alwp

Mulher diz tudo o que sente sim, mas com uma grande diferença: sem dizer nada. Sabe quando ela demora para responder suas mensagens? Ela se segurou o dia inteiro para mostrar a você que não teve tempo e que não se importa tanto assim. Sabe quando ela não te chama no msn? Anos de estudos para fazer um doce, fingindo que não está morrendo de saudades. Sabe quando ela passa reto de nariz em pé, toda linda e esnobe? É o ”vou fingir que não te vi”. Sabe quando ela não te responde de primeira? Apenas um teste para ver se você está interessado o suficiente para chamar de novo. Complicadas. Inteligentes. Superiores. Enquanto eles se acham espertos elas simplesmente são, sem ter que achar nada. Ela diz que te odeia e te manda ir embora, mas experimenta sair de perto dela para ver o que acontece. Ela desliga o telefone na sua cara e diz que vai sair com as amigas a noite porque você nunca a mereceu, e na maioria das vezes ela deita na cama e chora. Seres extremamente fortes, estupidamente sensíveis. Todo homem deveria ter um dia de mulher. Mulher sabe sorrir quando quer chorar. Mulher sabe desprezar quando quer amar. Mulher sabe ignorar quando a maior vontade é ligar e pedir o amor do canalha de volta. Mulher pensa com o coração e age com a cabeça. Dentro de uma mulher existem sentimentos ocultos. Vulcões em erupção camuflados por enormes geleiras. Mulher tem o poder de passar do lado do babaca que partiu seu coração de salto alto, sorrindo e deixa para chorar em casa.E sabe porque eu gosto de ser mulher? Bom, mulher pode estar perdidamente apaixonada. Pensar nele 24 horas por dia e fazer hora extra. Olhar o telefone de 5 em 5 segundos, e a cada toque, achar que é ele. Mas, meu caro, tenha certeza que você jamais saberá disso. Na verdade ela pode estar tendo overdose de amor, ataque de ciúmes, caindo os cabelos de raiva. Mas para ele, ela vai estar vendo um filme de romance na tv e repetindo milhares e milhares de vezes: ”Homem? Ahh.. Só fazendo um modelo novo de fábrica. Zero km. E que de preferência não fale, para não mentir.” Ela pode ser meiga e doce, mas experimente dizer isso a ela. Ela simplesmente sorri com olhos de cinismo e diz “vai sonhando”. Ela sonha com uma casa simples e três filhos correndo pela sala, mas te jura que o seu maior sonho é ser bem-sucedida profissionalmente. Dona de casa? Jamais. Enquanto te conta seus planos futuros sobre o emprego e o salário que pretende ganhar, ela tira suas medidas mentalmente para levar no alfaiate da esquina e planejar o terno que você vai estar usando enquanto a espera – com o vestido e o penteado que por ventura, ela já escolheu – no altar.
—  Desconhecido
youtube

Se alguém tocar pra mim eu caso. Muito linda.

[…] Nós nos conhecemos. Na vida, existem vários tipos de pessoa que vão passar por você. Aquelas que você tem muita vontade de ser amigo, mas sabe que não vai. As que você não gosta logo de cara e corta qualquer aproximação. As indiferentes… E outros milhões de tipos. Você não tinha um tipo. Como uma incógnita, eu não sabia o que esperar de ti… Ou se devia esperar algo. E depois eu descobri que você é exatamente como um labirinto. Eu podia passar longe, ficar de fora e seguir com a minha vida, sem me incomodar. Sem me meter em problemas. Mas não, eu escolhi entrar e me perder pelas suas paredes traiçoeiras e que mudam o tempo todo… E agora eu não consigo achar meu rumo de volta pra casa. […]  (27-06)

Não sei como começar a escrever esse texto, com um “eu sinto a tua falta, volta pra mim”  ou talvez um “eu te amo”. Você sabe, sabe que eu não sei, que não sei enfrentar o fim de nada, dessa vez, com você - com “nós” - o tempo tá passando, e ao invés de me acostumar, só me dói mais. Os momentos que eu tive contigo, não tenho mais a capacidade de tirar dos meus pensamentos, aqueles momentos que eu passei com você, meu amor. Você dizendo que me ama, colocando o teu sobrenome junto com o meu, me puxando pra perto, me apertando, a tua voz chamando o meu nome, até as nossas discussões que não foram muitas, […] Não faz muito tempo e eu já sinto tanta saudade de você - de “nós”. Só de lembrar da tua boca na minha, os teus braços em volta de mim, um arrepio me sobe dos pés à cabeça. Eu me arrependo tanto de não ter me entregado pra gente no começo, quando eu tinha o teu coração, agora você tem o meu, e eu não posso mais te ter, não posso mais te querer, não posso mais te amar. Eu deveria ter dado mais importância, deveria ter aproveitado a chance de ser feliz, mas eu tava tão assustada, não me passava pela cabeça que alguém podia gostar mesmo de mim com esse meu jeito. Mas você gostava. Minhas tentativas de não sentir tua falta, estão sendo todas em vão, a cada minuto que passa, mais aumenta a vontade de você aqui comigo. Eu não consigo mais lutar por nós, as poucas forças que eu tinha, usei. Esqueci meu medo, deixei de lado a vergonha e o orgulho, e assisti atônita esse sentimento crescer, e não percebi quando o teu começou a sumir. “Mas me diga, pequeno, onde tudo começou a desmoronar? Queria ao menos saber porque nem me olha mais nos olhos, qual o motivo de estar cada vez mais longe de mim. Pois se for assim, vou morrer vendo tu sumir aos poucos." Ei, vem cá, deixa eu te ter, volta pros meus braços. Pode ser egoísmo, meu anjo, mas eu quero que tu volte, quero você assim, inteirinho pra mim.