destilar

Pra que mentir, fingir que perdoou, tentar ficar amigos sem rancor? A emoção acabou. Que coincidência é o amor, a nossa música nunca mais tocou. Pra que usar de tanta educação, pra destilar terceiras intenções? Desperdiçando o meu mel, devagarzinho, flor em flor, entre os meus inimigos, beija-flor. Eu protegi o teu nome por amor, em um codinome, Beija-flor. Não responda nunca, meu amor, pra qualquer um na rua, Beija-flor. Que só eu que podia, dentro da tua orelha fria dizer segredos de liquidificador. Você sonhava acordada, um jeito de não sentir dor. Prendia o choro e aguava o bom do amor.
—  Cazuza. 
Eu me perdi em alguma das inúmeras encruzilhadas, que eu percorri enquanto corria atrás de alguém, que fazia questão de me largar, como um amontoado de lixo. Eu rastejei e implorei por atenção e cuidado de uma pessoa tão cheia de defeitos e falhas, que não possui a mínima coragem para assumir o que realmente quer. Eu tentei me reerguer por um ser que na primeira oportunidade, passou com um trator, sobre as minhas frágeis e precárias estruturas. Escutei você destilar amargas palavras para um amor que era puro. Ouvir que jamais teríamos uma historia feliz, era como jogar salmoura nas minhas feridas que foram abertas, na tentativa de causar mais dor do que o teu desamor causava. Você chutou o balde com todos meus sentimentos. Fez inúmeras juras de amor e em momento algum se preocupou em como eu sairia do meio dessa guerra. Mas, entre mortos e feridos, eu sobrevivi. Em cada “Eu te amo”, você arrancava um pedaço de mim, até chegar ao ponto de me sentir completamente dependente de você, de suas mentiras. Porém, de dor em dor, o coração fica dormente. Isso aqui tem se tornado um iceberg, frio, gélido e quando desaba é só destruição. Olha a droga do ser humano desprezível que estou me transformando. As pessoas tem uma puta mania de prometerem algo que nunca irão cumprir. Juram  nunca ir embora e logo após, viram as costas, enfiam um pé bem no meio da nossa bunda e vão. Vão com a mesma proporção em que chegaram, de repente, de supetão. Sem ao menos se importar com a sujeira que deixaram dentro da gente.
—  Taquigrafia lastimou com  Poentoar.
Homofobia

Dia 26 de janeiro de 2016 tive o desprazer de receber uma notícia triste, vendo que a cada dia a raça humana está sem amor, sem fé, sem Deus. Em que lugar está escrito que o amor é só entre heterossexuais?

Cada um tem o direito de ser feliz como bem entender e ninguém tem nada com isso. Tem coisa muito pior do que amar pessoas do mesmo sexo. O amor, o sentimento é assexo, não tem cor, pode acontecer a qualquer hora, em qualquer lugar e da forma mais inusitada que for possível. Essa parte da sociedade que discrimina o homossexualismo é que é doente, por não ter uma visão mais aberta do mundo, não ter tolerância, não tem compreensão e muito menos amor no coração. Porque quem tem amor dentro de si, não repudia, compreende ou procura compreender antes de destilar veneno gratuito. Já os homossexuais assumidos é que são brasileiros de verdade, porque não se escondem atrás de uma máscara de “homem macho”, dão a cara á tapa, são mulheres/homens de verdade para assumir o que são e não um bando de hipócritas travestidos de “pessoas do bem”. Então peço com coração, que todos repasse esse texto, pq minha tia foi mais uma vítima desses seres desprezíveis, que depois de agredir com palavras chulas, agrediu fisicamente, com um balde de água suja.
Não sabemos o nome do ser desprezível
#todoscontraahomofobia #MaisAmorPorFavor
( Para mais informações entre em contato com esses tumblr : Donadomaar | umundoporvez)

Status&Legenda: Cazuza

• Todo mundo tem um ponto fraco. Você é o meu, por que não❓❓

• Nada nesse mundo é nunca mais… 👌

• Sou mais uma vítima do amor, e acho que é até bonito… 😍😍

• Eu perco o sono, Lembrando cada riso teu! 😊☺☺

• O nosso amor a gente inventa pra se distrair. E quando acaba a gente pensa que ele nunca existiu! 😐😐

• E nessa novela eu não quero ser teu amigo… 👎👎👌

• Pra que usar de tanta educação pra destilar terceiras intenções 👌😈

• Meu caminho nesse mundo, eu sei vai ter um brilho incerto e louco… 😎

• Pra que mentir, fingir que perdoou❓

• É que eu preciso dizer que eu te amo, te ganhar ou perder sem engano. Eu preciso dizer que eu te amo, tanto… 💗

• Te ver não é mais tão bacana quanto a semana passada… 😕😕

• O teu amor é uma mentira que a minha vaidade quer. E o meu, poesia de cego, você não pode ver! 🙈🙉

• Eu quero a sorte de um amor tranquilo com sabor de fruta mordida… 💓💗

• E até o tempo passa arrastado só pra eu ficar do teu lado! ⏳

• Amor da minha vida, daqui até a eternidade, nossos destinos foram traçados na maternidade! 💕💕

• Se eu te escondo a verdade, baby é pra te proteger da solidão! 😉😉

• Dizem que tô louco por te querer assim. Por pedir tão pouco e me dar por feliz… 😀😀

• Invento desculpas, provoco uma briga, digo que não estou! 😾😾

• Quando a gente conversa, contando casos, besteiras… Tanta coisa em comum! 😉

• Eu já nem sei se eu tô misturando, eu perco o sono tentando achar em cada gesto uma bandeira… Fechando e abrindo a geladeira a noite inteira!😁😁

• Te trago mil rosas roubadas pra desculpar minhas mentiras, minhas mancadas… 🌹🌹👃

• Girando de mesa em mesa, sorrindo pra qualquer um. Fazendo cara de fácil, é. Jogando duro com o coração, gracinha… 😏😏

• Amor, meu grande amor, só dure o tempo que mereça! ⏰💗

• É que esse coração já se cansou de viver só. 💔

• Você me chora dores de outro amor. Se abre e acaba comigo… 😖😖

• Homem que é homem volta atrás, mas não se arrepende de nada! 👌😏

• Viver é bom, nas curvas da estrada‼

• A emoção acabou, que coincidência é o amor, a nossa música nunca mais tocou… 🎶💔

Se pegar/gostar reblog ou dê like, aceito pedidos pela ASK, obg 🍃✨

Mais frases ↪️ aqui

Pra que mentir, fingir que perdoou? Tentar ficar amigos sem rancor… A emoção acabou, que coincidência é o amor, a nossa música nunca mais tocou. Pra que usar de tanta educação pra destilar terceiras intenções? Desperdiçando o meu mel, devagarzinho, flor em flor… Entre os meus inimigos, beija-flor. Eu protegi o teu nome por amor, em um codinome Beija-flor. Não responda nunca, meu amor, pra qualquer um na rua, Beija-flor… Que só eu que podia, dentro da tua orelha fria, dizer segredos de liquidificador. Você sonhava acordada um jeito de não sentir dor, prendia o choro e aguava o bom do amor.
—  Cazuza
Já chorei por várias coisas. Aliás, continuo chorando por inúmeras razões. Choro por episódios de séries, por filmes românticos, por abraços, por encontros e por despedidas. Disseram que eu deveria parar de chorar, mas eu continuo fazendo para aliviar a angústia do coração. Segundo o Aurélio, chorar é afligir-se muito ou, simplesmente, destilar lágrimas. Meu cérebro deve acreditar nisso para destilar tantas lágrimas doces.
—  Guilherme 
…Y si te cansan mis silencios, y si te aturden mis palabras y si te falta mi caricia, habrá que destilar la ausencia para volvernos a encontrar
—  A veces escribo (fragmento)
abismo/vertigem

escrever um poema é como coçar as nuvens buscando alívio na pele;
é olhar pra você e ver os seus versos sabendo que a linguagem dos teus gestos
é impossível de traduzir;
escrever um poema é singrar tuas curvas em busca de um só pensamento
ou de uma palavra
que inunde o horizonte
e transborde a nossa presença [num facho/saliva];
mas não dá pra te escrever, você foi além-poesia;
[queimou a largada do céu e escorregou no firmamento]
você é o material bruto intransponível, inesgotáveis sensações e cores e luzes e sorrisos e etc;
qualquer aproximação literária se forma na sombra;
por isso, escrever um poema é tirar uma foto - filmar um segundo - estático/finito;
comprovar o universo efêmero num suspiro de ‘ah’;
e só consigo pegar um aspecto seu
por
vez;
então, meus dedos tocam o vazio e o papel se enche do breve infinito
mas o original nem se compara;
escrever um poema é como beber cada gota
e destilar cada litro/momento
sem tocar na realidade, na curvatura no plano/estático
ou
no maluco
do espaço/tempo;

escrever um poema é dividir por zero
e aproximar;