doura

eu quero você no meu campo de visão o máximo de tempo possível.

quero a sua boca colada a minha.
quero nossos corpos quase fundindo-se um com o outro
nos fazendo um só.

quero suas mãos tocando levemente o meu corpo feito arpa,
fazendo a melodia mais rica sair da minha boca
inundando seus ouvidos com a minha súplica.

quero seu cheiro cravado em minha pele,
seus olhos negros encima dos meus,
o meu respirar nervoso como o bambear das minhas pernas

e as estrelas no céu para assistir o nosso eclipse.


que o raio de sol que doura minha pele
seja o mesmo que queima os seus pés descalços

e que eu seja a sombra que te aliviará.


a.z