22 meu

Eu não vou desistir, nem quero. Mas eu estou cansada. Tô cansada de tentar sozinha. De querer que dê certo, mas parecer que só eu quero. Tô cansada de meter a mão na ponta da faca, cansada de quebrar minha cara todos os dias e, ainda assim, não aprender. Eu tô cansada de tentar, de insistir em um “nada”. Só eu sei o quanto eu queria que desse certo.
—  About you. 22-06-2015
Eu comecei a te amar quando tinha 12. Aos 15 você partiu meu coração. Aos 16 eu já não lembrava seu nome. Quando fiz 17 você apareceu na minha casa com um presente. Aos 18 eu já não conseguia mais citar seu nome sem soltar aquele sorriso. Com 19 você foi morar em outra cidade. Quando fiz 20 você me ligou e disse que estava com saudades. Aos 21 eu entrei pra universidade. Com 22 eu tomei o meu primeiro porre. Aos 25 eu estava namorando. Quando fiz 27 você apareceu na minha formatura.  Com 28 eu traí minha noiva e fui ficar com você. Aos 30 eu te pedi em casamento. Com 31 tivemos o nosso filho. A primeira palavra que ele disse foi bolacha e a partir desse momento eu percebi que durante a minha vida inteira eu pertenci a você e de alguma forma você sempre soube disso. Por isso voltava sempre, pois tinha a certeza que eu nunca seria de outra pessoa a não ser teu.
—  Manassés Pereira.
Portanto, grandíssimo és, ó Senhor Deus, porque não há semelhante a ti, e não há outro Deus além de ti, segundo tudo o que nós mesmos temos ouvido.
—  2 Samuel 7:22

MEU Monday

U.S. Marines with the Force Reconnaissance Detachment, 15th Marine Expeditionary Unit, conduct a static-line jump from an MV-22B Osprey during Realistic Urban Training aboard Fort Hunter Liggett, Calif., Dec. 4, 2014. These Marines make up the 15th MEUâs Maritime Raid Force. The purpose of RUT is to provide the MEU the opportunity to conduct training in unfamiliar environments in preparation for their upcoming deployment.

(U.S. Marine Corps photo by Cpl. Anna Albrecht/Released)