#TB to the the iconic portrait @olikearon snapped of me this April on a gloomy day in London-town ❤️

talikodgenic

nag tititingin kasi ako ng pictures tapos namimiss ko ng mag beach, kahit mas gusto ko pang magpicture or tumambay sa mababaw kaysa pumunta sa malalim kasi hindi naman ako marunong lumangoy and kung pupunta man ako dun gusto ko nakapiggyback lang ako sa iba. namimiss ko na din magpahenna. nine down and more to go, sabi ko nga gusto ko ng tatts pero kasi hindi pa pwede. hindi din pala pantay kulay ko diyan, ang tamad kasi magsunblock eh :))

Dr. Jane Orient, Executive Director of the Association of American Physicians and Surgeons, reported that the government has been “real tight-lipped” about the mysterious respiratory illness that has struck children in the United States, expressed concern that the illegal immigrant minors from Central America could be the source, and argued that the government should devote more resources to border security to combat the spread of disease on Wednesday’s “Laura Ingraham Show.” 

When asked whether illegal immigrant children who have been sent to various locations around the country could be the cause of the virus, she responded “Yes, they could be. We don’t know for sure the government is being real tight-lipped about this, and it only takes one infected child to infect the whole classroom.

Orient added “we don’t know where it’s coming from…are there immigrants from Central America, where this disease has allegedly been prevalent before? Should we be [looking at] the virus to see whether it’s like what’s been found in some of these countries that are just sending waves of children across our border and they haven’t been quarantined long enough to make sure they’re not sick?”

She also spoke about the risks posed by drug resistant tuberculosis, saying “virtually all of the cases of drug resistant TB that have been discovered in the United States are in foreign born individuals, and the vast majority of any type of TB is in a person who was born in a foreign country. It is a public health nightmare to just have one of these cases in your community because the person needs to be quarantined…and you could catch TB on a bus, there is no question about that.”

Vou logo deixando claro, eu gosto mesmo é quando você me chama por um apelido carinhoso. Vou logo deixando claro, eu gosto é quando você me abraça por trás e prendendo meus braços, retruca: vai amor, tenta se soltar. Vou logo deixando claro, eu gosto é quando você me senta em seu colo, dá um beijo em meu pescoço, faz aquele carinho gostoso - que deixarei bem claro- só você sabe fazer. Vou logo deixando claro, eu gosto é quando nossos lábios se encontram, e se beijam deliciosamente como no nosso primeiro encontro. Vou logo deixando claro, sou uma louca e eterna apaixonada por você.
—  Tati Bernardi
Quero acordar do seu lado num domingo de manhã e saber que não temos hora para sair da cama. E, depois, ir tomar café na padaria e ler o jornal com você. Quero ouvir você me contar sobre o trabalho e falar detalhadamente de pessoas que eu não conheço, e nem vou conhecer, como se fossem meus velhos amigos. Quero ver você me olhar entre um gole de café e outro, sem nada para dizer, e apenas sorrir antes de voltar a folhar o caderno de cultura. Quero a sua mão no meu cabelo, dentro do carro, no caminho do seu apartamento. Quero deitar no sofá e ver você cuidar das plantas, escolher a playlist no ipod e dobrar, daquele seu jeito metódico e perfeccionista, as roupas esquecidas em cima da cama. E que, sem mais nem menos, você desista da arrumação, me jogue sobre a bagunça, me beije e me abrace como nunca fez antes com outra pessoa. E que pergunte se eu quero ver um DVD mais tarde. Quero tomar uma taça de vinho no fim do dia e deitar do seu lado na rede, olhando a lua e ouvindo você me contar histórias do passado. Quero escutar você falar do futuro e sonhar com minha imagem nele, mesmo sabendo que eu provavelmente não estarei lá. Quero que você ignore a improbabilidade da nossa jornada e fale da casa que teremos no campo. Quero que você a descreva em detalhes, que fale do jardim que construiremos, e dos cachorros que compraremos. E que faça tudo isso enquanto passa a mão nas minhas costas e me beija o rosto. Quero que você nunca perca de vista a música da sua existência, e que me prometa ter entendido que a felicidade não é um destino, mas a viagem. E que, por isso, teremos sido felizes pelos vários domingos na cama e pelos sonhos que compartilhamos enquanto olhávamos a lua. Que você acredite que não me deve nada simplesmente porque os amores mais puros não entendem dívida, nem mágoa, nem arrependimento.
—  Tati Bernardi
Text
Photo
Quote
Link
Chat
Audio
Video