bem eu. q

bios

gente eu juro que tentei fazer umas bios nao tao ruins mas não deu, mas eu fiz uma boa quantidade e tem bonus de bases para nomes, bios para idolos, bios para amigos e enfim espero que gostem, e se gostarem ou usarem da um like ou © castagnolit91

R a n d o m 

  1. boys like boys, like girls do
  2. hahah, no. 
  3. girlfriend acc @selenagomez 
  4. baixar a cabeça nunca, só se for pra pagar boquete. 
  5. nothing is real
  6. deus eh top
  7. when i’m fucked up, that’s real me
  8. im so sick of that same old love but the heart wants what it wants
  9. she a good girl, but you know she bad though
  10. where are you now that i need a food????
  11. rosas sao vermelhas, violetas sao azuis, cala essa bok em nome de jesus
  12. i do not need you, i need your netflix password
  13. levanta a cabeça princesa, o boquete já acabo
  14. you the baddest thing i seen, i’m thanking your creator
  15. you? no offense, but, ew.
  16. que deus te elimine
  17. but i find myself attracted to my dilemma, my dilemma, it’s food.
  18. ocupada destruindo amizades (((((((essa eh pras larry
  19. cê n tinha nem que ta aqui lind
  20. netflix >>>>>>>>>>>>>> you
  21. vamo se abraça com a lingua
  22. no hungry, no problem.
  23. miga vamo brinca de quem morre primeiro, pode começa
  24. deus te ama, o crush nao
  25. sofrendo por um certo @ 
  26. oi licença vc poderia me passar onde fez essa tatuagem de piranha na cara
  27. ainda bem q eu uso spray anti fã teen
  28. pensa que eh bonito se escrota
  29. eu sou a (seu nome) sou dona de fc, troxa nas horas vagas e shipper de casal gay, eu so a universal
  30. beijo eh tipo test drive de sexo, se beija ruim vai transa ruim
  31. my heart say yes but my mom sayVAI LAVA A LOUÇA GAROTA
  32. she can fuck you good, but i can fuck you bettA
  33. esse twitter hoje ta calmissimo, vamo causa minha gente
  34. miga para de se acha gostosa pq na vdd vc eh gorda
  35. que um conselho? manda nudes
  36. eu vo chora eu chorei bastante ja
  37. cala essa boc em nome de deus pai todo poderoso
  38. fuckkkk you

F r i e n d s

  1. conheci a @user no pasto
  2. mas eu so quero lembra que de 10 vidas eu te deixaria morre 11 @user 
  3. i’m so sick of that @user that bitch it tears me up. 
  4. just wanted to let you know that you are my bitch @user 
  5. queria nao amar a @user but the heart wants what it wants
  6. alo eh da policia eu queria denuncia a mae da @user por parir um ser tao horrivel
  7. no @user, no problem
  8. (nome) is a bitch, but is mY BITCH

I d o l s

  1. se soubesse que ia ser fa do (nome) teria ido embora na primeira punheta
  2. There are so many good things in my life, but nothing compares to you @user 
  3. uns se apaixonam, outros fumam, ja eu sou fa do (nome), cada um se mata de sua maneira
  4. You are the best thing in my life @user 
  5. tanta coisa boa pra vive e eu dedicano fc pro (nome)
  6. se vc não é (nome) nao me toque n encoste em mim n fale cmg
  7. @user you sometimes seems like a dream, so surreal it is you.
  8. eu conheci deus e ele se chama (nome)

N a m es

  1. (nome)kkjjksdk,,..,
  2. ㅤ(nome)!¡!,!,,,
  3. ✼˚̣(nome) ˚̣✼
  4. ୭̥✧(nome)✧୭̥
  5. ✨(nome) ✨
  6. ☪ (nome)
  7. *✧∘* (nome) *∘✧*
  8. !¡(nome)!¡
  9. (nome)✩*ೃ

Pedido: Cm o Harry, um imagine onde os dois estão num programa de tv, pode ser o do James Corden, ela também é cantora,e a família deles e os amigos mandam vídeos falando das manias e esquisitices deles individual e como casal, passando vergonha neles e durante o programa acontece muita coisa bem engraçada, q eu deixo por sua conta ja q eu n tenho criatividade, e eles vão se constrangendo, eles acabam virando meme, viralizando e virando o assunto do momento como o casal mais engraçado da mídia, obrigado - Anônimo

Não sei se ficou exatamente como você queria mas, eu me esforcei.

Obrigada por ter feito o pedido.❤️

***

Imagine Harry Styles:

-E hoje estamos aqui com o nosso casal favorito…Harry e S/n!
James falou e eu e Harry entramos no palco de mãos dadas recebendo aplausos e alguns gritinhos estéricos.

-Como vai o relacionamento de vocês?
James perguntou assim que nos sentamos no sofá.

-Bem, melhor a cada dia.
Harry sorriu passando o braço em volta de mim.

-Estão pensando em ampliar a família?
James perguntou sugestivo e eu olhei para Harry sorrindo.

-Andamos conversando sobre isso.
Respondi e Harry assentiu.

-Bom se quiserem, eu estou na fila para ser adotado.
Falou humorado e a plateia riu.

“Todos estamos na fila!”

Alguém gritou da plateia e eu e Harry acabamos por rir também.

-Se eu pudesse adotava todas as Directioners.
Falei sorrindo e recebi uma salva de palmas.

-Aposto que seria o sonho de muitos. Agora vamos as perguntas…

-Vocês tem algum tipo de costume de casal ou algo que não deixariam de fazer juntos por nada?
James perguntou e Harry se mexeu no seu assento fazendo uma careta engraçada.

-Além de procriar, é claro.
James completou e todos riram novamente.

-Ah…nós gostamos de meditar, sabe, passar um tempo juntos, ao ar livre, costumamos esquecer um pouco nossos trabalhos e pensar só em nós e nosso relacionamento. Funciona para nos acalmarmos e ainda passar um tempo juntos fora da loucura do nosso dia a dia.
Harry respondeu e eu concordei.

-É muito bom para mantermos nossa cabeça no lugar.
Falei e James assentiu.

-Já se esqueceram de algum aniversário de namoro ou algo do tipo?
James perguntou e eu pensei um pouco.

-Acho que nunca esquecemos, mas já passamos um aniversário de namoro sem se ver pois eu estava em turnê e Harry estava em estúdio.
Falei me lembrando do ocorrido de dois anos atrás.

-É, realmente a carreira deve atrapalhar um pouco o relacionamento de vocês.

-Quem se declarou primeiro e como foi?
Perguntou e eu olhei para Harry que sorriu tímido mostrando suas covinhas fazendo soar um coro de “own” na plateia.

-Fui eu.
Levantou o dedo.

-Hm, Harry se declarando, aposto que isso deu em música.
James falou humorado e eu sorri.

-Talvez…
Harry piscou.

-Havíamos nos conhecido em estúdio, quando fui gravar Sign Of The Times eu a encontrei por lá e começamos a conversar.

-Inicialmente queríamos fazer uma parceria…mas talvez eu seja um pouco complicada.
Continuei rindo de leve.

-Um pouco? Foi mais difícil combinar com você uma parceria do que te pedir em namoro.
Falou rindo anasalado e eu dei um tapinha em seu braço.

-Não foi tão difícil assim.
Resmunguei.

-Então cadê a música?
James perguntou humorado e eu o mostrei a língua igual uma criança.

-Continuando…depois de alguns meses conversando e se encontrando, eu a esperei no estúdio e mostrei minha nova música que na verdade era um pedido de namoro.
Harry finalizou e eu entrelacei nossos dedos.

-Hmm, então vem música nova por aí?
James perguntou sorrindo e Harry apenas assentiu.

-Bom.. nós aqui do The Late Late Show pedimos para que alguns amigos seus e familiares nos dissessem como é esse incrível casal.
James falou e logo apareceu um telão.

-Estão prontos?
Perguntou e nós assentimos curiosos.

O vídeo começou.

“-O que eles fazem que você acha mais meloso?

Alguém da produção perguntou para Gemma.

-Eu acho que não tenho muito moral para falar desse assunto, Harry é testemunha. Mas eu acho um pouco irritante quando eles começam a falar com voz de bebê um com o outro.

Gemma respondeu e o suposto entrevistado riu.”

Outro vídeo começou seguido daquele.

“-Qual dos dois mais diz, eu te amo?

Perguntou a Niall, que vive em nosso encalço.

-Definitivamente Harry, não tem um momento em que ele não diga isso, tem até algumas vezes em que S/n o dá algumas paradas por conta disso.

Os dois riem”

“-A senhora gostaria de ser vovó?

Perguntou a Anne.

-Se eu gostaria? Eu amaria! Harry e S/n são um lindo casal e eu amaria ver meu netinho.

Anne falou sorridente.”

“-Quem é o responsável da relação?

Perguntou a uma das minhas melhores amigas.

-S/n. Ela sempre cuida para que Harry não beba muito e sempre sabe como resolver uma briga do casal ou algo que esteja os incomodando.”

“-Qual a coisa mais estranha que já os viu fazer?

Perguntou a um amigo muito próximo nosso.

-Harry pegou um gelo com a boca e começou a passar pelo corpo de S/n. Não seria estranho se, não estivéssemos em uma praça pública!”

A plateia riu e James nos olhou com um olhar malicioso.

-Harry, que safadeza é essa?
James perguntou segurando o riso.

-Acho bom levarmos em consideração o tanto de álcool que você havia ingerido aquele dia.
Falei o defendendo e ele riu.

“-Já os pegou em algum momento quente?

Perguntou para minha mãe.

-Já. Os danadinhos estavam em cima da minha mesinha de centro.”

Escondi a cara envergonhada e Harry soltou uma gargalhada gostosa.

-Na mesinha de centro?!
James nos olhou indignado.

“Qual dos dois é mais safado?

Perguntou a um amigo nosso em comum.

-Acho que os dois são igualmente safados. O fogo que um não tem, o outro completa.

Falou fazendo gestos com as mãos.”

-Após todos esses depoimentos, chegamos à conclusão de que nosso casal não é só um ótimo shipp como também um casal tarado e cheio de fogo, mas que claro, não deixa de ser fofo. Obrigado pessoal, esse foi o programa de hoje!
James falou acenando e o programa acabou.

(…)

Após algumas horas o programa acabar, abri meu twitter e me deparei com a tag do nosso nome de shipp em primeiro lugar dos trends topics.

“Harry e S/n, me dêem um pouco desse fogo que vocês têm”

“Meus pais, me adotem!”

“Transando na mesinha de centro? Não foi isso que eu os ensinei”

“Hm, gelo com a boca? Já anotei pra tentar com o boy”

“Safadenhos, nem parecem os mesmos que dedicam show um pro outro quando estavam longe”

“Depois dessa entrevista estou no shawn com tantos tiros”

Desci mais um pouco e vi algumas fotos do Harry fazendo caras estranhas na entrevista.

“Minha reação quando ouço minha mãe chegar e lembro que não lavei a louça”

E junto tinha uma foto de Harry com os olhos arregalados.

Ri sozinha. Passei tanta vergonha e ainda viramos meme com essa entrevista.

Acabei por twittar:

“Obrigado a todos que assistiram hoje! Foi embaraçoso e constrangedor, espero que não nos achem estranhos depois disso.🙈 @Harry_Styles.”

Logo recebi uma notificação.

“@Harry_Styles.: Somos o casal mais estranho, amor. H”

Olhei para o lado e vi Harry sorrindo com o celular em mãos.

***

Espero que tenha gostado.😘

Se possível, vá na ask e diga o que achou, é importante para mim e isso me motiva a continuar.😊❤

8

                                           you’ll never know what’s inside my head
                             you’ll never know what about my nightmares are about
                                          you’ll only know the face that I show you
                                                 the only ones I ( can ) give you
                                              because I don’t wanna to see you
                                                                          scared as I am

Se Bentley antes de chegar a Amsterdã suspeitava que sua vida estava parada demais, agora, no meio daqueles alunos, ele tinha a certeza disso. “Temos que melhorar o meu convívio social.” declarou, os dedos tamborilando na mesa. “Quero conhecer os bares e todo o resto dos lugares onde dá para se divertir aqui, me acompanha ou vai me encarar como se eu fosse maluco?”

Seo Hyeri ;; 28 19 years old;; vampire

Hyeri acredita que seu espírito livre foi o que não a deixou surtar com tudo que descobriu aos seus 19 anos. Em um instante ela era a típica garotinha apaixonada e no outro tinha os dentes de seu namorado cravados em seu pescoço. Agora, quase dez anos após o ocorrido ela  não sente nada mais nada menos que livre. Não foi nada fácil despistar a família que vivia na mesma cidade, ainda mais sendo totalmente rigorosos e religiosos. Mas ela deu seu jeito, ela tinha que dar. Fingiu aos pais uma falsa gravidez, sabia que os costumes tradicionais da família não aceitaria isso e ela foi expulsa de casa, foi rejeitada pelos pais em pleno século xxi. Mesmo sabendo que agora teria que fazer tudo por conta própria, era preciso, ela não poderia correr o risco de eles saberem a verdade. Já houve repulsa por conta de uma gravidez, não podia imaginar o que aconteceria se sua família descobrisse sobre o vampirismo? Não era só a vida ela que estava em jogo. 

Os sorrisos e brincadeirinhas escondem a dor que ainda sente por ter pedido o único amor de sua vida. Ela tinha medo de nunca superar, de ter que esconder isso pra sempre, já que o amava antes da transformação, achava possível que isso fosse permanente, apesar de nada comprovar isso. Talvez seu amor fosse igual uma tatuagem que ficara marcado em sua pele. Mas  a garota nunca fez nada para mudar isso, se apegar ao sentimento que tinha pelo seu falecido era a coisa mais humana que ela podia sentir e apesar de amar a vida de vampira, gosta de saber como era intenso se sentir viva

biografia + headcanons || wanted connections. 

Você vai se arrepender de mim.

Você vai dizer que foi tempo perdido; que eu nem era tudo isso; que eu não fui especial. Vai dizer que era ilusão; que você se deixou levar; que eu menti; que eu não fui capaz de suprir as suas necessidades. Você vai me odiar. Com todas as forças. Vai querer que eu morra ou, no mínimo, suma. Talvez você suma pra não me ver, não me sentir, não me perceber. Vai querer se vingar. Vai dizer que vai muito bem, que nunca me amou ou nunca me quis. Vai querer dizer que eu te fiz infeliz. Mas que já superou e não me deve nada. Você vai dizer que não há perdão; que eu vacilei demais; que eu magoei demais. Vai me ver rindo e vai me culpar por tudo, dizer que eu nunca te amei como você me amou. Que eu nunca me importei como você se importou. E quando as memórias começarem a desbotar, vai se desesperar só um pouco. Vai pensar que foi desperdício de tempo, esforço e fé; que eu nunca te mereci. Vai sentir tudo sumindo e se perguntar se algum dia algo realmente existiu. Algo palpável. Algo memorável. Vai dizer que sou fácil de esquecer porque foi fácil pra mim partir. Vai ficar tão triste porque as coisas acabam e as memórias se apagam. Depois vai fazer questão de se distanciar e esquecer. Enterrar. Destruir. Vai jogar fora tudo que já te dei. Fotos, poemas, pulseiras, livros, camisas, perfumes. Vai ter nojo de tudo o que ja dividimos. Vai odiar o meu perfume. Vai apagar tudo o que puder te lembrar de mim. Vai querer destruído todo e qualquer resquício de nós dois. Não vai conseguir. Vai me procurar em outras. Depois vai fugir de mim com outras. Também não vai conseguir.
Vai lembrar de mim nuns momentos bizarros: atravessando uma rua, vendo o gesticular de um estranho, quando deitar a cabeça no travesseiro, quando cortar uma cenoura, quando passar numa loja de antiguidades. Vai rir sozinho. Ou não. Vai sentir o peito apertado ou aquecido ou vazio ou distante. Um dia, não vai sentir nada. Vai lembrar cada vez menos. Vai se importar cada vez menos.
Talvez tope comigo uma vez ou outra até lá. Talvez não. Talvez só tope comigo tantos anos depois. Talvez nunca mais. Às vezes vai se perguntar se ainda vamos topar. Às vezes vai ficar feliz e se responder que não. Às vezes vai ficar feliz e se responder que sim. Vai chegar um ponto em que vai pensar que tanto faz.
E eu não sei você, mas eu cheguei a um ponto que penso: caramba, ele deve estar tão feliz! E isso me conforta. Não importa onde, como ou com quem. E o “com quem” era fundamental um tempo atrás. Agora eu penso: caramba, tá tudo bem!
Você um dia nem vai mais pensar nisso. Nem eu.
E talvez o mesmo valha pro próximo relacionamento. E pro que vier depois dele. Eu tenho até vontade de já avisar logo e perguntar: topa correr o risco?
Você vai descobrir que não é o conseguir que é bonito (ou gostoso, divertido, significativo, importante).
É o tentar (apesar de tudo ou talvez exatamente por causa de tudo).
Se tem algo que aprendi contigo foi que nada (e friso: nada mesmo) é em vão.

Você vai se arrepender de mim.
Mas ainda vai aceitar que eu fui um erro bonito. É recíproco. A vida vai continuar e é isso: com o tempo a gente aprende que final não é bom, mas também não precisa ser infeliz.

sereia de vidro

sou pássaro confinado nos medos.
anatomia fraturada ao meio, dividida em relutância e tormento.
sou a agonia de quem se espera o dia seguinte, 
movimentando os pés no chão e roendo as unhas.
um ideal de fraqueza e vulnerabilidade escondida por trás da redoma. de ferro.
lágrimas congeladas no temor da garganta, 
paz trancafiada no peito.
tenho em mim o mesmo que Júpiter, Saturno, Urano e Netuno possuem: gás. sou volúvel.
o alívio de quem passou despercebida e não sabe ser. fujo sabendo que aonde vou, me encontro. 
todos os caminhos a seguir me parecem difíceis, pois sofrer é sempre uma possibilidade.
fantasma do cotidiano. não me encontro nas casualidades.
sou feito mercúrio: fluído. 
incertezas da manhã, ansiedade da noite. pesa em mim a dor de outros.
eu já não mais sonho, durmo na realidade racionalista.
sou flor de plástico, guardada na gaveta de quem não sabe me notar.
sou fênix: morro em autocombustão e renasço na dor.
meu pesar pesa feito elefantes, tropeço e caio no abismo.
minha escada não tem fim, persisto e continuo sendo de vidro. 

Às vezes eu me pergunto, que cheiro você tem, me pergunto qual o sabor do seu beijo, me pergunto qual a textura da sua pele, se a sua boca é macia como eu penso que é, se o teu corpo no meu funcionaria bem como eu acho q funcionaria. Me pergunto, por quê você não liga mais, qual o motivo de eu não acordar mais com as suas mensagens?
Se você escolheu ir, por que n leva consigo esse sentimento que insiste em me massacrar? Às vezes eu me pergunto, em que momento o nosso nós, passou a ser eu sem você. Não vou comentar sobre as milhares de vezes que eu abro e fecho a conversa, escrevo ou não escrevo? Te ligo ou não te ligo? Devo dizer que sinto sua falta? Devo dizer que te amo e que estou aqui? Mas, espera, eu ja disse isso tantas vezes, sendo muitas delas em meio ao choro, ja tentei de todas as formas te explicar que eu estou esperando você, mas ainda assim você escolheu ir embora.
Talvez, eu não tenha muito o que fazer sabe? Talvez, um dia eu aprenda a amar um outro alguém, talvez, eu aprenda a ser feliz sem você, talvez, eu deixe de ter você em meus pensamentos, em meus sonhos, nas minhas lágrimas. Talvez, um dia, quem sabe, eu volte a ser feliz, eu volte a acreditar que nem todos machucam e não culpe o meu novo amor pelos seus atos. Talvez, eu pare de me perguntar por quê você se foi, por que não lutou por nós, por quê prossegue afirmando me amar mas se esquece do peso de suas atitudes e amor, elas não dizem o que suas palavras dizem.
Às vezes eu me pergunto, se talvez um dia eu irei deixar de falar sobre você, de chorar por você, de acordar e ir dormir pensando em você, de sentir essa dor no peito, de passar a madrugada chorando, se sentir sua falta, me pergunto se vou parar de procurar você em outro alguém, se eu vou conseguir desistir de você, se eu vou conseguir viver sem você. Às vezes eu me pergunto, quando você vai voltar.

anonymous asked:

Sempre que conheço alguém acho que ela vai me achar desiteressante (por eu ser fechada demais) e vai embora da minha vida. E ao mesmo tempo que quero muito ter pessoas na minha vida tenho preguiça de ter que me forçar a parecer interessante e conversar como tudo tivesse bem sendo q eu não estou bem. (Que é pq as pessoas fazem o tempo todo fingem estar bem) enfim é só um desabafo gosto de falar cntg.

eu entendo você, eu também sou assim sabe, sou super fechada pessoalmente, dificilmente me permito entrar realmente na vida das pessoas e muito mais dificilmente permito que elas entrem na minha, penso exatamente da mesma forma que você e apesar de isso nos beneficiar (porque afasta muita gente desnecessária) também nos prejudica (porque afasta também muita gente que poderia preencher as lacunas que a gente mesmo criou), então, sinto muito por isso, porque sei, que em partes, te dói.

Oi meu Centauro,
Tá td bem ctg?
Olha, eu espero q sim… Na vdd, eu sei q não está bem, mas tudo vai melhorar 💙
Sabe, em alguns momentos da vida somos obrigados a sentar com nossos demônios em algum lugar, discutir, brigar, vencê-los.
E tão difícil te ver desse jeito, é tão difícil pensar q vc tem demônios… Sério, vc é tão amorzinho que não consigo imaginar isso.
Mas, amor… Lembre-se, vc tem pernas de cavalo, corra para o mais longe que puder, e use o arco e a flecha para matar cada um dos seus demônios. Ah, e não se esqueça, eu tbm sou Centauro, né? Então, seremos eu e vc contra eles!
Sei q o texto tá cheio de clichês, não me importo, eu realmente quero a sua felicidade, eu espero que vc, ao longo do texto, tenha soltado pelo menos um sorriso… Vc fica lindo sorrindo, só não digo q deveria sempre sorrir, pq aí as estrelas se envergonhariam e parariam de brilhar… E eu gosto delas 😐
Espero que fique bem, feliz, eu te amo 💙
—  De: @m4-levola
Para: @cerv-4
se eu pudesse te contar

eu tenho uma lista das coisas que contaria. pra começar: paris sem ti é cidade pela metade, que teu espírito artístico é parisiense e nem sabe. pra terminar: em londres, fui pedida em casamento por um tunisino e tive a certeza de que não é contigo que vou ver meus cabelos desbotarem e isso é triste.
e foi tudo triste. desde aquela quinta feira até nunca mais poder voltar pra cidade que virou nossa e agora é só sua. e eu te dou de mão beijada as chaves das memórias. eu não só quero como preciso construir novas.
o borrão sem tamanho que foi te querer fica cada dia menor e mais turvo. acho que as coisas só se resolvem depois de queimadas em cinzas. a gente vai ser sempre um pavio curto de vela mole. a gente nunca vai ser resolvido. não matematicamente.
eu não sou parisiense e acho que se resume a isso: você foi um cartão postal bonito que me lembrava uma cidade onde eu queria morar. a grande notícia é que eu amei o postal, mas depois que visitei a cidade em carne e osso, desencantei da vontade de empacotar. eu quero mesmo é ver as ruas pulsando no mundo inteiro, sem porto, sem pausa, sem pressa.
te amar foi maravilhoso, mas com o mundo de quintal, eu não posso ficar em casa. e você, parado na linha do tempo, me atrasa.
se eu pudesse te pedir, diria: não se prende a esse barquinho que ele afunda já já. fortalece suas asas e voa. e aí, who knows, a gente não se topa num céu louco desses e toma um chopp.
se eu pudesse te contar, te seria sincera: vou bem e, principalmente, vou. só te desejo uma coisa: vá também e bem.
se cuida

Tudo é tão difícil e ao mesmo tempo tão fácil. É muito difícil agradar as pessoas, mas tão fácil desapontá-las. É difícil chorar na frente dos outros, mas as vezes é tão fácil derramar todas as suas lágrimas em um ombro amigo. É extremamente difícil falar com alguém sobre seus problemas, mas é tão fácil transcrevê-los e expor à milhares de seguidores em uma rede social. Todos temos nossas dificuldades e facilidades. Deixe que seus problemas sejam difíceis de serem resolvidos, só não desista de tentar solucioná-los. Pode ser algo trabalhoso de ser resolvido, mas não quer dizer que seja impossível.
—  José Neto.
eota porra

eu so quero ficar linda pa tu linda pa tu uhum

mae me perdoa viado eu sei oq eu nao tenho vida social

os gay manda no mundo

toca uma musica pras gay

aceita q teu crusho ta cagando e andando pra boce

com tanta serie no mundo voce acha q eu ligo pra voce

fecha os olho e aproveita essa montanha russa q eh a vida (((q so vai pra baixo)))

oq sao uma ou duas pessoas q me odeiam perto de 130 MILHOES DE BRASILEIROS Q ME AMAM

pelo menos eu so fa da melody

ainda bem q eu moro em minas gerais nao eh mesmo

menina eu tenho 14 filho pra cria deixa dinehro na minha caixa postal pf

rebekah capetinhàáh 96666-6666

se deus ecunois qem cera comtranois

eu gosto eh d bota as aranha pra briga rsrsrs rsr