Noroeste

youtube

Índios Protestam no Setor Noroeste -

DF

Estas duas últimas semanas foram de intenso conflito onde as empresas destruidoras do cerrado, ao verem que perderam na justiça com a publicação do Laudo antropológico partiram para cima da natureza e do santuário, tentando destruir tudo pela frente e criar o fato consumado.

O Noroeste foi a maior farsa do corrupto governo arruda e que vem sendo tocado pelo governo agnelo, apos ganhar mais de R$1,5 milhões das construtoras em sua campanha.
.Hoje (14/10) o grupo de apoiadores do Santuário dos Pajés impediram pela manhã o funcionamento de algumas máquinas no local, que pertence à Terra Indígena. Durante o manifesto uma pessoa foi espancada por um grupo de seguranças à paisana comandados pelo Coronel da Polícia Militar do Distrito Federal, de férias, Charles Magalhães, que sem farda presta o serviço de segurança para construtora Emplavi, já que comprou imóvel no local. Isso é um crime grave pois fora de sua função ele utiliza de um cargo público, com capangas, para colaborar com um projeto privado. Durante o ato de protesto os maquinistas dos tratores tentavam agredir os manifestantes com a escavadeira. .

O que vemos neste momento na capital do país é um cenário de guerra: de um lado os indígenas e apoiadores, do outro milícia armada com gás de pimenta e arma de fogo. A PM-DF até o momento se manteve omissa às agressões. E o Governo do Distrito Federal mostra de que lado está nesta causa, o que pode ser explicado pelas altas cifras de doações de empresas ligadas ao ramo imobiliário para campanha do governador Agnelo Queiroz.

Para você que ainda não se inteirou desta luta, ajude como puder, fisicamente ou através de sua rede de contatos. Santuário não se move! Demarcação Já!“ Se você apóia os índios e/ou o meio ambiente, abrace a causa!

youtube

Castrando renos a mordiscos.

Se trata de una técnica ancestral que consiste en machacar con los dientes los testículos del animal para impedir que tenga descendencia.

Solo viendo su forma de correr tras ser castrado, me duelen hasta las pestañas. Y con esto, al sobre.

Enviado por Noroeste.