aqui de casa

Por que você não tá aqui? Ou eu aí, tanto faz. Por que não estamos perto? Por que não é você que mora ao lado da minha casa, ou em algum outro bairro daqui? Por quê? Por que eu não posso aparecer de repente no portão da tua casa e me desculpar por não ter avisado, mas dizer que não aguentava mais a saudade e precisava te ver? Por que você não vem passar a tarde de um sábado ou domingo ou qualquer dia da semana ao meu lado? Rindo das minhas besteiras, e me contando histórias bobas para me fazer sorrir? Por quê? Por que eu não posso fazer parte dos teus dias estando perto? Almoçar com você ou tomar um café no intervalo da aula na faculdade? Por que você não pode me convidar pra sair 5 minutos antes de aparecer aqui em casa? Por que eu não posso te deitar no meu colo, te fazer um carinho ou te abraçar quando você precisar de mimos e cuidados? Eu queria tanto acabar com essa distância. Eu queria tanto ter você perto de mim.
b,

eu ouviria aquela música insuportável a semana inteira se isso te trouxesse pra perto de mim, e cá entre nós, você deve ter percebido minha ligação com esses sons que tocam nas rádios da vida, portanto trate isso como uma imensurável prova de amor

te dou o último gole do milk shake, e se choramingar um pouquinho até deixo beliscar minhas batatas fritas. eu viraria o mundo de cabeça pra baixo por ti, eu viro.

são poucas as pessoas que conseguem me tirar do sério e recobrar as maneiras na mesma intensidade, uma delas é minha mãe, até porque ela manda na porra toda, e depois é você que poderia muito bem ser assistente dela. adoraria perturbar as duas juntas, já pensou?

sei que escrevo como se o mundo soubesse de nossas conversas, parece loucura, mas o que de normal se pode esperar de mim? eu ainda estou aqui! e o mais louco não é isso: não tenho planos pra ir embora, nem quero ter.

meu querer se limita a você já tem uns dias, meus pensamentos também, eles teimam que você está em tudo e eu já disse que é engano; que teus olhos não estão naquela moça que dobra a esquina aqui de casa todas as manhãs pra comprar o pão, mas as 7:30am lá estou eu, como teus olhos são lindos..

qual é mesmo o nome da música ?

j.

Se você tivesse aqui, eu teria saído de casa hoje com a sua despedida. Chegaria te procurando pelas calçadas. Gritaria seu nome, como quem chama e espera pelo abraço. Ouviria seu berro de volta, como quem dissesse: eu te abraçaria se pudesse. Se você estivesse aqui. Se estivesse chovendo no céu e não em mim. Você me faria companhia. Deitaria ao meu lado. Me confortaria. Me olharia com seus olhos de sabedoria. Me faria ver bem além de tudo aquilo. Mas você não está aqui. E está chovendo em mim. Chovendo de saudades suas. Saudades por nunca mais poder ter a sua despedida. Por quando chegar, não ser você quem encontro na calçada. Porque quando chove, não ter você pra mim aninhar. Você se foi. Se foi e nem se despediu. Será que como eu, você também tinha esperanças de voltar? Ou só não quis cortar os laços, e junto com eles, meu coração? Você não está aqui. E eu preciso tanto, mais tanto, de você. Poderia vim me visitar? Mesmo que em sonhos. Sei que sua presença nunca me abandona. Você chegou em um dia ruim. E se tornou a minha coisa favorita nesse mundo. Você se foi, e ainda é minha coisa favorita nesse mundo. Eu te escrevia enquanto estava aqui. E continuarei escrevendo, mesmo em tua ausência. Eu me recuso a te esquecer. A desamar você. És meu bem mais precioso Búu. Onde quer que esteja, sempre será.
—  O último. O Eterno. Em meu coração, sempre terei você.
5

VOCÊS PODEM OUVIR OS MEUS GRITOS????

AAAaAaaA, FOI INCRÍVEL!!! (aqui de casa vendo as lives, mas mesmo assim foi incrível) AMÉM BTS!

desculpe pela má qualidade, eu precisava fazer icons desse momento! <3

  • credit to @changkyundrugs on twitter
Hoje, enquanto escrevo pensando no que deveria te dizer ou no que eu já te disse, ciente de que tudo isso não deixa de ser uma autoanalise eu penso em você. Penso e te escrevo, penso e olho para a janela na esperança de te ver gritando meu nome aqui na porta de casa. Nessa nossa longa história de idas e voltas, a gente percebe que algumas pessoas foram feitas para ficar. Amores feitos à mão não podem acabar com um sopro.
—  É tudo por você, amor.

LIAM PAYNE 

  • Anônimo:Oi!!! Queria pedir um do Liam que eles acabaram de ter bebe e a Ex dele vai na casa deles ( S/N esta sozinha) e tenta bater na S/N que ainda esta em descanso por conta do parto e o Liam chega bem
  • Não ficou como eu queria mas espero que goste <3
  • Volte na ask para dizer o que achou por favor.
  • Boa leitura!


Um mês que meu filho e do Liam nasceu, ele não tinha nome ainda pois a gravidez ocorreu sem a gente esperar então por isso não escolhemos ainda, e como Liam estava quase que dormindo na gravadora por causa do seu álbum não tivemos oportunidade de conversar.

Hoje ele estaria de novo na gravadora e eu ficaria em casa cuidando do meu filho, ele era bem calminho e quase não chorava só quando estava com fome e sono. Nesse momento ele estava no seu Moisés dormindo e eu que ainda deveria ficar de repouso por conta dos pontos estava, na cozinha arrumando algumas coisas enquanto supervisionava o pequeno bebê, logo escuto a campainha tocar e vou atender e quem eu menos esperava aparece.

- O que está fazendo aqui?

- Vim fazer uma visitinha pra menina que roubou Liam de mim – ela diz e eu reviro os olhos

- Se veio pra brigar não adianta, acho que já passamos dessa fase e assim como eu amadureci tenho certeza que você também - sorri cínica.

- Escuta aqui, você fala direito comigo porque eu não sou nada sua – ela diz colocando o dedo na minha cara e me empurrando.

- Escuta aqui você Melanie, você está na minha casa e eu quero o mínimo de respeito, agora sai daqui – sinto uma pontada na barriga por conta dos pontos e coloco a mão.

- Ah (seu nome), tão frágil – ela olha pro bebê e vai até ele

- Se afasta dele Melanie – ela pega ele no colo

- Calma eu não faria mal pro filho do cara que eu amo, mas eu poderia muito bem fazer algo com você – ela diz e eu pego ele no colo e ele começa a chorar e coloco ele de volta onde estava

- Se você não sair daqui eu vou chamar a policia

- Até a policia chegar aqui você vai estar morta, ai eu vou pegar seu filho e viver eu, Liam e ele – me deu enjoo só de imaginar a cena

- Você é doente, e não teria coragem de me matar.

- Não duvide de mim (seu nome) – ela diz

- MELANIE, SAI DAQUI POR FAVOR – grito ela segura meu cabelo forte e sinto outra pontada, dessa vez eu sinto minha camisa molhada e vejo sangue, tento empurra-la mas ela me segura forte.

- Eu quero muito te bater sabia

- Você é tão covarde que sabe que não posso fazer esforço, se não eu já tinha te chutado daqui – ela levanta a mão pra me bater mas vejo Liam entrando em casa e o nosso filho chorando alto

- Melanie – ele grita e ela toma um susto e me solta, eu me encosto na parede e sento no chão com a mão na barriga ainda sangrando

- Sai daqui agora e deixa minha esposa em paz, a gente já terminou faz dois anos

- Ah Liam, pena que você prefere essa garota ai do que eu, não sabe o que perdeu

- Se você não sair daqui agora eu vou chamar a policia – ele diz

- To indo amorzinho, só espero que depois não venha correndo atrás de mim – e ela sai sem nenhuma resposta e Liam vem até mim

- Meu amor tá tudo bem – ele segura minha mão

- Liam pega o nosso filho, vamos para o hospital eu acho que meus pontos abriram

- Tabom, eu vou colocar ele no carro e venho te buscar – ele vai e depois de uns minutos ele volta e me pega no colo e me coloca no carro.

Chegando no hospital eu tive que fazer outros pontos e o médico disse que estava tudo bem, só não era pra eu ficar andando. Chegamos em casa e coloquei meu filho pra dormir, eu já estava de pijama e coloquei ele no berço do lado da minha cama, já que tinha que ficar de repouso achamos melhor colocar ele do meu lado, Liam entra no quarto e deita do meu lado.

- Desculpa te deixar sozinha aqui, ela poderia ter te machucado – ele me abraça pela cintura.

- Tudo bem meu amor, você estava trabalhando – digo e lhe dou um selinho

- Não (seu nome), eu estou errado vou ver se fico mais aqui no estúdio de casa do que indo lá e vou contratar alguém pra te ajudar aqui.

- Não precisa amor

- Shiii, precisa sim – ele me abraça e coloca seu rosto no colo do meu peito mas logo ouvimos um chorinho do nosso lado e quando eu ia levantar ele me segura

- Pode dormir e nem pense em levantar, eu cuido dele – ele diz e sorri

- Obrigada meu amor – ele pegou nosso filho e logo ele se aconchegou nos braços do pai adormecendo de novo.

PLÁGIO É CRIME!

VOLTE NA ASK PARA DIZER O QUE ACHOU!

Pedido de Lovemrssmalik: Amore faz um do Harry que ele trai ela, e ela descobre e entra em depressão (ele foi morar com a outra) mas depois de um tempo ela supera isso e segue em frente. ( o final pode ser do jeito que vc achar melhor.)


Fazia no mínimo uns 10 dias que não via o Harry, por conta do trabalho e a correria de sempre. A saudade estava apertando e então decidi fazer uma surpresa pra ele. 

Cheguei até seu apartamento, e como tinha a chave, abri bem devagarinho e fui até seu quarto e ele não estava lá. Escuto o barulho do chuveiro e vou até o banheiro e abro a porta. Naquele instante me arrependo imensamente de ter ido até a casa dele. 

S/N: Ahhh! Que lindo!! - digo batendo palmas e os dois se assustam - Então o seu “vou trabalhar até mais tarde” é aqui Harry? 

Harry: S/N! Calma.. - eu o interrompi . 

S/N: Não vem com essa história de “eu posso explicar” porque comigo não vai colar!! 

Harry: Vamos conversar.. - ele pegou uma toalha, enrolando na cintura 

S/N: NÃO! NÃO VAMOS!! VOCÊ ME TRAIU!! VOCÊ ENTENDEU O QUE VOCÊ FEZ STYLES?? VOCÊ ESTAVA TRANSANDO NO CHUVEIRO COM UMAZINHA QUALQUER! 

Harry: EU FIZ ISSO PORQUE NOSSA RELAÇÃO ESTAVA UMA MERDA! - aquelas palavras doeram bastante. 

S/N: Ah, me poupe! - dei às costas a ele e sai do cômodo onde estávamos, indo pra sala e Harry me seguiu. 

Harry: O que?? Voce acha que estava tudo bem? 

S/N: SIM! EU ACHAVA, PORQUE EU TE AMAVA! - falei e no mesmo momento comecei a chorar. Um turbilhão de emoções caíram sobre mim. 

Harry: EU TAMBÉM TE AMAVA! 

S/N: E POR QUE FEZ ISSO??? 

Harry: EU NÃO TIVE ESCOLHA TÁ LEGAL?! 

S/N: AH HARRY! POR FAVOR!!! NÃO TEVE ESCOLHA? ASSUME QUA VOCÊ NÃO ME AMA QUE É MAIS BONITO! 

Xxx: Acho melhor eu ir embora.. - a amante dele apareceu, já vestida e estava se dirigindo a porta. 

S/N: Não! Eu vou! Não quero incomodar vocês! - falei e olhei para o Harry com muita raiva - Desculpa qualquer coisa! - abri a porta do apartamento e me retirei. Assim que cheguei no carro chorei. Chorei muito. O caminho inteiro pra casa foi assim. Eu estava sem chão! 

Semanas depois.. 

Lucy: S/A, você está com depressão!! Sabe o quão grave é a situação! - assenti - Então minha flor! Me ajuda a te ajudar S/A! Ver você assim é horrível! Olha como você está! - me olhei no espelho que estava perto de mim e realmente eu era outra pessoa. 

S/N: Eu estou me tratando.. Fica tranquila! - dei um sorriso pequeno. 

Lucy: Tome seu remédios certinho! - assenti- Me liga se precisar de qualquer coisa! - Lucy deu um beijo em minha cabeça e saiu aqui de casa. 

Ali, sozinha, mais uma vez a tristeza tomou conta de mim e chorei até não poder mais. Eu amava o Harry incondicionalmente e o que ele fez comigo ainda me machuca muito! Eu nunca estive tão fraca e cansada como estou ultimamente. Muitas vezes não tenho vontade de sair da cama para ir ao trabalho ou até mesmo ir para outro cômodo da casa. Eu estava literalmente acabada. 

Harry nunca mais apareceu. Ele foi morar com sua nova namorada e nosso relacionamento de 2 anos foi por água abaixo. Mas não posso continuar neste estado enquanto ele está bem. Isso vai mudar a partir! 

Meses depois.. 

Lucy: Essa é a S/N que eu conheço! Você está linda amiga! 

S/N: Você acha? - ela assentiu - Estou nervosa! 

Lucy: Andrew é um cara legal! 

S/N: Eu sei! E acho que estou gostando dele! - logo depois que falei escuto à campainha tocar e vou atender. 

Andrew: Oi!! - ele dá um sorriso lindo e eu retribuo- Você está linda!! 

S/N: Obrigada! 

Andrew: Vamos? - assenti. 

Lucy me apresentou Andrew em uma festa na casa dela e ficamos conversando por horas aquele dia. E assim foi por vários dias. A gente conversava por mensagens, até que ele me convidou para saírmos e óbvio que eu aceitei. 

Nós chegamos no restaurante e confesso que foi uma noite espetacular. Nós rimos, conversamos sobre diversos assuntos, comemos, e por fim, nos beijamos. Ele tem um beijo calmo e doce. Era algo que me colocava em outro mundo!

S/N: Você foi um anjo que caiu na minha vida! - disse assim que saímos do beijo e ele deu aquele sorriso perfeito. 

Andrew: Você não sai dos meus pensamentos des da festa da Lucy! - me selou- Topa sair comigo amanhã de novo? - assenti - Maravilha! Boa noite baby! Amei tudo! Especialmente você! - nos beijamos novamente. Eu não queria me desgrudar dele. 

S/N: Boa noite! - sorri e fiquei ali na porta esperando ele ir embora. Talvez eu esteja apaixonada.. 

Dia seguinte… 

Andrew disse que estaria aqui às 15h. Olhei no relógio e eram exatamente 15h. A campainha tocou e fui atende-la, me surpreendendo com quem eu vejo. 

S/N: Harry? 

Harry: Oi! 

S/N: Tá fazendo o que aqui? 

Harry: A gente pode conversar?- dei um risada irônica 

S/N: Não! A gente não pode! Deixa eu adivinhar, sua namorada terminou com você e você veio aqui ver se eu te perdoaria? 

Harry: EU terminei com ela! S/N, eu te amo tanto! Estou completamente arrependido pelo o que eu fiz! Você é a mulher da minha vida! Por favor, volta pra mim! Me perdoa S/A! 

S/N: Perdeu seu tempo vindo aqui Harry! Se você não sabe, você me trocou, então, não vai ter devolução! Eu sofri tanto por você, e agora que estou bem melhor você aparece? Volta a viver sua vida e me esquece Styles! 

Harry: S/A.. Por favor! - assim que Harry diz, vejo o carro de Andrew parando em frente à minha casa. 

S/N: Harry, eu não tenho tempo pra ouvir suas desculpas e lamentações! Tenho um encontro pra ir! - disse fechando a porta da minha casa e trancando a mesma. 

Harry: O que? 

S/N: Vê se me esquece! - bati fraco em sua bochecha e fui em direção ao carro de Andrew. Quando entrei no mesmo, fiz questão de dar um beijo nele. 

Andrew: Ele está de queixo caído se é que quer saber! - ele riu fraco e eu me escondi em seu pescoço, rindo também. 

S/N: Era isso que eu queria! Agora podemos ir! - Andrew ligou o carro e buzinou pro Harry, acenando para o mesmo - Você é louco! - ri fraco. 

Andrew: OBRIGADO CARA! - ele diz e acelera o carro. 

S/N: O que foi isso? - ri e ele coloca os óculos escuros. 

Andrew: Agradeci a ele! 

S/N: Pelo o que? 

Andrew: Por ele ter deixado você somente pra mim! - sorri e eu lhe dou um beijo. 

S/N: Meu fofo! 

Andrew: Seu fofo! 



Ju 

*.

Pedido: Um hot cm o Louis q ela chega ao cm uma langerie bem sexy e um sobre tudo no quarto de hotel dele para fazer uma supresa e eles tem uma noite e tanto (ele tava nervoso e cansado cm tanto trabalho por isso ela decidiu ir lá fazer a surpresa - Anônimo

Obrigada por ter feito o pedido.❤

***

Imagine Louis Tomlinson:

Louis acabou de lançar seu álbum, com isso vieram as turnês, shows, entrevistas e agora ele está se preparando para sua turnê mundial que está vindo.
É muito trabalho em cima dele. É claro que ele tem outras pessoas que estão o ajudando, o pessoal da produção e todos os que organizam a turnê, mas ainda assim é muita coisa. Eu estava falando com ele ao telefone ontem, ele parecia cansado e estressado, estava ansioso com a turnê porque é algo muito importante para ele, eu só queria poder o ajudar, muito estresse para ele é ruim, ele volta a fumar com mais frequência e eu me preocupo com sua saúde.

-O que acha que eu deveria fazer? Não quero o ver cansado e acabado denovo.
Perguntei a Kiara, uma amiga muito próxima que estava passando um tempo comigo, já que Louis está longe.

-Acho que deveria fazer algo que o acalme…
Deu a idéia.

-Tipo o que?
Perguntei confusa.

-Não sei, algo que ele pareça relaxado quando fazem.
Deu em ombros olhando a televisão. Nesse momento eu sorri.

-Acho que sei o que fazer.
Comentei e Kiara me encarou.

-O que vai fazer?
Perguntou confusa enchendo sua boca de pipoca.

-Bom…ele me parece bem relaxado quando nós…

-Sua safada!
Falou com a boca cheia de pipoca.

-Você parece uma criança desse jeito, cadê a adulta de vinte e seis anos?
Perguntei a “garota” que me mostrou o dedo do meio em resposta.

Voltamos a assistir o filme, na verdade só ela, já que eu estava planejando tudo o que faria no dia seguinte.

(…)

Valerie’s Lingeries estava escrito com letras grandes em um banner com uma modelo sexy, por fora a loja parecia elegante e bem feminina e quando entrei confirmei minhas expectativas. Manequins vestidos com variados tipos de lingeries, um manequim com uma lingerie toda trabalhada em renda me chamou a atenção, ela é preta e tem uma pequena pedrinha brilhante, tem a cinta-liga e as meias ⅞. Ficaria perfeita em mim. E Louis adora quando uso preto.

Peguei o conjunto do cabide e procurei por um provador, quando entrei no provador dei de cara com um espaço médio, com três espelhos que vão até o chão e dois pufes, um tapete rosa cobria parte do piso de mármore e a porta era em um tom de bege claro, com a plaquinha com o número do provador em dourado. Parece o paraíso, mas é só uma loja de lingeries mesmo.

Entrei no provador ainda chocada com todo o cuidado que as pessoas tiveram com esse local, normalmente as lojas só tem um arame e uma cortina quase transparente.
Tirei toda a minha roupa e coloquei a as peças, o sutiã e a calcinha ficaram perfeitos e delinearam minhas curvas, me deixado com um ar sensual. Sorri vendo o resultado no espelho e assim que decidi que levaria, tirei tudo colocando minhas roupas anteriores.

-Vai levar, senhora?
A atendente bem arrumada e com um sorriso grande me perguntou.

-Sim.
Respondi sorrindo.

A mulher me levou até o caixa e passou as peças colocando em uma sacola com a logo da loja.

-Como hoje estamos fazendo uma pequena comemoração à nova direção da loja, estamos dando de brinde esses lubrificantes com sabor.
A mulher sorriu me mostrando cinco potinhos pequenos.

Não sei se Louis gostaria de tentar algo novo com isso mas, não custa tentar.

-Tudo bem.
Assenti e a vi colocar as coisas na sacola.

-A Valerie’s Lingeries agradece pela sua preferência, tenha um bom dia.
Me entregou a sacola e eu agradeci saindo da loja.

Nota mental: só comprar lingeries aqui.

(…)

Depois de chegar em casa, Kiara já começou a me encher de perguntas sobre o que eu iria fazer e o que eu tinha comprado, mas como eu não iria ficar explanando sobre a minha vida sexual e a do meu namorado, eu apenas escondi a sacola e ignorei toda as palavras dela.

-Ah meu Deus!
Por um segundo. Um mísero segundo que eu me esqueci dela e ela conseguiu encontrar a sacola.

-Você vai arrasar, sério, com todo respeito amiga mas você deve ter ficado muito gostosa com essa coisa.
Falou gesticulando com a lingerie.

-E minha nossa, cinta-liga? Se ele não gostar você precisa o internar.
Falou dramaticamente.

| Dia Seguinte |

-Lou?

-Oi princesa.

-Como você está? Muito cansado? Sentindo minha falta?

-Estou mal, muito trabalho, muitas reuniões, hoje é o único dia em que estou tirando uma folga. Cansado é pouco e eu queria você comigo.

-Imagino. Estaremos juntos logo, não se preocupe.

-Eu que deveria falar isso para você.

Riu.

-Bom…só liguei para saber se estava bem, amo você.

-Também te amo. Tchau.

-Tchau.
Desliguei a chamada e peguei minha mala já chamando um táxi.

Louis está hospedado em um hotel em Los Angeles, e eu vim direto de Londres onde temos uma casa meio que secreta ao fãs dele.
Informei o destino ao taxista e esperei que o mesmo chegasse.
Tive que pedir a Louise, cabeleireira dele, para me informar o hotel e o quarto onde ele está.

-Chegamos.
Informou e eu agradeci pagando e descendo do táxi.

Assim que passei meus dados na recepção, recebi o cartão e peguei o elevador subindo até o andar certo. Abri a porta com o cartão e Louis estava deitado em sua cama com o celular nas mãos.

-S/n?
Me olhou surpreso largando o celular.

Deixei minha mala em um canto e fechei a porta me aproximando.

-Uou. Você está…
Antes que ele completasse a frase eu abri o sobretudo mostrando as “roupas novas”.

O queixo de Louis caiu, seus olhos azuis estavam vidrados no meu corpo.

-É pra você. Você anda muito cansado, estressado e nervoso.
Falei enquanto me aproximava subindo na cama e engatinhando até no mesmo.

-Sexo é a melhor terapia.
Sussurrei em seu ouvido e deixei que o mesmo agisse.

-Veio até aqui por mim?
Perguntou dedilhando o tecido do sutiã fino, me causando arrepios.

-Eu iria até o inferno por você.
Confessei e ele sorriu puxando meu rosto para perto e colando nossos lábios em um beijo molhado.

-Você já é o meu inferno.
Sussurrou e tirou meu sobretudo o jogando no chão.

Louis e eu travamos uma briga quente com as línguas, cada um em busca de mais espaço e mais poder sobre o outro, mas ele venceu por conseguir ter força o suficiente para me deitar na cama e ficar por cima.
Louis passou sua mão por todo meu corpo, começando pelo pescoço e descendo até a barra da meia ⅞, sentindo todo o tecido e a minha pele quente.

-Nem acredito que fez isso, parece um sonho.
Comentou ofegante e eu ri.

-Se eu sou o inferno, então esse é seu melhor pesadelo.
Falei o provocando e o mesmo sugou meus lábios descendo os beijos para meu pescoço. Ele chupava e mordia até que conseguisse deixar a área sensível, então desceu para meus seios, descendo as alças do sutiã e tendo total acesso, massageando-os e chupando, revezando entre um e outro.

-Lou-e!
Eu gemia descontroladamente, quando ele quer ele consegue deixar qualquer uma na palma de sua mão, como se tivesse total controle sobre você. Literalmente.

Fez uma trilha de beijos da minha barriga até chegar na barra da calcinha, onde tirou com a boca, parando na coxa onde tinha a cinta-liga.

-Eu realmente gostei disso.
Falou puxando a cinta-liga e deixando um beijo em cada coxa.

Louis se levantou ficando de joelhos, e eu gemi em frustração por falta de contato. O mesmo tirou sua camisa e sua calça ficando apenas de boxe. Ele tirou seu membro para fora da cueca começando a se masturbar, até que um pouco de pré gozo saiu e ele usou o mesmo para se lubrificar, mas parecia pouco.

-Ahn…eu meio que tenho alguns lubrificantes na minha mala…se quiser.
Suas sobrancelhas se franziram e um sorriso contornou seus lábios.

Louis se levantou e saiu da cama se abaixando até a mala e pegando um dos potinhos.

-Sabor menta? Gosta disso?
Perguntou com um sorriso safado.

-Não são meus…quer dizer, são, mas…ganhei de uma loja.
Expliquei e o mesmo voltou para a cama se ajoelhando entre minhas pernas.

-Que tipo de loja anda frequentando, mocinha?
Perguntou o mesmo sorriso brincando em seus lábios.

Ele abriu o pote e mergulhou um dedo passando um pouco em sua língua.

-Hm, tem um bom gosto de menta.
Comentou e abriu minhas pernas um pouco mais e mergulhou dois dedos no pote, os encharcando. Ele passou por todo o seu membro, soltou um pequeno grunhido exclamando um “gelado”. Assim que espalhou bem todo o gel, me penetrou fazendo uma sensação gelada, molhada e ardida tomasse conta de minha intimidade. Ele se encaixa perfeitamente bem enquanto escorregava com facilidade para dentro de mim, a menta dava uma leve ardência e uma sensação refrescante que fazia ambos gemer.
Louis estocava em um ritmo controlado, não muito rápido e nem muito lento, dando assim para aproveitar cada sentimento, cada sensação proporcionada.

Mais algumas estocadas bastaram para que ambos se desmanchacem em um dos nossos melhores orgasmos. Louis deu uma ultima estocada antes de se deitar ao meu lado completamente exausto.

-Você me cansa de uma maneira maravilhosa.
Sorriu selando meus lábios antes de me abraçar nós dois dormimos.

***

Espero que tenha gostado.😘

Se possível, vá na ask e diga o que achou.😉

Sentiu??

Domingo sempre será aquele dia em que saio de casa, buscando um rumo e acabo sentada na pracinha olhando os carros passarem. Eu estou cheia de relatórios e provas para dar conta, mas sabe onde estou?! Sentada aqui na frente de casa, sentindo esse vento e pedindo que traga você. Já tive dias em que a esperava me deixava louca e que minha sede de você era insaciável. O que me restava eram nossas fotos e as lembranças presente ali. Hoje, domingo é o dia que faço de tudo para terminar as coisas logo e tiro o final da tarde para sentir e falar contigo. Sim, eu sei, eu sou a louca que conversa sozinha e pensa que meus pensamentos de algum modo chegam em ti por meio de toda essa minha força de vontade de envia-los. Será que funciona?! Eu não sei, mas às vezes pareço estar tão louca, que sinto respostas. Três dias seguidos sonhando contigo, será que é coincidência?! Costumo colocar culpa no destino, dizer que ele é uma caixa de surpresas e que funciona sim. Basta ter fé. Tento colocar na minha cabeça que não tenho pressa, que preciso ter paciência e vamos escrever aquele velho clichê para dizer que “se for para ser, será”, e realmente aprendi a ver que as coisas costumam ‘demorar’ pois aquilo que mais querermos é o que mais pode estar fora do nosso alcance. Então eu espero, espero essa falta de tempo passar, espero essa confusão ir embora, espero meus sentimentos tomarem rumo, espero que seus sentimentos aflorem, e claro, espero você sentada aqui fora ou na pracinha para dizer que estava morrendo de saudades. Espero o tempo passar e dizer o que realmente somos um para o outro. Eu acredito em destinos, metades da laranja e almas afins. Eu tenho fé, eu sei que tudo melhora. Sentiu meu abraço chegando aí?! Sentiu meu beijo de manhã?! Hoje é domingo, daqui a pouco passo aí para te buscar. Boa noite!

signo

Gêmeos

Eu quase não consigo escrever sobre este signo. Isto porque eu tinha que fazer ginástica e me lembrei que tinha que dar um pulo no meu banco para resolver um problema de débito automático, quando me lembrei que hoje, terça feira é o dia da feira, aqui do lado de casa, mas caraca, eu tinha que ver um apartamento com um corretor antes do meio dia, horário de uma entrevista na rádio. Ufa!

É exatamente assim que é a personalidade, o ritmo e o cotidiano do geminiano. Pensa mil coisas ao mesmo tempo. Porém no meio disto tudo, sai uma idéia maravilhosa, algo louco e inédito. O geminiano é capaz de parar o sexo com você, só para ver o novo clipe da Amy Winehouse e depois volta com o mesmo fogo de antes, enquanto você esta ainda enxugando as lágrimas.

O povo de gêmeos tagarela muito. E não consegue guardar segredos. Se quiser prejudicar alguém, solte um veneno para o geminiano e ele vai espalhá-lo, como se fosse à imprensa marrom.

E de repente, o gêmeos está ali na festa dançando, pulando e do nada, fica quieto, sério, e vai embora…

É o seu outro lado, entrando em ação. Gêmeos é um signo duplo, assim, como sagitário e peixes, são os chamados signos mutáveis… É o signo que melhor representa a TPM. O Geminiano é inteligente porque absorve tudo muito rápido, tipo um Sempre Livre, mas odeia se aprofundar nas coisas…

Tipo modess sim, vibrador não. Dizem que gêmeos é falso. Não é. Apenas muda rápido de idéia. Corretores de imóveis se irritam com este signo.

O Homem geminiano tem sempre muito o que fazer, muitos amigos, muitas atividades e pode até ter duas namoradas, porque esqueceu-se de terminar com a outra. Mas não tenha pena, mate-o do mesmo jeito. Geminianas são lindas, femininas e ágeis. Grande parte das modelos são geminianas, talvez por isto, se adaptem a vida de modelo que é mil testes, mil viagens, mil dietas, mil vômitos, enfim. Tenho um amigo geminiano que demora 3 horas para malhar, porque fala com toda a academia. Tenho um outro amigo que é geminiano, judeu, mas fala japonês fluentemente. E tenho um outro que era músico formado, virou arquiteto, já foi motorista e ataca de corretor de imóveis. Entenderam? Ou seja, com o talento bem canalizado, vão longe…E alguém lá sabe canalizar talento?

E viva os geminianos \o/ ~ CarpeDiem ~

random bios (✿◠‿◠)

Like the post and/or give credit to nddobrev on twitter.
De like no post e/ou de créditos para nddobrev no twitter.

  1. DO I LOOK LIKE I GIVE A FUCK
  2. im the queen of this site
  3. im 99.9% sure im the pretty one
  4. vendi minha alma pro satã p ser linda e não eh que deu certo mesmo 
  5. apenas mais uma humana mandada a esse mundo para sofrer
  6. єυ viм єทviα∂σ α єsτє ρℓαทєτα ∂єsτiทα∂σ α sσƒrє
  7. im the alien queen
  8. as gays comandam esse saite ✿◕‿◕✿
  9. pesquisas realizadas por mim mesma revelam que eu sou maravilhosa
  10. quero sabe qnd q acaba os dia de luta e vem os de gloria
  11. queria largar tudo mas n tenho nada pra largar 
  12. can i log out of this life 
  13. 50 shades of done with this life
  14. não faço a minima ideia do que estou fazendo aqui 
  15. auto controle: sair de casa e não matar ninguém
  16. n sei pq ainda n acordei rica
  17. já estamos quase no meio do ano e eu ainda n sei o que quero da vida 
  18. ontem eu tava nem ai, hoje eu continuo que nem ontem 
  19. quero tomar alguma coisa quem sabe um rumo na vida
  20. não adianta chorar pelo enter apertado 
  21. queria ★ rica
  22. esse perfil é contra indicado em caso de gente que leva tudo a sério
  23. vai mandar nudes sim, a dm ta ai pra issu 
  24. aqui é a boca de fumo do twitter 
  25. to preci$ando di$$o na minha vida
  26. e x a u s t a porém linda (◡‿◡✿)
  27. Everyone has good days and bad days, but mine are more like good hours and bad years. 
  28. my good looks are ruining people’s lives
  29. i laugh at myself so much im so funny 
  30. I’m 200% sure if I was rich I would be the happiest person in the world 
  31. im so glad i met the internet 
  32. I can’t decide if I need a hug, 6 shots or 3 months of sleep 
  33. my emo phase never went away it just aged like fine wine
  34. If u think someone (me) is cute you should tell them (me) 
  35. im not saying i deserve to be rich and famous im just saying i feel like i was supposed to be 
  36. i don’t want you, i want your netflix password 
  37. i’ll pay you $7 to have a crush on me 
  38. i wont rest until ive complained about everything 
  39. pretty sure im bout..70% water…30% internet 
  40. you look 100% better when i can’t see you
  41. i bet people dont understand that im joking 800% of the time 
  42. i’m bored of being bored 
  43. como dizia um grande filósofo, vai toma no cu
  44. quem foi que colocou a vida no hard
  45. só não morro de preguiça porque tenho preguiça de morrer
  46. vai lá no 4shared e baixa tua bola
  47. você atingiu 100% da minha paciência amanhã a gente conversa bjs
  48. sobre viver: eu não estou disposta
  49. vamo brinca de da bejo na boca
  50. do you ever love a celebrity so much it makes you sad

Hoje eu tô irritada, confusa, louca, perdida que só. Tá, eu sei que sou assim todos os dias, mas hoje é diferente. Meu coração tá mais bipolar que de costume, uma hora: “eu te amo tanto..” , outra hora; “aí, que raiva de você, seu babaca!” Eu já deveria ter me acostumado com esse meu jeito, mas não, fico indignada comigo por estar um caos e não conseguir me organizar. Eu xingo, grito, durmo, como, choro, como de novo, quero teu abraço, não quero mais, demorou muito pra vir me ver… Coitada da galera aqui de casa que tem que aturar minha cara feia e ao mesmo tempo, tô nem aí, tá achando ruim é só não olhar pra mim, não falem comigo, depois eu sou grossa e ainda acham que tem direito de ficarem chateados, não têm não, eu tenho, sou eu quem estou um caos, e não basta estar caos, ainda tem esse moço que eu gosto.. tá, eu amo, não vou negar o que sinto não, mas tô com raiva, ele deveria estar aqui e não está, ele deveria abraçar o caos ambulante aqui até me desmanchar nos braços dele, mas não, o panaca tá na rua, fazendo sei lá o quê, eu já tinha dito isso, mas digo de novo só pra não constar dúvidas. Porque de dúvidas já basta minha mente cheia.. Já devem imaginar qual o problema aqui, né. É, a tpm veio me fazer uma visita, e ôh visitinha de merda essa, viu.

Tpm + eu = um caos bem maior.