presença

anonymous asked:

E quando você quer recomeçar e já fez tanta coisa errada na presença de Deus e não sente mais a presença e nem vontade, nem de se arrepender...

Complicado, né?! Mas ó, a gente nem sempre sente a presença de Deus, mas isso não significa que Ele nos deixou para escanteio. E quando não o sentirmos, será que temos a coragem de buscá-Lo ainda que pareça distante? Porque o difícil é isso, é continuar louvando e firme quando não o sentimos. A gente tá acostumado a querer buscar e sempre “sentir”. Aquela sensação de que Deus está do lado é maravilhosa, mas e quando não a sentimos? Será que ainda assim o buscamos? Nossa busca por Deus não pode se basear em “sensações”. A gente tem que buscar mesmo quando não vê milagre ou não o sentimos. Aprendi que amizades têm um certo tempo de silêncio, e é assim com Deus. Temos uma amizade com Ele, e às vezes, Ele se mantém em silêncio.

psycrazyme asked:

O que você faria se você gostasse de uma pessoa, e ele não mostrasse nenhum envolvimento a não ser amizade?

eu não tenho interesse em basicamente nada, então simplesmente não falaria, não procuraria, não buscaria, não mencionaria nome, ou veria fotos, numeros, etc, essas coisas a gente guarda pra si, ninguem precisa saber, e demonstrar que gosta é incrivelmente pior, o olhar muda, a presença também, é como se não tivesse ali sabe, enfim não estou sendo rude em evitar, mas as vezes é melhor manter a distancia até pra não atrapalhar a outra pessoa, pq lembra? se vc gosta de alguem vc não iria querer o mal dela nunca correto, e sim o bem ^^, mesmo que não seja com você.

IMAGINE COM HARRY STYLES  (continuação)

  • Primeira parte: xx

Entrei naquela sala observando com cutela todo o espaço. Eu nunca tinha entrado ali dessa forma, eu era sempre a pessoa com o terno feminino e o cabelo engomado, com uma pastinha na mão, pronta pra vencer a causa, mas agora, a minha entrada; Hoje, a minha presença era o ponto principal daquele lugar.

Sentei na cadeira de madeira ao lado de Samantha, ela era uma ótima advogada, diria até que estamos no mesmo nível, e ter conhecido ela em seu trote, quando éramos apenas veterana e caluora, é uma das coisas boas que o direito me proporcionou. Por outro lado, estou aqui agora, precisando dela, de um jeito que melhores amigas não costumam precisar.

O juiz entrou e ao me levantar, percebi a presença do namorado, ou seja lá o que ele seja de Daphne, o que eu sabia que era bom sinal, ele não saberia, muito menos Daphne, mas eu confio o suficiente em Samantha pra saber que sua presença era importante, com certeza foi por isso que ela tornou a audição aberta

Em pé tive que fazer aquele mesmo discurso que eu já conhecia, com a mão direita sobre a bíblia, como se com aquele ato todas as mentiras fossem retiradas do meu corpo, de qualquer forma, se fossem, não haveria problema.

Confesso que fiquei nervosa do inicio ao fim, mas como eu já sabia, Samantha era boa nisso, ela conseguiu fazer o Juiz enxergar que eu não era  cúmplice daquilo tudo. Eu não sabia que Daphne tinha um plano estúpido com Ricardo, seu amante que eu nem sabia da existência. Não sabia que ela realmente tinha matado seu marido por dinheiro, pela herança, eu não esperava isso dela. Afinal de contas, ela era a sobrinha de Harry. Esse era o pior ponto.

****

Com as mãos de Harry enlaçadas a minha, eu não conseguia olhar pra Daphne com outro olhar que disfarçasse o meu ódio por ela, que deslaçasse o meu nojo dela. Mas Harry estava nervoso. Não que ele não soubesse o que aconteceria com ela, mas ele estava com medo. Medo de ver a sobrinha ser condenada à isso,  por que a condenação, seria a confirmação de que era real.

Ela levou a mão até a bíblia marrom. Daphne tremia. Ela enxugava as mãos no tecido da calça a cada palavra que saia de sua boca. Gemma estava estática, ela não chorava, ela não expressava tristesa. Na verdade, desde que tudo foi descoberto, nenhuma reação era tirada de sua face, ela era outra, e eu tenho certeza que Daphne sabia disso, porque ao se sentar, ela olhou pra mãe, e sorriu de uma forma tão fraca, e tão sincera, que mesmo apesar de tudo, um pingo de compaixão invadiu meu corpo, me fazendo respirar fundo pra não continuar com isso.

Foi tudo muito calmo, acho que de alguma forma, Daphne ouviu meus pensamentos, e  assumiu tudo o que tinha feito, o que foi levado em conta. Mas seriam difíceis 17 anos pra ela.

****

Encarando a chuva, e o tempo nublado pela pequena janela de nosso quarto, eu pensava o quanto eu não queria ter me envolvido nisso, eu não deveria ter feito isso. Porque enquanto toda a família do Harry está aqui, no nosso apartamento, lamentando-se pela menina, eu gostaria ter o poder de aumentar sua pena, acrescentando calunia, e talvez outras coisas mais.

-S/n? -ouvi meu nome ser dito de maneira calma, seguido por duas batidinhas na porta.

-Harry eu…

-Não s/n. -seu tom ainda era o mesmo- Vem cá -ele se sentou na cama batendo de leve no lençol branco da mesma.

Sentei no local, mas ele passou as mãos por meus ombros fazendo-me deitar sobre seu colo. Aceitei seu cafuné enquanto um silencio se instalava no quarto.

-Olha.. -comecei a falar

-S/n, o que eu te disse naquele dia? No dia em que você estava lá..

-Harry.. -fiquei de bruços o olhando

-O que eu te disse?- ele me olhava fixamente, esperando a resposta

-Que acreditava em mim..

-Eu continuo acreditando, e sim, eu estou mal por isso, mas eu sei que ela fez coisas com você também, sei que o que ela fez vai muito além de falta de ética. E eu não quero que pense que eu de alguma forma, a defendo. Na verdade, essa não é só a minha conclusão, essa conclusão é de minha família, então não pense que você deveria ficar aqui..

-E Gemma?

-Ela vai aguentar.

-E Gemma? -refiz a pergunta sentando-me, sabendo que ele sabia a minha intenção inicial

-Eu acho que vocês ainda vão ter que conversar.

-Tudo bem. -disse voltando a posição inicial, deitada de lado com a cabeça sobre a coxa dele, e ele voltou a fazer o cafuné em minha cabeça.

Meu filho…
Quando tempo faz que não te vejo amigo..
Há quanto tempo não ouço sua voz, não enxugo suas lágrimas derramadas em minha presença, lágrimas essas que expressam seu amor por mim. Muito tempo já passou ..mas ainda hoje sinto saudades de você …
Sabe filho, a vida realmente é muito difícil, eu já estive aqui e sei quanto dói a solidão das perseguições e das lutas , mas apesar de tudo isso passei pensando em você …e foram essas mesma lutas que fizeram você se afastar de mim, você não suportou e foi embora… E hoje olho para o banco da igreja onde você sentava , ele está vazio, começo a lembrar do seu rosto, do seu sorriso de alegria ao receber aquelas benção tão desejadas, enfim da sua doce presença .. Lembra filho quanto já não havia mais solução para sua vida, todas as portas estavam fechadas, e você estava cansado de tanto sofrer, e você entrou chorando por aquela porta, ao estar em minha presença de eu te abracei, eu te curei e libertei, eu te fiz ser um vencedor …sabe são tantas coisas que aconteceram entre você e eu, palavras não expresso como e grande meu amor por ti ….e mesmo distante de mim, ainda te amo, pois meu amor por ti filho não tem limites . Hoje a tristeza volto aos teus olhos, e se sentes um estranho no mundo, pois as lembranças que há em seu coração de mim, estão seladas, a vontade de correr para meus braços e grande, mais logo vem o medo e a vergonha de ser desprezado …mas filhos dos teus pecados não me lembrarei , mais quero você assim como estás, esqueça o passado se estas fraco, cansado, e cheio de problemas, venha para mim que eu te farei forte, e de maneira alguma de lançarei fora . Não temas eu te escolhi e sou contigo.
—  Deus

me perco como palavras que se dissolvem no tempo, em pensamentos quiméricos: você e eu flutuando em vênus, bailando em marte, escorregando nos anéis de saturno. eu sinto um sorriso se esboçar na minha face: você me compõe os mais bonitos: suaviza as dolências de uma vida pré-você, quando eu tentava me preencher com diafaneidades, como se eu não soubesse que o que me faltava era a constelação dos seus olhos. é claro que ainda tenho dias que me ardem: a sua presença não é inteira (ainda, ainda…), e você tem lá suas duvidas quanto ao meu amor por você. não te julgo, meu bem, também sofro com essa sensação de insuficiência, ninguém nunca ficou antes: como estrelas cadentes, que passam e nos deixam pasmadas com seu brilho, mas que não foram feitas pra ficar, aliás, agora eu entendo o porquê: no céu que sou só há espaço para uma estrela. a gente acha atroz a vida, até que ela manda o que só chegará e a gente entende o porquê de tantos acasos: já havia algo predestinado.

Passe amanhã.
  • - Toc toc.
  • - Quem é?
  • - O amor. Posso entrar?
  • - Na verdade, não. Lembra daqueles meses de aluguel atrasados? Pois é, eu sim. Já me dei muito mal com sua presença aqui. Não dá mais. Não tem mais ninguém em casa. Passe amanhã.
  • Desiludiste.

anonymous asked:

Bom dia, tudo bem ? Meu nome é milena, estava namorando a um certo tempo e, resolvemos casar para fazer o certo, mas agora brigamos quase o tempo todo, e por bobagens sabe Queria algum conselho

Boa tarde Milena, a convivência a dois, algumas vezes, não é fácil, muitas vezes ouvimos coisas que nos machucam, nos magoam e a todo momento vem a nossa mente essas palavras ditas que nos machucaram, por isso não fale nada no calor no momento, um relacionamento a dois tem que ter mútuo diálogo, respeito e principalmente a presença de Deus. Tenham uma conversa franca, busquem a Deus, isso é primordial, não deêm espaço ao inimigo, ele quer destruir esse lindo projeto de Deus chamado família. Saiba pedir desculpas, perdão, reconhecer seus erros, conversem abertamente e principalmente, orem a Deus para que ele lhes dêem sabedoria, principalmente a você enquanto mulher, pois em Provébios 14:1 cita que “A mulher sábia edifica a sua casa, mas com as próprias mãos a insensata destrói o seu lar.” Então peça sabedoria a Deus para cuidar do seu lar. Não dê a alegria ao inimigo de nossas almas de ver sua família destruida, pois é isso que ele quer. Busque a sabedoria de Deus!


Cada coisa que você já enfrentou te fortaleceu, fez o que você é hoje. As crises servem para fortalecer-nos; as tempestades, para nos regar. Existem estações e precisamos viver cada uma delas intensamente, sejam elas de bonança ou não.
Lembro-me quando eu era criança, as coisas que eu gostava de fazer e o quanto eu ficava feliz com coisas pequenas. Com poucos recursos, eu fazia uma festa em cada coisinha que me acontecia de bom. Mas a gente cresce, e a tendencia é ficarmos frios e mais secos para essas coisas. Mas precisamos manter esse coração, e isso é um grande desafio!
Por mais que passemos por momentos difíceis, precisamos reconhecer que Ele nunca nos deixa sozinhos. Ainda que tudo acabe, sempre teremos a sua presença em nossas vidas, isso é mais que suficiente!
E querido, Deus é por você. Sim! Ele é! O amor Dele nunca vai mudar, permanece o mesmo, se Ele disse, vai acontecer! Confie, a crise passa, a tempestade também. Ele está ao seu lado, você pode contar com a sua ajuda!

Ele te deixou? Deixe… Deixe um sorriso como lembrança, uma flor como símbolo da paz empenhada e um silêncio desesperador, sem pressa e sem arma, que grite com ecos na casa vazia o quanto você faz falta. Deixe que a vida te ofereça, sem pressa e sem arma, uma nova chance de conviver com alguém que realmente valoriza sua presença nessa estrada, sua voz iluminada, sua flor encarnada.
—  Personalidarte