Eu sinto falta até do modo como ela sorria com os olhos. Sinto falta de ver ela abaixar a cabeça timidamente e depois sorrir nervosa. Sinto falta de vê-la dormir e observar como ela parecia um anjo, frágil, pequeno. Eu sinto falta de me sentir seu porto seguro, das ligações de madrugada, do modo de como conversávamos com o olhar. Está sendo cada dia mais difícil lidar com a falta e com a saudade. Eu me sinto melhor quando estou ao seu lado. Ela me fazia ser melhor e mais maduro. Sinto falta disso também.
—  Desabafos de Oliver Griffin.
Não queria mais sofrer pela tua ausência, muito menos me sentir à mercê desse sentimento que me prendia a ti. O fato é que sofri tentando me enganar, tentando provar pra mim mesmo que tu não me afetava mais. Quis acreditar que estava te esquecendo. E quer saber? Se eu continuasse com essa ideia, talvez eu realmente conseguisse te esquecer. Mas eu só ia me enganar mais, e de sofrimento eu já estava cheio. Foram noites de insônia e angústias. Doía sentir tudo aquilo e saber que não podia fazer nada para mudar, apenas aceitar e tentar seguir em frente. E eu tentei seguir, de verdade, eu tentei. Tô tentando, aliás. E entendi que devo deixar o tempo fazer efeito, deixar que esse sentimento se vá como uma brisa. Porque eu entendi que tentando te esquecer, só estava me lembrando mais.
—  Desabafos de Oliver Griffin.
Eu não consigo mais sair com os amigos, beber e não acabar lembrando de ti. Não consigo mais ler o meu livro favorito sem perceber que aquela personagem lembra tanto você. Olha, sinceramente, dessa vez, o amor que sinto aumentou drasticamente, como se agora ele estivesse mais aceso e radiante. Não costumo dizer essas palavras por aí, mas há momentos que guardar tantas coisas nos afoga e nos mata por dentro. Estou cansado de morrer todos os dias com tantas coisas guardadas e não ditas. Você consegue me entender? Eu espero um dia que você volte, que você perceba que todo amor que guardei para alguém, na verdade, foi e é pra você.
—  Desabafos de Oliver Griffin.
flickr

I’m fine…? by Carlos Arriero
Via Flickr:
Así estoy bien? Ni te muevas!!! Colibrí en Selvatura (Monteverde Costa Rica)

flickr

Untitled by Gabriella Totyik
Via Flickr:

flickr

Comme un bijou by Donlope villalobos
Via Flickr: