prepotentes

La punteggiatura è molto strana, per come la vedo io.
I puntini di sospensione mi mettono ansia, eppure li uso molto, mi danno quella sensazione di indefinito, di qualcosa da lasciare in sospeso.
I due punti servono a definire a spiegare con precisione, ma io rimango dell’idea che non si può spiegare sempre tutto e, si sa, definire è limitare.
I punti esclamativi sono prepotenti, come un grido, un fuoco d’artificio, quando esplodono fanno un sacco di casino.
I punti interrogativi? Nota dolente, sono pericolossissimi. Ti lasciano solo dubbi e incertezze.
C’è il punto. Decisamente troppo definitivo, è sempre difficile mettere un punto, senza contare che a volte bisogna andare a capo o addirittura voltare pagina.
E poi ci sono le virgole, amo le virgole.
Dopo una virgola può cambiare tutto, o non cambiare nulla.
Ogni virgola è un respiro, un silenzio breve tra una parola e l’altra, una piccola pausa.
Scandiscono le sfumature, e dove c’è una virgola non c’è fine, non c’è dubbio, solo la voglia di continuare.
—  gin
Você afirmava todo prepotente, eu não vou embora. Batia no peito que não era do tipo de cara que se ausentava, que jamais me deixaria sozinha. Você me abraçava forte e dizia “eu não sou igual os outros, estamos juntos nesse barco, e se ele afundar, morro contigo”. E eu te achava incrível por isso, por não querer desistir, mesmo sabendo que eu era toda errada, toda estranha, toda destruída, cheia de caquinhos pra juntar. Então você sentava do meu lado e nós dois ficávamos horas e horas catando aquelas infinidades de caquinhos, e reconstruindo meu coração. Quando ele estava quase pronto, em uma noite chuvosa, você me deixou, entrou na minha vida de mansinho, e saiu como o furacão.
—  Pugnas.

"Ela é meu eterno suicídio."
Conclusão que parece um pouco prepotente, mas que se analisada conforme as vertentes que à conduziram, torna-se a mais bela poesia já dita com a sinceridade de uma pessoa que encontra o amor e nele descobre seu verdadeiro sentido. 

Éf.

Son lividi
amore
quelli che m’hai lasciato sulla pelle
son colori pastello: sembra un disegno
io cancello
tu colori
io cancello
le tue mani pennarelli
prepotente mi colori il corpo
Io ti osservo, così bello che ti lascio fare
Le carezze esistono
dicon sì, da qualche parte
Prendo quello che mi merito
se son pugni che ben vengano
me li merito
me li merito
Sbaglio? sbagli
io ti amo
tu m’ammazzi

Una forza inarrestabile mi pervade
la mia pelle trema,
Incapace di sostenerla.
La forza mi travolge,
in maniera prepotente.

S.B.

milu-f.tumblr

Voglio le mattine
splendere dei tuoi saluti,
tra caffè e carezze amiche

Voglio il giorno
nella notte e voglio la notte
nel giorno tra i tuoi seni

Voglio saperti,
assaggiare i tuoi umori
densi ed assolati

Le solitudini immense
di spazi sconfinati
dove volare allegri

Voglio amarti senza aggrapparmi a te
tralcio che si avvinghia
prepotente nella morsa

Voglio mostrarti
le genziane rosse
delle Ande rocciose

Essere compagno, amico, amante
in quel tocco che desideri
e non hai

Voglio che mi insegni
a fissare i serpenti
e ad amarli senza veleno

Voglio il tuo giudizio sereno,
il tuo sguardo nel deserto assetato
arso per troppo calore dato

Essere con te senza invaderti,
invitarti in sentieri sicuri
lungo valli ancora vergini

Averti mia sapendo
che mia non sei
e mai sarai

Vagliare tutto il bene
e chiederne il volo
ai gabbiani e agli aquiloni

Voglio il tuo odore
che mi entra come
aria da respirare

E salire quelle scale
dalla forma elicoidale
verso il cuore, il suo calore

Voglio morire del tuo nome
e la paura che diventa
felice compagna nel dolore

Cap 8. Dia 1

POV VANESSA

A Clara é uma idiota, arrogante, prepotente, metida, arrogante.. Vou precisar de muita paciência com esse ser… Ah! Esqueci que eu não sou muito paciente.. Depois das patadas que tomei resolvi deixar as coisas rolarem, ela sempre foi assim dava coice e depois vinha pedir desculpas, é tipo como empurrar uma criança de uma altura considerável e depois resgata - lá para mostrar o seu feito heróico. Subi para o segundo andar e fui abrindo as portas para ver o que eram os cômodos.. Dei de cara com um quarto com paredes numa cor meio areia, e lençóis vermelhos.. Gostei desse quarto entrei e tranquei a porta, vou ficar com ele, entrei e vi que tinha um closet com roupas mais ou menos no meu estilo, biquínis, saídas de praia, óculos, bonés, cremes e perfumes.. e o mais incrível é que eram os produtos que eu gostava, o perfume que tinha ali era o que eu usava.. Como eles sabiam meu gosto se nunca mencionei nada? Nem na época em que trabalhei com eles disse algo desse tipo, isso ta estranho.. olhei ao redor e vi uma porta encostada, era um banheiro wow, meu quarto tinha suíte! Será que todos os quartos tinham? Pera será que tem mais quartos? Não vou dividir meu quarto com a Aguilar.. nem pensar, nossaaaaaaaaaaaa uma banheira hehe… velas aromáticas, perfumes, opções para modificar a intensidade das lâmpadas.. Nossa essa é nova!

Fiquei longos minutos admirando aquele mini paraíso também conhecido como quarto de hospedes, sai e segui pelo corredor, estava com fome e iria comer algo quando uma sala toda de vidro me chamou atenção, haviam instrumentos ali.. Nossa deixa eu ver. Entrei e resolvi ver se o piano estava afinado, comecei a dedilhar e ele estava perfeito, era um piano branco maravilhoso, me empolguei e comecei a cantar, ou melhor só a cantarolar mesmo.. pelo reflexo do espelho que havia na parede, na verdade a parede atrás do piano era toda de um vidro espelhado. Vi a Clara me olhando com uma cara surpresa, provavelmente ela não sabe que eu tenho alguns talentos.. decidi não fazer gracinha e continuei o que estava fazendo, eu me sentia livre, outra pessoa quando me envolvia na musica… assim que terminei notei que Clara não estava mais lá. Perdi a fome, OI? NOSSAAA SENHORAS E SENHORAS VANESSA MESQUITA PERDEU A FOME! Isso mesmo, perdi a fome e fui deitar… Simplesmente cai no sono! Meu sono tava tão gostoso, acho que era o colchão, preciso de um desses!! Senti alguém me cutucando, e cutucando e depois sacudindo.. EPA que bagunça é essa, escutei uma voz me chamando e diz ai produção o que AGUILAR estava fazendo no meu quarto.

- O que faz aqui tão cedo Clara Jonas?

- Jonas é a mais e você sabe Mesquita

-Hmm o que é isso que você tem nas mãos?

- Ér uma bandeja – AVA serio?

- Que é uma bandeja eu to vendo, o que tem dentro da bandeja?

- Comida!

- Comida? – devo dizer que meu estomago se pronunciou fazendo a Clara sorrir, senhor que sorriso é esse.. ma o que?

- Hmmm vejo que alguém esta com fome, preparei café para nós duas, eu fui meio rude ontem então esse é meu jeito de pedir desculpas. E também ótimo pretexto para iniciarmos uma conversa amigável e nos conhecer, o que você acha?

- Posso escovar os dentes?

- KKKKKKKKKKKKKK claro que sim, por favor!

Levantei da cama e fui em direção ao banheiro, escovei os dentes e joguei água no rosto, fiz um coque frouxo e fui.. Ai caramba estou semi nua.. puta que pariu, não acredito que dormi de lingerie e levantei na frente da Aguilar assim, olhei ao redor e achei um blusão no cabide do banheiro e vesti, abri a porta e ela estava estática como se tivesse visto um fantasma sabe?

- Hey Clara

- Ah, oi.. achei que fosse ficar desfilando de lingerie..

- Há Há nem me conhece e já quer que eu fique semi nua pra você – gente ela corou kkkkkk BINGO Vanzinha..

- Não idiota.. eu.. aff senta logo e vamos começar com isso.

- Ok, o que quer saber?

- Humm bom, data de aniversario, signo, cor preferida, musico preferido, filmes, atores, sonhos para daqui pra frente… Comece André.

- Certo, não ouse me chamar de Andre. Bem, nasci dia 01 abril, meu signo é Áries, gosto de vermelho e preto, gosto de Demi lovatto, e Rock clássico, eu amo filmes estão e difícil escolher um só, mais o meu preferido tipo que eu amo O diabo veste prada, curto a saga jogos vorazes, já acabou mais eu ainda amo rs, terror.. eu estou montando uma clinica com algumas amigas.. creio que ficara pronta em um mês porque vamos usar as paredes da cada como estrutura e refazê-la quero um filho também e sou apaixonada por animais, quero muitas cachorrinhos.

- Nossa.. Clinica, você é medica? Um filho? Cachorros?

- Sim sou terapeuta ocupacional e sim quero um filho, pensei em adoção.. e para cachorros também, sua vez, responda as mesmas perguntas que fez!

- Ah! Nasci em 13 de Março, signo de peixes e gosto de lilás e azul, Demi lovato, Rock tipo Guns, Metálica, gosto de filmes de terror, algumas comedias românticas e drama, estou pensando em comprar a farmácia de manipulação do meu patrão, ele quer vende-la.. quero encontrar o amor da minha vida afinal já tenho 28 anos, minha mãe ta me enchendo o saco querendo saber quando darei netos a ela… nós duas sorrimos, e eu amo gatos!

- Legal…

- Sim aaaaah! – Ficamos nesse jogo de perguntas e respostas ate a tarde e eu já estava cansada, queria ir para piscina.

- Vamos para piscina Aguilar?

- Clara, Vanessa meu nome é Clara.

- Ok, C L A R A.. vamos dar um mergulho?

- Sim vamos! Te encontro lá em baixo Van,.. – Van? Já estamos intimas? Não lembro disso.

Me troquei e desci, tinha um almoço nos esperando a beira da piscina e nos sentamos para comer, estava tudo maravilhoso e mais uma vez Clara interrompe o silencio, menina curiosa.

- Mas Van, você é Latina?

- Sim, nasci em cuba, mas aos 5 anos me mudei para o Brasil e vim morar em São Paulo.. Porque?

- Tem a pele bonita e os traços fortes, suspeitei que fosse mesmo.

- Hummm

- Teve quantos namorados? Oi? Que isso te importa intrometida?

- Bem tive três.. o Renam, Rodrigo e Junior.. e você?

- E manem contato com algum deles? – é impressão minha ou ela fugiu da minha pergunta?

- Sim, o Ju é meu melhor amigo, alias nos moramos juntos em Curitiba, fizemos faculdade na Federal de lá.. Mais e você teve quantos namorados? - vamos tentar de novo!

- Ex, amigo? Isso não existe. Aposto que ele ainda é afim de você! Já ficou com uma mulher?

- Clara qual o problema em responder a minha pergunta? – Porra quanto mistério pra uma pergunta simples…

- Tive 5 Vanessa, mas não tenho contato com mais nenhum, estou sozinha a um ano, bem sozinha não.. tenho meus casinhos por ai, mais nada serio! Responda minha pergunta agora!

- Sim já fiquei..

- Eitaaa, e você gostou? Ate onde foi? Qual o nome e idade?

- Nossa muitas perguntas.. Fomos ate os finalmente e foi maravilhoso, agora vamos nadar?

Ficamos na piscina ate começar a mudar o clima, entramos e fomos nos trocar, estava morta na roupa e me joguei na cama, ai mina porta se abre revelando uma Clara confusa…

- Van, eu não sei como fazer!! – Fazer O QUE?

- Fazer o que Clara?

- Isso, eu nunca fiquei com uma mulher. .. não sei como funciona! – Aaaaaaaaaaaaah.

- Ah é normal ue.. já sentiu atração por outra mulher? Não vale mentir!!

- Sim.. mas eeee?

- Hmm eee, que você talvez possa ter um pezinho no arco-íris?

- VAI A MERDA VANESSA! Só preciso que me ajude.. eu não quero perder e nem você, vamos precisar uma da outra e alem de tudo de confiança.

- Hey confiança tem que ser merecida, mas vamos nos ajudando, só que você tem que ser menos irritante e colaborar! Eu não vou te agarrar.. você nem faz meu tipo…

- NÃO FAÇO SEU TIPO? EU FAÇO TIPO DE TODO MUNDO.

- É MAIS COMO DIZIA MINHA AMADA MAMA, EU NÃO SOU TODO MUNDO.

- O que? Como assim não me acha bonita?

- Não muito! Conheço mais bonitas na verdade!!

- Você.. você ta me zuando só pode..

- Não ow senhora me acho a Megan Fox, não estou.. bem estou cansada vamos dormir ok?

- Ah.. éer.. vai se fuder Mesquita!

E eis que ela sai batendo o pé igual uma criança de seis anos de idade quando sua mãe diz que não pode comer bolachas antes do almoço hahahaa.. Sim ela é linda, mas o Cris me disse que se uma pessoa na qual ela tenha algum sentimento dizer isso ela fica transtornada, na verdade eu joguei verde, azul e amarelo pra ver no que estava me metendo, mas a reação dela foi demais, to rindo ate agora… É Aguilar parece que temos alguém que não gosta de ser contrariada.. EU AMO JOGAR, FAÇAM SUAS APOSTAS KKKK

Diga não pra qualquer controle
Diga não pra qualquer descaso
Diga não pra quem não te ouve
Diga não!

Diga não pra quem destrói o mundo
Diga não pra quem constrói demais
Diga não pra falta de visão
Diga não!

Diga não pro prepotente
Diga não pro submisso
Diga não pra tudo isso
Diga não!

Diga não pra quem faz a guerra
Diga não pra quem foge à luta
Diga não pra ter paz na terra
Diga não!

Diga não pra quem engole tudo
Diga não pra falta de apetite
Diga não pra quem não tem limites
Diga não!

Diga não pra tantas leis
Diga não pra tantos crimes
Diga não pra ficar livre
Diga não!

Diga não pra quem tem demais
Diga não pra quem se deixa usar
Diga não pra desabafar
Diga não!

Diga não pra ser ouvido, seja positivo
Diga não pra ser ouvido, seja positivo
Diga não!

—  Leoni
¿Y el miedo? El miedo perdura, está encima de mí, enorme y prepotente como un globo aerostático. Pero los miedos existen precisamente para esto, para ser derrotados.
—  Querida Mathilda - Susanna Tamaro
Inglês

Não era de costume atrasar a entrega de seus trabalhos. Hinata sempre foi uma aluna pontual - até demais - e comprometida com os prazos, mas algo estava errado em sua rotina e a mesma não sabia explicar: andou acordando fora do horário, se aborrecendo com coisad fúteis e esquecendo de almoçar.

- Deve ser o Conselho Estudantil.

Balbuciou. Talvez tivesse razão… Desde que conseguiu uma vaga entre alunos tão prepotentes, a jovem perdeu parte de sua estabilidade emocional… De qualquer forma, saberia lidar com a situação e contornaria como fizera todas as outras vezes.

Agora, o que a importava era entregar uma redação de inglês que era para ter sido entregue há dois dias. Ela temia pelo erros grotescos, já que não pode revisar e, ao escrever rapidamente, sempre cometia falhas bem perceptíveis. Que se dane, já estava na porta e já avistava a professora pela janelinha quase opaca. Entretanto, ao tomar a maçaneta em mãos e abrir, alguém havia feito segundos antes.

- U-ugh.

Seu tombo foi inevitável. Hyuuga caiu para frente mas, por sorte, conseguiu jogar seu trabalho ~rasante~ para frente, evitando que amassasse ou rasgasse. Claro que o chão não era dos mais limpos, mas algumas batidinhas resolveria… Mas que foi o metecapto que abriu a porta sem avisar?

Niente più regole,
Niente più ostacoli.
Solo io e te, distesi sulla spiaggia a guardare le stelle e ad immaginarci il nostro futuro.
Niente più problemi e seccature,
Solo tanto amore con poche congetture.
Niente superbia e orgoglio,
Solo litigate che finiscono col farci amare di più.
Niente pensieri e nessuna preoccupazione,
L’unico chiodo fisso sarà a come stringerci più forte durante la notte.
Tu e io, io e te.
Due vite diverse e due caratteri opposti, uniti dall’unica strana e prepotente alchimia esistente sulla terra….
—  let-me-kiss-u-hard-before-u-go
Nessun Uomo mi ha mai fatto l’effetto di Christian Grey ,
e non riesco a comprenderne il motivo .
Certo , Grey è un Uomo molto attraente , sicuro di se , autorevole ,
a suo agio con se stesso ,
ma l’altra faccia della medaglia
è che è arrogante
e nonostante le maniere impeccabili , prepotente e freddo .
Almeno in superficie .
Un brivido involontario
mi percorre la schiena .
—  50 sfumature di grigio

Quei due erano complicità, ferite ancora aperte, segreti da condividere, un dolce sfiorarsi, un prepotente sentirsiììììììììììììììììììììììììììììììììììììììì

Allora il dolore che le pesava sul petto si fece ancora più prepotente, quasi la volesse afferrare dietro al collo e obbligarla a guardare da vicino quelle ferite, e spiegarle quanto l’amore le avesse fatto male […].
—  L’amore graffia il mondo, Ugo Riccarelli