1diasemele

Doía tudo, a cabeça, o estômago, o corpo, o coração, a alma. Sinceramente, eu não sabia que eu iria sentir tanto assim. É possível alguém morrer de saudade, não no sentido figurado e sim no sentido mais claro que existe. Porque se sim, eu estou prestes a partir. Se você soubesse o quanto essa sua decisão me machucou acho que você teria pensado duas vezes antes de me deixar. Você diz pra que eu respeite o seu tempo, mas e o meu tempo ?! Quem é que vai respeitar ? E a minha saudade, quem é que vai respeitar ? Me lembro que você prometeu estar comigo pra sempre e no que eu precisasse, estou aqui sozinha no quarto, você não está. Essa insegurança, esse medo de que você nunca mais volte está acabando comigo. Eu, que tanto me humilhei pra que você voltasse, estou aqui escrevendo o que é a dor da saudade, essa que eu não faço ideia de como descrever, já o que eu tento dizer não condiz com 1/3 do que eu realmente estou sentindo. Talvez eu esteja errada em querer ficar vivendo esse luto, e esperar por você. Que seja, minha decisão está tomada, estou aqui esperando por você.
—  Primeiro dia sem ele.