berlinsupportsbrazil

Passeata "Berlin Supports Brazil" - 16 de junho de 2013

Domingo dia 16 de junho de 2013 acorreu a passeata “Berlin supports Brasil” (#berlinsupportsbrazil) no Kreuzberg e contava com a presença de 250 pessoas, em média. Deu início a 13h na estação de Kotbusser Tor e seguiu até Hermannplatz.

O motivo do protesto em Berlin (dentre outros que estão acontecendo em outros lugares) foi apoiar as manifestações que estão ocorrendo no Brasil, devido ao aumento da passagem do transporte público em 0,20 centavos. Mas essa foi a gota d'água e, na verdade, estamos protestando contra todas a décadas de injustiça, violência, abusos, explorações, maus-tratos, preconceitos que temos vivido no país. E incluindo a tirania do governo e abuso de autoridade por parte dos policiais. 

Foram 2 horas de passeata, e os policiais nos acompanharam em todo o trajeto. Diferente do Brasil, aqui as manifestações são cadastradas na Polícia, tem horário para começar e terminar e eles acompanham os manifestantes. Foi muito pacífico e um bem para a alma, sentir que estamos fazendo algo bom que não seja só para nós mesmos.

Antes da passeata começar estávamos aguardando a autorização da polícia para seu início. Todos estavam animados e cantando o Hino Nacional e letras de protesto. Os turcos estavam em passeata na outra rua e vieram se juntar a nós. Foi muito emocionante, uma adrenalina, um formigamento no corpo todo, um sinal que esse era o lugar certo para estarmos desde o princípio, um sentimento tão forte de solidariedade e união, duas nações juntas, lutando pela liberdade. Nessa hora sinceramente a gente percebe que não existem barreiras, nem raças e que somos todos iguais. Uma frase estava sendo cantada por eles, e nós fortalecemos suas vozes com as nossas “Hoch die internationale Solidarität” (significa “Viva a Solidariedade Internacional”) e isso vem como um furacão forte que nos enche de coragem e de amor. Porque é isso que falta ao mundo, solidariedade, de nos colocarmos no lugar do outro e entender seus sentimentos e suas dores.

A passeata foi linda, todos cantando, com cartazes, bandeiras e flores. Mensagens de força e coragem vinham pelo megafone. Pessoas assistiam interessadas pela janelas de seus prédios. Sim, estamos indo às ruas por justiça! Porque é muito bom sermos conhecidos por nossa alegria e simpatia, mas também queremos ser conhecidos por sermos guerreiros. 

Seguimos todos juntos até o fim, encerrando a passeata em uma praça. Fizemos um grande círculo e demos as mãos em sinal de apoio e união. E  isso foi por você Brasil, por nosso amor a ti e por solidariedade a cada brasileiro, que como nós, quer uma vida melhor.

E às vezes não podemos entender a dor do próximo, mas ver brasileiros sendo agredidos no Brasil por lutarem por algo que todos nós, não importa onde estejamos, também sonhamos. Que algumas vezes foi motivo de irmos embora do Brasil com lágrimas nos olhos e sem olhar para trás, almejando uma vida mais segura, sem violência, sem impunidade. Onde nossa voz é ouvida, onde somos todos iguais.

Então a dor de alguns se tornou a dor de todos. Nós também fomos machucados, nós também apanhamos, sendo chamados de vândalos. E por vocês que estão no Brasil lutando, por nós que o amamos, e para que nossos filhos tenham orgulho de serem chamados de brasileiros, estamos lutando. Essa passeata é um protesto, mas muito mais que isto é uma mensagem de amor. Porque o amor tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor jamais acaba; havendo profecias, desaparecerão; havendo línguas, cessarão; havendo ciências, passará. Agora, pois permanecem a fé, a esperança e o Amor. Porém o maior deste é o Amor. Corintios 13: 1-4-6-7-8-13

Os brasileiros estão famintos por união, por solidariedade. Querem se sentir acolhidos e protegidos, e como nem a lei nem o governo fazem isso, então que acolhamos uns aos outros, e que Deus proteja a todos nós.

youtube

Berlin, June 16th 2013.