sua resposta antes que ele dá de ombros e sorri. “Acho que é porque Louis insiste. Torna mais fácil para os nossos pais uma vez que nenhum de nós têm carros, e nós somos um grupo muito perto, de qualquer maneira. Louis tem quatro irmãs mais jovens, ele está acostumado a cuidar de pessoas ”.

Harry quase pergunta por que Louis é o único que tem um carro, mas ele morde a língua enquanto ele percebe que iria fazê-lo parecer um, garoto rico e mimado.

Os dois executar sozinho na escuridão, com Liam gritando alguns incentivos como Harry tenta bravamente para não morrer. Ele cai no meio, amaldiçoando o mundo durante existente. Nada é certo às 5 da manhã, e tudo o que suga é amplificado para duas vezes mais sucky.

Liam puxa-o para uma posição sentada com os olhos suaves. “Louis não será tão intensa após o protesto.”

Talvez seja muito cedo e cérebro de Harry não está funcionando corretamente. Mas ele não consegue se lembrar Louis mencionar uma vez sequer um protesto. “Desculpe, o quê?”

Liam olha para ele como se ele estivesse brincando. “Ele está planejando um protesto em frente da Rádio Grim? Eles são a empresa rumores de ser a doação de um novo estádio de St. George? ”

É informação nova para Harry, mas tudo bem. É muito cedo para pensar.

~

No momento em que Harry torna a escola para sua primeira aula, ele é apenas um pouco mais acordado. É difícil de perder o giz que reveste todos os painéis calçada único, porém: Amanhã, às 11 , uma hora antes de a corrida começar.

Harry entende por que Louis não fazê-lo para a sua execução. Ele não fica surpreso ao descobrir que Luís não está na aula, tampouco, e que ele tem um outro texto pedindo-lhe para levar os meninos para casa.

~

Ele não tem certeza o que esperar na quarta-feira. Louis chama fora de seu funcionamento, em vez pedindo a todos para vir direto para o campo abandonado à beira do lago, onde o relé é realizada todos os anos.

Harry concorda, pegando os outros três em seu Range Rover. Eles estão zumbindo com energia, mas Harry se sente até meio morto por dentro. É um pensamento triste, e Harry não tem o orgulho que ele pensa isso, mas dias sem atenção Louis 'são como dias sem um propósito. Não é saudável, porque ele costumava pensar a mesma coisa sobre Nick, e agora que Louis tem adotado uma abordagem principalmente indiferente à sua vida e seu relacionamento indeciso, ele não tem certeza se é realmente Louis melhor em tudo.

Zayn monta espingarda e murmura-lhe como chegar ao campo, mas uma vez que está na vizinhança ele percebe que seria impossível de perder.Louis 'construído numa fase-um real, em fase-real no meio da sujidade. Harry parques na grama longe da área, portanto, a caminhada é pelo menos três minutos até que eles possam vê-lo de perto.

E Harry não sabia o que pensar. Louis se senta na borda do palco com as pernas balançando sobre o lado, os olhos encovados mais longe do que um zumbi do e seu cabelo uma bagunça.

Há um enorme espaço em frente ao palco que Harry só pode acho que é reservado para uma fogueira, se o círculo de pedras e madeiras de combustível e as folhas são qualquer coisa ir perto. Atrás Louis, há uma mesa da escola de madeira lisa com um megafone definido em cima dela.

“What’s-” Harry pede, antes que ele coloca os olhos sobre o gigante (mas felizmente vazio) feito à mão, caixão de madeira pelos pés de Louis.

Niall e Liam estão com suas mandíbulas abertas ao lado de Harry, e Zayn parece um pai exasperado.

“Que porra é essa, Louis? "Zayn pede, pulando para cima do palco, então ele se senta ao lado dele.

Louis se inclina a cabeça no ombro de Zayn e cede todo seu peso contra ele. "É o resultado de uma semana de loucura eo mais trabalho que eu nunca vou fazer voluntariamente.”

Zayn esfrega em seu ombro, consolando. “Parece interessante, mas o que é isso?”

Louis suspira e fecha os olhos. “Preciso de ajuda dos seus rapazes.”

~

Os carros começam a chegar exatamente 11. Eles levam chumbo e parque de Harry perto de seu Range Rover, fazendo uma viagem confusa da pequena congregação de carros para o palco, onde Louis, Liam, Zayn, e Harry ficar esperando.

Louis disse-lhes para agir duro e manter seus rostos em branco, mas ele quebra suas próprias regras quando Liam suspiros.

“Puta merda, rapazes!”, ele grita sussurro. Ele mete o telefone nas mãos de Louis. “Sophia acabou de me dizer que há, tipo, três pessoas deixaram no campus. Ela diz que é como uma cidade fantasma, e que os professores estão apenas quarto para quarto contando cabeças e gritando indoTomlinson como os bandidos em Scooby Doo ”.

Rosto Louis 'acende-se, mas ele finge não ser animado, falando snappily. “Isso é bom, mas a minha pergunta é por isso que sua namorada não está aqui para nos ajudar, Liam. Eu não sei se eu posso aprovar o seu relacionamento, mais. ”

Liam bocas de peixe no que, até Louis Pats a cabeça e diz que ele fez bem.

A multidão cresce. E cresce. E cresce. Há pessoas à esquerda e à direita do palco, na frente da fogueira e tão perto Louis diz Liam para levar as pessoas a se mover para trás.

Por 11:15, a multidão está inquieta. As pessoas gritam para ir em frente, e Louis chama-los em um amontoado no centro do palco.

Ele esfrega no pescoço de Harry e quebra o braço em torno do ombro de Zayn, trazendo todos os seus rostos próximos um do outro. “Vamos matá-lo.”

Eles apressar a descer as escadas curtas, forçando Niall mentir no caixão de onde ele estava sentado jogando os bongos atrás do palco. Harry leva o canto traseiro esquerdo, ao lado de Liam, como eles levantar o caixão nos ombros e começar sua marcha lenta até as escadas.

Há um silêncio. Harry mantém os olhos para a frente, mas ele sabe que todo mundo está em pé com a mesma emoção que ele se sentiria se estivesse no meio da multidão-confusão.

Eles definir Niall para baixo no canto direito do palco, e então Harry se retira para o outro canto com Liam e Zayn enquanto Louis caminha para o centro. Ele pega o megafone, sorrindo enquanto ele muda-lo e sobe em cima da mesa, com um pé no assento e um apoiado sobre a madeira.

Ele transpira confiança, poder cru em sua postura e seu rosto quase predatória.

“Algum de vocês percebe o quão merda nossa escola é?” Louis pergunta, sua voz ecoando sobre as cabeças de seus colegas. “Somos a única escola pública na cidade, mas nós nem sequer temos nosso próprio campo de futebol. ”

Louis reduz o megafone por um momento enquanto ele arrasta seus olhos sobre a multidão. “Alguém já prestou atenção à notícia?”

Há um murmúrio em meio à multidão, mas ninguém responde.

“Eu pensei assim. Você sabia St. George poderia estar recebendo um novo campo de futebol? ”

Louis faz uma pausa dramática. Harry acha que ele provavelmente teve esse discurso escrito e ensaiado desde que ele tinha cinco anos de idade com certeza como ele olha.

“Como uma doação de Rádio Grim? Alguém tem alguma suposições sobre cujo pai é executado essa merda? ”

E isso é quando o ódio Louis 'para Nick faz sentido. Harry suspira, causando Liam voltar-se para ele e franzir a testa, perguntando se ele está bem.

“O pai-de Nick Grimshaw que é quem”, responde Louis. “Há, obviamente, um milhão de razões por que é errado que ele está doando para a escola particular de seu filho quando eles têm tudo e nós temos merda . ”

Sua voz parece crescer mais forte com cada palavra. “Eles não estão fazendo isso por caridade. Não é como seu campo não é seguro, ou desmoronando no chão. Não é como Grim estava indo para arar sobre seu campo para fazer um escritório lá e eles estão construindo-o como compensação. ”

De repente Niall abre seu caixão, surgindo para uma posição sentada. Algumas pessoas na multidão grito, mas Louis sorri como Niall começa a bater em seus bongos, lento como uma marcha da morte. Zayn sai do palco para ficar à fogueira.

“Niall representa aqui a morte de igualdade. Ele está morto e ido para anos , mas esta foi a última gota. Se Rádio Grim realmente se preocupava com as crianças eo futuro do país ”, Louis faz aspas com os dedos", como ele diz que faz, ele iria doar para o público do ensino médio. Ele doar para nós “.

Louis pula fora da mesa como Zayn inflama uma chama com seu isqueiro. "Nós nunca teria o dinheiro para construir o nosso próprio estádio.Nunca . St. George poderia renovar seu campo de futebol, se quisessem, porque eles têm dinheiro suficiente para fazer melhorias para as coisas que eles já têm. A diferença entre eles e nós se que, quando temos dinheiro, precisamos usá-lo para garantir que a nossa escola não cair para malditos pedaços ”.

Harry engole, caminhando com Liam para a mesa e levantando-o para fora do palco. Louis relógios com seu set ombros, quase tremendo em antecipação.

“Grim está a apoiar um ciclo vicioso. Não temos a- "Louis interrompe de repente, arregalando os olhos. Harry segue seu olhar, e que a terra em um carro da polícia.

"Jogue-o”, diz Louis para ele e Liam, não no megafone. Então eles jogam na mesa direto para a fogueira, as chamas subindo como os alunos por perto grito e recuou.

Qual é o seu mal por não ouvir Liam, realmente.

“Eu tenho um plano! Eu sei que você não quer ser oprimidos pelo sistema, e você não tem que ser! Você só precisa de alguém para que você aponte na direção certa, e no lugar certo para se estar é na frente de Grim Studios, em 21 de março st ! No dia seguinte ao jogo de futebol contra o St. George! Vamos porra protesto! ”

Louis morde o lábio quando dois policiais batem as portas atrás de si e fazer o seu caminho para o palco, gritando sobre evasão escolar e invasão de propriedade privada. “Se vencermos os jogos Nick Grimshaw disse que iria me conseguir uma reunião com o seu pai. Ele é um idiota, então eu não iria colocá-lo passado ele mentir, mas vale a pena tentar uma porra! ”

Louis sorri enquanto os policiais se apressar para seu estágio. “A mídia não vai querer perder um protesto estudantil visível, e quanto mais de nós existem, o mais assustador é para Grim! Eles não vão querer a má publicidade quando chamamos-los para seu merda! ”

“Tomlinson!” Grita o policial mais alto, o arredondamento nas escadas. Louis acelera seu discurso, até que é quase impossível distinguir suas palavras.

“Faça sinais, e torná-los tão rude quanto você pode! Parar de ouvir Rádio Grim até então! Faça-lhes cartas fortemente exprimidos, e- ”, ele corta como os policiais levar ambos os lados do palco, subir as escadas então não há nenhuma fuga fácil.

Louis empurra o megafone e um conjunto de chaves na mão de Harry, beijando-o na boca de maneira extravagante, quase rápido demais para Harry beijar de volta. A multidão vai à loucura em que, gritando de incentivo com os punhos para o ar, e ele mal pode ouvir Louis 'tranquila “obrigado” por cima do barulho.

E então salta Louis. Ele salta logo à esquerda da fogueira, empurrando através da multidão aproximadamente antes de abrir um caminho para ele.Ele pára no meio do grupo, gesticulando para que tudo fechar-se sobre ele, e todo mundo escuta .

É uma visão para ver. É melhor do que protesto metragem Harry viu na televisão. Ele contempla a puxar seu telefone, mas ele não quer perder nada.

Os policiais pular atrás dele, gritando com Louis e dizendo-lhe que ele está resistindo à prisão. Mas Louis não se importa. Ele continua a pregar para o grupo, no seu próprio pequeno, bolha isolada como os policiais empurrar no meio da multidão.

Louis sorri secamente medida que se aproximam. “Deixe este servir como um lembrete de que a polícia sempre do lado dos ricos. Eles fazem tudo o que podem para silenciar o impotente. ”

Louis é levado algemado, chutando e gritando sobre como a população estudantil podia fazer nada caso apenas todos eles cresceram algumas bolas e se juntou a ele. Ele lembra-los que todos seriam presos que trabalham sete dias por semana, durante 10 horas, se ninguém levantou-se para o que era certo, antes que a porta se fechou e sua voz é cortado.

É o caos como o carro da polícia vai embora. Há tanta energia explodindo ao redor dele que ele é alguém com medo poderia fazer algo imprudente como salto para a fogueira em um ato incontrolável de paixão. Tudo por causa de Louis.

Harry nunca foi tão atraído por alguém. Ele quer que ele tão ruim que dói. Vê-lo em seu elemento, ficando praticamente toda a sua escola para abandonar terceiro período e irritar-los para um protesto, era poderoso.

Puta merda. Louis é sobre essa vida. Ele não é só conversa e nenhuma ação; ele é ação drástica antes explicação. Ele é um nível 5 tornado. Ele é um terremoto preparado para atacar e destruir impiedosamente todos os edifícios em seu caminho. Ele sabe que seu merda, e ele sabe como fazer as pessoas cuidado .

Merda Santo . Não importa mesmo que perder o Desafio já que um dos membros de sua equipe está a caminho para a cadeia. Se há uma coisa é certa, é que Louis fez uma boa impressão. Harry duvida haverá mesmo um aluno de sua escola sentado em casa em 21 de março st .

Desafio ~ 7 ~

(9-8)

Louis não está na classe na quinta-feira. Harry sabe que ele não está ainda preso porque a mãe de Zayn chamado Louis 'e ela disse que só foi realizado por algumas horas, mas é assustador não saber exatamente o que aconteceu.

E ele meio que perde -lo.

Acontece que ele esteve em suspensão na escola. Então ele vem para a escola, mas ele é forçado a sentar-se no escritório o dia todo fazendo ocupado trabalho e incapaz de falar com mais ninguém. Então ele está literalmente apenas separados de Harry por um muro, mas ele não pode entrar em contacto com ele. Ela se sente como uma metáfora de algum tipo.

Ele rapidamente percebe mum Louis 'tirou seu telefone e não vai deixá-lo ir a qualquer lugar, mas para a escola, então ele não tem nenhuma maneira de entrar em contacto com ele. Ele contempla trazendo um livro sobre e fingindo que ele está na classe com Louis, mas ele percebe que ele realmente não tem idéia de onde ele mora.

Assim, ele aceita seu destino, e tenta ser paciente.

Mas na semana seguinte Louis ainda não está em sala de aula. Ele continua desse jeito segunda-feira, terça-feira, quarta-feira, e até quinta-feira , e então Harry quase perdeu toda a esperança de voltar a ver o rosto perfeito Louis 'de novo, que ele é uma vítima na maior guerra da desigualdade.

Harry nem sequer pensa Louis seria realmente importa de ficar fora dessa forma. Ele consideram uma morte digna.

~

Uma mão cutucando seu ombro, na noite de quinta-feira de acorda-lo.

“Mãe?” Harry pede silenciosamente, rolando sobre a tomar no esboço borrada de um corpo como os olhos piscam em foco.

“Ah Merda. Louis? O que você está a chegar aqui- ”, ele exige, puxando Louis em estreita por parte de trás do seu pescoço. Louis cai em cima dele, o joelho colidir com sua coxa dolorosamente, mas Harry nem se importa. Ele beija Louis profundo, esperando que sua boca não foi demasiado obsoleto, trazendo-o em seus peitos tão colidem.

Louis beija de volta por alguns momentos, antes de ele planta as mãos pela cabeça de Harry e arqueia as costas, levantando a parte superior do corpo para longe dele. “Venha comigo.”

“É tarde e nós temos escola amanhã. Dormir aqui ”, argumenta Harry, mas Louis se levanta e puxa a mão insistentemente, e ele realmente não tem outra escolha.

“Use sapatos confortáveis ​​com um aperto”, Louis sussurra para ele depois que ele retira sua bermuda em favor de jeans.

De lá, ele é tranqüila. É esgueirando para fora da casa em suas pontas dos pés eo baixo ronronar do motor e Louis wordlessly tomando a mão de Harry e esfregando o polegar sobre seu pulso enquanto ele dirige. O silêncio é alto, Louis 'comportamento normalmente falador uma ausência óbvia.

É tranquilo na estrada escura. Ele os leva a um estacionamento escuro como breu que tem uma entrada para uma trilha revestida de árvores. Louis puxa um ramo de lado e gestos para Harry a liderar o caminho. Seus olhos não totalmente ajustado tudo é tingido um verde cinza e ele não pode ver nada mais do que a um braço de distância dele. Mas Louis mantém a mão na cintura e aponta-o na direção certa, e ele se sente seguro.

Ele é, finalmente, 100% Louis positivo não está tentando matá-lo.

Eles caminham por entre as árvores, até que chegar a uma clareira, com uma enorme bueiro com uma fina corrente de água fedorenta que passa pelo meio. Eles gesso-se perto das paredes do bueiro, ombros escovar as camadas de graffiti colorido com apenas o som dos seus pés, a água correndo, e sua respiração suave ecoando por todo o túnel.

Uma vez que eles passam, eles fazem-lo para um caminho pedregoso. Há árvores que os rodeavam, com sucursais em execução graus de espessura caíram em todo o fluxo de água pungente como uma ponte.

Louis anda na frente de Harry, apontando que a área é segura para o passo à medida que subir mais alto até as rochas. É difícil, porque está escuro e Harry nunca foi um grande alpinista, mas Louis sorri para ele quando ele reclama sobre seu medo de cair.

“Uma das razões que eu trouxe você para esconder a bandana. Você vai precisar para manter-se com a gente amanhã à noite. Desafio final e tudo é um grande problema ”.

Louis cruza através das rochas na forma como ele atravessa a vida. Ele salta ousadamente, fazendo pulos que Harry nunca sequer se atrevem a tentar. Ele se sente um pouco como um covarde.

É mais fácil ver uma vez que eles passam por entre as árvores. É apenas a dois deles, com as pedras pintadas e o fluxo lento de água e a borda oposta, tudo banhado sob a lua crescente eo brilho residual de postes de iluminação ao longo da auto-estrada nas proximidades.

Harry ainda teme pela vida Louis ’, quando ele faz um salto sobre um espaço entre duas rochas. Eles são quase não alto o suficiente para morrer se eles estavam a cair, mas não há dúvida de que seria um mergulho desagradável.

“Como você mesmo sabe que este é o lado que é suposto para escondê-lo? Onde está a cortar? "Harry pede uma vez que ele alcança-Louis, descansando contra uma rocha e esperando por ele.

"Estamos ganhando, assim que receber o lado mais difícil”, explica Louis, puxando Harry pela mão enquanto ele trudges frente.

Harry sorri e reza as mãos não ficam suadas. “Então, depois do jogo vamos dirigir aqui. Vamos entrar pelo lado mais fácil, ea primeira equipe para encontrar suas vitórias bandana escondidos? ”

Louis balança a cabeça. “Não, a primeira equipe a encontrar a bandana e torná-lo aos fogueira vitórias. ”

Eles finalmente chegar a uma enorme rocha com vista para que Harry lembra de Pride Rock do Rei Leão. A partir dele, eles podem ver tudo ao redor.

A água leva a uma cachoeira-quase, descendo sobre as rochas menores e levando para uma área envolto por mais árvores. As rochas em frente ao belo, cores de cada máscara pintado sobre eles, algumas palavras visíveis através da penumbra (Harry pode fazer para fora um tema da liberdade e do amor:. Bastante típico)

Louis ainda está segurando sua mão, e Harry não é nem mesmo certeza que ele está ciente disso, porque ele está olhando sobre o horizonte, com o rosto calmo e pensativo. Mas, em seguida, Louis morde o lábio e Harry pode sentir os dedos tremor entre as dele, e Louis solta.

“Vamos sentar e apenas assistir”, sugere Louis, afundando no chão com as pernas para fora e as mãos para trás. Harry segue sem questionar.

É em silêncio por alguns momentos, com apenas o som ocasional de um pássaro ou o carro pouco frequente passando ao longo da auto-estrada para interromper o silêncio. Louis suspira, eventualmente, voltando-se para Harry e sentando-se reto.

“É estranho pensar que eu costumava não gostar tanto de você.”

Harry se vira para olhar para ele, mas Louis faz uma pausa antes de ele elabora. “Uma das melhores coisas que me aconteceu este ano foi conhecê-lo.”

Harry ri. “Aqui também. Não que você teve muita concorrência. ”

“Eu sei que tenho sido uma espécie de … longe … estas últimas duas semanas,” Louis sussurra para ele, tão suave como o luar iluminando suas feições. “Eu tive um pouco de um angsty, batalha interna, provavelmente provocada por vida fora de duas horas de sono e ser jogado na cadeia, mas, agora acabou. Você não pode susto mim, mais, Styles. Ter medo era terrivelmente chato. ”

Harry morde o lábio contra o seu sorriso. Ele nunca pensei que alguém tinha o poder de assustar Louis Tomlinson.

“Eu gosto muito de você, Harry. E eu não sei se você ainda está em tipo de Nick ou o que quer, ou se você está pronto para qualquer coisa, realmente. Eu só sei que quando eu penso em você e Nick juntos Eu quero dar um soco na parede com a forma como irracionalmente chateado que eu sou. ”

Harry desliza o dedo mindinho de modo que os lados das suas mãos estão tocando. “Eu-” ele começa, mas é difícil formar em palavras. Ele sabe que ele só quer Louis e que ele não está em Nick, anymore. Ele é hora comprovada e outra vez quão pouco ele se importa, mas Harry não pode ajudar o fato de que seu coração ainda salta uma batida quando seu nome é mencionado, ou que ele olha por cima do ombro para verificar sempre que um rapaz alto com um topete passa por ele , só para ter certeza.

É só biológica, realmente. Ele vai precisar de um pouco de tempo antes que seu corpo percebe que ele não precisa dele, anymore.

“Eu não posso prometer que eu não me importo com ele em tudo, mais, mas eu posso prometer que eu não tenho nenhuma intenção de agir sobre qualquer coisa. ”

Louis acena com a cabeça, pensativo, deslizando o dedo mindinho para que seus dedos estão em cima uns dos outros. “Eu posso trabalhar com isso.”

Harry puxa sua mão para longe, uma farsa, desaprovador olhar cruzando suas feições. “Isso não significa que eu estou em você , Louis! ”

Ele olha horrorizada por um momento glorioso, antes de compreender lavagens sobre ele. “Você pau. Meu coração literalmente parou. ”

Harry se inclina, definindo sua mão em cima de Louis 'mais uma vez. Ele se sente tão feliz e piegas que as únicas palavras que vêm à mente são: “Eu vou dar-lhe boca a boca …”

~

Depois de um amasso suficientemente doce e mágico, Louis puxa Harry a seus pés. Ele mantém a mão de Harry como eles aventurar-se mais para baixo, com cuidado, solto solo começa a maca através das partes superiores das rochas.

Louis puxa o bandana vermelho do bolso de trás enquanto ele cutuca ao redor nas rochas no chão.

“Ei, Harry, você sabia que, se isso foram os anos setenta, com uma bandana vermelha no bolso significaria Eu quero ficar avarento?” Louis pede casualmente, como fisting é algo que eles falar.

“Eu-” Harry começa, mas Louis corta-lo tal como ele se abaixa e enfia a bandana entre duas rochas parcialmente mossed-over. “Este é o esconderijo perfeito. Claramente visível, mas baixa o suficiente para o chão e longe o suficiente para o lado que Nick nunca vai vê-lo uma vez que seu nariz é tão alto no ar. ”

Harry traz os olhos de volta da bunda Louis 'em seu rosto quando ele retorna à posição. “Quer que eu te mostrar a área a fogueira?”

É evidente que eles estão perto disso quando eles começam a passar por cima de latas de cerveja amassadas e cacos de vidro de garrafas quebradas, ao lado dos ramos médios e seixos. As rochas limpar até o chão está nivelado, e, em seguida, as árvores ficam escassas e Harry vê-lo.

E isso é apenas uma área de fogueira com tocos que o rodeiam.

É bastante assombroso. Ele está sempre me senti um pouco colocar por nunca ter sido convidado para a fogueira anual, mas parece que ele não perdeu muito.

“É isso?”, Pergunta ele, cutucando uma lata com a ponta do pé. “Eu sempre pensei que seria … Eu não sei. Refrigerador? ”

Louis empurra para o lado suavemente. “Não é muito ruim quando você é batido.”

Ele puxa seu telefone do bolso, verificar o tempo. “Devemos esgueirar-se para o outro lado para ver se podemos encontrar o nosso bandana cedo?”

“Isso soa como trapaça, Lewis. ”

Louis aquiesce e puxa Harry de volta para o caminho de onde vieram.

Eles viajam ao longo do outro lado do rio, o que prova ser muito mais difícil. Os espaços entre as rochas virar maior, e os saltos são quase demasiado assustador para tentar. Louis recompensa-o para fazer os saltos, e Harry está começando a pensar se ele está cego pela presença Louis 'já que ele está disposto a arriscar sua vida Apenas por um beijo, quando ele recebe um braço abrupta em seu estômago.

“Oh meu Deus, Harry. Isso quer dizer o que eu acho que ele diz? "Louis pergunta, apontando para baixo para a rocha que está em pé.

"Eu tinha-me feito sexo aqui. Não, eu acho que é definitivamente o que você pensou que disse, "Harry ri.

Louis ri, também, puxando um Sharpie do bolso de trás enquanto ele afunda de joelhos. Ele descansa seu peso em seu braço esquerdo como ele escreve mim também.

"Bem, então, eu acho que eu estou sugando seu pau”, Louis diz a ele despreocupadamente, sentando-se sobre os joelhos e arrastando mais perto de onde Harry de repente é enraizada no local.

“Porra,” Louis reclama que ele não perde tempo e copos Harry através de seus jeans. “Isso tem que ser rápido. Rocha dói. ”

Harry ainda não tem certeza de como responder verbalmente, mas o pau dele tem uma mente própria. Ele treme como Louis descompacta sua calça jeans e puxa para baixo a meio da coxa, embaraçosamente difícil embaraçosamente rapidamente a partir de apenas um toque ea antecipação.

Louis move as mãos debaixo da camisa de Harry, arrastando-os para suas costelas e torcendo para pegar o dentro de sua camisa entre os dedos antes que ele lambe uma listra ao longo de seu pênis coberto.

Ele olha para Harry como ele respira contra o seu comprimento. “Você pode me ajudar? Não quero que você fique tudo sujo . ”

Harry está em conformidade com facilidade, seus joelhos quase dobra uma vez que ele sente língua Louis 'contra sua pele nua. Louis obtém direito a ele, envolvendo seus lábios ao redor da cabeça e rodando sua língua duas vezes antes de afundar para baixo, tanto quanto ele pode ir, até que Harry bate no fundo de sua garganta.

Ele desembaraça os dedos, movendo-os pelas costas de Harry até que ele está agarrando seus quadris e puxando-o para mais perto, a bainha de sua camisa cair para descansar no topo da cabeça Louis ’. Espasmos de garganta Louis ’, relaxando antes Louis empurra ainda mais longe, e Harry não acho que é até possível que ele possa respirar.

Harry tenta afastá-lo pelos cabelos, mas Louis empurra mais difícil, a ponta do seu nariz roçando a pele de Harry. “Devagar”, Harry grunhe para fora, seus dedos soltando como Louis se afasta. “Você tem que diminuir ou isso vai ser humilhante.”

Ele olha para Harry antes de lamber-lo da base à ponta, sua língua suave e descontraída. “Sem mais conversa,” Louis exige bossily antes que ele envolve os lábios apertados em torno da cabeça do pênis de Harry e esvazia suas bochechas.

A forma como ele está usando sucção torna óbvio que ele quer fazê-lo perder o controle o mais rápido possível, e ele não está escondendo. É uma diferença tão gritante com a forma Louis atuou pela primeira vez eles se beijaram, quando ele entregou quase todo o controle sobre a Harry e focada exclusivamente em seu próprio prazer. Harry não tem certeza de como responder, porque é tão desconhecido, mas ele supõe que ele vai ter que se acostumar com isso com Louis. Nada é previsível com ele.

Louis geme e puxa de repente, envolvendo seus braços apertados ao redor da cintura de Harry. Ele lambe sua linha v, elevando seu hálito quente arrepios ao longo de sua pele antes que ele está mergulhando a língua na tecla de barriga de Harry.

“Vamos,” Louis sussurra contra seu abs antes de ele mordisca na pele lá.

“Estou já perto ”, Harry sussurra honestamente. Ele não teve nada em seu pau, mas a própria mão em meses e, a cada segundo que passa, está ficando mais difícil a abster-se de derramar na boca Louis 'pateticamente cedo.

Mas, em seguida, Louis abre a boca e leva comprimento de Harry de novo, mais lento e mais propositadamente. Ele mantém o pênis no lugar com sua língua enquanto ele vira a cabeça para alterar o ângulo, por isso ele está mais perto de bater a dobradiça da mandíbula Louis “, em vez de parte de trás de sua garganta.

Louis traça a veia abaulamento na parte inferior do seu pênis com a língua, executando-o de cima para baixo como ele leva mais em.

E então ele se sente dentes. É tão leve e suave que Harry não pode ter certeza que ele não está inteiramente imaginando, mas depois ele olha fixamente para Louis, e, não, seu pênis é definitivamente bate o interior suave da bochecha Louis ’, porque cada vez que Louis traz seu rosto para a frente, ele pode vê-lo abaulamento para fora no ângulo.

Dentes. dentes.

Harry sempre preferiu um boquete para ficar longe de envolvimento canino, mas ao arrastar fracos de Louis 'molares ele derrama em Louis’ boca sem aviso, ofegando com a força dele.

Louis suga-lo através dele (apenas a ponta, com felizmente sem dentes), até que ele não agüento mais. Harry Louis puxa a seus pés, beijando-o, logo que ele é perto o suficiente e que adere a coxa entre as pernas de Louis.

Louis se afasta, sacudindo a cabeça. "Eu não estou batendo meu pau para fora aqui. Pense dos germes ”, brinca ele, mas ele corre para a frente de qualquer maneira.

E ele não deixa Harry tocá-lo até que eles estão de volta em sua casa. Toda a unidade lá, ele está preso com um tesão intocada que ameaça picar através de seu jeans a qualquer momento. Harry tem piedade dele e tenta ajudar, mas ele empurra Harry afastado em cada tentativa.

Mas quando Louis 'em suas ponta dos pés, esfregando shampoo no couro cabeludo de Harry com as pontas de seus dedos como eles chuveiro, Harry cai de joelhos e empurra Louis contra a parede.

E os sons Louis faz são ainda mais doce do que quando primeiro se beijaram. Ele se vira desossada, agarrando desesperadamente nas paredes, mas não há nada para agarrar. Ele se instala com uma mão enterrada no cabelo de Harry e um segurando o ombro.

Harry recebe quase imprudente e tenta usar o mesmo truque dentes em Louis como ele usou sobre ele, mas ele galinhas para fora na última hora.Em vez disso, ele amassa a pele na parte inferior da coluna vertebral Louis, afundando o polegar molhado menor e menor até que ele está pressionando contra buraco Louis ’.

Leva apenas um impulso rápido de seu dedo antes de Louis 'descendo a garganta com um gemido abafado.

~

No dia seguinte, na escola, há esperança misturada com uma excitação ansiosa e nervosismo que flui através dos corredores; Harry só pode compará-lo com a vibração em St. George no dia anterior cartas de aceitação da faculdade são enviados para fora.

No almoço, um professor com uma má peruca vai até sua mesa pedindo para falar com Louis.

“Desculpe, mas eu estou no meio de comer,” Louis salienta, apontando para seu sanduíche com ela e Harry das mãos unidas.

“Tomlinson, eu não sei o que você pensa que está fazendo enganar mais de metade da escola em amaragem terceiro período, mas foi extremamente irresponsável”, ele repreende.

Louis revira os olhos. “Obteve sua atenção, embora, não é? Você não vai estar reclamando quando eu chegar à escola um novo estádio de futebol. ”

“Isso é ao lado o-”

“Tanto Faz. Eu vou comprar um novo conjunto de giz como reembolso por arruinar seu terceiro período ”, resmunga Louis.

O professor não parece satisfeito. Ele olha pra Louis antes de ele se vira e diz Niall a mastigar com a boca fechada, finalmente indo embora.

“Chalk é terrivelmente ultrapassada, de qualquer maneira. As pessoas no 21 st uso século apagadores, "Louis reclama em voz alta, quase sorrindo enquanto Harry beija os nós dos dedos na simpatia.

~

É difícil ir para casa após o período final. Há multidões-reais multidões de estudantes-forro da porta, cantando boa sorte e comovente e empurrando e tremendo, e Louis mantém uma firme mão na cintura de Harry atrás dele para guiá-lo para longe.

"É como este a cada ano?” Harry pede, ofegante enquanto ele puxa as chaves do carro de sua mochila.

Louis balança a cabeça, e depois arremessa as chaves para a cabeça de Liam. “Você está dirigindo. Eu estou indo em Harry. ”

Liam sorri, mas não comentar.

Um dos mais distintamente de Louis Louis características é que ele pode tomar qualquer situação, e lançá-lo para dar-lhe a mão superior. Com Harry não é nenhuma exceção. Louis joga os pés no painel de instrumentos e muda a estação de rádio sem pedir, e Harry sabe que é seu carro, mas ele se sente como Louis possui.

“Está nervosa para esta noite, Curly?” Louis pergunta. E ele não é muito, mas agora ele se sente como ele está levando as coisas muito levemente.

“Eu deveria estar?” Harry pede de volta.

Louis considera, distraidamente rolando sua janela para baixo e back-up como uma criança. “Eu poderia ter dito que eu fique muito intensa durante o desafio final. Qualquer coisa que eu dizer a partir deste ponto não pode ser usado contra mim. ”

~

Todos eles se preparar para Harry, como de costume. Liam fez todos os jerseys com seus sobrenomes na parte de trás, por isso eles são como um real, a equipe adequada. Eles fingem jogar FIFA, enquanto se espera para o jogo de futebol para começar, mas ainda Zayn parece nervoso sobre o desafio que vem. Eles não conseguir muito mais.

Eles usam lápis delineador da mãe de Harry para fazer olho preto de novo, e ela pega todos eles, assim como eles estão tentando sair para o jogo.

“Vocês todos olham adorável ”, ela jorra, impedindo-os de sair. Ela aponta para Niall a girar em torno de modo que ela pode ver a parte de trás da camisa, radiante como ela lê sobre o Horan impresso lá.

“Isso me leva de volta a alguns anos”, ela suspira, puxando seu telefone do bolso. “Eu estou tirando uma foto.”

“Mãe!” Harry reclama, mortificada. Louis pressiona um dedo sobre os lábios, silenciando-o, antes que ele concorda e se transforma, apontando com seus polegares ao Tomlinson em toda a volta de sua camisa.

O resto dos meninos sigam o exemplo, ea imagem é realmente fantástico. Eles espreitar por cima do ombro para ter uma boa olhada nele.

“Quando você diz que o leva de volta, o que exatamente você quer dizer?” Louis pede a ela.

Ela sorri timidamente, enfiando o telefone de volta no bolso. “Harry não é o único na família que pode jogar.”

Ela pisca e se retira para a cozinha. “Boa sorte esta noite, rapazes. Conduza com segurança e não escorregar em todas as rochas. ”

… Será que sua mãe apenas dizer que ela estava no time de sua escola?

“Puta merda”, Niall sussurra. “Sua mãe é um MILF e uma lenda! ”

Harry é poupado de responder porque Louis lhe dá um soco no braço.

~

Harry imagina a sua chegada ao futebol iria rivalizar com a música de uma turnê mundial de abertura. Eles entram no jogo de graça, ea linha superior de arquibancadas é salvo exclusivamente para eles, cartazes fixados para a borda desejando-lhes boa sorte com balões anexados.

Pessoas Harry nunca viu antes em sua vida vir a falar com ele como se tivessem sido amigos há anos. Ele tira fotos com garotas vestindo arcos brilhantes e recebe alta de cinco anos a partir de meninos que nunca podia imaginar falando com ele de outra forma.

As líderes de torcida entoar seus nomes durante trimestre, ea multidão paga honestamente mais atenção a eles do que o jogo de futebol enquanto os segundos vão passando a metade do tempo.

Com um minuto deixou no relógio, Louis acena com a cabeça para que todos possam ficar de pé. Eles fazem o seu caminho para baixo das arquibancadas, o rugido de encorajamento crescendo e crescendo até o ponto onde ouvidos de Harry estão tocando, e ele duvida que ele vai desaparecer tão cedo.

Eles pairam pelas portas como o tempo se esgota, e esquadrão de Nick rapidamente se junta a eles.

“Não acho que você tinha isso em você, Harold”, comenta Nick para ele, inclinando-se casualmente contra a cerca da ligação chain, ombro a ombro com Billy o Bagel assaltante.

Harry engole, sorrindo como Louis aperta seu aperto em seu pulso. “Eu preferia estar em sua equipe do que o seu todo o dia, Grimshaw.”

Louis sorri para isso. Harry não tem certeza se é porque ele meio que disse que ele escolheu-o sobre Nick, ou porque último status nome é a última forma de sombra impessoal. De qualquer maneira, ele está orgulhoso de seu retorno.

De repente, a campainha toca e é uma luta para obter através do portão. Harry recebe um bocado de cabelo e alguém do Alexa ele não é capaz de identificar lança um cotovelo para sua costela, mas, em seguida, eles estão livres. Niall empurra os ombros de Nick boas humorado como eles partiram em direções distintas, e então eles estão no carro de Harry, as janelas abertas como Harry leva pelo menos 15 sobre o limite de velocidade e rola através de cada parada.

Harry dificilmente se lembra de trancar a porta, uma vez que puxar para cima até o estacionamento desconhecido. A entrada para este lado das rochas é muito mais fácil de encontrar, e eles passam através da sujeira e árvores rapidamente. Liam e Niall leva ri e finge estar ajudando brilhando a lanterna como Zayn olha para as folhas. Louis mantém seu nível de olhos enquanto Harry mantém um porão apertado da parte de trás de sua camisa e relógios no chão, como eles planejaram.

Não há nada, mas a sujeira, rochas, eo preservativo ocasionalmente usado por seus pés, e Harry acha que ele deve estar faltando alguma coisa, porque eles estavam procurando por pelo menos 20 minutos, e cada trecho de rocha e da sujeira parece tão nua como o último .

“Vamos atravessar o rio lá em baixo e verificar o outro lado”, diz Louis, uma vez que passam a área de floresta-like e alcançar as rochas que só subir mais e mais alto.

Ao cruzar no tronco caído, Harry percebe um lampejo de vermelho com o canto do olho.

“Niall! Lançar alguma luz sobre lá, "Harry demandas, apontando para um ponto apenas ligeiramente a jusante. Ele solta com o pensamento de chegar na, água marrom malcheiroso.

Mas acontece que o vermelho é, na verdade, apenas os restos de uma xícara Solo vermelho.

"Bom olho, no entanto,” Louis sussurra para ele com um sorriso privado, e eles continuam a sua busca.

É apenas alguns minutos antes de Zayn grita: “Lá em cima, Niall!”

Lá em cima, na verdade. A bandana é enrolado em torno de um galho alto nas árvores, ondulando suavemente e tauntingly na brisa.

“Como diabos eles ficam lá em cima?” Louis pergunta, incrédulo, a cabeça jogada para trás dramaticamente como ele olha-se para ele. “Mesmo Nick não é que alto. ”

Niall voluntaria para subir na árvore, mas Louis golpeia seu pedido imediatamente. “Esse ramo não prenderia alguém sequer metade do seu tamanho.”

“Louis, não há chance de qualquer um de nós será capaz de alcançar isso”, Zayn admite a ele em voz baixa.

Louis pondera por um momento. “E se eu ficar nos ombros de Harry?”

Eles decidem que vale a pena uma tentativa. Harry arremete para a direita como Liam tinha quando eles invadiram St. George, e Louis passos lá antes de ele balança a perna por cima do ombro. Liam mantém estreita atrás deles como Louis alcança para o céu com uma mão ea outra enterrado em cachos de Harry, mas ele está fora de alcance. Mesmo quando Louis aperta as pernas dolorosamente ao redor do corpo de Harry para tentar obter alguma alavancagem para dar-lhe um pouco de altura extra, ele não pode alcançar.

Louis cede em derrota, caindo de volta para os braços de Liam sem olhar para trás.

Uma vez que ele é seguro no chão, ele passa a mão pelo cabelo. “Não podemos simplesmente perder quando estamos tão perto! Tem que ser- ”

Olhos de Louis aumentar. “Porra. Ok, aqui está o que está acontecendo. ”

Ele toma um rápido olhar para os outros quatro, olhando Niall uma vez que ele alcança.

“Niall. Eu quero você na minha frente. Liam, aqui à minha esquerda e Zayn, à minha direita. Eu quero que você atrás de mim ”, ele dirige Harry enquanto ele se move para ficar bem abaixo da bandana.

“Claro que você quer Harry atrás de você,” snickers Niall, esquivando-se como Louis visa um tapa na parte de trás de sua cabeça.

“Proibido falar! Este é um negócio sério, "Louis grita, movendo as mãos para Liam e Zayn ombro. "Você está me levantando. Estou colocando meus pés em suas mãos e em três apenas levantá-lo para o seu peito e tentar mantê-lo mesmo ”.

“Espere, não deveríamos praticar primeiro, ou-” Liam começa, mas Louis corta-lo.

“No tempo! Eu assisti o suficiente de práticas elogio das minhas irmãs para saber o que estamos fazendo . Harry, você me ajudar a empurrar para cima, e se eu cair é melhor você porra me pegar! Niall, apenas. Eu não sei. Fique lá. Eu vou fazer a bandana com você. ”

Louis levanta-se sobre os seus ombros, trazendo seus pés a de Liam e Zayn mãos hesitantes. Harry dificilmente pode mesmo tomar no músculo abaulamento e babar-lo antes de Louis 'a gritar com ele para ficar focado como Liam e Zayn trazer seus pés superior.

Centro Louis 'de gravidade é tudo fora. Parece que o maior Liam e Zayn trazer seus pés, quanto mais perto ele está a cair para trás. Harry pula, empurrando corpo Louis 'para a frente em vez de para trás, mantendo uma mão apertada no tornozelo direito e seu outro na coxa, enquanto Louis stands.

Ele é instável, um pé maior que o outro e os seus joelhos destravados. Ele chega-se instintivamente, suas mãos envolvendo em torno da filial anteriormente inacessíveis para a terra dele enquanto Niall woops e grita que eles fazem excelentes líderes de torcida. Louis vira-lo com uma mão enquanto ele solta a bandana, libertando-o, juntamente com uma boa quantidade de casca de árvore que de alguma forma encontra o seu caminho no olho de Liam.

Louis joga a bandana para Niall como prometido. “Não realmente pensar em como vir para baixo”, ele admite.

“Eu tenho você”, Harry diz ele, aproximando-se o grupo como Zayn e Liam desigualmente trazer suas mãos inferior. Louis perde o equilíbrio, o depósito de volta com um guincho Harry é certeza de que ele negaria se alguém fosse sempre a perguntar-lhe.

Suas costas inferiores força direto para o peito de Harry, batendo o vento fora dele como Louis puxa o braço para trás e cotovelos dele no nariz.

“Foda-se, desculpe!” Louis pede desculpas uma vez Harry orienta-o ao chão. Ele mantém seus braços em volta de Louis 'meio, enterrando seu nariz ardendo em Louis’ cabelo enquanto seus olhos lacrimejarem-se contra a sua vontade. Mas Louis tem outros planos.

“Desculpe, querida, mas temos de avançar”, Louis exorta-o, cobrindo as mãos de Harry com seu como ele anda para a frente.

É estranho, mas ele ainda não pode abrir seus olhos devido à picada. Ele combina seus passos com Louis 'até que eles ficam às falésias rochosas e ele é forçado a separar-se dele.

Eles saltar de pedra em pedra como se estivessem em uma maratona (Harry lembra-se que tipo de são) e que apenas desacelerar após Niall evita por pouco uma morte dolorosa, e eles podem ver a chama fraca da fogueira através de uma despedida em as árvores.

“Eu posso ver isso!” Harry grita, mesmo que seja óbvio a partir dos suspiros e risos de Niall que ele não é o único.

Eles saltam para o acabamento, chutando pedras e sujeira pelo ar da noite.

O grito que assalta ouvidos de Harry à medida que passam através das árvores diz-lhe tudo o que ele precisa saber.

~

A vitória é doce. O fogo é brilhante e brilhante e há cerveja passou toda em torno de alunos de ambas as escolas. Os pássaros voam a partir da área por causa de quão alto se chega, e Harry se encontra levantada acima da cabeça de todos como ele é crowd surfing, mas a única coisa que eles fizeram é ganhar .

Eles ganharam .

Nick estoura através das árvores em frente a menos de dez minutos depois, a bandana segurava em sua mão eo resto da equipe no seu encalço.

Ele deixa cair o queixo como Niall grita que está muito atrasado.

Louis sorri, bicando Harry na bochecha quando ele passa-lhe a sua cerveja. “Segure isso para mim?”

Harry inclina-se contra uma árvore e descasca o invólucro em torno do frasco, observando Louis como ele puxa Nick para o lado. Niall tenta distraí-lo, juntando-se-lhe com um braço em torno de uma menina de seu ombro aula de espanhol “, enquanto ele diz a ela sobre o conluio puxaram para agarrar a bandana.

Ela se agarra a cada palavra de Niall, mas Harry não consegue focar. Ele está preso em Nick e Louis, e ele desvia os olhos quando Billy chega por trás de Nick e seus laços dedos juntos.

Inspire, expire. Ele sorri, porque não sinto que há uma agulha perfurando seu coração. Nick seguiu em frente, mas isso tem ele.

Ele olha para cima novamente, assim como Louis realmente aperta a mão de Nick.

Seu queixo cai aberta. Ele observa Louis por sua vez, seus olhos procurando a compensação com as sobrancelhas amassado só um pouquinho.

É fofo. Harry sorri e acena-o.

"Basta lembrar que eu era a pessoa que vocês dois se reuniram,” Niall ri.

~

Louis bêbado é, talvez, a ocorrência mais espetacular Harry já experimentou. Ele é tão alto e inteligente, como de costume, mas há a vantagem adicional de que ele é fofo e macio, agarrando-se a Harry toda a noite e puxando-o contra as árvores para fazer com ele na frente de todos.

Talvez seja também porque Nick está lá e Louis está determinado a mostrar que ele é melhor do que ele, mas Harry não me importo.

Louis tem gosto amargo como cerveja. Seus dedos estão tão frios como as garrafas que ele está bebendo, e quando é 03:00 Liam um sóbrio puxa chaves de Harry do bolso e diz-lhes tudo o que ele está dirigindo para casa.

“Mas então você vai ter o meu carro, Liam!” Harry reclama. Apenas Niall é a tiracolo, sozinho, mas ansiando depois que seu amigo espanhol.

“Eu vou buscá-lo amanhã para o protesto”, Liam diz a ele, e que é isso.

Isso é confiança . Ele confia Liam com seu carro . Eles são quase como uma família ou algo assim. Harry ia chorar por causa do sentimento.

Todos vaias vez Louis anuncia que eles estão saindo e “ir para a porra do protesto amanhã ou eu vou te matar.”

Uma vez que eles arrastar Zayn e Perrie longe do fogo, Louis exige um passeio nas costas, por isso, Harry carrega-lo todo o caminho da fogueira para o estacionamento. Sua volta grita em protesto, mas Louis beijos atrás de sua orelha toda a maneira e isso faz a dor vale a pena.

O passeio de carro parece que dura apenas minutos, mas Harry se encontra puxando Louis atrás dele no meio-fio.

“Obrigado, Liam!” Harry grita, sua voz soando pela rua deserta. Ele tranqüila, mas Louis prende em sua mão como se estivesse pertencia a ele por anos, e ele puxa Harry em sua própria casa, como eles estão vindo para casa.

Eles discutem sobre o que comer em um sussurro abafado. Louis exige algo doce, mas Harry realmente quer algo salgado. Eles comprometer e jogar as tesouras de papel rock a tomar a decisão.

Louis ganha, assim que retirar-se para o quarto de Harry com picolés, rindo.

Louis 'mancha a boca de um azul profundo, para que ele se parece com um Smurf feliz. Harry é vermelho, e quando terminar seus picolés e abraçar juntos sob os cobertores, Harry beija-o profundamente, na esperança de transformar tanto de suas línguas roxo. Ele quer que as linhas entre eles a borrar então eles não podem dizer quem é quem mais, e quando Louis envolve suas coxas ao redor da cintura de Harry e puxa-o para cima, ele acha que talvez isso vai acontecer.

Louis esfrega-se contra ele febrilmente, mas quando Harry se afasta para recuperar o fôlego, ele pode ver que os olhos de Louis estão encapuzados e dificilmente aberto. Ele parece que ele está três segundo de cair no sono, e embora Harry não duvida Louis vai ficar chateada com ele para parar as coisas, ele pensa que seria pior para manter as coisas acontecendo quando ele está inseguro sobre como consciente Louis realmente é.

Ele geme uma vez Harry rola, puxando Louis em cima dele assim que ele é forçado a fazer todo o trabalho.

“Por que fez isso para”, ele resmunga, fracamente moagem contra Harry.

Harry dá de ombros, esfregando a mão para cima e para baixo Louis 'costas suavemente como ele vê-lo lutar para ficar acordado.

“Eu não quero que você pare”, queixa-Louis, baixando a testa ao queixo de Harry.

“O que você quer que eu faça?” Harry pergunta, sua voz suave.

Louis alambiques completamente contra ele. Harry acha que é parcialmente a falar de álcool, mas a resposta inesperada Louis 'faz com que o cabelo na parte de trás do seu pescoço estar em linha reta.

“Quero que você me comer fora enquanto você mantenha as duas mãos nas minhas costas, para ser honesto”, ele responde, seu hálito quente contra o pescoço de Harry. “Já não deixe ninguém desde o primeiro tempo- me senti tão bem eu chorei.”

Harry engole como uma gota de suor escorre da testa. “Isso soa como o oposto de um problema.”

Louis cantarola em sua pele, seus cílios cócegas na garganta de Harry como suas frases lentas. “Não gosto de chorar na frente das pessoas. Não quero que ninguém me veja assim. Pode me julgar. privada . ”

Harry pode sentir como Louis relaxa todo seu peso em cima dele, entregando.

“Quer você para fazer isso por mim ”, é a última coisa que ele diz, antes que ele está dormindo.

~

Harry acorda de manhã (tarde) com Louis envolvida em torno dele e a luz do sol diretamente em sua linha de visão. Ele geme, puxando suavemente Louis fora dele para escovar os dentes e fazer xixi.

Quando ele volta para a sala, Louis 'ainda dormindo profundamente com seus braços firmemente em torno de um travesseiro em vez de Harry. Ele franze a testa, puxando as cobertas do corpo Louis 'para tentar acordá-lo, mas ele se recusa, voltando-se para seu estômago.

E quando ele for apresentada uma bela vista tal, ele se lembra de sua conversa na noite anterior.

Ele sabe Louis merece provavelmente centenas de horas de sono, especialmente considerando quão poucos ele deve ter chegado nas últimas duas semanas, mas o seu pedido de mais cedo é queimada nos neurônios de seu cérebro e ele não acha que ele vai embora qualquer tão cedo.

Assim, ele sobe em cima de Louis, abrangendo suas coxas enquanto ele se inclina para frente e começa a massagear os músculos em na parte superior da parte traseira Louis ’, massageando-o.

Louis geme em aprovação.

“Você precisa acordar,” Harry murmura, inclinando-se para pressionar um beijo para a base do pescoço Louis ’. “Protesto é hoje.”

Louis fica tenso em que, virando a cabeça para o lado para verificar o tempo no despertador de Harry. “Não por mais algumas horas.”

Harry cantarola de acordo, adicionando pressão como ele esfrega os polegares nos semi círculos por sua espinha.

Louis fica mole, gemendo como Harry esfrega os nós de suas costas e ombros. Ele fecha os olhos e traz seus braços abaixo de sua cabeça para descansar sua bochecha em cima deles, e é aí que Harry sabe que ele é suficientemente relaxado.

Ele move os lábios em volta Louis 'lentamente, beijando os botões de sua espinha quando ele arrasta os dedos para baixo seus lados.

Ele não acha que Louis sabe o que está vindo, porque seu rosto é ainda tão calmo e relaxado como tem sido desde que ele começou a massagem.Ele decide dar-lhe uma dica, lambendo uma faixa a partir do topo de sua coluna para o cós da cueca como ele se move entre os joelhos Louis 'pernas abertas.

Ele suga uma contusão na base de Louis 'espinha, espalhando Louis’ pernas mais afastadas com os joelhos, e em seguida, Harry sente o clique.Louis alambiques antes que ele deixa escapar um suspiro.

“Foda-se, sim,” Louis pleiteia, movendo as mãos por baixo a cabeça para os lados dela, agarrando os lençóis entre seus dedos.

Harry senta-se e puxa calções Louis 'off sem pausa, tendo a dica. Enquanto ele corre as palmas das mãos para cima Louis 'coxas, ele sorri para o recuo cruzado ao longo Louis’ quadril direito, de onde seus shorts cortou-lhe a circulação em seu sono.

Ele pode sentir que ele está tremendo em antecipação, as mãos trêmulas do Harry mais perto chegar onde ele realmente quer que ele.

Ele puxa 'coxas mais distantes, beijando ao longo da linha tan sutil logo acima da curva de Louis’ Louis bunda. Ele lambe menor, pressionando um beijo molhado para o centro da bochecha esquerda Louis “, como ele atinge os braços para cima. Ele morde delicadamente quando ele encontra o que está procurando, afrouxando os dedos Louis 'de onde ele está segurando os lençóis e puxando-os para trás das costas.

Ele tem tanto de Louis 'mãos em sua esquerda e beijos mais perto de Louis’ centro. Ele se contorce abaixo dele, empurrando seus quadris para a cama, e Harry não tem certeza se é porque ele está tentando obter algum alívio em seu pênis ou porque ele não quer que Harry lá.

"Você me quer?”, Harry sussurra, apertando o nariz para a pele Louis ’.

Louis acalma por um momento, antes que ele quebra e acena com entusiasmo, balançando praticamente toda a cama com ele.

Ele gostaria de ver o rosto de Louis, mas ele tem coisas mais importantes para se preocupar.

Harry fique plana em seu estômago e puxa-o aberto com o polegar, respirando fundo antes de ele lambe uma faixa rápida sobre buracos vibra Louis ’.

É novo. Ele nunca fez isso antes, nunca sequer pensei em fazer isso antes, mas agora que ele está fazendo isso e ele pode ouvir como está afetando Louis, ele se pergunta por que ele nunca esteve no topo da sua lista.

Louis faz o gemido mais silenciosa apenas no início lambe, os pulsos ameaçando romper com o domínio de Harry. Harry aperta mais apertado e morde Louis buraco 'em resposta, e é como Louis afunda ainda mais no colchão.

“Mais”, ele insiste, moagem de volta contra o rosto de Harry. Assim, ele achata a sua língua, lambendo devagar, alternando entre uma leve pressão e lambendo tão duro que ele pode sentir uma tensão em seu pescoço.

Louis cresce mais alto a cada lambida, seus gemidos desenho fora, sua respiração quente e pesado quanto mais Harry deixa-o pendurado entre a atenção de sua língua.

Ele arrasta os dedos para cima, levando uma das mãos de Louis em cada um dele e mantê-los apertado como ele mergulha a ponta de sua língua dentro. Buraco Louis 'aperta em torno dele, como ele está impedindo-o de entrada. Ele empurra mais difícil, cavando as unhas nas costas das mãos de Louis “, como ele fica ainda mais alto.

Harry realmente espera que sua mãe não está em casa.

Ele recolhe a sua língua, rewetting-lo para fazer o slide mais fácil, enquanto Louis morde o travesseiro. Ele se inclina novamente, apontando a língua como Louis faz um novo som é alto, e soa como ele está tentando não deixá-lo escapar passado suas cordas vocais. Parece que ele está realmente a chorar. Harry não achava que era possível , embora Louis disse a ele que aconteceu pela primeira vez.

Ele redobra seus esforços, encorajados pela resposta Louis ’.

Ele está voando às cegas, sem idéia do que fazer ou como fazê-lo, seus únicos sons orientação de Louis. Ele vai fundo antes de se afastar e provocá-lo com lambidas rasas e beijos molhados.

Louis 'foi tranqüila, mas ele ainda está tremendo. Harry senta-se para vê-lo, para ter certeza de que ele ainda está vivo desde silêncio é tão inédito quando se trata de Louis.

A respiração é um soco para fora dele quando ele vê Louis 'face-vermelho, brilhando com faixas de lágrimas, suas sobrancelhas se uniram e seus olhos bem fechados, com a boca entreaberta.

Ele parece como se tivesse sido atropelado por um caminhão ou algo assim. Então, quando Louis abre os olhos e suas íris são praticamente invisíveis, Harry tem medo.

"Por favor,” Louis sussurra, sua voz quebrada, e, em seguida, Harry sente-se culpado por fazê-lo esperar . Ele parece tão indefeso, com os braços ainda detidos por trás das costas, as pernas se espalhar e aberta, o seu corpo em exibição completa.

Ele está preso novamente por quão sortudo ele é estar vendo Louis como este.

Ele se lembra de insultos bêbados Louis 'a partir da noite anterior, como ele não se sentiu confortável com alguém para lhes permitir fazer isso por eles. E então ele se lembra das palavras-how de Liam Louis é usado para cuidar das pessoas, e Harry quer ser a pessoa a cuidar dele.

Então ele lambe lento, uma lembrança silenciosa de exatamente por isso que ele está lá.

Não é muito antes de Harry cantarola, vibrando sua língua enquanto ele está lambendo tão profundo como ele pode, e Louis empurra para a frente com um grito. Harry aponta sua língua para desenhar o orgasmo, mas puxa lentamente quando ele sente a mudança no corpo Louis 'a partir desenhado apertado para completamente imóvel.

Ele corre as mãos ao longo de volta Louis ’, acidentalmente espalhar as gotas de suor que se acumularam na curva antes que ele rasteja em cima dele, beijando ao longo de sua linha fina, onde seu rosto ainda está virada para o lado.

Que Louis não parecem querer se mover. Ele fecha os olhos e puxa Harry mais perto, chegando atrás dele, e Harry espera que ele não se sente o seu disco em contra suas costas.

Mas ele faz. E Louis empurra de volta contra ele, como se fosse um convite.

Harry se sente como ele já está três golpes de entrar em seus shorts, mas com Louis convidando-o a esfregar fora contra ele, ele acha que vai estar mais perto de um.

Ele agarra cintura Louis 'com uma das mãos e planta a outra por suas costelas, seu músculo abaulamento como ele puxa Louis meio caminho para fora da cama para trazê-lo mais perto.

Um, dois, três, quatro moagens e ele enterra o rosto no cabelo de Louis, gemendo em seu ouvido quando ele vem. Ele cai em cima dele, imóvel até que Louis resmunga para ele com queixa e diz que ele não pode respirar.

Harry se move para o lado dele para libertar pulmões Louis ’, puxando-o contra o peito e spooning ele, ignorando sua bermuda desarrumado.Louis emaranhados suas pernas juntas como ele vira a cabeça para um beijo lento Harry nunca iria negá-lo, até mesmo através de seu hálito matinal.

~

A próxima coisa que ele sabe, ringtone Louis 'é alto em seus ouvidos e ele está spooning ar.

“Foda-se!” Louis grita, jogando um travesseiro no rosto de Harry em toda a sua glória nua.

Harry franze a testa, encolhendo-se. “O que foi isso?”

“Liam tem sido fora por vinte minutos. Estou atrasado para o meu próprio protesto, "Louis grita freneticamente, correndo para sua maleta e tirando suas roupas, mudando em um frenesi.

"Harry, começam a foda acima! Vamos deixar sem você, "Louis diz a ele, de volta ao seu modo autoritário.

Ah. Ele está de volta. Doce, carente Louis é bom, mas mandão Louis é o que ele está a meio caminho apaixonara.

Harry muda rapidamente, multitarefa com sua escova de dentes na boca, enquanto ele puxa as meias.

Menos de dez minutos depois, ele e Louis estão correndo para fora da porta, pulando em Harry Range Rover, Zayn condução e Niall no banco do passageiro.

"Você levou tempo suficiente!” Niall bufa para eles, virando-se para olhar para eles como Zayn costas para fora da garagem.

“Desculpe. Nós adormeceu ”, Harry diz a ele.

Liam waggles as sobrancelhas ao lado dele. “Caiu adormecido ou estavam ocupados fazendo outras coisas?”

Ele olha para o olhar Louis atira nele.

Zayn dirige rapidamente, atingindo a frente do Grim Studios em sete minutos planas. E a multidão na frente dos passos é enorme, impressionante, atingindo toda a calçada. Há policiais que estão inseguro pelas esquinas, mostrando os manifestantes quão longe eles precisam ficar do meio-fio para sua própria segurança, e Harry acha que ele pode ver uma lágrima no olho Louis ’.

Há pessoas com sinais coloridos, carros buzinando como eles passam, e nem sequer olhar como existem apenas estudantes norte alta desde há blazers e camisas de colarinho espalhadas por toda a multidão.

Quando Zayn puxa até o semáforo à direita do estúdio, Louis abre a porta do carro e cai fora, ignorando gritos de Zayn e suspiro confuso de Harry em favor de alcançar a máfia.

Harry guindastes seu pescoço enquanto Zayn dirige para encontrar estacionamento, sorrindo para o rugido como Louis se junta a eles, apontando para um sinal realizado por um curto menina e gritando algo que Harry não pode fazer fora sobre o ruído.

O estacionamento é impossível . Eles se juntam a Louis vinte minutos mais tarde, e então a multidão cresceu ainda mais e eles estão cantando sobre a igualdade, e que se sente como algo saído de um filme. Louis está no topo da escada, mesmo em frente das portas de entrada, que aponta seu dedo como um regente de orquestra e levando os cânticos.

E o canto não pára.

Dez minutos, Harry e Zayn nick um sinal de leitura Morte de Igualdade, e Niall está tomando um selfie com ele para deixar a sua Instagram. Liam juntou Louis no topo das escadas, e há notícias vans em todos os lugares, e os policiais ainda estão monitorando o protesto, mas não há nenhumaviolência para que eles não podem fazer nada sobre isso.

Há câmeras e microfones que está sendo empurrado para o rosto de Louis, mas ele está levando tudo na esportiva, respondendo a perguntas Harry ainda não sabe a resposta para com um sorriso que ele não consegue se livrar.

Harry encontra os olhos de Louis sobre a multidão, levantando o polegar em uma questão que Louis responde com seu próprio polegar. Mas, em seguida, ele volta sua atenção de volta para o apresentador com um aceno de cabeça, pedindo-lhe para repetir a pergunta como câmeras piscando cegá-lo.

E então Nick chega, por si só, abrindo caminho através da multidão e ele viu como Harry. Ele cambaleia para ele, esquivando-se de lado para passar por um grupo não muito feliz com ele, até que eles estão cara a cara.

Nick olha de cima a baixo, lambendo os lábios de uma maneira Harry não reconheceu.

“Eu acho que você está com Tomlinson, então. Namoro adequado, ou o que quer? ”

Harry acena com a cabeça, embora eles realmente não são.

Arranhões Nick atrás de seu pescoço, desconfortável. “Certo então. Eu não sei o que você vê nele, especialmente desde que você já teve altospadrões ”, Nick tosse, apontando para si mesmo. “Mas eu acho que eu lhe devo um pedido de desculpas, de qualquer maneira. Desculpe eu segurei-lo refém para ganhar um jogo. E que eu meio que me você expulso e, em seguida, terminou com você, por isso mesmo ”.

Ele faz uma pausa, cruzando os braços sobre o peito com um raise de suas sobrancelhas. “Uau. Ele estava certo. Eu sou uma espécie de pau. ”

Harry não tem certeza de como responder. Ele queria que este pedido de desculpas por dois meses.

Nick estuda ele por um momento antes que ele revira os olhos. “Se as coisas não derem certo com o duende, você sabe onde eu moro.”

Harry única ri; é finalmente claro que Nick não tem o mesmo efeito sobre ele como antes. Era uma vez, Harry teria sido um acidente de chorar, aceitar a proposta meia-boca de Nick, sem pensar duas vezes, mas ele é mais velho, agora mais maduro.

Ele sabe o que quer e merece. Ele mudou-se para algo (alguém) melhor.

Nick vai embora, navegar na multidão facilmente antes que ele atinja as etapas e os rebocadores no ombro Louis ’. Ele puxa-o para perto, sussurrando em seu ouvido, e Louis balança a cabeça, sorrindo para seu entrevistador se desculpando.

Nick puxa-lo junto ao cotovelo, socos em um código para abrir a porta, e então eles estão dentro do Studio.

Um silêncio cai sobre a multidão com a perda de seu líder. Todo mundo olha ao redor, seus sinais diminuindo à medida que deliberar sobre se é uma coisa boa ou uma coisa ruim que eles perderam Louis.

Mas depois há um grito de triunfo, e mesmo que eles não têm idéia se eles vão conseguir o que querem, eles parecem levá-la como uma vitória. Éo progresso . Não está abraçando e aplaudindo e riso, e ninguém sai por pelo menos dez minutos.

Mas a multidão começa lentamente a se dissipar, grupo por grupo até que não há ninguém à esquerda, mas uma notícia van e os quatro deles, à espera de Louis para voltar.

As quedas newswoman contra um pilar, rolagem através de seu telefone, olhar, aborrecido como seu cameraman senta-se na escada de fundo.

“O que você está fazendo aqui ainda quatro?”, Pergunta uma vez que ela termina de rolagem.

Zayn e Niall estão presos em uma guerra polegar fascinante, e Liam está preso em uma versão de bater fora de ave flappy. “Esperando meu namorado”, Harry diz a ela, arregalando os olhos quando ele percebe que ele é apenas disse.

“Você está namorando Louis Tomlinson?”, Pergunta ela, as sobrancelhas levantadas.

Harry engole, sem saber se ela está tentando desenterrar alguma sujeira sobre ele para usar na história.

Ela entende, jogando as mãos para cima. “Não há problemas com isso. Assim, ele vai ser alguém algum dia. Eu posso dizer. Não deixá-lo fugir. ”

Harry se acende em que, concordando com facilidade.

Que Louis não voltar para outra hora, com os olhos cansados, mas um sorriso irreversível sobre o seu rosto.

“O que aconteceu?” Zayn, a primeira a alcançá-lo, pergunta. Louis dá de ombros auto-depreciativo, movendo as mãos para seus bolsos.

“Diz ele vai levar nossas queixas em conta. Não sei quanta fé para colocar nele, porque eles sempre pedir um parecer a agir como eles se importam, mas, em seguida, eles vão virar e fazer exatamente o que eles iam fazer de antemão. Depois desta noite, não é como eles podem simplesmente ignorar isso, porém. ”

Ele responde algumas perguntas para a mulher que esperou antes de ele cede contra o lado de Harry, enterrando o rosto em seu pescoço e envolvendo os braços ao redor da cintura. “Vamos para casa.”

~

Todos eles ver as notícias na sala de estar de Harry, regado com lanches por sua mãe.

Ela se senta no braço do sofá, mas Harry lhe oferece a sua sede, optando por plantar-se fortemente no colo Louis 'sem perguntar.

“Ooph. Eu não aprecio isso, Harold, "Louis começa, mas depois há o jingle inconfundível de sua estação de notícias local e ele se cala.

Harry nem mesmo assistir a tela como a história começa. Ele se concentra no rosto de Louis, o modo como seus olhos se estreitam eo pequeno aceno ele faz como sua entrevista é jogado, a forma como ele morde o lábio quando ele dá uma resposta que ele acha que poderia ter explicado de maneira mais eloquente ea forma como seus dedos apertar contra sua cintura quando a entrevista acabou.

"Nenhuma palavra ainda de Grim Studios se eles estão pensando em ir para a frente com a sua doação monetária alvo de rumores há campo de futebol de São Jorge nova, mas é óbvio que se o fizerem, eles têm algumas preocupações para responder.”

Eles mudar para uma história sobre um gato que pode abrir as portas para seu dono cego, e Harry supõe não é a noite mais fascinante para notícias. Sua mãe muda a televisão desligada, batendo palmas.

“Bom trabalho, rapazes”, ela sorri. “Louis, você respondeu a estas questões tão bem! Eu não poderia ter pedido um melhor namorado para Harry se eu tentei. ”

Harry congela-se, e ele espera que o choque em seu rosto não fazer parecer que ele é totalmente contra essa idéia, porque ele totalmente não é .Mas-

“Uh. Namorado? ”, Pergunta ele silenciosamente, como de alguma forma ela tem a informação que ele não faz.

“Boyfriend”, Louis confirma, sorrindo para Harry, de onde ele ainda está em cima dele. “Hum. Se é isso que você quer ”, acrescenta ele, confundindo claramente o choque no rosto de Harry.

“No-definitivamente. Definitivamente namorado ”, Harry se repete.

Louis beija-lhe no ombro, e ele se sente decidido. Sua mãe está de pé, o que sugere que eles fazem sundaes para comemorar, e Harry provavelmente nunca ouviu uma proposta mais perfeito em toda a sua vida.

Todos eles segui-la até a cozinha, cheia de entusiasmo sobre o que a escola vai ser como na segunda-feira, e se Louis será dado um A em sua classe governo apenas porque.

Harry acha que volta para seu primeiro dia no North High, e se lembra de como ele estava chateado de ter que começar de novo. Em apenas dois meses, seu mundo foi rasgada e reconstruída de baixo para cima, mas como ele leva na cena-a mãe dele pulverização Niall na bochecha com chantilly, Zayn e Liam luta sobre o sorvete scooper como se de alguma forma importa quem recebe o primeiro colher, e Louis segurando sua mão como se fosse a dois deles contra o mundo, Harry não iria mudá-lo para o mundo.

Quando Liam insiste Harry deixá-lo dirigir Niall e Zayn de volta para casa, Harry deixa-o. Ele sabe que ele vai ser vê-lo novamente amanhã. Ele não está deixando ninguém ficar longe dele neste momento.

~

Três meses depois, a construção para o estádio do pinguim começa.

Quero ficar no teu corpo Feito tatuagem Que é pra te dar coragem Pra seguir viagem Quando a noite vem E também pra me perpetuar em tua escrava Que você pega, esfrega, nega {Mas não lava} 📷😺😻 #cat #gato #olhosverdes #olho #eyes #instaanimal #animal #blackandwhite #pretoebranco #vsconature #vintage #retro #vscoretro #vscocam #camera #vscocambrasil #vscocamword #vsco #escovam #photographers #vscoartist #boanoite #vscovisual #goodnight #vscocamphotos #vscofollow #vscolove #vscodaily (em Tatuagem

Elis Regina)

Me diga, como é viver com um pai em casa? Como é acordar com sua voz bebendo café, ouvir seu bom-dia atrasado ao serviço? Como é ter um pai entrando no quarto secretamente, para ver se finalmente dormi? Um pai que confere a extensão das cobertas e se as janelas estão fechadas? Um pai que coloca remédio de mosquito e esfrega a manga morna do pijama em minha testa? Como é ter um pai que me acompanha na consulta ao médico? Um pai que assina o boletim? Como é ter um pai perseguindo baratas pela tranqüilidade doméstica? Como é brincar com um pai: aprender a dobradura de papel de chapéu e barcos? Como é ter um pai para perguntar que horas ele voltou do trabalho? Como é empurrar um pai pelos barulhos estranhos no pátio? Como é ter um pai angustiado com a demora materna, e que me dá banho, me oferece janta e esconde sua preocupação? Como é ter um pai para segurar as lâmpadas enquanto ele sobe na escada? Como é ter um pai para se escorar enquanto ensaio a primeira sequência de passos? Como é andar de bicicleta com um pai? Observar atrás se ele me segue? Como é escutar o ronco terrível do pai e se sentir protegido? Como é ter um pai para reclamar docilmente da mãe, dizer que ela não me entende? Como é ter um pai que não me entende? Como é ter um pai para frequentar a casa dos avós no final de semana? Como é ter um pai para xingar e logo após reaver a gentileza do abraço? Um pai que estará no seu escritório, num lugar certo, a facilitar minha desculpa? Como é ter um pai para responder com confiança aos seus conhecidos como está meu pai? Um pai para me levar aos jogos de futebol e ocupar o trajeto de volta comentando o resultado? Como é ter um pai para receber presentes de aniversário, e me ajudar a retirar o papel bonito sem estragar? Como é ter um pai para sanar as dúvidas das aulas, as operações difíceis, as curiosidades sobre planetas, estrelas e bichos? Como é ter um pai mais rápido do que o dicionário e que conta o que significa tal palavra? Como é ter um pai com passado? Como é ter um pai chateado, endividado, alinhando contas do que não podemos mais gastar? Como é ter um pai com emprego novo, que não pára de falar das novidades no almoço? Como é ter um pai para pedir o carro emprestado? Um pai para inventar uma mentira e dormir fora de casa? Como é ter um pai aguardando na saída da escola? Como é ter um pai preocupado, confessando que perdeu o sono quando na verdade o esperava na madrugada? Como é ter um pai para me convencer que as dores passam, que amanhã estarei boa, que eu tive coragem? Como é ter um pai a me orientar - de um modo patético - sobre transar com segurança? Como é ter um pai beijando a mãe, sussurrando qualquer coisa que a faça rir, e eu me escondendo para que não me vejam? Como é ter um pai para sair ao cinema, e escorrer pipocas pelas suas mãos? Como é ter um pai para sentir saudade devagarinho, de um dia para outro ou por algumas horas? Como é ter um pai preocupado em fotografar a família nas férias? Como é ter um pai festejando uma promoção com jantar no restaurante predileto e só entender sua alegria? Como é ter um pai histérico, procurando seus óculos, seus livros e cartões extraviados? Como é ter um pai alegando que estava nervoso depois de uma grosseria e compreender que é o máximo que ele se aproximará de um perdão? Como é suportar um pai cantando desafinado suas músicas antigas? Como é ter um pai a me socorrer e convencer a mãe a gostar de minha namorada? Como é sentar no sofá com um pai e assistir um filme reprisado e comentar: “esse eu já vi”: e continuar assistindo a amizade de sentar ao lado dele? Como é ter um pai para ser parecido com ele? Como é ter um pai vibrando com minha aprovação no vestibular, pregando faixas na frente da residência? Como é ter um pai para procurá-lo nas centenas de poltronas da formatura? Como é ter um pai que explica que “as coisas eram diferentes no seu tempo”? Como é ter um pai que não descobriu que envelheceu porque empresto meus olhos da infância? Como é ser espetado no rosto pela barba do pai? Faz coceira, arranha? Sempre quis saber.