adorei (:

Meninas, quando bater aquela vontade louca de ligar pra ele. Façam como eu e lembrem-se da frase: vontade de dá, passa! Opa, desculpe! A frase correta é: vontade dá, depois passa, né?! Ai, ai, esse meu subconsciente lembrando dele é fogo!
—  Tati Bernardi.
Sentia a sua falta, mas sei que poderia preencher com outro alguém. Sentia falta do seu perfume, da sua voz e das suas palavras, mas sei que poderia esquecer tudo isso, só bastava eu querer. Esse era o maior problema, eu não queria. Não queria te esquecer, não conseguia. Meu coração negava algo que a minha cabeça implorava. Seu esquecimento. Nosso esquecimento. O esquecimento de uma história. Eu não sabia por onde começar, se era pelas suas coisas jogadas no meu quarto ou pela bagunça que você havia deixado dentro de mim. Eu tinha tantas coisas para te dizer, e não disse, tinha pedidos, fatos, histórias, planos, eu tinha tanto para compartilhar e não pude. Eu não entendia absolutamente nada que se passava aqui, era só eu e um vazio enorme. Só eu e um quarto vazio. Horas atrás existia amor, e agora só existia bagunça e lágrimas. É, acabou. E eu nem sabia por onde começar a escrever o nosso fim.
—  O fim do amor é triste, o nosso fim é doloroso. Por esplandecer e ecodomar.

under the cut you’ll find 140+ gif icons of turkish actor metin akdülger in his role as sultan murad iv in muhteşem yüzyıl: kösem. none of these were made by me; i merely cropped and edited them to my liking. special credits go to their makers and to fy-magnificentcentury, kosem-sultan & mvrad where most of these were found. if any of them belong to you and you’d like them removed, please contact me politely. tw; weapons and intimacy. this will likely be updated as i’m making these for personal use. i’m sorry for any repeats. likes and reblogs are appreciated. enjoy!!

Keep reading

Reza a lenda que só conseguimos aproveitar realmente a vida quando começamos a não se importar com o que pensam e falam da gente. Carregar o peso da opinião alheia é um esforço desnecessário. Seja leve!
Queria bater na tua porta agora e dizer tudo que está e esteve sempre entalado, dizer que apesar de tudo e de todos o sentimento não diminui só oscila grita dentro do peito. Te falar que depois do teu sorriso eu não encontrei nenhum que me encantasse tanto, talvez o problema seja esse, depois de você minhas paixonites não duram mais de 2 semanas. Dizer que cada parte do meu corpo sente falta do teu, e que depois de você ter pegado as malas e ter me dito adeus sem nenhum receio, eu não consigo ler meus romances preferidos e meu conforto virou a bebida. Depois de você só escrevo clichês tristes e vazios, porque depois de você ter batido a porta e ter me entregado a chave da tua moradia e ter me dito adeus. Foi isso que me tornei.
—  E não vai haver nenhum texto pra você, depois desse.. 
A vida é cheia de altos e baixos, já tive dias terríveis, com muitas coisas dando errado, e não adianta estressar, ou ficar descontando nas pessoas, tudo vem na hora certa, tudo se resolve nos devidos momentos. Passamos por isso diariamente, tudo desaba, mas no fim sempre se reconstrói.
—  Obtida.