bate bem

Vou esperar você voltar pra mim.

Eu vou sumir da tua vida, eu sou um problema, e sempre vou ser, não consegui te fazer feliz, sou toda possessiva, e muito ciumenta, você não gosta disso, e eu nao sei nem o que escrever do tanto que eu to chorando, demorei muito pra ficar contigo, lutei pra caralho e acabou tudo assim, sendo que ontem estávamos bem..
É, gostar de alguém e muito estranho. Tu sente as dores que não e tua, ta disposta a fazer alguém feliz… Põe alguém em lugar máximo na tua vida, pra cuidar e proteger. Mas obrigada por tudo mesmo, sério. Por cada sorriso, abraço, as brigas, por cada beijo, tu me trouxe momentos inesquecíveis e eu vou fazer questão de guardar pra sempre, e vou te levar pra sempre comigo, és um menino maravilhoso, tua ex não faz idéia do quanto foi idiota por te ter na mão e ter jogado fora, a próxima menina vai ser a mais sortuda do mundo por te ter na vida dela. Se algum dia vc namorar com outra, eu vou estar feliz em saber que achasse alguém que você goste de verdade, e ela com certeza vai fazer tudo que eu não fiz, porque eu tenho cicatrizes, sou insegura e isso dói muito. És o menino mais maravilhoso que eu conheci na minha vida, me tratou como uma pricesa, e eu n consegui fazer o mesmo… Ou fiz, não sei. Mas te amei, do meu jeito. E vou continuar, mesmo só em mente, pq fosse a melhor coisa que eu nunca tive. Nunca vou esquecer de detalhe nenhum, e de como foi maravilhoso o que tu me fez sentir, das madrugadas em claro pensando como era teu rosto de pertinho, como era teu abraço… Obrigada por ter me feito acreditar no amor de novo. Tu vai ser a lembrança mais linda que eu vou ter. Parece agora que eu to vazia, parece não, eu to vazia. Uma dor tão ruim, que eu não queria sentir isso nunca mais, mas isso é coração machucado, coração quebrado. Eu não quero te fazer triste ou sofrer, minha meta era te fazer feliz e fazer tu pensar em mim e falar o quanto és sortudo por me ter. E é isso que eu vou fazer, vou olhar pras suas fotos com uma dor no peito, mas vou lembrar: “Eu fui muito sortuda por Deus ter colocado ele no meu caminho.” E não importa se agora vamos seguir caminhos diferentes, se bem Já bate uma raiva de te imaginar com outra, fazendo tudo que eu fiz… E eu vou ter sempre em mente que és meu. E eu, serei sempre sua.
“Porque todas as estrelas estão desaparecendo, não precisa ficar com medo. Você as verá algum dia. Apenas pegue o que você precisa, siga seu caminho… faça o seu coração parar de chorar. ❤️
Mas é assim: “deixe livre pra voar quem você ama, se voltar é seu, se não, nunca foi.” Eu vou ficar esperando tu voltar pra mim.

Status: Ano novo + legendas

Vem natal, vem ano novo, vem 2016! 🙏

Dezembro com gostinho de natal, ano novo, férias, sol, praia…💛🌞

2016 tá chegando e junto com os fogos eu quero que se exploda muita coisa! 😉

Pula para a parte que eu como as comidas do natal🎄😁

Sem metas para 2016, tudo acontece no tempo certo 🌻

Prepare-se para um ano muito melhor do que você imagina ✌🏼️🎊

Não quero um ano novo, quero uma vida nova 🌅

Que venha em paz ano que vem, que venha paz o que o futuro trouxer 🙌🏽

Melhor do que todos os presentes por baixo da árvore de natal é a presença de uma família feliz.♥🎊🎉

Quem deseja ver o arco-íris, precisa aprender a gostar da chuva 🌈

Essa menina não quer mais saber de mal-me-quer 🌹🌱

Deixa o tempo levar, o que tiver pra ser será.

Teu céu veio abrigar minhas estrelas. 🌠💙

Primeiro a dificuldade, depois a felicidade 🌼

E da queda Deus fez o meu salto. 🙏🏻

Ela imagina flores com cores que não existem em nenhum jardim. 🎨💐

Garoa lá fora e dentro de mim um temporal 🐚🌊

Seja calmaria, já existe gente demais fazendo tempestade ⚓️

Me dê espaço, me dê tempo. As coisas estão confusas aqui dentro 💬

Às vezes, o melhor a se fazer é deixar ir. 👋🏽

Cortei pela raiz antes que desse flor 🌸

Deus disse: de maneira alguma te deixarei, nunca, jamais te abandonarei. Hebreus 13:5. 🙏🏻💙🎐

O que vem de Deus, traz paz 💟

Mas moço, o problema é que uma lágrima puxa a outra 👊🏼😓

Ela se refugia dos problemas em cafés, às dez da noite, quase onze ☕️❤️

Foca, mas não sufoca 💢

Com sua essência pura, seu gosto de loucura 💥

Ele cheirava a conforto, café e tardes de domingo bem passadas. 💇🏼💞

Então ela sorriu… Porque sua felicidade dependia dela e de mais ninguém 🌼💧

E se não houver amanhã? Você fez o hoje valer a pena? 💭

O meu maior medo era te perder. E olha só, meu coração ainda bate. Tô bem melhor sem 😘💥

Dono do meus olhares, me rouba suspiros e ares. 💌💘

De uma semente, ela brotou lentamente… ela iluminava o jardim, era a flor mais bela 🌸🌷

Eu serei menina dos seus olhos que um dia orando só, você pediu a Deus 🙏🏻❤️🎯

Que o vento leve, que a chuva lave, que a alma brilhe, que o coração acalme 🍀

Pega sua canoa e deixa a minha fluir 🚣

Solto tudo o que me prende, para me prender em tudo o que me liberta…

Aquele momento que você acorda, e não sabe o que está mais bagunçado, a cama ou a vida. 🍃☀💤

Assim como as estações
a vida é feita de fases.🌸☀❄

Lua cheia, desliga o farol, namora comigo a espera do sol… 🚘🌇

Ela viu todos os meus lados obscuros e disse que preto é a sua cor favorita. 🌘🌑🌖💫

Mas amanhã pode ser bem melhor 💫

7 de outubro de 2015.
Desde que ele se foi, me tornei outra pessoa. Meu coração é gelado. Minhas atitudes irreconhecíveis. Sou tão fria, quanto o inverno com chuva. Enrijeci. Sou uma mulher completamente diferente, do que costumava ser. Quer se arriscar e bater no meu coração? Bate ai. Mas, ele não vai abrir. Pode bater, mas ele não vai atender. Sua mão vai doer. E você vai perde-la. Pensando bem. Não bate não. Estou sem coração. Sem sentimentos nenhum. Veja bem, os papéis inverteram. Os homens correm atrás de mim. E eu uso todos eles. Beijo um hoje. Amanhã outro. Não vou dizer, que quando chega a madrugada, e eu encosto a cabeça no travesseiro, a consciência não pesa. Porque pesa. Não vou dizer, que eu nasci pra ser assim. Porque eu não nasci. Mas também, não vou admitir. Sabe onde eu quero chegar? Desde que você se foi. Eu enlouqueci. Meu coração perdeu a direção. E agora, decidiu que vai bombear. Não sofrer. Meu coração está com cacto, decidiu, que a vida agora vai ser assim. Vou ficando com todos. Torcendo, pra ninguém se apaixonar por mim. Se caso acontecer, vou mandar correr. Não sou obrigada, um relacionamento sério manter. Mas também, não estou dizendo que a culpa de eu estar assim, é tua. Era só, você não ter entrado na minha vida, feito morada, e sair sem despedir. Você podia ter passado direto por mim. Porque, olha os danos que você causou? Agora, cada pedacinho do meu coração, pertence a um alguém. Não gostou? É só se retirar. Aquela menininha boba do ensino médio? Não existe mais. Morreu. Os homens que passar pela vida dela agora, vão sofrer. Claro, ninguém tem culpa do antigo amor. Nem todos são iguais. Mas, eu me tornei assim. E o tempo está custando a me moldar. Não consigo mudar. Preciso mesmo, de um amor encontrar, pra sossegar. Por enquanto, levo a vida assim. Fingindo sorrir. Fingindo gostar da forma que estou vivendo. Mas veja bem, não estou.
—  A Felicidade mascarada de Luana.
Toda pessoa sempre é as marcas
Das lições diárias de outras tantas pessoas.
E é tão bonito quando a gente entende
Que a gente é tanta gente onde quer que a gente vá.
E é tão bonito quando a gente sente
Que nunca está sozinho por mais que pense estar.
É tão bonito quando a gente pisa firme
Nessas linhas que estão nas palmas de nossas mãos.
É tão bonito quando a gente vai à vida
Nos caminhos onde bate, bem mais forte o coração.
—  Gonzaguinha
Status: Ela+desapego

Ela é folha, frágil, se joga no vento, destinada a murchar na deserta rua. Sozinha, esquecida, secou ♻️

Vacila não mané, como ela tu não acha não.

E graças a Deus q o seu amor não me fez tão mal e o meu coração ainda bate igual 🙏🏻🌸

Mas tudo bem, o dia vai raiar pra gente se inventar de novo 🎑💙

Se o amor bater na minha porta atendo e digo que não tô 🚮

Ela olha pro lado e tudo o que vê é vazio. Ela procura as pessoas e tudo o que encontra são frascos vazios.

Segura sua onda que se não ela te afoga 🌊🌞

Essa moça é como a flor: tem a delicadeza das rosas, mas possui a força de seus espinhos 🌹😉💪🏼

Ela é chegada num lance 👄

Não se iluda com o sorriso dela pq a maldade ta na mente ➿👼🏼

Ir, sobretudo, em frente 🙌🏽

Dói te libertar… Mas cê não ia conseguir me acompanhar 💄💭

Ela tem um daqueles silêncios que ecoam dentro da gente 💫

Chora brother, você perdeu ✌🏼️

Ela parece frágil, mas seus espinhos podem ferir. 🔚😘

Não importa o que ficou pra trás a vida anda apenas para frente.

Ela espera por alguém que precise dela todos os dias. 💘

Não me importo, desencana!

Ela é do mundo, ela é da vida, ela é de onde e de quem ela quiser. 👋🏻💋

Se eu esquecer de você não tem mais volta, baby.

Ela virou pedra, garota festeira que não tem sentimentos 🎊💥

Sinto muito, pois não sinto nada.

👽🌸 Mesmo sozinha ela é feliz como ninguém 🌸👽

Coração gelado para combinar com o clima. 💙❄️

O lema é pegar mas não se apegar

Ela se modernizou e não acredita em relacionamento sério mais 👋🏽

Oportunidades surgem quando você desapega do que não deu certo.

Não é que eu seja fria, eu apenas não me esquento com pouco 🔥🔛

E num dia como outro qualquer, ela saiu dos trilhos… E nunca mais voltou 🚋🌻

Mas deixa eu conhecer o mundo da minha forma. 🔁

Ela tem cheiro de divertida, sabor de missão cumprida 💎🌸

Tô nem aí, só quero ser feliz. 🌌

Vai achando que tu é prioridade!!💥🚮🎶

Já passou da hora de seguir a vida, insisto em ser âncora, não tenho culpa se é automático insistir no que já foi ⚓️

Você fala demais rapaz e quem fala não faz! 😉

Ela era forte, e sabia. Por isso andava sorrindo por aí, ignorando todas as suas dores 🌈💛

Vai pro inferno com essa paixão 👌🏼

Temos tanto em comum, você gosta de mim e eu também gosto de mim💅🏽

Diz pra saudade que eu não a amo mais. É só vontade de dar uns beijos 💋

Ela tem como essência sorrir, tem como paixão o sol e o mar, tem como bússola a felicidade ☀️🙏🏻🌊

tugant  asked:

João Moutinho

Ayyy há tanta historia e tanto passado com o Moutinho…. É assim… ele é da academia. E qq jogador que venho da academia tem um lugar especial no meu coração.. E tipo, eu nao sou daqueles sportinguistas que o odeia e o chama de ‘maça podre’ e assim mas mesmo assim acho-o um pouco snakey por esse move 😬 No entanto, como jogador e principalmente como jogador da seleçao gosto bastante dele. Acho-o super equilibrado - forte nos momentos defensivos e de confiança nos momentos ofensivos. Para além disso ele ‘bate bem’ eheh Já é um jogador que eu conheço desde sempre… lembro-me dele na minha vida antes de me lembrar do Cristiano, exatamente por ele ser do Sporting. Ele estava no auge no Sporting quando eu vi os meus primeiros jogos de futebol de sempre eheh vai ser daqueles que quando se reformar vai deixar um vazio porque cresci sempre a ve-lo na seleção :/

send me a footballer and i’ll give you my opinion on them

Elegi as palavras
mais duras que conheço
pra salvar Diana do Inferno
que sou eu

Ela cita Virgílio de pronto
lendo meu pensamento
irônica
apaixonada demais por tudo
que é elegíaco

O diabo é lindo, ela diz
não bate bem da cabeça
e acha que é poeta.

—  Edson Junior.
Era pra ser uma coisa boba, uma brincadeira sabe? Aquela coisa de piada interna de melhores amigas que não vai deixar de ser isso mesmo: uma piada. Secreta. Entre amigas. Com aqueles apelidos que ninguém entende, só a gente. Mas deixou de ser. Virou mais que brincadeira boba, virou piada, chacota, zoação e eu era o centro. Se a situação toda virou um circo, eu era a palhaça principal, prazer! Fiquei me sentindo horrível, óbvio, quem não ficaria?! Saber que um segredo seu foi espalhado por alguém que você confiava cegamente abala as estruturas de qualquer um. Mas a situação passou de piada pra algo bem sério num piscar de olhos. “Oi, só quero saber se tá brava comigo.” Começou assim, sabe? Na inocência. Tudo ali não passava de um cara preocupado com uma menina emburrada, era só isso, eu dizia pra mim mesma. Mas tudo mudou de figura - de novo. E em pouco tempo todo o meu tempo era teu. Todo dia, o dia todo, toda hora. Era com você que eu queria falar sobre qualquer coisa mesmo. Ligar pra encher o saco, mandar mensagem quando dava na telha, fazer as nossas piadinhas internas. Acho que tudo correu rápido demais, como sempre. Eu tô tão lá na frente e você tá devagar quase parando. É óbvio que diferenças podemos citar em quase tudo: você é bem mais alto, tem cabelo liso, joga basquete e toca tudo e mais um pouco; eu sou a baixinha de cabelo encaracolado que adora um bom livro e bate palma bem fora do ritmo. Você quer medicina e estuda pra isso. Eu passei em jornalismo. Você veio lá do meio da Bahia. Eu, mal sai de Santa Catarina. Você fala pouco, bem pouco. Eu sou toda barulho e palavras e gesto e atitude (vale salientar que toda vez que eu peço desculpas por falar demais você sorri e diz que adora). De alguma forma, isso encaixou. E encaixou bem. Euetu tueeu embolou legal em uma quinta feira que a gente ainda quer repetir. E repetindo e repetindo e repetindo eu vou acabar querendo mais, precisando demais de mais. E eu vou querer que venha de você. Esse furacão vai querer ser domado uma hora e vai querer que seja por você, cara. Mas eu não sei se você vai estar pronto tão cedo. Nem eu tô pronta pra tanto e tão cedo. Mas, que fique claro não é preciso berrar pros quatro cantos do estado que esses dois corações partidos se completam. É só aquele aconchego e chamego que eu tanto quero que eu sei que tu pode me dar. É aquela guitarra frenética tocando ou aquele silêncio. É o toque. É a tua mão na minha. Somos nós em um apartamento tentando não fazer barulho. Somos nós tornando qualquer lugar extremante barulhento. Somos eu e você sem sermos nós. Eu sei que tudo isso pode ir embora tão rápido como começou e sei que eu vou embora pra outro estado em alguns meses e sei que você só vai tomar o mesmo rumo em alguns anos. Mas eu queria que você esperasse por mim assim como eu espero todas as noites pra te ligar e conversar até altas horas, sabendo que no outro dia precisamos acordar cedo. Queria que você tirasse esse medo bobo de mim e se jogasse. Sei que se eu segurar na tua mão, tu vem. Tô te pedindo pra vir comigo e esperar em mim. Se a gente vai juntinho, eu sei que a gente vai bem.
—  / 1822 /
Bio p/Instagram

Quem deseja ver o arco-íris, precisa aprender a gostar da chuva 🌈🍃

Essa menina não quer mais saber de mal-me-quer 🌹🌱

Deixa o tempo levar, o que tiver pra ser será.🍃

Teu céu veio abrigar minhas estrelas. 🌠💙

Primeiro a dificuldade, depois a felicidade 🌼

E da queda Deus fez o meu salto. 🙏

Ela imagina flores com cores que não existem em nenhum jardim. 🌈🎨

Garoa lá fora e dentro de mim um temporal 🐚🌊

Seja calmaria, já existe gente demais fazendo tempestade ⚓️🍃

Me dê espaço, me dê tempo. As coisas estão confusas aqui dentro 💭🎡

Às vezes, o melhor a se fazer é deixar ir. 👋
Cortei pela raiz antes que desse flor 🌸

Deus disse: de maneira alguma te deixarei, nunca, jamais te abandonarei. Hebreus 13:5. 🙏💙🎐

O que vem de Deus, traz paz ❤

Mas moço, o problema é que uma lágrima puxa a outra 👊😓

Ela se refugia dos problemas em cafés, às dez da noite, quase onze ☕️❤️
Foca, mas não sufoca 💢

Com sua essência pura, seu gosto de loucura 💥

Ele cheirava a conforto, café e tardes de domingo bem passadas. 💇💞

Então ela sorriu… Porque sua felicidade dependia dela e de mais ninguém 🌼💧

E se não houver amanhã? Você fez o hoje valer a pena? 💭🎡🍃

O meu maior medo era te perder. E olha só, meu coração ainda bate. Tô bem melhor sem 😘💥

Dono do meus olhares, me rouba suspiros e ares. 💌💘

De uma semente, ela brotou lentamente… ela iluminava o jardim, era a flor mais bela 🌸🌷

Eu serei menina dos seus olhos que um dia orando só, você pediu a Deus 🙏❤️🎯
Que o vento leve, que a chuva lave, que a alma brilhe, que o coração acalme 🍀
Pega sua canoa e deixa a minha fluir 💫💥
Solto tudo o que me prende, para me prender em tudo o que me liberta…🍃💫
Aquele momento que você acorda, e não sabe o que está mais bagunçado, a cama ou a vida. 🍃☀
Assim como as estações a vida é feita de fases.🌸☀❄
Lua cheia, desliga o farol, namora comigo a espera do sol… 🚘🌇
Ela viu todos os meus lados obscuros e disse que preto é a sua cor favorita. 🌘🌑🌖💫
Mas amanhã pode ser bem melhor 💫
Paz e amor é o que eu quero para nós 👫❤
Vem paz, vem amor, vem felicidades, vem energias boas 🍀
Vivendo. 💫🍃
Não seja minha âncora. Não me leve pra baixo. ⚓🍃
Se é plano de Deus, não tem erro. 🙏❤️
Deseje o bem que o resto vem. 🍃
Agora você é apenas alguém que eu conheci. 🍃🍂

Eu encontro no teu sorriso mil motivos para o meu. 😍💕

Quis que você fosse minha âncora, mas lembrei que fui feita pra ser sereia e não navio. ⚓🐚🌊

Ela tem força, ela tem sensibilidade, ela é guerreira, ela é uma deusa, ela é mulher de verdade.

Ela é toda inocente, mais se tu brinca ela bagunça sua mente. 🌀🍃😊

Ela sorriu com vontade de chorar e ninguém percebeu. 💭🌾

Fala pra sua tristeza que Deus ama o seu sorriso. 🙏✨

E o bom da vida é viver bem, estar bem, querer bem 🌀❤

Ela gostava do cheiro das flores, mas nunca foi flor que se cheire. 🌸🍃

Seja humilde, pois, até o sol com toda sua grandeza se põe e deixa a lua brilhar. ☀️🌑

Seja sua própria âncora. ⚓

Esqueça tudo e me beije, como há muito tempo eu sonho 🎶💭💏

Eu roubaria até a lua pra você 🎶🌙💕

Sorria mais, transmita paz, não desista jamais 🍀👊

✖Se pega dê likes ou reblog.

Mas ela é diferente, cara. Ela tem esse jeito ciumenta-possessiva, mas é só um jeito de demonstrar o quanto ela o ama. Ela tem algumas manias exageradas. Se eu não a conhecesse tanto, diria que ela é louca, que não bate bem na cabeça. Ela é insegura, eu sei. Confia nas pessoas, mas tem receio de se machucar. E, por achar que todos podem machucá-la, acaba machucando os outros. São raras as pessoas em que ela confia, mas, pode acreditar, ela confia até demais. Sempre está disposta a ajudar as pessoas, por mais difícil que seja a situação, ela está ali. Sempre acredita no lado bom das pessoas, mesmo que as mesmas tenha perdido as esperanças nesse lado. Ela odeia ter que esperar e odeia como se derrete com os carinhos das pessoas. Ama o jeito em que quer ajudar o mundo, mas odeia o fato de nunca conseguir se ajudar. Eu te contei que ela acredita em anjos? Acredita que toda pessoa tem um e que ela quer ser O anjo de alguém. Pode dizer, eu deixo, ela é meio estranha, diferente. Ela é teimosa, bate o pé quantas vezes for, só para conseguir o que gosta. E não é que ela consegue? A sua força de vontade sempre foi maior que qualquer barreira que pudesse impedi-lá. Mas, acima de tudo, por mais que ela seja diferente, ela é especial, sabe? Não é sem graça, mas não ri de tudo. Às vezes quer distância das pessoas e presença somente de música. Tem seus refúgios, suas pessoas especiais, suas listas, suas manias, mas, caramba! Isso tudo é tão ela que as outras pessoas ficam sem graça.
—  Classificadora.
Status ano novo e legendas

Se liga, porque dia 31, quando o relógio marcar 00:00, eu vou deixar muita coisa pra trás. 👊 🍃

Alô 2016, pensa em mim que eu to pensando em você. 😘

Que este ano seja tão brilhante quanto os fogos. 🎆🎇🎉🙌

Essa virada de ano tem tudo pra ser a MELHOR! 🎆🎇💑

Vem natal, vem ano novo, vem 2016! 🙏
2016 tá chegando e junto com os fogos eu quero que se exploda muita coisa! 😉

Sem metas para 2016, tudo acontece no tempo certo 🌻

Prepare-se para um ano muito melhor do que você imagina ✌🎊

Não quero um ano novo, quero uma vida nova 🌅🍃

Que venha em paz ano que vem, que venha paz o que o futuro trouxer 🙌

Quem deseja ver o arco-íris, precisa aprender a gostar da chuva 🌈🍃

Essa menina não quer mais saber de mal-me-quer 🌹🌱

Deixa o tempo levar, o que tiver pra ser será.🍃

Teu céu veio abrigar minhas estrelas. 🌠💙
Primeiro a dificuldade, depois a felicidade 🌼

E da queda Deus fez o meu salto. 🙏
Ela imagina flores com cores que não existem em nenhum jardim. 🌈🎨

Garoa lá fora e dentro de mim um temporal 🐚🌊

Seja calmaria, já existe gente demais fazendo tempestade ⚓️🍃

Me dê espaço, me dê tempo. As coisas estão confusas aqui dentro 💭🎡

Às vezes, o melhor a se fazer é deixar ir. 👋

Cortei pela raiz antes que desse flor 🌸

Deus disse: de maneira alguma te deixarei, nunca, jamais te abandonarei. Hebreus 13:5. 🙏💙🎐

O que vem de Deus, traz paz ❤

Mas moço, o problema é que uma lágrima puxa a outra 👊😓

Ela se refugia dos problemas em cafés, às dez da noite, quase onze ☕️❤️

Foca, mas não sufoca 💢

Com sua essência pura, seu gosto de loucura 💥

Ele cheirava a conforto, café e tardes de domingo bem passadas. 💇💞

Então ela sorriu… Porque sua felicidade dependia dela e de mais ninguém 🌼💧

E se não houver amanhã? Você fez o hoje valer a pena? 💭🎡🍃

O meu maior medo era te perder. E olha só, meu coração ainda bate. Tô bem melhor sem 😘💥

Dono do meus olhares, me rouba suspiros e ares. 💌💘

De uma semente, ela brotou lentamente… ela iluminava o jardim, era a flor mais bela 🌸🌷

Eu serei menina dos seus olhos que um dia orando só, você pediu a Deus 🙏❤️🎯

Que o vento leve, que a chuva lave, que a alma brilhe, que o coração acalme 🍀

Pega sua canoa e deixa a minha fluir 💫💥

Solto tudo o que me prende, para me prender em tudo o que me liberta…🍃💫

Aquele momento que você acorda, e não sabe o que está mais bagunçado, a cama ou a vida. 🍃☀

Assim como as estações a vida é feita de fases.🌸☀❄

Lua cheia, desliga o farol, namora comigo a espera do sol… 🚘🌇

Ela viu todos os meus lados obscuros e disse que preto é a sua cor favorita. 🌘🌑🌖💫

Mas amanhã pode ser bem melhor 💫
Paz e amor é o que eu quero para nós 👫❤

Vem paz, vem amor, vem felicidades, vem energias boas 🍀

Vivendo. 💫🍃
Não seja minha âncora. Não me leve pra baixo. ⚓🍃

Se é plano de Deus, não tem erro. 🙏❤️
Que os anjos nos deixem a sós, porque o trabalho deles já foi feito. 💕⚓️

Ele me olhou, sorriu e disse “você é louco, algo em você não bate bem”. Eu retribui o sorriso e disse “Você foi a primeira pessoa que me disse isso e a que mais esteve certa”.
—  Alexandre Lima.
Vem pra mim que eu te refaço, te ponho traço, te desembaraço e do meu peito sua morada faço. Não precisamos dessa coisa de pensar no futuro, de planejar viagens, de escrever juras de amor. Bobeira. Palavras mentem.
Mas olha nos meus olhos e sente. Sente eu, sente você. Sente a gente.
A gente.
Que diferente essa ideia de que eu, com você, poderíamos tornar-nos “nós”. Capaz que tu se assustes no começo, mas não tenha pressa. E nem medo. Por favor, não tenha medo. E se tiver, me conte. Não esconde. Não finge. Não disfarça. Briga comigo, diz que eu estou errado.
Grita até todos os vizinhos abaixarem o volume da televisão para ouvir nossa discussão. Sai batendo a porta, com lágrimas no rosto. Bate a porta bem forte, pra eu achar que com a força que tu bateste, a porta poderia quebrar. Não ouve meu pedido de desculpas, mesmo que eu esteja certo. Não peça desculpas. Vai embora e não diz nada. Ou melhor, diz. Diz que nunca vai voltar e que não quer me ver nunca mais.
Mas volta. Não precisa demorar. Chega em casa, toma um banho. Não responde minhas mensagens e nem me liga. Dorme, antes que você chore. Mas sinta minha falta quando acordar. Dai volta pra casa. Não precisa avisar. Diz que foi buscar alguma coisa que tinha esquecido, mesmo que tu não tenhas esquecido nada. Se eu estiver dormindo, briga comigo, diz que eu não ligo mesmo pra nós dois, que ao invés de te procurar, fiquei dormindo. Só não diz que dormiu, também. Se eu quiser conversar, diz que não quer, que não adianta. Se eu não falar, reclama. Reclama de tudo. Diz que eu fui o pior erro da sua vida, que foram os piores meses que tu já passaste, que tá sendo um alivio pra você me deixar pra trás.
Só não deixa isso ser verdade.
Resiste ao máximo, até quando tu resistires. E depois se entrega.
Não se entrega de vez, se entrega aos poucos. Deixa-me segurar sua mão, mas desvia olhar. Olha pra mim, mas não deixa eu me aproximar. Deixa eu me aproximar, mas não me permita te beijar. E por fim, quando nem lembrar porque está resistindo, se entrega pra mim de vez.
E esquece o dia ruim que tu tiveste. Esquece a briga, esquece as coisas difíceis que passamos. Não pensa nas coisas difíceis que ainda iremos passar. Supera. A gente supera. A gente cresce junto e aprende junto.
A gente mantém do nosso jeito, até onde der jeito. Não precisa tu mudar seu jeito e nem eu mudar o meu.
Vamos combinar de ser pra sempre, sem essa história de que o ‘pra sempre’ sempre acaba. A gente não acaba, não se não quisermos.
E eu sei que isso tá apenas começando. Que tem muita coisa pra vir por ai, muita gente pra gente conhecer, muito sorriso pra gente dar, muitas lágrimas pra gente chorar, muitas vitórias pra gente alcançar e muito fracasso pra gente aprender a lidar. Mas já, de antemão, me dá a sua mão que eu não solto ela tão cedo. Encosta no meu peito, pode fazer ele de aconchego. Eu deixo.
E assim a gente vai pra frente. Nem sempre vai ser perfeito. Você vai ter vontade de desistir, não diga que eu não te avisei, talvez você tenha muita vontade de desistir. Mas eu vou estar aqui pra te lembrar de que não vale a pena. E quando eu, por um acaso, quiser jogar tudo pro ar. Deixa-me ameaçar jogar. Deixa ser minha vez de sair batendo a porta. Porque eu volto. Eu sempre volto.
—  Pra você eu volto.
Almas Gêmeas - Capítulo 4

Que ressaca, que dor de cabeça. Me sentei na cama levando minha mão esquerda até a nuca massageando aquela região, enquanto passava a direita no rosto. Respirei fundo levantando meu rosto para olhar em volta e tudo girou. Apertei os olhos com força tentando não me sentir tonta e consegui por uns segundos, apoiei minhas mãos
sobre o colchão e não reconheci o quarto. Onde eu estou? Meu Deus eu sabia que não deveria ter saído sem Ben, eu sabia. De repente a porta se abre e meu coração quase salta pela boca, soltei um suspiro aliviado quando vi May entrar no quarto com uma bandeja com algumas coisas em cima que eu ainda não consegui identificar.

:— Bom dia festeira — Ela cumprimentou sorrindo enquanto vinha se sentar ao meu lado.

:— Bom dia influenciadora — Falei em tom de brincadeira e ela me olhou com um falso ar de ressentida.

:— Trouxe café da manhã pra você — Ela falou colocando a bandeja sobre minhas coxas enquanto eu me ajeitava na cama — E trouxe esse remédio para sua dor de cabeça — ela me entregou um comprimido e eu sorri em agradecimento.

Peguei a água em cima da bandeja que ela havia trago e coloquei o remédio sobre a língua, dei um gole na água fazendo com que o comprimido descesse garganta a baixo, dei mais um gole na água e encostei na cabeceira da cama de novo. Olhei para a bandeja e tinha panquecas. Hmm minhas preferidas. Já tem meu amor May, pensei.

:— Obrigada por isso May — Falei sorrindo para ela enquanto ela ia em direção a porta.

:— Não por isso. Aliás, pode pegar uma roupa minha e tem toalha no guarda-roupa e no banheiro tem escova de dentes sobrando caso queira — Ela falou simpática como sempre e eu sorri mais uma vez em agradecimento.

Me ajeitei na cama e comecei a comer, minha boca estava seca - culpa da bebida - minha cabeça já não doía tanto quanto quando eu acordei. Terminei de comer e coloquei a bandeja ao meu lado. Virei meu corpo lentamente para o lado direito colocando meus pés para fora da cama, me espreguicei e soltei um gemido de satisfação ao sentir meus músculos se esticarem. Fui até o guarda-roupa de May com um pouco de receio, não me sinto confortável mexendo nas coisas dos outros, mas com ela é tão natural que eu quase nem sinto vergonha. Ela me faz sentir especial é quase como se eu tivesse certeza que nossa amizade vai ser excelente.

Peguei uma muda de roupa e uma toalha na parte de cima do armário. Saí em direção ao banheiro para tomar um gostoso e relaxante banho. Terminei meu banho e fiz minha higiene matinal. Me olhei no espelho e eu estava com uma cara péssima - que ótimo pra variar - saí do banheiro apos enxugar meu cabelo do jeito que deu, peguei a bandeja com as louças em cima da cama e fui em direção a porta. Abri a porta dando de cara com uma parede, olhei para o lado esquerdo e vi uma luz vindo do final do corredor. Decidi caminhar para lá, acertei pois cheguei na sala. Olhei ao redor e vi uma parede com um arco que dava de encontro a cozinha, podia ver os armários ali de onde eu estava. Fui até lá e achei May, mexendo em algo embaixo da pia. Fui até ela e ela pareceu se assustar com a minha presença.

:— Eu não sou um dos seus monstros Van helsing— ela falou em tom de brincadeira enquanto levantava e eu revirei os olhos rindo do que ela disse.

:— Idiota — falei rindo enquanto ela me dava espaço para ir até a pia.

:— Deixa aí, Vanessa lava, hoje é o dia dela lavar a louça — ela falou assim que eu liguei a torneira para lavar as louças e meu coração deu uma palpitada. Vanessa? Vanessa morava aqui?

:— Vanessa? — Perguntei curiosa virando de frente para ela que me olhou com um sorriso malicioso.

:— Sim, a morena gostosa que você quase atropelou ontem — Ela falou com um tom de malícia e eu engoli em seco.

:— Oh sim, ela está aqui? — Perguntei enquanto me virava de novo para a pia e fechava a torneira.

:— Provavelmente, pelos barulhos que eu ouvi ontem — May falou rindo e dando de ombros indo para a sala e eu fiquei confusa, como assim?

:— Barulhos? Como assim? — perguntei para ela que estava sentada no sofá e sentei ao lado dela.

:— Vanessa sempre trás alguma caloura para casa — Ela falou dando de ombros e eu arregalei os olhos — O que foi?

:— C-caloura? Mu-mulher? — Perguntei gaguejando e May me olhou com uma sobrancelha arqueada.

:— Não Clara, caloura homem — Ela falou rindo e eu continuei séria a encarando — Não vai me dizer que você tem problemas com isso? — ela me perguntou com cautela e eu balancei a cabeça em sentido de negação.

:— Não sou homofóbica, pode relaxar — falei para ela com um sorriso de lado e ela assentiu.

:— Isso é ótimo, por que se você for morar aqui de frente vai ver muitas vezes nossa menina prodígio agarrada com alguma dessas universitárias por aí nos corredores — Ela falou em tom de brincadeira e eu ri pelo modo dela falar e pelas caretas e gestos que ela fez.

Vanessa… era, lésbica? Eu deveria saber, eu sabia que ela havia flertado comigo ontem e sabia que na festa ela estava dando em cima de mim. Resolvi parar de pensar nisso e foquei na conversa que May insistiu em manter. Até que foi animado e eu não parava de rir um minuto, May era muito engraçada e fazia piadas de tudo. Um tempo depois ouvimos uns barulhos de porta abrindo, deduzimos ser Vanessa que acabara de acordar. E era a mesma, mas não estava sozinha estava com uma ruiva que estava na sua frente e ela agarrando a sua cintura a abraçando por trás enquanto elas riam de alguma coisa indo em direção a porta de entrada. Fiquei olhando aquela cena e senti uma certa… angustia? De vê-la daquele jeito com aquela garota, ela estava comigo daquela forma ontem e agora estava daquele jeito com aqu… Mas o que? Porque eu to me importando com isso. Achei melhor parar de olhar para aquela cena ridícula e me virei no sofá mantendo o foco em algo que passava na TV, ou tentando manter o foco. Pude ouvir uma risadinha de May e um estalo de línguas fazendo aquele barulho de negação repetidas vezes, olhei para ela sem entender e ela me olhava com curiosidade.

:— O que foi ? — perguntei confusa enquanto ela continuava me encarando.

:— Toma cuidado com a Mesquita — ela falou sorrindo e me olhando sugestiva e eu arqueei uma sobrancelha.

:— Não entendi.

:— Esse seu olhar para ela não me engana, cuidado com ela — ela voltou a repetir dando ênfase no cuidado e eu continuei sem
entender.

:— O que você está insinuando?

:— Estou apenas te avisando.

:— Eu amo meu noivo, sou muito feliz com ele, não sei o que está insinuando então não me venha com esse olhar de reprovação
— falei tudo num fôlego só e ela soltou uma risada sarcástica me fazendo a olhar incrédula.

:— Sobre o que estão conversando? — Vanessa apareceu na sala sentando ao meu lado.

:— Sua amiga que não bate bem da cabeça — falei dando de ombros e Vanessa olhou para May.

:— Não sou bem eu não — ela se defendeu e voltou a olhar a televisão.

Senti meu rosto corar, será que ela percebeu que eu havia ficado desconfortável por ver Vanessa com aquela garota? Fui tirada de
meus pensamentos pela cabeça de Vanessa que repousava sobre minhas pernas. A olhei com um olhar curioso e ela sorriu.

:— Que abuso — falei fingindo indignação e ela me deu língua.

:— Você está tomando boa parte do sofá não posso fazer nada — ela falou com um falso tom sério me fazendo rir e virou em direção da televisão.

Ficamos ali assistindo alguns filmes quase a tarde toda. Vanessa ficou deitada no meu colo o tempo todo enquanto eu fazia um carinho em seus cabelos. Me senti tão bem naquela posição e tão absorta naquele momento que nem percebi o tempo passar. Estava tão bom ali que eu não queria que acabasse mas como tudo que é bom dura menos que o necessário meu celular começou a tocar e Vanessa correu na minha frente para pega-lo.

:— Vanessa, me dá — Pedi com raiva enquanto tentava pegar o telefone de sua mão e ela tentava ler o nome da pessoa que me ligava.

:— Manda para mim Van — May se juntou a nós e Vanessa jogou meu Iphone para ela.

:— Se ele cair no chão eu vou matar as duas — falei com um tom sério e elas riram.

:— Vê quem é May, deve ser a mãe do nosso neném aqui — Vanessa falou rindo e May olhou no celular. Seu sorriso morreu assim que ela leu o nome me entregando o celular em seguida.

Peguei o telefone vi na tela escrito ”amor” era Ben, provavelmente preocupado por eu não ter voltado ainda para casa.

:— Oi amor — falei enquanto atendia o telefone indo para a cozinha .

:— Amor? Amor você ta bem? Onde você ta? — ele falava num fôlego só em desespero e eu me senti mal por não ter avisado que não dormi em casa.

:— Eu to na casa de uma amiga da faculdade amor — falei em um tom calmo e pude ouvir ele suspirar aliviado do outro lado da linha.

Ficamos mais alguns minutos conversando e eu o avisei que iria para o apartamento dele quando ele chegasse em casa. Voltei para a sala e as meninas conversavam sobre algo mas pararam assim que me viram voltando.

:— Então ele brigou com você? — May perguntou preocupada enquanto Vanessa me olhava confusa.

:— Não, ele entendeu o que houve — falei com um meio sorriso e ela assentiu.

:— Ele quem? — Vanessa perguntou confusa olhando para mim e para May.

:— Meu noivo — Respondi simples e ela arregalou os olhos.

:— S-seu noivo? — Ela perguntou piscando os olhos e depois os fechando com força e eu a encarei confusa. Olhei para May que nos olhava negando com a cabeça.

:— Sim Vanessa meu noivo, algum… problema? — perguntei com curiosidade e ela abriu os olhos me encarando e seu semblante me deu arrepios estava tão… sombrio.

:— Nenhum — ela falou com um tom frio saindo da sala a passos firmes.

Olhei para May que levantou os braços e deu de ombros voltando sua atenção para o filme que passava. Ta bom, deixa eu entender… Vanessa é lésbica. Vanessa pega todo mundo desse lugar… Vanessa é carinhosa comigo e Vanessa tem ciúmes de mim… ciúmes? Foi isso que pareceu… saber disso me deixou… feliz! Deixa eu espantar esses pensamentos da minha cabeça. Voltei minha atenção para a televisão mas não conseguia me concentrar em nada que não fosse em Vanessa. Minha vontade era ir lá e perguntar para ela o motivo daquela cena mais cedo, mas eu não faria isso não mesmo.

Ouvimos a campainha tocar e antes que May pudesse levantar para atender Vanessa correu até a porta, abrindo dando de cara com uma morena, bem bonita. Tinha olhos claros pareciam azuis. Tentei ver o o restante da garota ali na porta mais Vanessa a beijou. Ver aquele beijo mexeu comigo, senti uma pontada não sei explicar uma palpitação estranha no coração.

:— Não acredito — May murmurou baixinho olhando aquela cena.

:— O que? — perguntei completamente sem entender e ela olhou para mim com um olhar meio perdido.

:— Nada Clarinha, deixa pra lá — ela comentou baixo voltando a olhar a televisão.

Eu respirei fundo antes de voltar minha atenção para a televisão. Eu não estou entendendo nada por aqui, vou acabar pirando quando acabar meus anos de faculdade. Continuei tentando manter o foco e não pensar no que Vanessa estava fazendo, mas era impossível com os altos gemidos vindo do quarto. Agradeci aos céus quando Ben me ligou avisando que já estava em casa, me despedi de May rapidamente e praticamente voei daquele apartamento.

Apertava o botão do elevador com força para ver se andava mais rápido e nada dele vir. Alguns longos e torturantes segundos depois ele chegou e eu pulei para dentro dele, enquanto ele descia eu tentava de todas as formas não pensar em… Vanessa, garotas, ciúmes… lésbica. É muita coisa para minha cabeça é muita coisa mesmo.

Bem, pessoas, não é mesmo? O que se pode esperar, além de um monte de erros e confusões? Não culpo ninguém por isso. São só problemas. Há quem diga que a “lei do mais forte” é só na selva. Não, não é. Somos animais, queremos sempre ser melhores, tanto pra nós quanto para os outros. Sempre vão ter aqueles que pisarão em cima dos sonhos dos outros quando não tiverem mais degraus em suas escadas. E não os culpo. São desse jeito e pronto, é isso. Apenas humanos. Há os que tentam agir de forma sábia, vivem pra ajudar, pra levantar os que caem, pra consolar os que tem seus sonhos pisoteados, sim, eles existem. Aproveitam a vida assim, essa é apenas uma forma de viver, não quer dizer que seja a certa. Pessoas boas, pessoas ruins, isso existe mesmo? No fundo, você é tão ruim quanto aquele assassino que está preso quando deseja a morte de alguém. Tão boa quando aquela pessoa que ajudou a velhinha a atravessar na rua, quando pensou em fazer isso. Mesmo só pensando. Bom, ruim, quem somos nós afinal? Meio a meio? Então o que nos faz melhores? O que te faz acreditar que seus sonhos devem ser realizados, mas os dos outros não? Porque se você passar todos na sua frente, sua morte chega e você não fez nada além de deixar todos furarem seu lugar na fila. Ser bom é uma virtude, não é algo que se force. Ser ruim também não. Você ama, você briga, você elogia, você xinga. E não é apenas um “morde e assopra”, são simplesmente instintos. Muito longe faz falta, muito perto enjoa. Nem muito longe e nem muito perto não é o bastante. Falta. Sim, excessos. Somos todos feitos de excessos. E não adianta tentar controlar. O que você vai controlar, afinal? Porque se você se centrar demais em algo, aquilo também vai ser um excesso, não vai sair de onde começou. Os lugares não mudam com o tempo, são mudados. A mesma coisa com as pessoas. O egoísmo é uma coisa boa também. Cada um faz o que faz por si, só por si, e continuam se dando bem com isso. Lutam por eles mesmo, os que se beneficiarem com isso, bom, sorte a deles. Mas ninguém vai bater na porta da sua casa, te dar um abraço e perguntar se você está bem. E se fizer, aposto que a primeira coisa que pensaria, é que essa pessoa é louca. Agora, se alguém, bem arrumado bate a sua porta, nossa, chame para entrar, ofereça um café, quem sabe não é um desses programas de televisão que vão te dar uma grana preta só pra você chorar e mostrar o quão miserável sua vida é, para outras trocentas pessoas pensarem que você merecia mais que elas, aceitarem que você pulou por cima de mãos dadas com a sorte e foi ser feliz no lugar delas. Vá em frente, arremesse uma pedra bem no meio da minha testa, diga que estou mentindo, que você é diferente. Que você é bom todos os dias, que acorda querendo alimentar os doentes da Africa. Mas se passa por um bando de pombinhas e não tem a capacidade de guardar os farelos que vão ao lixo para elas, você não é tão bom quanto diz ser. Não é totalmente bom, afinal. Tudo bem, você pode ser melhor que muitos, mas a partir do momento que acha isso, te julgam como um dos piores. Estamos no meio de uma selva de pedra. De vidro. De ouro. Corremos para todos os lados, tentando escapar disso, até enfim percebermos que isso é um labirinto. E olhando um pouco a fundo, esse labirinto tem o formato do infinito. Seu tempo de vida não vai ser o bastante para mostrar para todos que você merece ser feliz. Você não tem tempo de salvar todo mundo, menos ainda de pisar em todos. Pisou em um aqui, empurrou outro ali, oba, subiu dois degraus. Chegando mais a frente, alguém mais forte te empurra e você rola escada abaixo tudo outra vez. Tenta se encontrar em todos as poças de chuva, com água suja, que não tem reflexo, mas nunca tenta olhar para dentro de você. É tão egoísta, que não aceita que você pode já ter mudado isso há muito tempo. Que a felicidade, talvez não esteja no fim do labirinto, talvez o labirinto seja a felicidade, só que, complexa demais para que você enxergue. Rasgar seu coração é difícil, é mais fácil deixar que outra pessoa faça isso, correr atrás, dizer que ama. Amar alguém. Amor só existe quando é recíproco. Você pode guardar alguém no seu coração com todas as forças, mas mesmo assim, essa pessoa pode nunca olhar pra você. Muda de cidade hoje, nem se lembrará de você amanhã. O amor nasce em tantos cantos, mas você nem se preocupa em olhar para os lados. Segue em frente, olhando para frente e só para frente. Se a pessoa estiver feliz com outra, isso não é o bastante. Tinha que ser você. Por que não foi você? Então, começa a se odiar. Se autodestruir. Não é o bastante ser feliz por outra pessoa estar feliz, quem são os poucos idiotas que fazem isso? Essa felicidade precisa ser sentida, precisa de toque, tem nome, idade, endereço. Mas também é viva, respira, tem sentimentos. É como criar um animal de estimação a vida inteira, e ser devorado por ele no final. Não vale a pena? E tudo que passaram? E todos os sorrisos, todas as alegrias, e tudo? E tudo? Onde fica o enorme tudo? Onde cabe tudo isso, todo esse sentimento que você está louco pra deixar por aí, embrulhado em qualquer esquina, só pro primeiro que passar aproveitar mais do que quem você queria que aproveitasse? A vida é difícil. De todas as estrelas do céu, uma única pode ser o nosso sol. Enquanto a lua, apenas reflete a luz dele. Porém, ninguém para para olhar o sol. Ninguém senta, olha pra cima, e fica encarando o sol. Mas sentam para ver a lua. Conversam com a lua. Fazem desejos. O sol brilha, a lua apenas reflete. É justo? Não é. Mesmo assim, vez ou outra, a lua ainda passa na frente do sol durante o dia. Se se abraçam ou se ameaçam, nunca ficaríamos sabendo. Mas para nós, tudo é lindo. A dor da lua de não brilhar, a dor do sol de não ser contemplado, tudo se torna lindo para quem vê. E a felicidade mora ali. A felicidade mora lá. A felicidade mora aqui. Mora no cortinho na ponta do seu dedo, que alguém dedicou seu tempo de vida para fazer um curativo. Mora na voz de sono de alguém que te atende no meio da noite, faz um esforcinho pra falar contigo. Mora nas marcas de olhos que já choraram por uma vida, mas agora sorriem e não negam esse sorriso para ninguém. A tristeza abraça qualquer um, essa é muito fácil, te vê caído e pula em cima de você. Mas a felicidade gosta de ser abraçada. Porém, melhor um abraço apertado e quente que um abraço passageiro com aqueles beijos falsos que ficam no ar, do lado do rosto. Para ser triste, fique aí parado e espere ser abraçado. Para ser feliz? Vira pro lado. Abraça forte. Pronto. Simples, fácil. A vida pode ser difícil, ser bom pode ser difícil, amar pode ser quase impossível. Tudo isso, porque ninguém faz isso sendo feliz. Procuram a felicidade, mas primeiro tem que fazer essas coisas, querem ser abraçados ao invés de abraçar. Por isso gente feliz incomoda. Por isso a felicidade se encolhe num cantinho e espera você ir lá. Todos podem querer, mas só quem merece é.
—  A felicidade, Diego Castro. 
Mas olha, se por acaso você sentir um pinguinho de saudade, eu vou estar aqui; como sempre estive desde o inicio. Sério, sinta um pouco de saudades, corra um pouquinho atrás também. Me liga para saber se ainda estou viva, me manda um e-mail perguntando se estou bem. Bate na minha porta para saber se preciso de alguma coisa, ou para dizer que estava passando perto e resolveu fazer uma visitinha. Qualquer coisa, mas me manda um sinal de que gosta um pouco de mim. Não é egoísmo querer que minhas esquinas se encontrem com as suas. Você é o meu verdadeiro amor, e sabem o que dizem sobre verdadeiros amores: eles são para sempre.
—  Animicida.