el tamaño

Eu amo a voz dele. Mais do que já amei qualquer outra voz no mundo inteiro, em toda a minha existência. E o jeito como ele me faz sorrir… é inexplicável. Eu o olho e pela primeira vez na vida, me sinto sortuda. Somente por ter alguém como ele ao meu lado. Porque ninguém nunca me viu tão claramente antes. Ninguém me aceitou tão facilmente antes. E ele insiste em dizer que eu sou linda, mesmo com cara de sono ou descabelada. E eu só consigo rir. Porque nunca vou conseguir acreditar que alguém consegue me achar bonita, sem maquiagem, ao acordar. Ainda mais se tratando dele. Ele conheceu até as minhas partes obscuras. E mesmo assim, ficou.
—  Sofia, consteleis.
Creo que lo que más me molesta
es esa incertidumbre
de no saber si dejaste huella
o simplemente fuiste una brisa en su vida.
—  Blue. (¿Me recordarás con el paso del tiempo?)
3

(sometimes i wonder why i’m still active in sg twitter, a crueler and harsher environment than tumblr, but then I remember content like this is produced on a near daily basis)