16 dezembro

Ela com 17 anos e ele com 16. Ela de Dezembro e ele de Janeiro. Ela de sagitário e ele de aquário, sabemos que os dois juntos não são flor que se cheire. Ela nasceu no final da primavera e ele no verão, mas o amor dos dois ao inverno era o mesmo. Não havia muita concordância com as atitudes que o outro tomava, mas sempre estavam se apoiando em tudo. Ele gostava de indie e ela de rock, mas as preferidas dela era aquelas que a consolava quando estava em seus dias ruins. Ela toda enrolada e ele todo certinho. Ela só vivia o presente e ele tinha planos para o futuro. Ela tinha medo de arriscar e ele já não tinha medo do que vinha pela frente. Ele gostava de ficar o dia inteiro na frente de vídeo-games e ela gastava o tempo lendo seus livros enquanto esperava terminar de jogar os joguinhos dele. Ela de São Paulo e ele de Santa Catarina, mas a distância não separou o que ambos os corações sentiam pelo outro. Ela gostava de fanta uva e ele gostava de coca. Ele era teimoso e ela sempre tentava colocar a cabeça daquele menino no lugar. As vezes ela queria ficar um pouco sozinha e ele nunca entendia o porque disso. Quando ela se afastava, ele achava que sua namorada não te amava, mas mal sabia que ela só estava assistindo Grey’s Anatomy e chorando com as mortes. A serie preferida dela era Grey’s Anatomy e já a dele era Teen Wolf. Ele ligava pra ela de madrugada dizendo que sentia falta de ouvir a voz dela, mas mal sabia ele que ela amava quando ficavam horas conversando. Ele era um livro aberto e já ela odiava se abrir. Tinham tantas diferenças, mas também tinham muitas coisas em comum que se fossem citadas passariam uma vida contando. Eles poderiam ter até dado certo, se ela não ficasse se afastando muito e dando a entender de que não o amava.
—  Say “Baby, I love u”

É um sentimento que nunca vai acabar. Na vitória traz o êxtase e na derrota só faz aumentar.

‎#MARBRANCO #SPFC76anos #16dez

[…] Que é insuperável, aquele que é incontestavelmente o Melhor da Pátria. Dizem que eu vivo de Título , não. Eu não vivo de Titulo. Pois o meu maior alicerce é o amor de uma Nação ; Não preciso comprar juizes para vencer jogos. Minha raça dentro de campo, basta. Não fui convidado para ganhar mundias. Conquistei a 3 vezes a América primeiro. Não me doaram um Titulo Brasileiro. Tenho 6 por mérito. Não existem argumentos para algo que é simplesmente.. Soberano! […]

“Se for insanidade te amar tanto e não conseguir amar igualmente outra coisa, sou então um louco sentimentalista que vive de ti”
Em 76 anos de história, ninguém supera a sua glória!