and-gemma

Shifting Gears

Chapter 18 of 19

Warnings: Be prepared for anything.

Originally posted by ideclareflananigans

“Lass I’m calling Tara, you’re in a lot of pain and I’m sure she can treat you off the books.” I sighed
“Chibs I’m fine okay.” I heard a knock at the door and stood up holding my side and answered it.

Keep reading

fuzzysandwitch  asked:

Wow, Gemma is an ACTUAL human disaster (if not as drastically self destructive as Min). When are you going to give the girl a break? Also I feel for her childhood. Apparently her parents did not give her ANY skills to stand up for herself or an outlet to REACH OUT FOR SOME FREAKIN HELP. Just let the poor gay live in peace, Asy :'(

Originally posted by amoodymess

Thank you! I promise I will eventually let the poor gay live in peace ;)

Do you think Gemma behaves the way she does because she’s self-destructive, though? Not saying she doesn’t have some very self-destructive habits, but do you think self-sabotage is the reason she’s in this mess?

Vogue US,  Sept 2006

“Fight Club”

Models: Lisa Cant, Sasha Pivovarova,

Caroline Trentini & Gemma Ward

Photographer: Irving Penn

Stylist: Phyllis Posnick

alicedoesntsharefood  asked:

Hey Jess! What about 25 Larry? If you feel like it of course! ;) <3

“I can’t believe you talked me into this.”

Harry’s stomach rolled uneasily as he looked down towards the ground.  From way up here, the world appeared much smaller than usual.  Lately, the world had felt so huge to him, with everyone demanding a piece of them, pulling them in ten directions at all times.  Their faces were plastered everywhere, management was constantly shoving them into the next interview or onto another stage, and a good night’s sleep was a luxury from a lifetime before.  It was quite overwhelming at times, but none of it was as terrifying as what was about to happen.

Up here, all of those demands placed upon them fluttered away, replaced with a flock of angry birds preparing to take flight in his belly. The people below them were far away, looking tiny, much like Gemma’s miniature dolls he’d played with as a little boy. As the click clack of the car climbing up the track echoed loudly in his ears, he squeezed his eyes shut, desperately wishing he was down on the ground with them.  

We’re almost at the top. And then we’re gonna go crashing down.  Harry forced himself to breathe.  In and out, in and out and then repeat.  He felt as a warm hand squeezed his thigh gently.  And that was a nice gesture, but it wasn’t gonna stop them from plummeting to their death any second now.  His heart might actually pound out of his chest before they reached the top.  I can’t believe I let him talk me into this.

“I can’t believe you talked me into this,” he said out loud to Louis in a voice that sounded much squeakier than his own.

“Haz.  Look at me,” Louis demanded from beside him.  With his hands white knuckling the harness that tightly secured him, Harry forced himself to turn his head to the side.  Calm blue eyes met his own, holding him captive, and encouraging him to breathe again.  “You’re okay, I promise,” Louis insisted with another warm squeeze to his thigh.  “Don’t look down.  Keep your eyes on me instead and get ready because it’s almost time.  Okay?”

It sounded so simple and so impossible at the same time.  And yet, Harry couldn’t look away.  He’d never been able to look away from him.  Even when they’d been scared, the thought of doing any of this without Louis had grounded Harry, reminding him of what was important.  When it came to Louis, Harry would take pretty much any risk because he was worth it.  Louis was worth everything.

As they reached the top of the climb, Louis smiled at him, in reassurance that they were going to truly be okay. The two of them were gonna make it.  Harry was helpless to do anything but smile back and before he had time to panic again, the two of them were flying.

Vogue US,  Sept 2006

“Fight Club”

Models: Lisa Cant, Sasha Pivovarova,

Caroline Trentini & Gemma Ward

Photographer: Irving Penn

Stylist: Phyllis Posnick

Imagine Harry

Pedido: “ Sei q não é mais noite …..kkkk mais eu qria um imagine com o. Harry q ela anda se sentindo insegura e aí eles vão na casa da Anne pra jantar ou sla aí a gemma leva uma amiga dela q é ex do Harry q da emcima dele. termina com Hot ❤1 pedido meu😂😂👏”

P.O.V (S/N)

Seus longos dedos entrelaçados aos meus eram pressionados lentamente de acordo com o ritmo da musica que ele cantarolava dirigindo pela estrada em direção a casa da minha sogra Anne, mesmo estando junto com ele a alguns meses ainda me sentia insegura em algumas situações, já que não tenho nenhum talento ou coisa do tipo, nós nos conhecemos quando eu derrubei acidentalmente o café que servia na cafeteria em que trabalhava.

-(S/n)- os braços de Anne estavam esticados pegando a travessa das minhas mãos e ela logo me puxou para dentro-Já estava reclamando com ele por não te trazer mais aqui

-Sempre dramática- Harry a abraçou por trás e depositou um beijo na sua cabeça e saiu em direção da cozinha

-Sempre faminto Styles- balancei a cabeça negativamente enquanto acompanhava Anne até a cozinha pois estávamos atrasados para o jantar

Durante toda a refeição intercalava meus olhares para meu prato quase intacto, Anne conversando animadamente falando sobre a infância dele e Gemma e observava meu namorado flertando com sua ex na minha frente, já que os dois estavam do outro lado da mesa e ele já havia me falado sobre ela uma vez, que foi a sua paixão na época da escola fiquei em silêncio apenas respondendo algo quando me perguntavam

-Agora é hora da sobremesa- Anne se levantou e eu a segui recolhendo os pratos-(s/n)- ela me advertiu

-Não é nada demais- sorri para ela mais apenas queria sair daquele lugar

-O que você trouxe ?- Gemma levantava o guardanapo que cobria a travessa de vidro tentando espiar

-Bolo de brigadeiro- colocava os talheres de sobremesa e os pratos em cima da mesa de jantar

-Meu Deus- Harry apoiou as mãos se aproximando da mesa-Eu amo quando você faz comidas brasileiras- ele passou a língua sobre os lábios ao cortar o primeiro pedaço e observei quando a mão da sua ex foi para o seu joelho e ela gargalhava como se aquilo fosse uma piada

-Então o que achou ?-me sentei sobre as suas longas pernas e passei meu braço em volta do seu pescoço abraçando Harry o encarando

-Delicioso-ele murmurrou de boca cheia me fazendo franzir a testa

-Não fala de boca cheia Styles- o adverti e passei meu dedo no canto da sua boca que estava sujo de chocolate e levei o dedo a minha boca instintivamente o observando sorrir

P.O.V Harry

Durante todo o jantar não tirei os olhos da minha namorada que passou  tempo todo praticamente em silencio e mal tocou na comida, estava tentando adivinhar o que aconteceu o o que eu fiz de errado mas só quando ela se sentou sobre o meu colo na frente de toda minha família me surpreendendo já que (s/n) é extremamente tímida perto deles e me causou uma ereção ao limpar minha boca e experimentar o chocolate do seu dedo que percebi o motivo, minha ex sentada ao meu lado.

-Precisamos mesmo ir- minha namorada de despedia da minha mãe quando já estavamos na porta- Muito obrigada pelo jantar estava delicioso- a puxei entrelaçando meus dedos nos dela

-Faça o te trazer aqui mais vezes está bem ?- minha mãe me olhava seriamente enquanto caminhávamos até o meu carro

-Precisava de tudo isso ?-ela se sentou ao meu lado e fechou a porta com força

-Do que você está…- ela me interrompeu

-A Gemma trazer ela pra sua casa na noite da família porque é amiga dela eu até entendo- ela colocava o cinto de segurança-Mas você ficar se esfregando nela na minha frente já é demais

-Eu não estava me esfregando em ninguém-a corrigi enquanto dirigia de volta para casa

Não ouvi mais a sua voz durante todo o percurso,se ela soubesse como estava excitado com a cena dela irritada com toda aquela situação, extremamente sexy quando fica com ciumes, devia anotar isso.

-Faça bom aproveito- ela apontou para o sofá antes de subir as escadas em direção ao meu quarto

P.O.V (s/n)

Mal entrei no quarto e senti suas mãos me puxando bruscamente, em segundos a porta estava fechada nas minhas costas e seu corpo pressionando o meu com seus lábios atacando meu pescoço, apenas suspirei o deixando ainda mais exposto para seus lábios. E em um segundo toda minha segurança foi embora,meus dedos foram pra sua camisa a desabotoando rapidamente e pude o perceber sorrir entre o beijo

-Você não merece nada disso-murmurei quando suas mãos deixaram minha saia deslizar pelas minhas pernas nuas-Devia fazer uma semana de greve no minimo- abri o cinto da sua calça e enfiando minha mão apertei firme sobre o seu membro o fazendo deixar escapar um gemido rouco

-Você não tem ideia de como fica gostosa brava assim- seus dedos abrira meu sutiã e o jogou longe antes de abaixar suas cabeça e abocanhar lentamente meu pescoço fazendo fechar meus olhos e puxar sua calça para baixo completamente

-Você não tem ideia de como eu vou te punir por isso-sussurrei no seu ouvido antes de empurrar seu peitoral com as minhas mãos-Sente-se na cama Harry- o instrui empurrando até ela

-Mais eu não fiz nada- seus olhos estavam em mim quando me sentei sobre o seu colo e logo um suspiro com meu quadril se movimentando sobre o seu membro

-Exatamente- segurava suas cabeça com meus dedos entrelaçados nos fios do seu cabeço inclinando sua cabeça pra trás-Sua ex dando em cima de você na minha frente- murmurrei com emus lábios percorrendo seu pescoço-Não me toca-grunhi com as suas mãos na minha cintura

Continuei movimentando meu quadril lentamente rebolando sobre o seu colo espalhando beijos molhados pelo seu pescoço sentindo seu membro enrijecer ainda mais entre as minhas pernas, pressionei meus lábios sugando forte seu pescoço e o ouvi gemer rouco-(s/n)- ele me chamou me fazendo sorrir

-Ela rebolava assim pra você ?- sussurrei e logo percebi seus músculos tensionados, desci do seu colo espalhando beijos pelo seu peitoral, roçando meus lábios pelas suas tatuagens- Ela beijava seu corpo assim ?-sussurrei ao mordiscar sua barriga me ajoelhando entre as suas pernas apenas ouvindo sua respiração pesada me fazendo sorrir, puxei a sua cueca deixando seu membro saltar para fora na frente dos meus lábios-Ela te chupava assim ?- elevei meus olhos até seu rosto que estava fixo em mim e o abocanhei de uma vez

P.O.V Harry

Minha namorada entre as minhas pernas, no meu quarto, semi nua abocanhando meu membro e me falando as sacanagens mais prazerosas que eu já ouvi na minha vida saindo da sua pequena boca com seus olhos em mim estava me levando a loucura

…..

P.O.V (S/N)

Percorria meus dedos pela pequena dobra do seu ombro com as suas costas, seu peso estava sobre mim mesmo apenas seu toxax em contato om meu corpo, jogado sobre mim com a cabeça no meu peito coberto pelo lençol da cama, foi assim que o encontrei quando acordei essa manhã

-Harrie- arrastei o português o chamando carinhosamente e ele apenas murmurou como sinal que estava vivo-Nunca mais vou cozinhar meus pratos brasileiros enquanto sua irmã a convidar para os jantares em familia- assenti fechando os olhos

-Baby Girl- sua respiração estava quente no meu pescoço-Isso é muita maldade- ele sussurrou

-E pode esquecer a Feijoa…-antes mesmo de terminar a frase sua mão estava esticada ao lado da cama em busca da sua calça

Continuei acariciando seu braço desenhando suas tattuagens com a ponta dos meus dedos o ouvindo atentamente explicar o porque de ele não quere mais a sua ex enquanto estivermos em reuniões de familia, já mordia meus labios pensando na recompensa que ele ia querer por isso.

fuzzysandwitch

replied to your

post

:

Wow, Gemma is an ACTUAL human disaster (if not as…

1)I think its’ a combination of many factors. Yes, she self sabotages to a point, and it always makes things worse. However, the root of almost all her problems, as I see it, is her complete repression of her truest self. She’s a people-pleaser to the point that it hurts her, probably from trying to make things “better” for parents in a terrible divorce which clearly didn’t end well between her parents. She learned to repress what she was feeling, and then on top of that

2) she learned how to rationalize away her various feelings. She takes great comfort in statistics, both as a source of “irrefutable proof” in her rationalizations and as a structure for her world view. She obv doesn’t tell Sarah her feelings so as not to “ruin” their friendship, but deeper than that is that complete belief that such a thing WOULD ruin their friendship. She doesn’t trust Sarah to stick around and CARE for her after she finds out that Gemma has been

3) “lying” to her about something so big. Probably also from internalizing a lot of crap about mutual support and care that she didn’t observe from her parents. An infraction between them destroyed their relationship. And then add in the self-destructive habits and mild anxiety, it’s a potent mix for ACTUAL HUMAN DISASTER Gemma Rowe

PLUS it really doesn’t help that for a long time, Sarah WAS a bit of a bulldozer when it comes to Gemma. Not anything actively malicious, as we have seen she is actively trying to be better, but it certainly didn’t teach Gemma how to speak up for herself after she was an adult either.

Vogue US,  Sept 2006

“Fight Club”

Models: Lisa Cant, Sasha Pivovarova,

Caroline Trentini & Gemma Ward

Photographer: Irving Penn

Stylist: Phyllis Posnick