dia-internacional-da-mulher

Parabéns para você, que, linda, lida com explosões hormonais uma vez ao mês. Que sente tudo inchar. Que chora por besteira. Que valoriza bobagens. Que acredita em filmes de amor. Que faz coleção de esmaltes. Que ama sapatos, bolsas e cacarecos para colocar no cabelo. Que compra só porque tava em liquidação. Que sempre precisa de alguma coisa. Que acha o amor a coisa mais bonita – e importante desse mundo. Que sabe como é fundamental olhar para si mesma – ainda que de vez em quando se perca e se preocupe em demasia com o “querer” do outro. Parabéns para você, que dia a dia aprende mais sobre você mesma. Que erra para aprender. Que é forte o suficiente para seguir em frente – sem lamúrias, mas com maturidade e sensatez. Que de vez em quando esquece a própria idade e o juízo em algum canto. E depois acha, como mágica. Parabéns para você, que tem um sonho. Que não desiste, apesar do que falam. Que não se abala, apesar do medo. Que sente uma fraqueza interna, mas caminha com passos firmes. Que fica tonta, mas não desmaia. Que apesar de cada pedra no caminho, corre. Que reclama dos problemas, mas entende que a vida é feita deles. Que tenta entender o defeito alheio – e procura perceber os seus.
—  Clarissa Corrêa
5

FELIZ DIA INTERNACIONAL DA MULHER DEMI!

Você merece toda felicidade do mundo. Depois de tudo que você passou, continua enfrentando seus problemas de cabeça erguida, sem se importar mais com opniões alheias que só fazem mal. Com apenas 19 anos já tem uma história de vida incrível! A maneira como você consegue ser forte me ajuda a enfrentar meus problemas.Você sim é uma mulher batalhadora, guerreira, e forte! Demi, você me inspira. Eu te amo diva.

Esse post foi feito para elas, e por elas. De nós garotos só para elas.

Suportar a dor… Isso elas tiram de letra. As vezes, nós meninos, nem percebemos que vocês estão mal, acreditem não é de propósito, mas vocês sabem lidar tão bem com essas coisas e sabem sorrir de uma maneira tão doce que nos deixam tão bobos, perdidos e admirados, sério. Mulheres merecem ser parabenizadas só pelo simples fato de ser o que são. Elas passam horas em cima de um salto e na frente do espelho se arrumando só para aquele garoto em especial, e não pedem muito em troca, só querem que ele a perceba, que lhe dê valor. Carregar uma criança por nove longos meses não é tão fácil quanto parece, e elas passam por isso sorrindo daquela forma admirável de sempre, apesar de todas aquelas coisas. Desculpem todas as dores que nós homens já causamos a vocês, muitos garotos nem sequer imaginam a dor que causam, e muito menos seriam capazes de suportá-la como vocês fazem e ainda manter a postura. Meninas, o que seriam dos meninos se não fosse por vocês? Cada uma tem um jeitinho especial, uma beleza especial. São tantas roupas, tantos cuidados para o rosto, o cabelo… Mas não se esqueçam de cuidar também do coração de vocês; ele é uma joia que nenhum garoto tem o direito de quebrar. Mereciam ser parabenizadas todos os dias, pois pra muitas cada dia é uma luta. Mulheres, tão guerreiras e mesmo tempo tão delicadas, sabem equilibrar tudo de maneira tão perfeita. Possuem um espírito incansavelmente forte, mas ao mesmo tempo uma aparência tão bela e delicada. São coisas que, nós meninos, jamais iremos compreender.


E para nós só resta dizer: Parabéns mulheres!

(shotsdepoesia)

Elas sorriem quando querem gritar.
Elas cantam quando querem chorar.
Elas choram quando estão felizes.
E riem quando estão nervosas.

Elas brigam por aquilo que acreditam.
Elas levantam-se para injustiça.
Elas não levam “não” como resposta quando
acreditam que existe melhor solução.

Elas andam sem novos sapatos para
suas crianças poder tê-los.
Elas vão ao médico com uma amiga assustada.
Elas amam incondicionalmente.

Elas choram quando suas crianças adoecem
e se alegram quando suas crianças ganham prêmios.
Elas ficam contentes quando ouvem sobre
um aniversário ou um novo casamento.

Ser mulher é ser Princesa aos 20. Rainha aos 30.
Imperatriz aos 40 e especial a vida toda.

Parabéns Mulher pelo seu dia!

—  Pablo Neruda