encolher

Tenho uma tendência enorme de me afastar das pessoas que querem me fazer bem. Não faço por mal, apenas prefiro me encolher num cantinho escuro do que me expor. Entenda, já tiraram quase tudo de bom que eu tenho e o que sobrou tento preservar. É um pouco do meu jeito misturado com medo. Medo de me perder. Afinal, nesse mundo tem mais gente pra tirar do que pra completar.
—  Supostos e Azarão.
Eu apaguei todas as suas fotos, para não ter que lembrar de você e lamentei um pouco, mas espero esquecer dos seus traços. Consegui cortar o único fio de esperança que me fazia acreditar que tudo voltaria, mas não bastava só eu querer. Não vou mentir, por vezes olhei pra trás e quase corri de volta, quase fui te chamar pra dizer quanta falta você fazia na minha vida ou apenas demonstrar isso dentro de um abraço apertado, mas daí eu lembrei mais uma vez, não posso querer por dois. A vida tem dessas coisas, entram pessoas que iremos amar tanto e de repente, elas não estão mais ali. Não sei bem o motivo disso acontecer, talvez seja parte de se viver, tornarmos mais forte, mostrar-nos algo, abrir caminhos, que seja. A dor sempre irá aparecer, a saudade que não se mede, não se calcula, que não se pode arrancar. Mas você está aí vivendo bem, eu fico feliz por você, saber que sua vida está dando certo, mesmo sem mim. Eu chorei, ainda choro, porque eu fico remoendo, mas acabou. Eu até achei que não conseguiria, mas eu passo os dias sem pensar em você e o que trago no peito a cada dia se encolhe. Mas ainda quero que saiba, é tanta saudade diferente, ainda não me acostumei com a sua.
—  Jéss Braga.
Quantas pessoas, de verdade, vão lhe fazer sorrir, mesmo quando tu estiveres triste, mesmo quando tuas lágrimas pesarem e transbordarem pelos teus olhos? Quantas pessoas, de verdade, vão lhe segurar quando tuas pernas fraquejarem e teu peito se encolher de dor? Quantas pessoas, de verdade, tu sabes que pode contar? Esse tipo de pessoa dá pra se contar nos dedos, de uma única mão, não são aqueles amigos, simples amigos, essas pessoas são mais que um título. São aquelas pessoas que atravessam o mundo por você, fazem inúmeras palhaçadas só pra vê o seu sorriso, ignoram os próprios problemas só para segurar os seus. São aquelas pessoas que você sempre deve manter por perto, porque essas pessoas valem realmente cada segundo de sua atenção. São essas pessoas que valem nosso esforço, nossa retribuição, nossos sentimentos. Se ela parou para te ajudar, segurou sua mão pra você não cair e/ou te levantou na hora da queda, pode ter certeza que essa é uma pessoa que você quer guardar no coração e manter em sua vida. Que merece o amor que temos no coração, pois não vai pegar para jogar fora mais tarde. Tenha em mente que elas gostam de ser tratadas bem, que quando é reciproco de ambas as partes há amor, seja gentil, seja amor, seja aquilo tudo que você quer por perto e quando chegar bem perto, agarre para não deixar ir, nunca, nunquinha mesmo, Alimente sempre essa energia, saiba contar com quem poderia contar com você, sempre.
—  Escrito por Paula, Mayara, Isadora M. e Aline em Julietário.

Quero deitar na sua barriga todos os dias quando acordar, ficar olhando seus pulmões subindo e descendo, numa melodia silenciosa que te mantém vivo para que eu continue vivendo. Quero dar ataque de beijinhos quando você estiver com ciúme e com um bico tão lindo que vou ser tentada a não morder. Quero afagar seu cabelo quando estiver com a cabeça no meu colo, enquanto eu leio um livro e finjo não notar seus olhos em mim. Quero subir nas suas costas e brincar de super herói, só para você voar comigo pela casa dizendo que tem uma capa. Quero esquecer a toalha só pra você resolver participar do banho. Quero me encolher nos seus braços a noite só pra você me envolver com seus braços e me enlaçar com suas pernas. Quero assistir filmes que sei de cor só pra ficar repetindo as falas e te encher a paciência. Quero te imitar com voz irritante sempre que falar algo sério. Quero brigar com você sempre que se atrasar, te tirar do sério na tpm e fazer o jantar mesmo sabendo que você cozinha melhor que eu. Quero te colocar pra dormir sempre que um pesadelo te acordar. Quero cantar baixinho só pra te acalmar. Quero fazer voz de bebê pra te pedir mais chocolate e bater o pé quando você dizer que já chega de besteira por hoje. Quero voltar pra casa todos os dias se você estiver me esperando e te esperar todos os dias sabendo que você vai chegar,

eu quero você in E aí, quando vem me ver?

Por que não falar sobre as flores?

Eu tento encontrar conforto nas palavras alheias porque não consigo encontrar nas minhas. Tento encontrar paz nos lugares que gostaria de ir porque não consigo encontrar no lugar em que estou. Tento desligar os barulhos da minha mente inquieta, mas não consigo porque meu desespero é igual uma hidra, quando você corta uma cabeça, surgem duas no lugar. Queria escrever sobre o que gosto de ler, mas tenho medo de estragar uma das poucas coisas que me acolhem. Eu poderia me arriscar mais e tentar perder o medo do novo, mas me sinto tão pequena quando sou pega pelas mudanças da vida. Queria me encolher igual a Alice e ficar escondida atrás do caule de uma flor, até as coisas se normalizarem e eu poder respirar aliviada.

- Pássaro Preto    

- Para muita gente, o amor é uma moeda de duas faces. Pode fortalecer ou enfraquecer, expandir ou encolher, enriquecer ou empobrecer. Quando o amor é correspondido, nós florescemos. Somos levados a alturas jamais vistas, onde ele nos delicia, revigora e embeleza. Quando o amor é tolhido, nós nos sentimos aleijados, desconsolados e deprimidos. Eu sempre amei e sempre vou amar você, Kelsey. Nada na Terra ou nos céus pode mudar esse fato. Se você polir a moeda, vai enxergar apenas o amor correspondido dos dois lados. Fui destinado a amar você e serei seu para sempre.
—  A Viagem Do Tigre
Reaction: Como o BTS Assistiria um Filme de Terror com Você

N/A: Sem Gifs porque estou na praia e essa internet do vizinho quase morre pra carregar um gif, imagina sete ;-; To surpresa que consigo pelo menos postar alguma coisa, sinceramente ><

Jin: Seokjin estaria deitado com você no sofá, ambos cobertos pelo edredom. O Jumpscare iria chegar e suas mãos agarrariam a de Jin rapidamente, mas você também perceberia que o garoto ficou um tempo parado, absorvendo o susto. A respiração dele também estava trancada, mas após um tempo, tudo voltaria ao normal e você acabaria dormindo nos braços quentes de Seokjin.

Suga: Suga provavelmente estaria fazendo um esforço enorme para não fechar seus olhos e dormir. Mas no Jumpscare, ele riria do seu susto e ficaria se pagando, dizendo que estava na cara que iria acontecer alguma coisa assim naquela cena e etc. Vocês continuariam vendo o longa e ao fim de tudo, Suga já estaria no seu décimo sono.

J-Hope: Você levaria mais sustos com os gritos de Hoseok do que com o filme. A cada jumpscare, J-Hope berraria, quase cairia do sofá e ficaria te agarrando. Ao fim do filme, ele diria que foi divertido e que não era nada assustador enquanto você ri da cara dele. E na hora de dormir, ele ficaria agarrado em você, exatamente como um Coala.

Rap Monster: Namjoon assistiria sem levar muitos sustos. Ele seria assim como Jin, mas a cada pulo que você desse, Joon iria rir, te abraçar e dizer que tudo estava bem. O filme todo seria acompanhado por massagens no cabelo vindas de Nam para que você não desmaiasse em qualquer parte do longa por causa dos sustos.

Jimin: Park pularia em cada Junpscare, começando a rir de si mesmo depois. Ver um filme de terror com Jimin seria mais uma experiência divertida do que assustadora, já que ambos riram a cada susto. Apesar de que, no momento em que forem dormir, Jiminnie iria ter que te abraçar bem forte, pois ficaria com medo, assim como J-Hope.

V: Kim daria um pequeno pulo durante o Jumpscare, mas depois agiria como se nada tivesse acontecido. Ao fim do filme, ele provavelmente iria perguntar por que vocês decidiram assistir um filme daqueles enquanto encolhe o corpo com cada barulho diferente que a casa faz.

Jungkook: O machão. Ele não se assustaria com nada do filme todo e aproveitaria de forma calma o longa, enquanto você quase morre do coração em algumas partes. No fim, Jungkook iria zoar muito a sua cara, tipo, mesmo. Ficaria te assustando de propósito, imitando as expressões que fez durante o filme e riria de tudo.

//MinSuga

E de uma hora para outra o coração aperta, o estômago revira, a boca seca, você sente o vazio entrando pelas veias, correndo mais rápido que você pode acompanhar, é nessa hora que você sente sem direção e o que pode fazer é se encolher em um cantinho esperando tudo passar de novo, de novo, outra vez, e de novo.
—  Cacto Ambulante. ( Ansiedade.)
nota sobre mim

vazio.
sou tão frágil
escorrego das tuas mãos
escorro pelos teus dedos.
sempre termino caindo do precipício.
meu vazio já não encanta ninguém e
a dança já não me cura.
poderia fechar os olhos e
rodopiar até a dor passar,
mas só consigo me encolher e lamentar.
baby, i’m sure you can free my heart.
escuto uma música qualquer,
pausa
vazio.

eu não quero te afastar
eu
não
quero
te afastar - e nem à ninguém
mas tenho estado na ponta do precipício. aquela linha entre me encolher e me atiçar com o vento no rosto
você diz que tá tentando
tá tentando ficar perto. e eu nunca sei o que dizer porque eu também tô
não perto de presença. ou direcionado à alguém
o que cê não entende, e acho que os outros também, é que eu não preciso ser salva agora. nem que me vejam sem de fato ver
o que tá na boca do povo tá na boca do povo e não vai deixar de estar. talvez eu pinte todo o cabelo. ou faça franja pra achar que vai ficar tudo bem esquecendo que a gente floresce é de dentro
vão falar que eu não ligo pra nada. e na roda da família eu vou sair de boca suja. no sense. mas eles não me vêem. é tão mais fácil quando a gente tampa o sol com a peneira pra não ter que lidar não ter que explicar não ter que falar sobre não ter que ser o foco nos almoços de domingos
porque eles deveriam ser alegres. né? um analgésico pra dias ruins. mas são domingos, e eles tendem a doer um pouco mais quando o sol acena um tchauzinho. depois segunda e parece que o despertador não vai tocar. eu não vou ter fôlego pra acordar. esquecer de por o pé direito no chão. tolice. mas eu levanto e saio, como se não houvesse bagagem nenhuma
e não tem problema em esconder isso ou não
a gente vê o que quer. e no semáforo tá todo mundo às pressas

A gente corre, se esconde, se encolhe, faz papel de durona, de louca, de ridícula e tudo isso por medo, medo do novo ser mais um replay, medo do antigo ser ainda pior e da nossa história não ser nada mais que decepções, nada mais que lágrimas molhando o travesseiro e sorrisos forçados.
—  Vomitei Borboletas Mortas - O Livro.
O mundo ao nosso redor pareceu encolher, até que ele fosse somente o som da tempestade, o mar azul-escuro cor de malva e as cortinas finas delicadamente se inflando. Senti o cheiro das flores de lótus na brisa noturna, ouvi os sons distantes de copos tilintando, de cadeiras sendo aproximadas às pressas, a música de alguma comemoração ao longe, senti a carga da natureza descontrolada. Alcancei a mão de Will e a segurei entre as minhas. Pensei, por um instante, que nunca mais me sentiria tão intensamente conectada ao mundo, a outro ser humano, como naquele momento.
—  Como eu era antes de você.
[ hardcore nights ]

Numa situação hipotética sua colcha de retalhos não te aqueceria mais durante a noite. O frio chegaria aos poucos, praticamente se arrastando com o decorrer da madrugada até te alcançar e suavemente tocar teus dedos dos pés. E então subir pelo teu corpo te causando arrepios, fazendo você se encolher e tentar resistir produzindo calor do jeito que o seu subconsciente consegue. No entanto, inevitavelmente você irá acordar e pegar outro lençol no seu guarda roupa bagunçado. Afinal, o frio é demais para você e a sua colcha de retalhos não basta mais para te proteger nem do frio de da falta que um alguém faz. Embora durante o dia você consiga disfarçar bem, as madrugadas são verdadeiros soros da verdade, prontas para te deixar vulnerável e derrubar todas as máscaras que você insiste em segurar. E, todos os sentimentos superficiais que te envolvem são outra espécie de colcha de retalhos que você insiste em jogar sobre seu corpo. No entanto, ela está toda furada e acabar te deixando muito mais descoberta do que você imagina, uma vez que são entre as costuras da sua postura irredutível que as falhas ficam aparentes. Por isso, nenhuma das suas colchas de retalhos serve mais e você chegou num ponto onde precisa decidir se vai se descobrir de vez ou simplesmente arranjar outra coisa pra te cobrir. 

“Ao som de Nirvana, ela se encolhe e não deseja mais se mostrar para o mundo. Gosta de ser meio aturdida por um sopro de ilusão. É aí que ela descarrega toda a insensatez de uma sobre carga abundante de sentimentos incompreendidos que somente ela compreende. Cansada dos tapas que a vida dá, ela sente a música corroer o princípio de tudo, de uma evolução interna, capaz de transforma-la talvez para sempre. Ou só por um momento. A sua índole meio selvagem, foi feita a partir de restos destroçados de uma pequena parte de sua vida, uma parte um tanto quanto dolorida, que ela se encarrega de transformar em textos, rimas, prosas ou poesias. Dando vida a isso que ela chama de escrever.”

Dói, machuca por dentro. A gente fingi que não. Encolhe o choro, respira bem fundo, faz de tudo pra uma lágrima não sair. Porque sabemos se uma cair, o choro vai ser longo. Aquilo machuca muito mas a gente fingi que não. Mas por dentro ninguém sabe como realmente está. Ninguém sabe que você está morrendo aos poucos de tanto sufocar seu choro, de tanto fingir que não dói…
—  A gente fingi que não.
antes de ter compulsão lembra:

As gordas sempre passam por despercebidas, por mais que esteja com a roupa mais linda do mundo, com o cabelo mais perfeito, ninguem repara! você sempre será um zé ninguem para a sociedade.As pessoas magras podem comprar uma blusinha de 1,99, calça de 10,00, mas sempre ficará linda, elegante! e quando compram roupas de gripe, mais linda ainda!
agora vai a gorda usar uma blusinha de 1,99 fica parecendo um trapo.

Quando tem liquidação de roupa, a maioria das roupas é tamanho pequeno, a magra sai na vantagem sempre, enquanto a gorda fica olhando e sempre fala que as roupas eram horriveis.Sem falar que o número G é mais caro que um P ou PP.

Quando vc quiser comer lembre-se dessa música: “gorda baleia, saco de areia…”;
Comer pouco tem 2 vantagens: economiza-se dinheiro e faz emagrecer;
Não coma d+ pois vc passa mal, seu estômago dói, vc não consegue respirar direito, não consegue se mexer, e o pior, sua barriga cresce descontroladamente e vc não consegue encolhe-la;
Pense quanto tempo vc perde comendo, esse tempo vc poderia usar p/ jogar video game;
Comer pouco é elegante;
Comer não é esporte, não esqueça.
Em vez de comer à noite vá dormir, por que o sono alimenta;
Lembre-se que dieta pode fazer os culotes desaparecerem;
Comer bastante não faz sua carência, tristeza, medo, preguiça, indecisão, ansiedade, só faz a barriga aumentar;
Fale a verdade, vc come p/ viver ou vive p/ comer?;
Já reparou que as pessoas magras esquecem de comer às vezes;
Só coma quando ouvir seu estômago roncar;
Pare de pensar em comida o tempo todo, pense nas roupas que vai poder usar depois de emagrecer.

O organismo é exato: consumiu + que queimou, acumula; consumiu menos, retira do excesso;
Beba 10 copos d'água por dia e mastigue 20 vezes os alimentos antes de engolir;
O que os olhos não vêem o “estômago” não sente, por isso não se exponha à comidas gostosas;
Não coma como se fosse a última refeição gostosa, vc terá outras oportunidades depois da dieta;
Lembre-se das frutas, esqueça os doces e frituras, e quanto ao refrigerante, ele é inútil.
Não adianta emagrecer de uma hora p/ outra, sem fazer uma reeducação alimentar adequada, pois se não, pode ter certeza que irá engordar tudo novamente;
Estabeleça horários p/ se alimentar, e alimente-se somente nesses horários;
Sua alimentação deve ser saudável, geradora de prazer e suficiente p/ não sentir fome, pois será adotada pelo resto da vida;
Se vc continuar engordando vai ficar igual ao Seu Barriga;
Quando as gordas pisam no pé de alguém amassa;
Vc quer ficar em forma? Em forma de barril ou em forma da Jennifer Lopez?
As gordas não conseguem andar agachadas;
Nossa, dá p/ abrir uma borracharia com tantos pneus q vc tem aí;
Se vc engordar quando olhar p/ baixo não vai conseguir ver os pés;
As gordas escondem sua gordura embaixo de camisetas enormes e passam o maior calor;
Gordas q se acham e colocam piercing no umbigo é muito ridículo;
Se vc não emagrecer não vai + passar na roleta do ônibus.
Dizem por aí q as gordas não andam…elas rolam;
Dizem q o + importante não é a beleza física…então não tem problema se vc emagrecer d+;
Dizem q as gordas são pesadas pq têm ossos largos…isso é desculpa p/ tanta banha, osso é leve;
Dizem q as gordas não sentem frio…tb, c/ uma imensa camada de tecido adiposo rico em reservas de lipídios;
Pessoas gordas dizem estar inchadas.
Emagreça p/ não quebrar cadeiras ao sentar;
Emagreça p/ quando pular na piscina, a água toda não derramar;
Emagreça p/ não ocupar dois acentos no ônibus;
A obesidade pode matar, cuidado;
Se vc engordar um pouco + pode ser lutadora de sumô;
As gordas não têm preparo físico p/ jogar futebol, a não ser q seja como bola;
Se vc for gorda, cair e não conseguir levantar, c/ certeza vai ouvir: “chama o guindaste”.
Vão te apelidar com nome de animais: baleia, hipopótamo, elefante, dinossaura, vaca, leitoa, etc.;
Vc não vai conseguir ver “todas as partes” do seu corpo na frente do espelho;
Vão te contratar p/ servir de molde de bambolê;
Vão perguntar se vc está grávida;
Vão te convidar p/ fazer propaganda de gelatina, por causa da sua barriga mole;
Vc vai ter que usar cirolas p/ tentar esconder seu abdômem volumoso;
Cuidado p/ não passar vergonha na casa dos outros por comer toda a comida.
Se vc continuar comendo assim vai perder barriga logo logo… p/ fora da calça;
As gordas gastam todo seu dinheiro em comida;
Sua obesa, vc não quer continuar gorda p/ sempre quer?;
Vc não quer que falem que vc tem barriga nas costas né?;
Barriga grande é desagradável;
Vc está muito gorda, onde estão seus ossos?;
Coitados dos seus pés que têm que carregar esse monte de banha em escesso todos os dias;
A bola é redonda…como vc.Não quero ter cintura de ovo;
As gordas não conseguem ver tv sem estar comendo, e enchem o teclado do pc com farelo;
Não quero ter o colchão afundado no meio;
As gordas sempre carregam uma bolsa grande p/ quando sentar colocá-la na frente da barriga;
As gordas querem caber sempre numa calça menor;
Não quero + ser vítima do preconceito dos magros.