altos impostos

Que mal cheiro é esse, que anda percorrendo o Brasil?

é o cheiro da lama
que vazou da vale
matando fauna e flora
a esperança e sonhos
de toda população

da corja de abutres que
habitam o senado
matando a população
com seu salário de fome
com seu sangue corrupto
o alto imposto
e a punição injusta

dos homossexuais mortos
por um fanatismo que prega
a carnificina, camuflado de
amor.

e da educação, morta
a paulada, espancada
sufocada a gaz lacrimogênio

esse mal cheiro é forte
vem da idade das pedras
das caça as bruxas
das ditaduras antigas

como tirá-lo, meu Deus?
se quanto mais se perde mais se ganha
se quanto mais se tira mais se apanha?

Wander

Vamos fazer um combo, juntar todas as dores nas costas e as da mente, misturar as olheiras e as noites claras com toda a pressa e fome que compõem o dia. Vamos, de uma vez só, pegar todas as obrigações que nos exigem e o desespero de crescer e pagar os altos impostos também. Vamos, de uma vez por todas, fazer uma fila e entregar as cruzes e as pedras que os outros nos põem, reorganizar os objetivos certos sem a obrigação de ser feliz no final, e entender o que felicidade é alegria aos poucos.
—  glossariando