03.02.14

O seu maior erro são suas atitudes, o problema é que as minhas certezas sobre você, sempre foram incertas. Você é meu ponto final, mas eu sempre consigo um jeito de te transformar em uma vírgula ou um ponto sem final. O seu maior erro é acreditar nas minhas provocações, quando afinal tu sabe que tudo aquilo que eu faço não passa apenas de um teatro para chamar tua atenção. Me surpreende, sabe? É, pois eu sempre consigo de alguma forma te irritar em questão de segundos. Já parou para pensar nas possibilidades do destino? Tu acredita em destino ou coincidência? Ou os dois tem o mesmo significado para você? E se eu, algum dia, eu sair por ai e esbarrar com algum cara? Que seja totalmente o oposto de ti e igual a mim, que goste das mesmas coisas que eu, que compartilhe o dia dele comigo, que me faça elogios e quase nunca me critique. Que diga que o perfume que eu estou usando é ótimo. Um cara que me entenda, que seja brincalhão comigo e que dê risadas das minhas piadas. Ou até melhor, um cara que conte piadas. Mas o pior disso tudo é que ele irá fazer de mim um alguém diferente, me sentir mais “pé no chão”, e ele não vai ser como você e isso deveria ser uma qualidade na minha vida, mas eu prefiro viver minha adrenalina contigo. Brigas, hora se amando, se querendo e ao mesmo tempo mais brigas. Eu juro que até tento entender você, mesmo que eu tivesse o poder de entrar na sua mente, eu não conseguiria. Eu deixo de lado esse outro cara, esse outro cheiro de perfume que eu poderia sentir, deixo de lado essa minha vida tão comum que eu poderia ter com ele. Só para viver essa loucura, essa adrenalina que vivemos todos os dias. Eu não quero que tu saiba Charlie, mas seus erros são completamente perfeitos para mim, e a sensação de viver com você é tão boa, nem sempre, mas é. Agora você acredita em destino ou acaso? Não dá pra negar que a gente continua complexo, tu é pedra e eu muralha. Porque a gente não tem coragem de dar certo. Não temos coragem de ser iguais. Nem de assumir esse sentimento. Quando tu vai embora, eu finjo não ligar e sigo meu rumo também. Querendo ou não. A gente volta. Porque somos dois retardados. Mas é claro que você é mais e sempre quer mais de mim.
—  Ele é totalmente o Oposto de mim.

today was really good,the weather was nice and there was a lovely breeze as I walked to the bus stop,we did watercolour painting which is my favourite method aswell and I was so happy because we also looked at abstract paintings which meant we got to look at Picasso and Gaugin (I found a really good book on Picasso afterwards that I’m pining after-it may become my ‘break time book’) and then after lunch we had an hour and then me and my friend went to McDonalds and I hadn’t had a Mcdonalds since November!!!!! And then I went home at 4 and the sky was a wonderful color and I listened to Deerhunter.