corteja me

Valsa de um só

Danço comigo mesmo ao redor da solidão, ela me corteja, me abraça, não liga se dermos as mãos. O homem pode ser amado mesmo estando só, porque namora sua própria companhia, seus próprios dilemas, seus sorrisos e suas lágrimas. É preciso estar sozinho, mesmo que por 5 minutos ou 5 dias. Estar sozinho, escutar sua própria respiração te faz entrar nos eixos, alinha nossos planetas, nossos sonhos, nossas poucas certezas. Não fuja disso, dessa liberdade de dançar à sua própria canção. Não precisa tentar se entender, se resolver, apenas celebre ter sua própria companhia, por que todas um dia passam, e só a tua que fica.

Gabriela Giacomini.