É fácil amar o outro na mesa de bar, quando o papo é leve, o riso é farto e o chopp gelado. É fácil amar o outro nas férias, no churrasco, nas festas ou quando se vê de vez em quando. Difícil é amar quando o outro desaba, quando não acredita em mais nada e entende tudo errado. Quando paralisa, perde o charme, o prazo, a identidade e a coerência. Nessas horas que se vê o verdadeiro amor, aquele que quer o bem acima de tudo. É esse o amor que dura para sempre, na verdade, esse é o único tipo que pode ser chamado de amor.
—  Pedro Bial.

Por mais que eu tente esquecer, por mais que eu fale a mim mesma que ele não me merece, que vai me fazer sofrer, continuo me importando. Não fico um dia sem pensar nele.. Durmo pra tentar esquece-lo, e acaba sonhando com ele. Penso no teu sorriso, e me imagino fazendo-o sorrir.. Lembro dele, e sorrio do nada, como se fosse algo automático, dentro de mim. Amar, dói. E não é pouco. Ou melhor, dói quando o amor não é correspondido, ou é um amor a distancia. Nada pior do que amar alguém e saber que não é correspondido, ou que a pessoa também te ama, mais mora longe. Mas Deus não é injusto. Então, obviamente, ele não colocaria uma barreira no teu caminho, que fosse impossível de ser atravessada. Ele nunca disse que a caminhada seria fácil, mais sim, que o final valeria a pena… Então, eu devo lutar. Tenho que lutar pra conseguir o que eu quero, quem sabe depois dessa tal barreira, não tem você, me esperando?

Text
Photo
Quote
Link
Chat
Audio
Video