CEF

TOEFL & CEF: qual é o meu nível de inglês?

“Avançado” é algo relativo. O avançado utilizado em muitos dos cursos de inglês famosos no Brasil não é, de fato, o mesmo avançado utilizado internacionalmente pelo CEF (Common European Framework), da Universidade de Cambridge. Isso significa que se você está no avançado no Brasil, provavelmente você é intermediário no ranking padrão/internacional. E é esse ranking que importa.

A nomenclatura de níveis no Brasil tem mudado—e muito. Hoje, muitas escolas já trazem no material didático o nivelamento CEF (A,B,C), por exemplo. Além disso, não é mais tão comum ver escolas utilizarem o termo “avançado” para os últimos níveis. Existem várias explicações para isso. Uma delas é que o termo “avançado” gera muita expectativa nos alunos desse nível—algo que quase nunca é sanado, porque estar no avançado demanda um tipo de dedicação que poucos alunos estão dispostos a ter.

Escolas como o Cultura Inglesa têm uma estratégia diferente. A partir do intermediário, o nome do livro está relacionado com o exame de proficiência daquele nível. Acho interessante esse tipo de nomenclatura: é clara, consciente, e transparente. 

Outro ponto importante: o certificado que você ganha em sua escola de inglês não tem validade oficial (ou internacional). Se tivesse, você não precisaria de exames de proficiência. Tente usar o seu certificado de avançado para entrar em uma universidade no exterior (ou até mesmo no Brasil), e você perceberá que ele tem um valor simbólico (embora seja, em muitos casos, reconhecido pelo MEC).

Keep reading