bcbo

fogo

Era uma vez a fagulha,

que surgia pequena e brilhante em algumas ocasiões. Ela sentia que por mais que quisesse, via o mundo por pouco tempo. Um dia, porém, foi lançada em alguns galhos secos e, para sua surpresa, se transformou em chama, que seu calor aquecia e alimentava aqueles que ao redor dela se reuniam. Percebeu, então, que era importante. Fagulha, chama, tudo o que é fogo e aquece, é a menina dessa história! 

Sabe aquela pessoa que você briga todos os dias

mas é com ela que você conversa todas as noites antes do adormecer

é nela quem esconto todas as minhas fristrações

e quando passa, ela que vem amortecer

Só ela sabe a dor que sinto nas minhas quedas

e ela me ajuda a me reerguer.

para vê-la sorrir, faço coisas que não imaginava fazer

Por ela, e apenas por ela, voltaria a nascer…

Eu te amo, minha querida irmã, que me atura todos os dias

eu te amo, por tentar muitas vezes me entender

eu te amo, por ter nascido com a dádiva de ser.

Dedicado especialmente para a minha dádiva, minha irmã companheira

@Bruber_

Sei que você está esperando por alguém, que talvez não vai chegar. Mas a esperança a mantém. Seu coração já bate devagar, está cansado de sofrer, por tanto tempo a esperar aquele alguém aparecer.

(Jonathan Correa - Reação em Cadeia)

    Desde criança espero sempre por mais um filme do Harry, e a cada filme vimos o quanto ele amadureceu, o quanto ele cresceu, e consequentemente, acompanhamos a vida dele, vivemos a vida dele.

   Eu, quando era criança, costumava brincar de Harry Potter, Pegava toalhas e lençõis e fazia dela minha capa, uma camiseta vermelha que tinha um desenho amarelo no lado esquerdo virava meu uniforme de Hogwarts. Quebrei um pincel  de madeira que virou minha varinha. Criança tem uma imaginação fértil!! Lembro também de como o prédio da minha avó se transformava no castelo de Hogwarts, lembro das “aventuras” que vivi ali dentro, berrando na porta ‘alohomora’ até a minha avó abrir. E não tinha graça se ela aparecia na porta, ela tinha que se esconder atrás da porta. Lembro também do meus amigos Virando Harry e Ronnie na minha cabeça, e juro pra vocês, se eu me olhava no espelho, me imaginava como Hermione Granger (meu cabelo volumoso e despenteado ajudava a lembrar um pouco).

    Com o passar do tempo, já não éramos mais crianças de 7 anos querendo voar por ai, já tinhamos 8 ou 9 anos, e não era mais tão frequente gritar alohomora na porta, Nem amarrar toalhas nas costas. Mas ainda assim tinha jogos, alguns criados por nós, do tipo, qual magia é mais forte, duelos e essas coisas… Assim passamos mais um tempo de Harry Potter.

     Aos Poucos Harry foi crescendo, se apaixonou, na mesma época em que nós tivemos nosso primeiro amor. Então vivenciamos também o Amor de Potter. Ele descobriu que as pessoas são falsas, que sempre há o mal, que o BEM SEMPRE VENCE O MAL, mesmo que demore. Aprendeu a ter coragem e acreditar em si mesmo. Harry aprendeu tantas coisas.

   Harry Aprendeu a valorizar os amigos e os pais, a familia e quem o ama, Assim como nós, crianças que viraram adolescentes, e estão virando adultos aprendemos também.

   E agora, Harry potter Cresceu, Nós também, estamos vivendo o final da adolescencia, e com o final dos filmes que nos acompanharam a infancia inteira, está selando também o final da NOSSA infancia. Mostrando que a Magia da infância chegou ao fim, que precisamos ser fortes, encontrar as Horcruxes da vida (também chamadas pedras no caminho) e acabar com elas, se forem grandes, aprenderemos a contorná-las e a vencê-las. Chegou a hora de aceitar que o mundo não é um conto de fadas, ou um conto das bruxas, e que a verdade está fora de Hogwarts, na vida real, onde estão os verdadeiros perigos.

    Não pense que a magia acabou, na verdade, ela nunca acaba, Nós somos a nossa Magia, porque a magia sempre esteve dentro de você.

Barbara Cristina, 16 anos. Uma Garota que vive, Até o fim da verdadeira Magia.